25 de maio de 2017

FALTA O CADÁVER

TA APENAS FALTANDO UM CADÁVER...

e os cachimbos

tou aguardando ALGUMA MIDIA FAZER MAT SOBRE QUTO GANHAM OS ADVOGADOS COM ESTA LAVA JATO. PAUTA MADURA, CAINDO DEMADURA. MAS ACHO QUE NÃO TEM AQUILO ROXO PRA ISTO. TODOS TEM RABO PRESO.

 

Ronda da citi

na mesa do café. a pança meio indecorosa de um coleguinha e os alunos do col militar ' marchando'....cenas de uma tarde de outono kkkk

no t9 a cobradora arriada com as pernas encima da catraca. fazem muito isto. é pra descansar um pouco, né....

tarde na maomé....

concertos no bom conselho e na pastor doms....

chapéu é um charme, né....

lembrou a cruzada de pernas da sharon stone, ou não????

 

NAO PERCAM

VAI SO ATÉ DOM A EXPOSIÇÃO DO PRGASPAROTTO NO SANTANDER. DE PRIMEIRO MUNDO. UMA AULA DE JORNALISMO. SE FOSSE PROFI LEVAVA MEUS ALUNOS PRA LÁ.

AUTOGRAFO SÓ DE CUECAS..

ESTA ME CONTOU A COLEGA VALDIR DOS SANTOS. SAB ULTIMO ELA FOI NO LANÇAMENTO DE UM LIVRO DO TOM CARDOSO - JÁ FEZ DE TARSO DE CASTRO, DO JOGADOR SOCRATES - DE CRONICAS E O GAJO TÁVA SO DE CUECAS. A MULHER DELE NEM AI.....

 

FLAVIO

SEVIVO ESTIVESSE O MAIOR REPORTER DO SUL NO SECULO PASSADO, FAGOMES ESTARIA COMPLETAMENTO HJ 90 ANOS.
URGE UM LIVRO SOBRE ELE.

 

coleguinhas

galvani

no bukinist aki perto de casa, hj encontrei um OLHA A FOLHA POR 7 PILAS. MAS FAÇO ELE BAIXAR PRA 5.

ESTES DIAS COMPREI UM BRIZOLA QUE VALE 100 POR 10. VIREI AGIOTA DE LIVRO.

DENISE TRISTE

1.

DENISE NUNES CACHOREIRA PERDEU O CÃO MAIS VELHO. TENHA 12 ANOS.

2.

SIM, A EMabelmonte se aposentou deo correinho.

CACO BARCELLOS

O APRESENTADOR DO PROFISSÃO REPORTER TEM 3 FILHOS DE DOIS CASAMENTOS. O PRIMEIRO COM AVANI STEIN, O IAN. E DOIS COM A COLEGA BEATRIZ FREGALLI, O IURI E A ALICE.
NO MOMENTO, AO QUE SEI, ESTÁ SOLTEIRO. caco tem 67 anos. nasceu em 5.3. 1950.

A MÃE DO CACO BARCELLOS, APRESENTADOR DO PROFISSÃO REPORTER, TEM QUASE 90 ANOS. A ANTONINHA VIVE NO MESMO PRÉDIO DA IRMA, NEUSA. IRMÃ DO CACO, NO CASO.

ELE SEMPRE VEM EM 3 OCASIÕES. NIVER DELA, NIVER DELE E DIA DAS MÃES.

FOI A ANTONINHA QUE TORNOU POSSÍVEL O LIVRO DA PROFESSORA SANDRA MOURA SOBRE O REPÓRTER PORQUE ELA TEM TUDO GUARDADO DO FILHO, DESDE A INFANCIA E ABRIU OS ARQUIVOS PRA PESQUISADORA. ESTE LIVRO SÓ EXISTE POR CAUSA DA DONA ANTONINHA.

NÃO DEI DEPOIMENTOS SOBRE O TEMPO QUE VIVEMOS JUNTO NUM APE, CHAMADO DE BAIÃO, JUSTAMENTE POR MEDO DE QUE ALGO FOSSE DETURPADO. NÃO GOSTARIA.COMO DIZIA ROBERTO MARINHO, MINHAS MEMÓRIAS ME PERTENCEM. E AS DOU A QUEM QUERO.(OLIDES)

OS AMIGOS DO PEITO E NADA MAIS...

FORAM AO COPA NESTA NOITE INVERNOSA DE TERÇA, ROSINHA FISCHER, BICUDO,VIEIRINHA,MATICO. DOS TEMPOS DA FOLHINHA. AMIGOS DO TADEU MONTEIRO, VULGO ' TADEU PICINHA'.

UMA X FUI A BLUMENAU PRUM CAD DE TURISMOD A ZH. TADEU ERA ASSESSOR DO RENATO VIANA....

QUE DEPOIS VIROU DEP FEDERAL.

AMANHECEMOS LITERALMENTE NOS BOTECOS E CABARÉS DA CITI.

QDO AMANHECIA O COLEGA DISSE:

- O QUE VOU DIZER PRA ALEMOA AGORA EM CASA????

DE UMA FEITA TADEU,Q UE É GENTE SÉRIA, HOSPEDOU LCARLOS PRESTES EM BLUMENAU.

COMO DISSE AO MATICO. A FESTA É ELE....

TADEU

UMA DAS TANTAS QUE SEI DO TADEU, PRESENCIE EM GRAMADO. ELE VEIO PRUM FESTIVAL DE PROPAGANDA NO COMEÇO DOS ANOS 80....

ME PEDIU PRA DAR UMA NOTINHA NA ZH DA PRESENÇA DELE. DEI. NO DIA SEGUINTE, ELE ME DISSE. VOU SUMIR.

VEIO PRA PORTO.

VOLTOU NA 6 PRA GRAMADO PRO ENCERRAMENTO. NA HORA DO FINAL, FIZERAM UM PEQUENO BUFFET. TINHA UM CONJUNTO GAUDERIO TOCANDO.
TADEU DE GOZAÇÃO COLOCOU PEQUENOS PEDAÇOS DE SABONETE NAS PONTAS DA MESA.

NO FIM DO SHOW, OS MUSICOS SE ATIRARAM NAQUILO. SAIRAM CUSPINDO SABONETE.

ELE DE TANTO RIR SE JOGOU PELA JANELA E SUMIU NA NOITE DE GRAMADO. GRANDE TADEU. MAIS 70 ANOS DE VIDA PRA ELE. ELE É UMA FESTA AQUI NA TERRA.(OLIDES)

GRANDE REPÓRTER DE ECONOMIA, E MUITO COMPETENTE, NA FOLHINHA, ELE IA NUM ORGÃO DESTES QUE CONTROLAM

PRODUÇÃO DE CARNE E LÁ TINHA UM GAL. POSTO PELOS MILICOS. TADEU COM AQUELA LÁBIA,DIZEM, PASSAVA A MÃO NO DERRIERE DELE, SÓ PRA SACANEAR...DEPOIS DE GABAVA RINDO....

 

MEMORIAS

O CORDÃO DOS PUXA-SACO CADA X AUMENTA MAIS....

ERA PRESIDENTE DO SETCERGS O GASTÃO PRUDENTE, COMO JÁ DISSE AQUI....ELE ERA MUITO VAIDOSO, POR SUPUESTO,

DIZEM QUE UM ATLETA SEXUAL..JOVEM, BARBUDO, CHEIO DE PODER, COMIA QUEM QUERIA, PELO MENOS ERA O TITITI

- ELE NÃO PODIA PASSAR UM DIA SEM SEXO, ME DISSE TEMPOS ATRÁS O HERMES FRAÇÃO, MUITO AMIGO DELE.

MAS AI ENTÃO DEPOIS QUE GANHOU AQUELA ELEIÇÃO RENHIDA DO ADIR FRAÇÃO - SOBRINHO DO HERMES - GASTÃO PRUDENTE SE ENCHEU DE BRIOS....

A TURMA DOS PUXA SACO AUMENTAVA....E ELE GOSTAVA....

ATÉ QUE UM TEVE A IDEIA SUPREMA.
- VAMOS DAR AO PRESIDENTE PRA BOTAR NO GALAXIE DELE A PLACA 001 DE PRESIDENTE PRUDENTE, DISSE UM CARA.

O OUTRO LASCOU:

- TU TÁ LOUCO, QUEM VAI A PRESIDENTE PRUDENTE EMPLACAR O GALAXIE DO PRESIDENTE?

- DEIXA COMIGO, DISSE O OUTRO.

COMO ALTERIO PANDOLFO DA TRANSP.ROLANTENSE FAZIA O TRANSPORTE DA JOHNSON E JOHONSON, PRODUTOS DE HOSPITAIS, E VIAJAVA SMEPRE PRA PRESIDENTE PRUDENTE. FEZ O SERVIÇO. EMPLACOU LÁ O GALAXIE DO GASTÃO PRUDENTE COM A PLACA 001 .ASSIM QUE DEPOIS O PRESIDENTE DO SETCERGS CIRCULAVA PELA CAPITAL E INTERIOR COM PLACA NO SEU GALAXIE DE PRESIDENTE PRUDENTE. ERA UMA PUXA-SAQUISMO DOS DIABOS.

ISTO TUDO FOI ENCHENDO O EGO DELE ATÉ QUE SE METEU NUMA BRIGA MUITO FEIA COM OUTRO CARA QUE NÃO ERA DE LEVAR DESAFORO PRA CASA, O DONO E FUNDADOR DA OURO E PRATA, WILLY EUGENIO FLECK, ISTO CONTOU OUTRO DIA PORQUE TEVE COISA MUITA FEIA NA PARADA.

 

de sto angelo

XINAREDO FELIZ.

O RABUDO DO CAPINCHO GANHOU DE NOVO NA JOGATINA. O XINAREDO DE STO ANGELO, CAPITAL DAS MISSÕES ESTÁ UMA ALGARRAVIA...OU SEJA TAVA TUDO EM FESTA, OBA VAMOS VER A COR DO PILA....

CAPINCHO E A JOGATINA

1.

ELE JOGA PELA MAQUINA. QUANDO ESCOLHIA NUNCA GANHAVA.

2.

LEVOU AGORA 724

3.

SONHO É GANHAR UMA BOLADA E IR PASSEAR A CUBA, CANCUN.

 

MÍDIA GOLPISTA RACHOU

senta ferro reker(OC)

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/24 11:42:00

Por essa ninguém esperava, depois de séculos Globo, Veja e Folha e Estadão rompem o seu concluio contra o povo brasileiro. Legítimos representantes da elite brasileira, que tinham como maior vítima o povo brasileiro. Antipetistas desde criancinhas, agora temos a Globo e a Veja de um lado e os dois diários paulistas do outro, mas nenhum a favor do Brasil. A Veja chega a detonar um funcionário, seu pego nos grampos da irmã de Aécio Neves, para marcar posição. O funcionário Reinaldo Azevedo, chora e esperneia, mas foi obrigado a se despedir da mentirosa. Enquanto Folha e Estadão defendem com unhas e dentes o quase ex-presidente Michel Temer. Globo e Veja embarcam na tentativa de fazer os próximos donos do poder. Pode ser esta a última briga dos grandes jornais, suas tiragens e publicidade minguam, e tentam ainda, cada um a seu modo, manter suas espúrias ligações com Brasília.

 

Mania

vcs quem ...dá nome aos bois(OC)

Enviada: 2017/05/24 11:04:34

Vcs têm mania de reescrever a história. Só falta dizerem agora que Papai Noel EXISTE!

 

Uai!?

rekern olha o pau que tulevou....(OLIDES)

Enviada: 2017/05/24 09:21:37

O Brizola sempre que podia acusava a Globo de que o Projac fora financiado aos Marinho pelo Banerj (Banco do Estado do Rio de Janeiro, agora extinto) a juros subsidiados. Agora tu vem com essa de que o dinheiro veio do Collor! Durma-se! O acordo Time-Life está contado em detalhes nos livros do Boni e do Daniel Hertz. Resumindo, o velho Roberto ñ entendia nada de TV e fez um acordo com os americanos. Que montaram a emissora e mandaram para cá um cara para cuidar do dinheiro, outro para cuidar da audiência, mais a Glória Magadan para as novelas. Mesmo asim, ñ dava audiência. Quem, em três anos, transformou a TV Globo em líder de audiência foi o Boni, que deu um jeito de despachar a Glória Magadan e montou uma bela equipe de autores (todos de esquerda) e intérpretes (maior parte deles de esquerda) para tocar as novelas. O projeto original dos gringos era fazer uma TV como a deles: produç&atild e;o própria só no jornalismo, o resto tudo comprado de terceiros. Por isso o prédio original da Globo, no Jardim Botânico, é minúsculo. Só que no Brasil ñ havia estes terceiros. Então o Boni e o Walther Clark tiveram de montar a produção própria de shows, humorísticos e novelas. O castelhano que os americanos mandaram para controlar a audiência era um sujeito intelectualmente refinado, sabia exatamente os hábitos dos telespectadores a cada momento do dia e montava a grade de programação em cima disso. O americano que cuidava do caixa, enrolava os chefes nos EUA e a Globo atrasava os pagamentos (o acordo foi extinto, mas continuou por outros meios).
Em tempo: o R.M. se dava muito bem com os comunistas, que "controlavam" a redação do jornal (que era muito ruim) e tinham força na TV. A onda do acordo foi marola do João Calmon, que era cavaleiro da távola redonda do Chateaubriand e senador da República, a quem o Marinho resolveu fazer concorrência com a TV (os Diários Associados é que dominavam o setor). Ao fim e ao cabo, a Ditadura estabeleceu que o controle da mídia tinha de ser só de brasileiros natos, com uma exceção única para os Civita. Por isso, a Vision Inc. teve de vender a Visão para o Said Faraht e para o Jorge Leão Teixeira (este era o cara que escrevia q coluna que o Matico mencionou no café, mas ñ recordava o nome), que a venderam depois para o Maksoud, qdo começou a decadência. E o Acordo Time-Life foi para as cucuias.

 

SERGS DEBATE REVISÃO DO PLANO DIRETOR DE PORTO ALEGRE

A Sociedade de Engenharia do Rio Grande do Sul (SERGS) realizará nesta quinta-feira (25) o café da manhã Bom Dia Engenharia quando será debatido o tema A Revisão do Plano Diretor e o Futuro da Cidade de Porto Alegre. O evento terá início às 9h30min, na sede da entidade – Travessa Eng. Acylino de Carvalho, nº 33 – 8º andar – Centro Histórico de Porto Alegre.
A abertura do debate será feita pelo presidente da SERGS, Nelson Kalil Moussalle, seguindo-se palestra de Patricia da Silva Tschoepke – supervisora de Desenvolvimento Urbano da Secretaria Municipal de Urbanismo (SMURB).
Na sequência, haverá exposição do assessor técnico do Sinduscon-RS e membro do Conselho do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano e Ambiental (PDDUA), Antonio Carlos Zago. No encerramento, falará o conselheiro do CAU – Conselho de Arquitetura e Urbanismo do RS, Alberto Fedosow Cabral.
ATENÇÃO IMPRENSA: FAVOR CONFIRMAR PRESENÇA NO DEBATE COM A TODT COMUNICAÇÃO – FONES (51) 3228.7270/3228.7261 OU E-MAIL.

 

Crianças trabalham obra da escritora porto-alegrense Christina Dias em Projeto de Literatura

Turmas com estudantes de 2 a 6 anos irão desenvolver diversas atividades com as histórias da autora na Escola Cristã Reverendo Olavo Nunes

A escritora gaúcha Christina Dias, autora de mais de 15 livros infantis, terá parte de sua obra apreciada por estudantes da Escola Cristã Reverendo Olavo Nunes. As turmas da Educação Infantil do colégio, que envolve crianças de 2 a 6 anos de idade, irão trabalhar com livros de Christina ao longo do Projeto de Literatura 2017.

Além de incentivar a leitura entre os mais novos, o projeto visa trazer lições de vida às crianças a partir dos livros selecionados. Após os estudantes conhecerem as obras, eles serão motivados a se envolver e analisar as histórias através de atividades diversas.

O minimaternal, com crianças de dois anos, lerá "Albertina", a história de uma vaquinha sonhadora. Outra obra selecionada para esses estudantes é "O armário do João-de-barro", que trata de um passarinho que arrumou sua casa com materiais recicláveis.

A turma do maternal desenvolverá atividades a partir da história "O mistério da bola castanho-avermelhada". O livro traz curiosidades sobre animais selvagens.

O Jardim A selecionou a obra "Celina" para auxiliar as crianças a desenvolver questões relacionadas à amizade. Já a turma do Jardim B mergulhou na fantasia e imaginação com o livro "O quadro de Andréa", em que meninas saem de um quadro para conhecer um pouco mais da vida a cada noite.

Desenvolvido desde 2014 na Escola Cristã Reverendo Olavo Nunes, o Projeto de Literatura busca aprofundar o conhecimento dos alunos sobre a vida e algumas obras de um determinado escritor ou ilustrador. Apesar de ter um livro de referência por turma, ao longo do semestre as crianças também conhecem as demais obras, trabalhadas pelos colegas.

 

Situação financeira da prefeitura é apresentada ao Simers

A situação financeira da prefeitura e as estratégias adotadas para reverter a crise nas finanças foram pauta de reunião com o Sindicato Médico do Rio Grande do Sul (Simers), na manhã desta quarta-feira, 24. O encontro reuniu o prefeito Nelson Marchezan Júnior, o vice Gustavo Paim, o secretário municipal de Saúde, Erno Harzheim, e o presidente do Simers, Paulo de Argollo Mendes, na sede da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Conforme Marchezan, foi uma conversa bastante produtiva, com transparência total dos números da prefeitura. “Apresentamos a situação financeira do município, o fluxo de caixa e as previsões da nossa Capital para este ano e o próximo, além de mostrarmos as estratégias de gestão e recuperação desta situação falimentar”, afirmou o prefeito.

O secretário Erno Harzheim destacou o que a pasta pode fazer para auxiliar neste contexto, no sentido de manter a saúde da população de Porto Alegre sem restrições. “Algumas decisões têm um motivo real de existir e vão justamente na direção de manter a qualidade da prestação do serviço médico e do vínculo dos profissionais com a prefeitura”, explicou.

O presidente do Simers considerou importante a disponibilidade do prefeito e do secretário em buscar o diálogo com a categoria médica, demonstrando atitude de boa vontade. “Há muito não víamos uma disposição ao diálogo para procurar soluções em conjunto”, comentou. Segundo ele, os dados serão levados para análise da categoria.

Também participaram do encontro o diretor do Hospital de Pronto Socorro, Amarílio Vieira de Macedo Neto, a diretora do Hospital Materno Infantil Presidente Vargas, Adriani Galão, e os diretores de Atenção Hospitalar e Regulação, João Marcelo Lopes Fonseca e Jorge Luiz Osório.

 

de Serafina

olhem o que é um relizinho bem feito. atenção pro capricho da adri. tão todos os dados ai.parabéns fiola de la santana(olides)

Serafina Corrêa lança o Festipizza 2017

A ACISCO realizou, na segunda-feira, 22, evento festivo de lançamento do Festival de Pizzas deste ano. Estiverampresentes autoridades locais, diretoria e associados, convidados e a imprensa da região.

A 6ª edição do Festipizza tem como Presidente Renato Sgnaolin que, juntamente aos demais integrantes da Comissão Organizadora, trabalha para que os quatro dias de festa sejam novamente um sucesso. Durante a cerimônia, o Presidente declarou lançado o Festival e convidou a todos para que auxiliem na divulgação e promoção do evento. “É certo que podemos fazer coisas incríveis, mas para isso precisamos estar juntos”, destacou o Presidente.

A Prefeita Municipal, Maria Amélia Arroque Gheller, participou do evento, juntamente com demais autoridades doExecutivo e, em seu pronunciamento, afirmou que o Poder Público está engajado com o Festival que já é um evento consolidado. “Queremos auxiliar não só financeiramente, como também em todas as esferas, inclusive na divulgação”, salientou a Chefe do Executivo.

O Poder Legislativo também se fez presente e a Presidente, Vereadora Olderes Maria Piazza Santin, em seu discurso, desejou sucesso ao Festipizza e afirmou que a Casa não medirá esforços para que isso aconteça.

Na oportunidade, o Presidente da ACISCO, Luciano Iesbik, discorreu sobre o Festival, seus números e a importância do evento para o desenvolvimento dos diversos setores. Para finalizar, o Presidente fez o apelo para que todos, independente da área deatuação, estejam engajados à Associação, promovendo um Festipizza cada ano melhor.

A 6ª edição do Festival de Pizzas acontecerá nos dias 07, 08, 14 e 15 de Julho, no Ginásio Municipal Irceu Antônio Gasparin, em Serafina Corrêa.

Horários: Todos os dias das 19 às 22 horas. No sábado dia 15, também ao meio-dia, das 11h às 14h. Permanência nolocal até 1 hora após o encerramento da bilheteria.

Os ingressos podem ser adquiridos no site: www.festipizza.com.br, diretamente na ACISCO, ou nas Lojas Benoit de Serafina Corrêa. A partir do dia 08 de junho, os ingressos estarão disponíveis também nos pontos de venda da região: Padaria Vovó Chica em Guaporé e nas Lojas Benoit de Nova Bassano, Casca, Marau, Nova Prata, Passo Fundo e Veranópolis.

O ingresso dá direito a cinquenta sabores de pizzas doces e salgadas, refrigerante, água, uma taça de vinho, espumante ou cerveja. As bebidas alcoólicas serão comercializadas separadamente no local pelo valor de R$ 5,00 a taça ou o copo.

Ingresso Adulto Antecipado: R$ 55,00 e na hora: R$ 60,00.

Crianças de 7 a 12 anos: R$ 32,00 antecipado e R$ 38,00 na bilheteria.

Crianças com menos de 7 anos não pagam.

Música ambiente anima os visitantes. As atrações já estão confirmadas:

Sexta-feira, dia 07: A Constante;

Sábado, dia 08: Máquina do Tempo;

Sexta, dia 14: Douglas Carraro;

Sábado, dia 15 ao meio-dia: Banda Eclipse da Lua;

Sábado, dia 15 à noite: Aero Willys.

Os visitantes que possuem intolerância também poderão participar do evento, porém para consumir pizzas sem glúten e sem lactose, precisam fazer um cadastro no site: www.festipizza.com.br.
Pizzarias e padarias participantes: Paladar Doces e Salgados; Padaria e Confeitaria Della Nonna; Padaria e Confeitaria Nostro Pane; e Pizzaria Grão de Bico.

O Festipizza tem a parceria da Prefeitura Municipal e Câmara de Vereadores e conta com os patrocinadores já confirmados: BRF, Postos Buffon, Sicredi e Lojas Benoit. E os apoiadores: Grano Alimentos, Nordeste Alimentos, Planeta Reciclagem e Aterro Sanitário, Supermercados Vitória e Zafa Perfilação e Montagem.


24 de maio de 2017

Friboi

ESSE FRIBOI TINHA MUITO PAPEL NO MEIO. NÃO ERA SÓ CARNE....

E NO TEMPO DO PREFEITO MARIOWANE WEIS, EM SÃO BORJA, LUTARAM TANTO PRA LEVAR ELE PRA LÁ...ACABOU NÃO INDO.

AS BOCAS MALDITAS DA CITI DIZIAM QUE MARIOWANE TINHA COMPRADO ATÉ O TERRENO, FOI UM TITITI DANADO.

 

BOA MATERIA NO METRO

PEGUEI CAIDO HJ NA ENCOL. BOA MATERIA DO METRO SOBRE O SOFRIMENTO DOS POBRES. MAS BOA MATERIA MESMO.NUM JORNALISMO SEM SAL COMO O DA ZH, ME CHAMOU MESMO A ATENÇÃO ESTA MATERIA DO METRO DE HJ. TITULO ASESPERAS. GRANDE MATERIA.

 

COLEGUINHAS

1.

CACO BARCELLOS, DO PROFISSÃO REPORTER, DA TV GLOBO, DEPOIS DE SE SEPARAR COMPROU UM APE NA REGIÃO DE PACAEMBU,SP. VALOR MAIS DE UM MILHÃO.

2.

AO QUE ESTE REPÓRTER, QUE NÃO É NENHUM EXPERT EM TV APUROU, CACO VAI DIVIDIR O TETO COM OS DOIS FILHOS DO SEGUNDO CASAMENTO:ALICE E IURI.

3.

HOJE, DIA 23/5 NO REST COPACABANA, ARTHUR TADEU DUTRA MONTEIRO, CONHECIDO ENTRE SEUS COLEGAS DE FOLHINHA DA MANHÃ POR ' TADEU PICINHA', COMEMOROU SEUS 70 ANOS A SEREM COMPLETADOS, DIA 27,SABADO QUE VEM.

' TADEU MORA EM BRASÍLIA.

NA TURMA DA PRAÇA DA FLORIDA, EM PORTO ALEGRE, ONDE SE CRIOU, E ONDE TEVE ENTRE PARCEIRO O GARÇÃO DO ODEON, ' BETO CANARINHO - ADALBERTO CASTILHO -ERA CONHECIDO POR ' POSTE'. ERA ALTO E MAGRO.

TADEU PASSOU POR VÁRIAS PUBLICAÇÕES. jc, fOLHINHA, OU FOLHA DA MANHA, CORREIO DA MANHÃ,FOI ASSESSOR DE IMPRENSA DA PREFEITURA DE BLUMENAU(sc) E FINALMENTE MUDOU-SE PRA BSB. ONDE TEM UM BLOG.

GRANDE PARCERIA DE ROGÉRIO MENDELKY PUBLICAREI PROXIMAMENTE SEU DEPOIMENTO DADO A MIM SOBRE O ' FAMOSO EPISÓDIO DO ROUBO DE NOTICIAS DA FOLHINHA QUE ERAM LEVADAS OU TRANSPORTADAS POR PROPRIOS COLEGUINHAS DA FOLHINHA PRA RADIO CONTINENTAL, A RADIO DOS MAGRINHOS.

ARTHUR CHAMOU O QUE ACONTECIA ALI DE ' PIRATARIA DE MATÉRIAS'. ISTO OCASIONOU O ACONTECIMENTO EM QUE ESTEVE ENVOLVIDO O COLEGA MATICO- OMAR BARROS FILHO - DA ' MORTE' DE JORGE MAUTNER NOTICIADA PELA CONTINENTAL.O FATO ESTÁ CONTADO NUM LIVRO. MAS MENDELSKY E TADEU CONTESTAM MUITAS DAS VERSÕES QUE SAÍRAM SOBRE O EPISÓDIO.

MATICO

OMAR DE BARROS FILHO, O MATICO, ULTIMA SEU MAIS RECENTE FILME, A PALESTINA BRASILEIRA.

ELE É AUTOR DO CULT, ADIOS GENERAL.NOS ANOS 70....

A PRODUÇÃO DO FILME QUE ULTIMA É DE CACO SCHMIDT, UMA GRIFE NA PRODUÇÃO.

pra produzir as filmagens, MATICO E EQUIPE ESTEVE NA CISJORDANIA OCUPADA, INCLUSIVE EM BELÉM, ONDE HOJE ESTAVA DONALD TRUMP.

depois de 20 dias no brasil, LIKA STEIN VOLTOU ONTEM A BERLIM, ONDE VIVE. ELA É FILHA DA FOTOGRAFA AVANI STEIN e de bernardo stein, o MARABÁ.

GANHEI DA LIKA, CUJO PAI É PROCER COLORADO, UM LIVRO DO MIG...MIG É MOVIMENTO INTER GIGANTE. TEM ATÉ DEPOIMENTO DO FELIPE VIEIRA. MUITO BOM. VOU DAR DE PRESENTE PRO LAURINHO QUE ELE NÃO É GROSSEIRO COM O COIRMÃO....

MOTORA DO INTER

O INTER TEM MOTORA, ME PERGUNTOU SEO LUIS, COLORADO FANÁTICO, NO ANTONIO LANCHES???
É QUE LHE CONTEI QUE ESTA MADRUGADA UM MOTORA DO CLUBE AGORA NA SEGUNDONA LEVOU UMA PASSAGEIRA QUE IA VIAJAR DE NOITE PRA EUROPA.

 

NAO GOSTOU....

A RESPONSÁVEL PELO CINEMINHA DA REDENÇÃO DA URGS NÃO GOSTOU VER COMENTÁRIOS DEBOCHADOS SOBRE ELA. HOJE ELE REPREENDEU OS CINEFILOS...MAS QUE PETULANCIA DA MOÇA...ORA DIZ ASNEIRAS, NO MINIMO, EU NÃO TAVA LÁ, NEM QUER OUVIR CRITICAS NO FEICE. TÁ SE ACHANDO A MOCINHA....

 

MEMORIAS

A VITÓRIA POR UM VOTO....

ADIR JÁ COMEMORAVA A VITORIA NO SETCERGS....

nA DECADA DE 70, DO SECULO PASSADO, HOUVE UMA ELEIÇÃO PRO SETCERGS QUE SAIU FOGO PELA BOCA...DISPUTADISSIMA. ALTERIO PANDOLFO UM DOS COORDENADORES DA CAMPANHA DE GASTÃO PRUDENTE, AINDA ESTÁ VIVO E COM 83 ANOS LEMBRA BEM DO QUE FOI AQUILO.

- GANHAMOS POR UM VOTO ME CONTOU ELE, DIA DESTES DEPOIS QUE DEU A CAMINHADA DELE PELA ENCOL.

PANDOLFO MOROU NA PRAÇA, HJ VIVE NA CARAZINHO. CAMINHA SEMPRE ALI E AS X VAI AO CENTRO. PARTICIPOU DURANTE TEMPOS DA FEDERASUL. FOI UM DOS DONOS DA TRANSPORTADORA ROLANTENSE QUE PATROCINAVA UM PROGRAMA NA GUAIBA AOS DOMINGOS DEPOIS DO ALMOÇO APRESENTADO POR J.C. BELMONTE.

MAS A ELEIÇÃO QUE GASTÃO PRUDENTE GANHOU FOI ALI, AOS 47 MINUTOS DO SEGUNDO TEMPO.

ADIR FRAÇÃO, DO EXPRESSO MERCÚRIO, NEM FAZIA MAIS MUITA FORÇA PORQUE ACHAVA QUE TAVA NO PAPO.

GASTÃO E SUA TURMA TRABALHOU MUITO.

- MANDAMOS BUSCAR GENTE NAS TRANSPORTADORAS. TEVE GENTE QUE VEIO DE MACACÃO VOTAR NO SINDICATO RECORDA PANDOLFO.

ABERTAS AS URNAS, GASTÃO PRUDENTE GANHOU SABEM DE QUANTO? DE UM VOTO, NUM COLÉGIO ELEITORAL BEM GRANDE.

AI FICOU UM CLIMA MUITO RUIM DENTRO DO SETCERGS ATÉ QUE SE APAZIGUARAM OS ANIMOS.

E O PUXASAQUISMO CAMPEAVA. MAS ISTO EU CONTO NOUTRO DIA. (OLIDES CANTON, COM SUBSIDIO DE ALTERIO PANDOLFO)

 

"Provei de tudo, mas nunca senti o chamado do vício"

Enviada: 2017/05/23 20:39:06

LI E GOSTEI: "E então adoro.", esta última frase do romance de Clarice Lispector, "A Paixão Segundo GH", está tatuada, em inglês, na coxa esquerda de Stephanie Danler. A escritora californiana de 33 anos vê a tradução para o português de seu romance de estreia, "Tintos e Tantos", como uma grande conquista: "Ver meu livro no mesmo idioma de Lispector, de quem já li absolutamente tudo, me dá uma sensação de que 'consegui', sabe?".
Lançado em 2016 nos EUA, o romance narra as experiências (gastronômicas, enológicas, cocainômanas e sexuais) de Tess, uma jovem recém-formada (22 anos) durante um ano trabalhando como garçonete em um restaurante inspirado no Union Square Cafe, onde Danler, também aos 22, conseguiu seu primeiro emprego na cidade.
Lançado em 2016 nos EUA, o romance narra as experiências (gastronômicas, enológicas, cocainômanas e sexuais) de Tess, uma recém-formada de 22 anos durante um ano trabalhando como garçonete em um restaurante inspirado no Union Square Cafe, onde Danler, também aos 22, conseguiu seu primeiro emprego na cidade.
"Percebi que poderia escrever um romance de formação por meio de comida e vinho", conta a autora, que encontrou o fio condutor de sua narrativa na frase –"Você vai desenvolver o paladar"– que inicia o romance. "O paladar de Tess é para tudo: desejo, amizade, intimidade e para a vida em Nova York. É pelo paladar que ela experiencia o mundo".
O livro se tornou um best-seller e recebeu algumas resenhas positivas, mas a foi história pessoal da autora que mais teve espaço nas publicações americanas, já que, dois anos antes de o título chegar às livrarias, Danler estampou as páginas do jornal 'The New York Times' como a garçonete que faturou um acordo de publicação por um valor de 6 dígitos.
"Antes de o livro sair, jornalistas me perguntavam: 'Consegue acreditar que isso aconteceu com você?'. E eu respondia: 'Sim, eu consigo, porque não simplesmente aconteceu. Eu escrevi um livro, trabalhei por dois anos nele'", relembra.
"Me recuso a ser a garçonete do conto de fadas que foi salva por uma grande editora", frisa ela, que também já foi questionada sobre o quanto sua beleza teria ajudado a fechar negócio.
Se Danler é mesmo essa "Cinderela das letras", teve mais opções de príncipes encantados do que a original: entre dez editoras que se interessaram por "Tintos e Tantos", escolheu a que não queria vendê-lo como um híbrido da série "Girls" com o reality "Masterchef".
"Se você é uma mulher jovem escrevendo sobre jovens mulheres, você tem que ser comparada a Lena Dunham", ironiza. "Diz muito sobre a cultura americana que só exista uma autora à quem ser comparada".
A protagonista do romance pode não ter o mesmo senso de merecimento desmedido de Hannah Horvath (personagem de Dunham em 'Girls'), mas também passa longe do estereótipo da mocinha perfeita.
"Tess é tão ávida por novas experiências que ignora diferenças do que é bom ou ruim para ela", explica ela que, por outro lado, também defende a personagem: "Ela é ingênua e acho que há algo de bonito nisso. Por que só valorizamos os cínicos e sarcásticos? Já há tanto sarcasmo por aí!".
Enquanto ocorrem negociações para uma adaptação de "Tintos e Tantos" para as telas, Danler trabalha em seu segundo livro: uma coletânea de ensaios sobre vício e recuperação, onde pretende escrever sobre seus pais alcoólatras e sua relação com drogas.
"Assim como Tess, provei de tudo, mas nunca senti o chamado do vício –talvez, por conta dos meus pais. Hoje só bebo vinho, que sempre foi minha droga favorita", conclui. (Texto e foto da FSP)
Em tempo: Tintos e tantos, de Stephanie Danler, tradução de Fal Azevedo, é edição da Globo Livro, tem 360 páginas e custa R$ 44,90

 

Valor é só dos Marinho desde serembro do ano passado

O QUE É O ESTUDO(oc)

PUES, COMO DIRIA O OUTRO, NÃO ENTENDI BEM A BRIGA ATUAL FOLHÃO X GLOBO...UM QUER O TEMMER O OUTRO QUER TIRAR.

Enviada: 2017/05/23 09:07:08

Após mais de 15 anos de parceria, a participação do Grupo Folha no jornal foi vendida para o Grupo Globo, que anunciou a aquisição em 13 de setembro de 2016. A mudança societária fez com que o Grupo Globo se torne o único controlador.

 

Queres ir para o céu de qualquer maneira

e no sabado fui no BOM CONSELHO DAS FRERAS FRANCISCANAS. QUERO GARANTIR O MEU , CARA. COM 65 ANOS, A GENTE JÁ COMEÇA A PENSAR SÉRIO NISTO(OLIDES)

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/23 12:21:32

Queres ir para o céu de qualquer maneira, no domingo vais nos evangélicos da Martin Luither e na terça enche a bola da Santa Rita de Cássia do católicos.

 

As tramóias da Globo

ta reker, eu já sei que vcs petistas tem um caso de amor e ódio com a grobo. mas eles tb ganharam dinheiro com vcs no governo, né...o fato é que ng vive sem a groblo(OC)

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/23 11:16:00

As tramóias da Globo

A Globo foi criada na década de 60 com dinheiro do grupo Time Life, americano, no auge da guerra fria. Essa injeção de dinheiro estrangeiro era proibida na época, e uma CPI no Congresso Nacional concluiu que a Globo não poderia ser concessionária de radiodifusão, em razão de fraudes – o dinheiro do grupo estrangeiro seguiu caminho subterrâneo, para disfarçar a sociedade com Roberto Marinho. Na época, desapareceu de um cartório no Rio de Janeiro a página do livro que descrevia um arrendamento de fachada.

Na véspera do AI 5, a Globo ganhou a concessão em caráter definitivo.

A Globo apoiou a eleição de Tancredo Neves pelo Colégio Eleitoral com a condição de nomear o então ministro das Comunicações, que, mais tarde, ajudou a sufocar o dono de uma empresa que a Globo acabou comprando a preço vil.

Recebeu empréstimo a juro subsidiado no governo Collor para construir o Projac. Pressionou o governo para transformar horário eleitoral gratuito em crédito tributário. Pressionou o governo estadual do Rio de Janeiro para alterar legislação de proteção ambiental e permitir a construção de edifícios no Jardim Botânico – especificamente o Parque Lage.

A Globo manteve na Europa a jornalista Miriam Dutra, que dizia ter um filho com o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. Miriam recebeu salário durante muito tempo sem trabalhar e, segundo ela, a Globo foi beneficiada por mantê-la numa espécie de exílio. Entre os favores, segundo ela, estavam financiamentos do BNDES.

A emissora abriu uma empresa de fachada, que, segundo a Receita Federal, serviu de veículo para sonegar impostos no Brasil devidos pela compra dos direitos de transmissão da Copa do Mundo em 2002. A fraude foi comprovada, mas o processo que incrimina os donos da Globo foram furtados do escritório da Receita no Rio de Janeiro na véspera de ser encaminhado para o Ministério Público Federal.

Paula Marinho, neta de Roberto Marinho, filha de João Roberto, um dos três proprietários da Rede Globo, era uma das clientes do escritório da Mossak Fonseca no Brasil. Segundo papelada apreendida pela Polícia Federal – e até agora não investigada –, ela pagava pela manutenção de uma offshore incluída no escândalo internacional de lavagem de dinheiro conhecido como Panamá Papers. A offshore, Vaincre, é a real proprietária da Paraty House.

Esculhambar os governos do país sempre que seus negócios não forem favorecidos. Ou o Brasil acaba com a Globo ou a Globo acaba com o Brasil.

 

SERGS DEBATE REVISÃO DO PLANO DIRETOR DE PORTO ALEGRE

A Sociedade de Engenharia do Rio Grande do Sul (SERGS) realizará nesta quinta-feira (25) o café da manhã Bom Dia Engenharia quando será debatido o tema A Revisão do Plano Diretor e o Futuro da Cidade de Porto Alegre. O evento terá início às 9h30min, na sede da entidade – Travessa Eng. Acylino de Carvalho, nº 33 – 8º andar – Centro Histórico de Porto Alegre.
A abertura do debate será feita pelo presidente da SERGS, Nelson Kalil Moussalle, seguindo-se palestra de Patricia da Silva Tschoepke – supervisora de Desenvolvimento Urbano da Secretaria Municipal de Urbanismo (SMURB).
Na sequência, haverá exposição do assessor técnico do Sinduscon-RS e membro do Conselho do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano e Ambiental (PDDUA), Antonio Carlos Zago. No encerramento, falará o conselheiro do CAU – Conselho de Arquitetura e Urbanismo do RS, Alberto Fedosow Cabral.
ATENÇÃO IMPRENSA: FAVOR CONFIRMAR PRESENÇA NO DEBATE COM A TODT COMUNICAÇÃO – FONES (51) 3228.7270/3228.7261 OU E-MAIL EM: 23.5.17

 

do Comunique-se

Aécio Neves se coloca como vítima de calúnia e deixa time de colunistas da Folha

Aécio Neves (PSDB-MG) não é mais colunista da Folha. Em último texto veiculado nesta segunda-feira, 22, o político afirma que a decisão de deixar o espaço na imprensa tem como objetivo dedicar tempo integral a sua defesa. “Aos leitores da Folha que me acompanham nesta jornada, de alegrias e tristezas, deixo meu sincero agradecimento”, escreveu. Além disso, Aécio se coloca num posto de vítima de calúnia, alegando “inocência” no caso de delação envolvendo os donos da JBS.

Em pouco mais de 20 parágrafos, Aécio Neves afirma que tem sido vítima de um “turbilhão de acusações”, o que teria virado sua vida pelo avesso. O político do PSDB-MG ressalta que tudo isso tem o deixado enormemente triste e que foi vítima dessa situação por “ingenuidade”. “Lamento sinceramente minha ingenuidade – a que ponto chegamos, ter de lamentar a boa-fé! Não sabia que na minha frente estava um criminoso sem escrúpulos, sem interesse na verdade, querendo apenas forjar citações que o ajudassem nos benefícios de sua delação”, comentou no texto.

Ao longo de sua última coluna, o político cita a prisão de sua irmã, o que ele diz que é uma “injustificável violência”, e comenta que o R$ 60 milhões chamados de propina pelo delator na verdade foi uma doação legal feita pela JBS para as campanhas do PSDB em 2014. “A partir de agora, dedicarei cada instante de minha vida a provar minha inocência e a de meus familiares, a mostrar que honrei os mandatos e a confiança que os eleitores de Minas e de todo o país me delegaram em mais de 30 anos de vida pública”, escreve Aécio.

Aécio escreveu semanalmente para a Folha por quase seis anos. Ele afirma que no período procurou contribuir para aprofundar a discussão sobre os problemas do país. A reportagem do Portal Comunique-se observou que o último texto publicado por Aécio na Folha não foi veiculado em seu espaço de coluna, mas sim em ‘Opinião – Tendência e Debates’, aberto a colaboradores.

 

Menos Conteúdo Local, mais desempregos. A China agradece

José Velloso*

As novas regras para a política de Conteúdo Local, anunciadas recentemente pelo governo brasileiro, irão equiparar o Brasil aos países exportadores de petróleo sem uma base industrial, como os membros da OPEP - Organização dos Países Exportadores de Petróleo – entre eles: Venezuela, Angola e Nigéria, que não souberam utilizar os investimentos em petróleo e gás em benefício do desenvolvimento nacional, provando que ter grandes reservas de petróleo não significa por si só ter riquezas.

O exemplo contrário é dado pela Noruega e pelo Reino Unido, que investiram no Conteúdo Local e, hoje, mesmo com a produção de petróleo fortemente decrescente, apresentam PIB crescente. Exportam menos petróleo, mas exportam máquinas e equipamentos gerando riquezas. Optaram por exportar bens de valor agregado.

Para que um país se desenvolva é necessário aproveitar as demandas decorrentes da exploração e produção de petróleo em prol do desenvolvimento nacional, pois, utilizando bens e serviços importados unicamente para exportar o petróleo cru, nada fica no país. Os resultados dessa exploração remuneram a sociedade com simples royalties, que acabarão no dia em que o negócio petróleo perder sua pujança. Perdem a oportunidade de geração de empregos e renda no país. É o exemplo da Venezuela, onde o petróleo chegou a 15% do seu PIB.

Entre 2006 e 2013, o Brasil conviveu com ausência de leilões de blocos exploratórios de petróleo ou com leilões fracassados, graças ao mau uso de um bilhete premiado que a natureza nos concedeu. O mau uso da descoberta do pré-sal, por ideologia xenófoba e/ou pela possibilidade vislumbrada pelas autoridades de então para o seu uso político, resultou na paralisia da exploração e do desenvolvimento de nossas reservas.

Foram, por esse motivo, perdidos mais de oito anos de desenvolvimento nacional, quando o petróleo estava acima de US$ 100.00 o barril e o Brasil era a “bola da vez”, colocando à venda apenas algumas áreas com prospectos de baixa atratividade e guardando a joia da coroa – o pré-sal – para o futuro, sem pensar em uma ponte para alcançá-lo.

Outro fato relevante foi a introdução na legislação da obrigatoriedade de a Petrobras ser a operadora única do pré-sal e, por esse motivo, ser obrigada a investir no mínimo 30% mesmo em blocos fora de seu interesse empresarial. Se os leilões tivessem seguido no mesmo ritmo que vinha ocorrendo até 2007, certamente a situação atual seria bem diferente. Não teríamos perdido tantos empregos.

E, o mais estranho é que, àquela época, pouca reclamação havia sobre as exigências de Conteúdo Local. Havia grande interesse das companhias de petróleo, nacionais e estrangeiras, nos blocos até então ofertados e nem a hoje tão criticada “Cartilha de Conteúdo Local” afastou interessados, haja vista o sucesso da sétima rodada, a primeira a utilizar a cartilha. As empresas de petróleo ofereciam lances com Conteúdo Local acima daquele sugerido pela ANP.

Ao mesmo tempo, a Petrobras começava com um vertiginoso otimismo em seus planos de negócio, anunciando dispêndios cada vez mais ambiciosos e estimulando com veemência a indústria de bens e serviços a investir na mesma proporção para fazer face às suas necessidades. “Agora é assim. Tudo que pode ser feito no Brasil, tem que ser feito no Brasil”, dizia o slogan do governo. Os empresários, brasileiros e estrangeiros, acreditaram. Os estudantes acreditaram. Os trabalhadores acreditaram. Os investidores acreditaram. Mais de US$60 bilhões foram investidos na indústria de máquinas.

Mas, a realidade foi outra bem diferente. Como em um bolo que leva uma dose excessiva de fermento, cresce demais, transborda e murcha, as demandas divulgadas pelo governo não aconteceram e, quem nelas acreditou, hoje, amarga sérios prejuízos.

Oportunidades para realizar bons projetos não faltam com a previsão de novos leilões de áreas de exploração e produção neste ano, e o cenário de paralisia começa a se inverter. Entretanto, nada pode ser pior do que incorrer no mesmo erro do passado e deixar de aproveitar todo o potencial de valiosas reservas de óleo e gás como as do pré-sal. Existe um potencial que, se devidamente explorado, é capaz de dinamizar a economia do país, recolocando-o de novo na rota de crescimento e, o mais importante, criando centenas de milhares de empregos. Jazidas são bens da União e a União pertence aos brasileiros empregados e aos desempregados.

Cabe acrescentar, por exemplo, que cada R$10 bilhões demandados da indústria de máquinas e equipamentos brasileira geram R$ 33,3 bilhões a mais no PIB e 282.000 empregos. Para um investimento de R$ 45 bilhões por ano, somente em máquinas, o potencial chega a mais de um milhão de empregos, que serão gerados de qualquer maneira, aqui ou em outros países.

Contudo, essa lógica perversa não se inverterá enquanto o governo não entender que, sem uma política industrial que viabilize a aquisição local de bens e serviços, que deve ser diferente da que está prestes a ser implantada, que diz apenas que é pautada por três premissas básicas: preço, prazo e qualidade na contratação de bens e serviços. Como vai funcionar, se o Brasil não é competitivo? Como vai funcionar se temos os maiores juros reais do mundo? Como, se nossa carga tributária é desproporcional a de outros países e, ainda, de extrema complexidade em sua aplicação? Como seremos competitivos se os bens nacionais são tributados e os importados beneficiados pelo REPETRO?

São defensores do Conteúdo Local zero. Apesar dos percentuais apresentados é zero, pois é o que vai acontecer na prática com a aplicação das mudanças ora em curso, dado que os percentuais de Conteúdo Local estabelecidos, por não distinguirem bens de serviços, serão alcançados só com serviços de baixo valor agregado ou por aqueles que, devido às suas características, tenham que ser executados localmente. Tal prática irá deixar à margem todo o parque fabril aqui instalado no passado para atender a um chamado do próprio governo. Mais empregos serão destruídos.

As empresas de petróleo pertencem ao setor com o maior subsídio tributário do Brasil. R$10 bilhões por ano de subsídios dados pela sociedade brasileira por meio do Regime Especial denominado REPETRO, que desonera a importação de bens que se destinam às atividades de pesquisa e de lavra das jazidas de petróleo e gás natural. No entanto, este benefício não alcança a produção nacional, ou seja, tributa-se a máquina nacional e desonera-se a máquina importada. As companhias de petróleo também têm juros subsidiados por meio dos recursos do Fundo de Marinha Mercante. Recurso que sai dos empregados e desempregados brasileiros. Outra proteção é a venda por parte da Petrobras de produtos aos brasileiros, seu maior mercado, com lógica de preços bem diferente daquelas praticadas no mercado internacional. Os brasileiros pagam por combustíveis e lubrificantes valores mais elevados que nossos concorrentes estrangeiros.

É hora de o Brasil optar pelas mudanças certas, sob pena de desperdiçar as oportunidades de gerar riquezas para uma geração que irá observar o declínio do petróleo como fonte principal de energia. Devemos transformar as reservas gigantes do pré-sal em riquezas, mas não para meia dúzia de empresas de petróleo e, sim, para toda a sociedade brasileira, a partir do desenvolvimento que o petróleo pode trazer.

Para tanto, urge modificar a visão imediatista do governo, que mais pensa nos valores resultantes dos leilões no curto prazo para cobrir seu déficit e prossegue com uma política de menor Conteúdo Local, que irá gerar mais empregos, só que na China ou em qualquer outro país que entenda que o importante não é extrair petróleo, mas utilizar todo o seu potencial de alavancagem do desenvolvimento para o bem da sociedade.

Cabem ainda as perguntas: queremos ser como Noruega e Reino Unido ou queremos ser como Venezuela, Angola ou Nigéria? Queremos ser exportadores de bens primários do tempo do Brasil colônia ou queremos ser um país desenvolvido?

Produtos primários, graças a Deus, temos até sobrando, enquanto cada emprego exportado é uma família brasileira que paga a conta.

*José Velloso é presidente executivo da ABIMAQ / SINDIMAQ.

 

Livro desmistifica democracia e até a tríplice representação dos poderes políticos formais



Com reflexões acessíveis aos diferentes perfis de leitor, a obra "Democracia, um mito" foge à simples polarização esquerda ou direita e ainda aponta a tirania como par perfeito e viabilizador do sistema democrático...

Uma não vive sem a outra. É o que fica demonstrado sobre a dualidade inerente entre democracia e tirania, em obra póstuma assinada por João Uchôa Cavalcanti Netto – falecido em 2012 e, dentre outros títulos, fundador da Universidade Estácio de Sá. O selo Ibis Juris faz a distribuição do livro "Democracia, um mito", que é fruto de 10 anos de inquietação do autor sobre o tema. O fato de encontrar-se referendada pela sua opositora, a tirania e/ou ditadura, é o pontapé inicial de uma leitura que vai, item a item, desconstruindo toda a validade e o status incontestável conferido ao sistema democrático. E não somente no Brasil.
A divulgação de "Democracia, um mito" tem à frente Monique Uchôa Cavalcanti de Vasconcelos, filha do autor e CEO da Uchoa Cavalcanti Empreendimentos LTDA, radicada na Flórida, EUA, desde 1991. Para Deonísio da Silva, editor responsável, o grande mérito do livro é a ousadia de tocar num assunto que, em geral, sequer merece reflexão porque na sociedade atual adquiriu a condição de intocável que não permite, na maioria das vezes, a quem quer que seja falar de modo contrário à ideia de democracia como sistema político. O que também não valida a tirania como opção. Vale a lembrança de que os escritos do autor passam a l&eac ute;guas de distância, e sem o menor pesar na consciência, do chamado "politicamente correto".
"Abordar a tirania e suas mazelas é chover no molhado. Ninguém, em sã consciência, vai fazê-lo. Porém, colocar a democracia em pé de igualdade com a tirania, pelos seus próprios problemas decorrentes e por outros tantos que são iguais ao modelo tirânico, é de uma antítese literária realmente capaz de instigar o leitor a pensar, a questionar, a considerar e, enfim, caso consiga, tirar suas conclusões", frisa o editor que é Doutor em Letras pela USP, além de professor e também escritor.
Dividido em 39 seções enxutas, que prendem o leitor pela rapidez da argumentação - como numa conversa -, "Democracia, um mito" também adentra à tradicional dicotomia política entre direita e esquerda, com atenção aos fatos sabidos por todos, mas sem defender uma ou outra. Pelo contrário, ambas pegam carona na desconstrução democrática visto que há regimes que praticam a democracia nas duas correntes ideológicas.
Sem pretensão de ser didático ou basilar, João Uchôa Cavalcanti Netto realizou breves dissecações sobre outros grandes subtemas que compõem os meandros da democracia. Alguns, aliás e por tabela, contemplam também a engrenagem da tirania e/ou ditadura. Assim, são vistas questões cruciais tais como eleições e o eleitorado, igualdade, diversidade, discriminação, liberdade, os três poderes políticos formais (Executivo, Legislativo e Judiciário), poderes políticos informais, imprensa, representação popular e, até mesmo o Direito – considerado um equívoco pelo autor, que foi um renomado juiz.
De espírito contestatório, a leitura de "Democracia, um mito" não deixa pedra sobre pedra porque seu autor tece comentários sem poupar a nada e a ninguém. Inclusive ele mesmo. Também por isso, a publicação e divulgação do livro só acontece depois da sua morte. Vontade expressa pelo próprio João Uchôa Cavalcanti Netto, falecido aos 78 anos, e fielmente respeitada por sua família. O público disposto a ler tal obra deve ter a certeza de que não conseguirá ficar incólume ao conteúdo e, menos ainda, à ideia de que outra(s) via(s) de regime político precisa(m) surgir para atender aos anseios da sociedade pós-moderna e, especialmente, de cada um de seus indivíduos.
É possível adquirir o livro diretamente com a editora através do e-mail ibislibris@gmail.com ou solicitando às livrarias.

Quem foi João Uchôa Cavalcanti Netto

Natural do bairro de Ipanema, da cidade do Rio de Janeiro, o autor de "Democracia, um mito" acumulou diversas atividades profissionais durante seus 78 anos de vida. A fundação e desenvolvimento da Universidade Estácio de Sá, a maior do País, certamente desponta em sua trajetória e mereceu um livro específico em que é apontado como "o homem que revolucionou o ensino superior privado no Brasil". Contudo, ainda houve tempo para iniciar a carreira como repórter policial e, depois, ser advogado, juiz de direito, educador, cineasta, artista plástico, escritor e, sobretudo, empreendedor. Na lista de suas publicações estão o romance "João" (que ganhou o Prêmio Orlando Dantas da Academia Brasileira de Letras), "O menino", "Contos bandidos", "O Equívoco", os ensaios "Como se advoga no cível" e "O Direito, um mito" (que tem tradução para o francês e o espanhol"), além da peça teatral "Prezados canalhas".

 

do Espaço Vital

A íntima revelação da advogada

Charge de Gerson Kauer

Sessão de uma câmara cível do TJ, sala abarrotada, uma chamativa advogada, trintona, faz uma sustentação oral veemente, em favor da alteração do registro civil de sua cliente. Esta se tinha por mulher mas fora registrada com nome e sexo masculinos. Em função de algumas controvérsias físicas e factuais, a sentença de primeiro grau negara o pedido.

À medida em que vai relatando peculiaridades do caso, a advogada constata que colegas de profissão que esperam os julgamentos seguintes se alvoroçam nas cadeiras e cochicham entre si. Ela, então, interrompe a sustentação e gesticulando pede ao presidente:

- Excelência, requeiro que a sessão prossiga a portas fechadas, em função de uma reveladora e íntima informação que quero fazer.

Os desembargadores olham-se entre si, maneiam a cabeça afirmativamente e o presidente defere:

- Embora seu pedido devesse ter sido feito antes de iniciado o julgamento, ainda assim vou atendê-lo. E desde logo, em nome da câmara, desculpo-me ante os presentes, ao solicitar que deixem a sala por alguns minutos. A sessão prosseguirá sob o manto do segredo de justiça.

Algumas feições surpresas, outras contrariadas etc., a determinação é atendida. A sala de julgamentos fica sem “intrusos”. A porta é chaveada por dentro e, dois minutos depois, a sessão continua.

Certificando-se que o segredo de justiça está sacramentado, a advogada prossegue e revela:

- Senhores desembargadores, eu própria sou uma transgênero!

E põe-se a revelar algumas peculiaridades dela e de sua cliente, até arrematar:

- Estou convicta de que os senhores magistrados, profundos conhecedores dessas páginas e experiências de vida de variadas opções e variações sexuais, bem entenderão a extensão do drama que se retrata no processo.

A apelação afinal é provida. O presidente proclama o resultado, mas diz que, extra autos, precisa fazer um reparo. E olhos fixos na advogada, arremata:

- Doutora, um detalhe. Destas variações sexuais a que a senhora se refere, eu e meus dois colegas de câmara não entendemos nada!

 

Rádio Perondi

Segue matéria em áudio, no formato mp3, para aproveitamento e reprodução nos noticiários e programação da emissora ou no site da instituição. O material também pode ser postado e distribuído nas redes sociais.

Sugestão de chamada para o locutor: "Supremo Tribunal Federal exige que Polícia Federal faça perícia em gravação que envolve o presidente Michel Temer"

Clique aqui para ouvir: https://gabplus.com.br/link.php?M=2060953&N=845&L=644&F=H.

 

23 de maio de 2017

CUECAS FRANCESAS...

SIM CUECAS FRANCESAS GANHEI HOJE....

UM AMIGO FOI A PARIS - ELE VIVE DANDO BANDA POR LÁ E COMPROU CUECAS SIMPLESMENTE PQ FICOU SEM AS DITAS...LÁ.

E AS COMPROU GRANDES DEMAIS. ASSIM QUE AS GANHEI...OPA. CUECA FRANCESA.....

 

EX!!!!!

O FOLHÃO E A A GROBO NÃO ERA SOCIOS NO VALOR????

 

FOLCLORE POLITICO DE CAXIAS

A ELEIÇÃO MUNICIPAL DE 1968(II)

O presidente da executiva municipal, Lauro Carvalho,surpreendeu a maioria dos integrantes do diretório e sem consultar ninguém, numa entrevista a uma rádio local lançou Artemin Karan a prefeito e Mansueto Serafini a vice.Depois de muitos debates, o assunto foi postergado.

O diretório iria decidir numa reunião.

Surge Victório Trez

Numa reunião do partido, o ex-vereador Darwin Corsetti sugeriu Victório Trez como candidato a prefeito pelo MDB.Ele era gerente da agência centro do BANRISUL. Victório tinha a seu favor ter relacionamento com o empresariado o que poderia angariar votos.Consultado , Trez topou.

Os presentes àquele encontro decidiram apresentar na convenção do MDB, a chapa Trez/Serafini.

Karan

Alguns setores do MDB, não gostaram da idéia de abandonar Artemin Karan cujo nome fora lançado antes na bombástica entrevista de Lauro Carvalho na rádio.argumentaram que o MDB havia deixado de lado ' um velho e dedicado trabalhista'. Em 1961, Karan comandou a Legalidade em Caxias. Estes mesmos diziam que Karan fora abandonado em prol de Trez que só aceitou ser candidato pelo MDB depois que a ARENA vetou seu nome para ser diretor do Banrisul.

Com o aval de Karan resolveram lançar Trez como candidato numa sublegenda.Trez aceitou.

Convenção

Originalmente os convencionais do MDB queriam lançar Trez e Karan em sublegenda e apenas um candidato a vice.
O vice seria Mansueto Serafini.

Havia dúvidas se a lei eleitoral permitia isto.

Para evitar futuras impugnações pela Justiça, lançaram duas sublegendas.

Uma encabeçada por Trez tendo Mansueto de vice.

A outra era Karan e o arquiteto Rubens Baldiserotto de vice.

Consultaram a Justiça Eleitoral que disse que um partido poderia ter duas ou até três sublegendas , com apenas um vice.

Ao tomar conhecimento da situação, Baldisserotto renunciou.E sugeriu Mansueto como candidato único a vice do MDB.

Lauro Carvalho, que não ia com acara do Mansueto, não concordou e disse que iria procurar outro candidato a vice de Karan.
Isto deu numa crise que conto num capítulo posterior(OLIDES CANTON, com informações do livro do Mansueto)

 

MEMORIAS

A MADRUGADA EM QUE AMARALZINHO ,DE PIJAMA,RECEBEU OS TRANSPORTADORES .....

EM 1979 HOUVE UMA GREVE DE CAMINHONEIROS QUE PAROU O ESTADO. LITERALMENTE. NAS RODOVIAS ESTADUAIS COMEÇOU A CONFUSÃO.....excessos de ambos os lados. Havia um presidente de um sindicato de caminhoneiros - não a patronal, dos empregados, dos autônomos que até informante do SNI era.... -eu acompanhava pelo jornal todo este rebu e acabei intuindo que algum rolo maior ia acontecer, como de fato aconteceu.....

Num destes piquetes, na Serra, perto de Caxias do Sul, houve a morte de um grevista. Ninguém nunca soube bem como isto aconteceu, mas nestes movimentos, isto costuma suceder....Depois o que morreu , morreu e é enterrado e pronto.

Pois os donos das empresas começaram a ficar muito preocupados. Era presidente do SETCERGS, Gastão Prudente, que havia ganho por um voto a disputa com ADIR FRAÇÃO, do EXPRESSO MERCÚRIO, numa eleição disputadíssima, onde não faltaram lances rocambolescos....mas enfim, isto é outra parte da coisa toda....

Gastão Prudente, meio estouradão, fora presidente da FGF. Era um dos sócios do Rápido Rio Pardo.

Naquele noite em que houve a morte de um PIQUETEIRO - alguns atribuíram às forças da repressão - outros a algum elemento infiltrado querendo ver o circo pegar fogo, GASTÃO PRUDENTE reunião alguns diretores do SETcergs e depois de analisar a situação durante horas e horas na sede na av. São Pedro, partiu em direção ao PALÁCIO PIRATINI.

ERA UMA NOITE DE MUITO FRIO e os guardas perguntaram quem era aquela turma toda cheia de capotões pra se proteger do frio que chegava com aquela autoridade toda.

-QUEREMOS O GOVERNADOR???

- COMO ASSIM, ELE ESTÁ ESPERANDO VOCÊS

- nÃO DIZ, A ELE QUE É O GASTÃO PRUDENTE, E QUE PRECISO FALAR COM ELE AGORA.

- nÃO PODEMOS, DISSERAM OS GUARDAS. O GOVERNADOR ESTÁ DORMINDO JÁ SÃO ALTAS HORAS D A NOITE.

DE FATO JOSÉ AUGUSTO AMARAL DE SOUZA, CHAMADO APELIDADAMENTE DE AMARALZINHO, DORMIA AQUELA HORA MESMO COM TODOS OS PEPINOS QUE NO DIA ANTERIOR ELE TEVE QUE RESOLVER, INCLUSIVE A MORTE DO PIQUETEIRO NUMA ESTRADA PERTO DE CAXIAS.

- NÃO VAMOS EMBORA, CHAMA ELE, DISSE GASTÃO PRUDENTE QUE ESTAVA ACOMPANHADO DE ALTÉRIO PANDOLFO, ERNANI REICHELT E MAIS UM OUTRO DIRIGENTE.
AI OS GUARDAS FORAM TER COM A CASA MILITAR. NADA CHEGA AO GOVERNADOR NUMA SITUAÇÃO DESTAS SEM PASSAR PELA CASA MILITAR.

- MAS QUEM É QUIS SABER O CORONEL, CUJO NOME AGORA NÃOT ENHO DE MEMORIA.

- É O GASTÃO PRUDENTE.

PODE ACORDAR O GOVERNADOR, ORDENOU O CORONEL A SUA ORDENANÇA. NO PP.

AMARALZINHO, CHAMADO ASSIM PELOS AMIGOS, CHEGOU DE PIJAMA. NEM SE ARRUMOU..

- O QUE TU QUER GASTÃO, CUMPRIMENTOU MEIO SONOLENTO....

- GOVERNADOR, MORREU UM E VÃO MORRER MUITO MAIS...O SR. TEM QUE ACABAR ESTA GREVE NESTA MANHÃ

-PODE IR, DISSE O GOVERNADOR, LOUCO PRA VOLTAR PRO QUENTINHO DO BERÇO.

DE MANHÃ O GOVERNADOR REUNIU SEUS PRINCIPAIS ASSESSORES E A SSP...

-ACABEM HOJE COM A GREVE. QUERO AS ESTRADAS DESIMPIDiDAS EM SEM PIQUETES.

A BM QUE ANDAVA FAZENDO MEIO CORPO MOLE. ENTROU EM CAMPO.

DE TARDE, NA DRT AS PARTES CHEGARAM A UM ACORDO

(OLIDES CANTON, COM SUBSÍDIOS DE ALTERIO PANDOLFO)

OS DEMAIS MEMBROS DO ENCONTRO NÃO ESTÃO MAIS ENTRE NÓS...

 

ronda da citi

foto: Marcio de Almeida Bueno

hoje de manhã, na esquina da eudoro com freire alemão, este caminhão muito alto arrancou os fios muito baixos do poste:

 

O pessoal não olha o que edita

O pessoal não olha o que edita . Olhem o melhor da ZH. Tá, mas qual deles? Kkkk

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/22 19:08:44

 

Eleções diretas para Presidente Já

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/22 18:13:29

Eleções diretas para Presidente Já

Nada na Constituição diz que a Eleição para novo presidente deva ser indireta:

O que diz Constituição

Art. 81. Vagando os cargos de Presidente e Vice-Presidente da República, far-se-á eleição noventa dias depois de aberta a última vaga.
§ 1º - Ocorrendo a vacância nos últimos dois anos do período presidencial, a eleição para ambos os cargos será feita trinta dias depois da última vaga, pelo Congresso Nacional, na forma da lei.

A Lei Eleitoral nº 4.737 no artigo art. 224.

§ 3º A decisão da Justiça Eleitoral que importe o indeferimento do registro, a cassação do diploma ou a perda do mandato de candidato eleito em pleito majoritário acarreta, após o trânsito em julgado, a realização de novas eleições, independentemente do número de votos anulados.

§ 4o A eleição a que se refere o § 3o correrá a expensas da Justiça Eleitoral e será: (Incluído pela Lei nº 13.165, de 2015)

I - indireta, se a vacância do cargo ocorrer a menos de seis meses do final do mandato; (Incluído pela Lei nº 13.165, de 2015)

II - direta, nos demais casos. (Incluído pela Lei nº 13.165, de 2015)

A Constituição remete a Lei que neste só fala em eleição direta e que deve ser organizada pelo Congresso Nacional.

 

dos leitores

perguntei pra anne onde ela ' tirou' esta sua vocação pedagógica. ela me retornou(olides)

anne tu é boa pedagoga. explicas legal. parabens. herdaste de quem??

De: anneschne@gmail.com
Enviada: 2017/05/19 20:48:16

Acho que de meu pai,mas a mãe tb falava legal em público.Dois professores, né??
Olides, dou muita risada vendo teu blog...Clique em mim!Anne,alegria dos homens!!!!
Daonde tiraste essa???kkkkkkk.
Não consegui nenhuma foto bem de perto,ainda...
Boa semana

Bah,achei agora.Ando correndo muito,mas aqui vai...
Uma das + conhecidas obras de J.S.BAch,é a parte final (nº 10) de uma Cantata.Coro final,cheio de riqueza técnica e melodiosa.
Ele era LEIGO (e não padre/pastor). Mas luterano convicto,e deste modo queria expressar a admiração a Deus.Assim,escrevia música p/seu Deus e não para o Rei onde ganhava seu R$$$.Acabava a obra sem pre com SDG,somente a Deus,a glória.
Eu tenho falado tanto nesses 18 anos de programa e Bach que até fico sem graça,mas já q comentaste isso,qualquer dia faço de novo um papo desses...

 

SANTA RITA DE CÁSSIA, exemplo de virtude em todos os estados de vida pelos quais passou



Dedicação e amor a Deus talvez sejam as qualidades que mais definam o caráter de Santa Rita de Cássia; essa mulher humaníssima aguentou como poucos a “tragédia da dor e da miséria, moral e social”.

Rita nasceu na Úmbria, bispado de Espoleto, em Roccaporena um pequeno povoado de Cásscia (Província de Perúgia) na Itália no dia 22 de maio de 1381.
Seus pais, Antonio Mancini e Amata Serri, ambos católicos praticantes, já eram de idade provavelmente casaram em 1339 e tiveram sua única filha, Rita, depois de mais de 40 anos de casados. Seu nascimento foi um grande milagre. Foi batizada, e recebeu a primeira Eucaristia na Igreja de Santa Maria dos Pobres, em Cássia.

Conta uma história que, certa vez, seus pais a levaram para o campo e, enquanto trabalhavam na roça em seus afazeres, deixaram a recém-nascida debaixo de uma árvore, na sombra num berço dormindo. Um enxame de abelhas brancas como a neve voou até a menina e girava em torno de seus lábios, como se fossem flores das mais perfumadas.
Um homem que passava por ali, e que tinha pouco antes ferido a mão, ao ver Rita e as abelhas, gritou assustado aos seus pais. As abelhas foram embora e o homem teve a mão curada naquele mesmo instante.

O CASAMENTO FORÇADO E INFELIZ.

Foi num lar católico que Rita cresceu. Antonio e Amata a educaram na fé em casa, e a ensinaram a rezar. Desde a infância, ela demonstrou uma grande afeição a Nossa Senhora e a Jesus Crucificado.
Na adolescência os 12 anos, tinha um desejo intenso de consagrar-se a Deus na vida religiosa. Em Cássia havia um mosteiro das monjas agostinianas. Seus pais, porém, já idosos, queriam que ela se cassasse.
Seu temor a Deus e a obediência que mostrava ter aos seus pais a obrigaram renunciar ao seu desejo de se entregar a religião e se fechar em um convento, para aceitar abraçar o matrimônio com um jovem rapaz da religião, tido como violento daqueles que “não levava desaforo pra casa”, chamado Paulo Ferdinando.
Rita foi obediente, casou-se. Ele se embriagava com freqüência, brigava com os amigos e, chegando em casa, espancava Rita. Houve uma ocasião em que Rita esteve à beira da morte de tanto apanhar do marido.
Foram muitas as vezes em que Rita não foi à igreja porque Paulo Ferdinando a impediu de ir. Ela, contudo, rezava por ele diante do crucifixo, pedindo pela conversão.

Durante o seu matrimônio, Santa Rita de Cássia era uma mulher doce, preocupada com o bem-estar de seu marido. Mesmo consciente de seu caráter violento, sofria, mas rezava em silêncio, oferecia tudo a Deus.
A bondade de Santa Rita de Cássia era tão aparente que seu marido foi contagiado por ela. Passado um tempo, e perseverando Rita na oração pelo seu marido, Paulo Ferdinando caiu aos seus pés, pediu perdão a ela e a Deus, e mudou sua vida e seus costumes. Rita feliz, agradeceu a graça recebida.

Rita e Paulo Ferdinando tiveram dois filhos: Tiago Antonio e Paulo Maria. Ambos foram educados na fé por seus pais e, com Rita, constantemente saíam de casa para visitar os enfermos e os pobres.

SOFRIMENTO DESDE JOVEM.

Em 1402 morreram Antonio e Amata, pais de Rita. Seu pai morreu aos 19 de março e sua mãe aos 25 do mesmo mês, com 90 anos.
Logo depois, alguns antigos inimigos de Paulo Ferdinando, por vingança o assassinaram. Os filhos, já crescidos, e influenciados por amigos, planejaram vingar a morte do pai.
Rita, ao saber do desejo dos filhos Rezou, pedindo a Deus que tirasse este desejo do coração de seus filhos, ou, se fosse vontade divina, que os levasse para a glória do Céu para obterem a salvação, mas que não fossem assassinos. Deus ouviu suas preces, ambos adoeceram, e Rita cuidou deles com amor. Depois de pouco tempo, Tiago Antonio e Paulo Maria morreram.

A mãe carregou no coração a grande dor da perda dos pais, do marido e dos filhos sem perder a fé. Perdoou publicamente os assassinos de Paulo Fernando.

A SOLIDÃO NO MUNDO.

Sozinha no mundo, Rita transformou-se numa mulher de oração. Além do trabalho doméstico, ela continuava a visitar os enfermos e os pobres.
Participava da missa no mosteiro das agostinianas. Um dia, procurou a superiora e pediu-lhe para ingressar na ordem, mas não foi aceita. Provavelmente, por ser viúva e não ser mais virgem. As irmãs tinham medo também dos inimigos de Paulo Fernando, já que eles continuavam a ameaçar Rita. Por três vezes Rita pediu para ser admitida no mosteiro, e por três vezes ouviu o “não” da superiora. Rita vivia em casa, sozinha.

MOSTEIRO DAS IRMÃS AGOSTINIANAS

Vivendo em casa, Rita vivia como se estivesse no mosteiro.
Num dia, a noite em profunda oração, ouviu um chamado: "Rita! Rita!". Abriu a porta e eram três homens que foram à sua casa. Ao acolhe-los, ela os reconheceu. Eram os seus três santos protetores: São João Batista, Santo Agostinho e São Nicolau de Tolentino.
Levantou-se e seguiu seus santos protetores. Era noite, e a porta do convento estava fortemente trancada. Eles então a levaram no interior do mosteiro das agostinianas, em Cássia. Ao amanhecer, as religiosas agostinianas ficaram estupefatas ao verem Rita, na capela do convento, rezando, sendo que a porta estava fechada.
As religiosas, a começar pela superiora, ficaram pasma com a presença de Rita, mesmo estando fechadas as portas do mosteiro. Vendo que era Deus que destinava à vida religiosa, a recebera na Ordem. Há quem veja o acontecimento afirmado que, ao ser aceita no mosteiro, Rita atribuiu a graça aos seus santos protetores.
No mosteiro, Rita mostrou-se serviçal e contemplativa. Ao mesmo tempo em que estava disponível às irmãs, servindo-as, também estava em constante oração, passando muitas horas diante de Jesus crucificado. Mesmo no mosteiro, continuou a sair para visitar os enfermos e os pobres. Enfrentou dificuldades e tentações; a tudo superou na força da fé.

OBEDIÊNCIA TAMBÉM NO CONVENTO.

Consciente de que obedecendo à superiora, obedeceria a Jesus.
Certo dia, a superiora, para pô-la a prova, pediu-lhe que, todos os dias, regasse um galho seco pela manhã e à tarde. Em sinal de obediência, Rita o fez com todo o carinho e, tempos depois, milagrosamente, o galho seco se transformou em uma bela videira. Esta ainda existe, em Cássia, e continua produzindo uvas.

O ESPINHO DA COROA DE JESUS.

A devoção a Jesus crucificado sempre foi uma constante na vida de Rita. No ano de 1443, Tiago della Marca- depois canonizado – pregou um retiro em Cássia sobre a Paixão e a Morte de Jesus.
Voltando para o mosteiro depois de uma das pregações, Rita prostrou-se diante do crucifixo, na capela, e pediu para participar de alguma forma, da Paixão do Senhor. Foi quando um espinho da coroa de Cristo se destacou e feriu profundamente sua fronte, e ela desmaiou. Ao acordar, tinha uma ferida na testa. Com o tempo, essa ferida tornou-se mal-cheirosa. Rita então passou a viver numa cela à parte, distante das demais monjas; uma religiosa levava alimento a ela, diariamente. A ferida causava muitas dores; tudo ela oferecia a Deus. Por 15 anos Rita carregou consigo a marca feita pelo espinho da coroa de Cristo.

CURAS E PEDIDOS.

O povo de Cássia, atento ao que acontecia no mosteiro, percebeu que havia algo de diferente em Rita. Muitos Ian até ela e pediam a sua intercessão, e eram atendidos. Em pouco tempo sua fama de santidade se espalhou pela região.

A PEREGRINAÇÃO A ROMA.

Em 1450 o papa Nicolau V proclamou o Ano Santo. De toda parte pessoas iam a Roma em busca de indulgências. As monjas agostinianas de Cássia tomaram a decisão de ir a Roma. Rita queria receber as indulgências plenárias - perdão de todos os pecados - mas, devido a ferida fétida e por estar doente, não obteve da superiora permissão para participar da peregrinação. Diante do crucifixo, ela rezou, pediu a Jesus que retirasse temporariamente a ferida de sua fronte, mas mantivesse a dor para que pudesse ir a Roma. E conseguiu tal milagre. Rita foi a Roma, viu o Papa, obteve as indulgências, visitou os túmulos de Pedro e Paulo e outros lugares sagrados (igrejas). A viagem foi difícil, em parte feita a pé. Rita em nenhum momento perdeu a coragem e o ânimo. Ela estava, então, com 60 anos e, durante toda pere grinação, sentiu a dor do espinho (na fronte). Ao retornar a Cássia, a ferida voltou a se abrir, e a cada dia mais pessoas a visitavam para pedir a sua intercessão diante de Deus.

O ENFRAQUECIMENTO DO CORPO.

Aos poucos a saúde de Rita foi se debilitando, até o momento em que já não mais se alimentava, vivendo apenas da Eucaristia. Permaneceu doente por quatro anos, até a morte.

O MILAGRE DA ROSA.

Já no leito de morte uma parente de Rita a visitou no inverno, quando tudo estava coberto pela neve. Ao se despedir, a parente perguntou se Rita queria algo. Ela disse que sim, e pediu uma rosa do jardim de sua antiga casa, em Roccaporena. A parente julgou que ela estava delirando; desde quando havia rosas no inverno? Para atender o pedido foi em sua antiga casa e chegando em sua vila, a surpresa: Milagrosamente em meio à neve, havia uma rosa magnífica! A parente a colheu e levou para Rita, que agradeceu a Deus por Sua bondade.

A MORTE DE SANTA RITA.

Com o corpo debilitado pela falta de alimento, Rita pediu o Viático e recebeu a Unção dos Enfermos. O tempo todo tinha, sobre o peito, um crucifixo. Morreu no dia 22 de maio de 1457, aos 76 anos de idade, e tendo passado 40 anos no mosteiro. A ferida em sua fronte cicatrizou assim que ela morreu e, em lugar do mau cheiro, passou a exalar um suave perfume. Seu rosto tornou-se sorridente, como quem está pleno de contentamento.

CORPO DE SANTA RITA APÓS A MORTE.

Uma grande multidão acorreu ao oratório do mosteiro, para velar o seu corpo. No local da ferida, apenas a marca do que fora o sinal provocado pelo espinho. Todos olhavam para ela admirados, e louvavam a Deus. Já era tida como santa pelo povo. Rita não foi sepultada; seu corpo ficou exposto no oratório até 1595, ocasião em que foi transladado para a igreja anexa ao mosteiro, hoje dedicado a ela. O seu corpo permanece intacto.

OS MILAGRES.

Muitos fatos extraordinários e milagres de Deus são atribuídos à intercessão de Santa Rita, conhecida como a SANTA DOS IMPOSSÍVEIS.
São muitas as pessoas que visitam a capela onde Rita recebeu o espinho da coroa de Cristo, bem como a igreja de Cássia, onde está o seu corpo. São inúmeros os testemunhos de conversão, milagres e curas.

A DEVOÇÃO MUNDIAL

A devoção a Rita não ficou restrita a Cássia, nem a Itália. Espalhou-se por todo o mundo. Muitas são as igrejas dedicadas a ela.

A CANONIZAÇÃO DE SANTA RITA.

Rita foi beatificada duzentos anos depois de sua morte, em 1628. O papa Leão XIII, aos 24 de maio de 1900, a canonizou.

SOCIEDADE DAS OBRAS DE CARIDADE

Um ano após a canonização de Rita, o padre Salvador Font, da Ordem dos Agostinianos, fundou a Sociedade das Obras de Caridade de Santa Rita. São senhoras que recolhem donativos e costuram roupas com as próprias mãos, para depois oferecê-las aos enfermos e pobres. São imitadoras e discípulas de Santa Rita.

AS LIÇÕES DEIXADAS POR RITA.

Eis algumas dentre muitas outras lições que podemos tirar da vida de Santa Rita de Cássia:

1. Ela colocou a vontade de Deus acima de tudo;
2. Ela foi perseverante na oração e no perdão;
3. Ela sempre esteve a serviço dos enfermos e dos pobres;
4. Ela foi fiel à Igreja;
5. Ela amou a sua família;
6. Ela transformou o sofrimento em amadurecimento humano e espiritual;
7. Ela praticou o jejum como caminho para a doação ao próximo e como comunhão com Deus;
8. Ela alimentava-se da Eucaristia, de onde tirava coragem e força;
9. Ela acreditou no amor de Deus em todos os momentos da vida e, Ela nunca se cansou de interceder por aqueles que pediam a sua intercessão.

“Rita foi reconhecida ‘santa’ não tanto pela fama dos milagres que a devoção popular atribui à eficácia de sua intercessão junto de Deus todo-poderoso, porém, muito mais pela sua assombrosa ‘normalidade’ da existência quotidiana, por ela vivida como esposa e mãe, depois como viúva e enfim como monja agostiniana”(João Paulo II, no centenário da canonização de Santa Rita de Cássia).

REFLEXÃO: O culto à bem-aventurada da vila de Cássia se estendeu rapidamente pelo mundo, onde por causa dos milagres obtidos por sua intercess& atilde;o o povo lhe deu o nome de “Santa das Causas Impossíveis". Porém, mais importante que os milagres, é o exemplo de vida que recebemos de Santa Rita. Sua perseverança e fidelidade ao Cristo deram a ela a coroa da santidade.

ORAÇÃO: Deus, que vos dignastes conferir à Santa Rita tamanha graça que, havendo ela vos imitado no amor aos seus inimigos, trouxe no co ração e na fronte os sinais de vossa caridade e sofrimento, concedei, nós vo-lo suplicamos, que pela sua intercessão e merecimento amemos os nossos inimigos e mereçamos receber a recompensa prometida aos mansos e humildes. Por Cristo nosso Senhor. Amém!

Santa Rita de Cássia, rogai por nós

 

Festa na Rua completa 30 anos e promove atrações culturais e comidas típicas da culinária judaica

Atividade ocorre no próximo domingo, 28 de maio, das 10h às 17h, na Rua João Telles, entre a Avenida Oswaldo Aranha e a Henrique Dias.
Festividade é aberta ao público.

Uma das mais tradicionais festividades da comunidade judaica e do calendário de Porto Alegre, a "Festa na Rua" completa 30 anos em 2017. O evento promovido pela Organização Sionista do RS, com o apoio da Federação Israelita do RS, para celebrar a independência do Estado de Israel atrai milhares de pessoas ao local para apreciar a atrações e comidas típicas da culinária judaica.

A comemoração acontecerá no domingo 28 de maio, na Rua João Telles, entre a Henrique Dias e Avenida Oswaldo Aranha, das 10h às 17h. A solenidade de abertura, programada para as 12h, contará com a participação de representantes da comunidade judaica e autoridades políticas.

No centro das atrações, diversas etnias presentes na capital gaúcha irão apresentar músicas e danças folclóricas no palco da Henrique Dias. O Grupo musical Fole Humano, de Cachoeirinha, vai levar para o palco um coro com 20 integrantes, uma banda e um grupo de cordas com 23 músicos. Os musicistas vão apresentar um repertório variado e uma performance que promete encantar o público. O Conjunto Musical Lechaim também é presença confirmada ao longo do dia, assim como o Coro Infantil do Instituto Popular de Arte-Educação (IPDAE).

O evento conta este ano com cerca de 80 barracas. Além de comidas típicas da culinária judaica e artigos variados como objetos religiosos e livros, muitas bancas são cedidas para entidades beneficentes da Grande Porto Alegre poderem vender seus produtos, arrecadar fundos e divulgar seu trabalho. Este ano, os organizadores do Iom Mitzvah, ação da comunidade judaica para Campanha do Agasalho da Prefeitura de Porto Alegre, estarão no local para divulgar a campanha de 2017.

 

do Comunique-se

Renúncia de Temer, “pau-mandado” de Eduardo Cunha e “anal” na GloboNews. Noticiário político sofre com “barrigas”

Quem lida com a prática jornalística sabe que, por inúmeras vezes, “barriga” é mais do que uma parte do corpo humano. A palavra é usada entre amigos da comunicação para designar erros e conteúdos imprecisos veiculados por algum órgão midiático. Com a efervescência da política brasileira nos últimos dias, “barrigas” surgiram na imprensa. Equívocos estiveram relacionados ao presidente Michel Temer, ao sucessor de Aécio Neves no comando do PSDB e a uma suposta gafe cometida pela equipe da GloboNews.

Alvo da delação premiada de Joesley Batista, dono da JBS, Michel Temer segue no posto de presidente da República [ao menos] até o fim da tarde desta sexta-feira, 19. Blogueiro de O Globo, Ricardo Noblat cravou que o peemedebista “decidiu renunciar”. O jornalista chegou a relatar que a saída do político estaria programada para o “início da noite” de ontem. Mesmo transformando-se em uma “barriga”, o texto divulgado originalmente às 15h06 de ontem segue inalterado, com o colunista usando as redes sociais para pontuar ter a certeza de que a sequência do governo Temer será “temporária”.

Também pelo ambiente online de O Globo, veículo que noticiou em primeira mão detalhes sobre a delação de Joesley Batista, outro colunista cometeu “barriga”. Com o senador Aécio Neves (PSDB-MG) enrolado por causa de conversa gravada com o empresário da JBS, Jorge Bastos Moreno publicou em seu blog que o deputado federal Carlos Sampaio (PSDB-SP) era o novo presidente nacional dos tucanos. As horas se passaram e quem foi confirmado no comando do partido foi o senador cearense Tasso Jereissati.

A movimentação na presidência tucana fez com que Moreno mantivesse a crítica a Sampaio, definido como alguém que “já foi pau-mandado de Cunha”, mas alterasse outros elementos da postagem. No título, por exemplo, saiu “novo presidente do PSDB” e entrou “tucano”. O texto, anteriormente garantindo que o parlamentar paulista já era o novo manda-chuva da legenda, informa que Carlos Sampaio apenas foi “o candidato da bancada do PSDB na Câmara à presidência do partido”. No Twitter, entretanto, a postagem com a informação equivocada segue no ar.

O terceiro erro relacionado à cobertura política que a reportagem do Portal Comunique-se captou envolve outro veículo mantido pelo Grupo Globo. Dessa vez, contudo, foram outras redações as protagonistas da “barriga”. Segundo sites como Brasil 247, Catraca Livre e Blog da Keila Jimenez/R7, a GloboNews supostamente exibiu chamada de que o dono da JBS teria gravado Temer “dando anal para compra de silêncio de Cunha”. A informação, porém, nunca foi exibida pela emissora da TV por assinatura. Surgida nas redes, uma montagem dava a entender que a equipe do canal tinha confundido “aval” com “anal” – o que não ocorreu.


Montagem fez sites acreditarem em gafe da GloboNews, o que não ocorreu

Acusador do suposto erro da GloboNews, o Brasil 247 tirou a matéria do ar (a URL direciona para a home). Keila Jimenez ajustou o texto no R7 e explicou que a emissora foi alvo de arte maldosa que viralizou nas mídias sociais. Dos três, o Catraca Livre foi o único a assumir o próprio erro, registrando ter se tornado vítima da ação fake por causa da “pressa toda”. “[A] imagem é falsa. Não houve erro algum por parte da GloboNews na hora de divulgar a notícia do dono da JBS que gravou o momento em que o presidente Temer deu o AVAL para compra de silêncio de Cunha”, admitiu a página de cultura e variedades.

 

Ruínas expostas. E caminhos necessários

Os últimos dias tiveram tantos episódios, e de tal modo intensos, que fica difícil escolher um ângulo de abordagem. Além disso, tudo leva a crer que, nas próximas semanas, ainda teremos mares muito revoltos pela frente. A menos que se interprete com precipitação, o que costumam fazer apenas os partidaristas mais radicais, não é possível sair distribuindo sentenças definitivas sobre tudo o que está ocorrendo. São muitos interesses, informações, atores, fatos, boatos, idas e vindas. São muitas circunstâncias, análises e possibilidades. De qualquer modo, há certezas que já ficaram bastante expostas.

Uma delas – a mais evidente – é a completa ruína do sistema partidário e eleitoral do Brasil. Não é mais possível que um governo se eleja de maneira totalmente dissociada do pleito parlamentar, tendo que compor a maioria depois, por um processo sem legitimação das urnas. Quem não tem maioria, não governa. E acabam usando o fisiologismo para atalhar essa construção. Embora não se justifique qualquer malfeito, o modelo existente induz a esse jogo de toma-lá-dá-cá. O que acontece é que se exorbitou qualquer propósito de razoabilidade e republicanismo nos últimos anos, transformando a relação entre Executivo e Legislativo num verdadeiro balcão de negócios.

Qualquer presidente que vier a ser eleito dentro desse regramento, portanto, terá enormes dificuldades de governabilidade. Há uma dissociação entre a vontade das ruas e o entendimento da Câmara dos Deputados e do Senado Federal. Ademais, as duas casas não têm nada que as implique diretamente com o governo, e vice-versa. A reprovação popular é apenas um dado da realidade política, existindo apenas a eleição, a cada quatro anos, como ferramenta mais efetiva de controle social. Não há interdependência verdadeira de poderes, o que atrapalha sobremaneira a fluência democrática do país. Trata-se de um sistema que afasta os eleitores dos eleitos, gera uma crise a cada quatro anos e só permite substituições por meio de mecanismos drásticos, como o impeachment.

O financiamento eleitoral foi outra tremenda contradição, que levou à atual instabilidade. Muitas vezes era um faz-de-conta constrangedor, favorecendo o poder econômico a cada eleição. Incluo ainda aberrações como o foro privilegiado, cuja interpretação precisa ser mais reducionista – cabível apenas para os crimes de opinião ou para aqueles estritamente atinentes ao livre exercício livre do cargo público. O instituto da reeleição, de igual modo, já se mostrou um fracasso rotundo para a política nacional, tendendo a gerar aparelhamento da administração e corrupção. Para incluir mais um elemento de análise: os partidos perderam qualquer significação social. Não querem dizer absolutamente nada na cabeça das pessoas, suas opiniões pouco importam – é a dura realidade.

Tudo isso ruiu. Ruiu sem chance de renascer. Ruiu sem qualquer condição de arrumação por meio de analgésicos ou perfumarias. Porque quando a credibilidade nas instituições fraqueja, não se pode mais adotar soluções paliativas. É preciso uma cirurgia profunda, transformadora e urgente no regramento político e eleitoral do país. Durante toda minha trajetória, defendi de maneira contumaz as reformas estruturais. Agora, creio, seja mais adequado falar de reformas de salvação. A demora ou o fraquejo em fazê-las pode aumentar perigosamente o clima de desordem social, com reflexos na economia e até mesmo na segurança pública.

A Lava-Jato foi um acontecimento marcante da democracia brasileira. Quebrou paradigmas de investigação, invadiu corajosamente redomas do poder e mostrou que a independência dos órgãos de fiscalização e controle faz bem ao país. O processo de depuração da política, tão necessário, ganhou contornos reais graças às revelações que ocorreram. Todavia, assim como toda a novidade, a operação também está sendo questionada em muitos aspectos, e precisará de aprimoramento. Mas frise-se: o fato de questioná-la, aqui ou acolá, não significa ser contrário a ela. É sempre preciso esclarecer isso, pois, em tempos de tanto radicalismo, até mesmo as ponderações acabam taxadas de maneira duvidosa.

Não é possível – e aí entro em outra conclusão sobre tudo o que está ocorrendo – que o corruptor, mesmo que tenha feito uma delação, se beneficie do sistema corrompido. Diferentemente do que ocorreu em outras delações, a liberação dos donos da JBS, que pagaram uma multa irrisória na proporção de seus patrimônios e gozam de liberdade nos Estados Unidos, está revoltando o país. E tamanha indignação não é sem razão. Isso sem falar na escandalosa especulação que fizeram no mercado de ações, se antecipando e lucrando com o efeito de suas próprias atitudes. Isso, definitivamente, não é razoável e tampouco correto – independente das outras culpas existentes. Precisa ser revisto.

Enfim, esses são alguns aspectos plausíveis de análise até aqui. Tem ainda muita coisa acontecendo. Pena que tamanho turbilhão tenha ocorrido num momento em que a economia dava seus primeiros sinais consistentes de melhora, com queda de juros, aumento na taxa de empregabilidade e leve retomada do crescimento. O governo Temer, antes já carente de aprovação popular ao mesmo tempo em que era soberano no apoio parlamentar, agora estará em risco também nesse segundo aspecto. Os primeiros dias de julho deixarão mais claros os rumos que o país tomará, a partir da capacidade de resiliência do presidente e de seus aliados – e de tudo o que ainda pode acontecer.

Seja a manutenção do governo, o impeachment, a cassação pelo Tribunal Superior Eleitoral ou a renúncia, nenhuma direção aponta para a calmaria. Está aumentando o espaço para conspirações e alternativas que, muitas delas, trazem preocupação em relação as consequências sobre o futuro do país. O Congresso Nacional, se couber a ele a tarefa de escolher o novo presidente, como prevê a Constituição Federal, o fará sem credibilidade popular. Será fortemente contestado. E a proposta de eleições diretas é esdrúxula, uma vez que inconstitucional. O pior, não se vê um líder apto para a navegação no caos, com o meio político mais doente do que alguém pudesse imaginar.
Diante de tantas dúvidas, é desejável que ao menos ocorra um aprendizado com as ruínas que estão diante dos nossos olhos – e se refaça nosso sistema partidário e eleitoral. E que a liberdade dos métodos investigatórios não seja maior do que a necessidade de efetivamente punir quem delinquiu. São caminhos necessários para começar a reconstruir a normalidade e a credibilidade das instituições brasileiras.

Germano Rigotto é ex-governador do Rio Grande Sul, presidente do Instituto Reformar de Estudos Políticos e Tributários e membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República.

 

PGR não vê indícios de irregularidades em doações da JBS à campanha de Sartori

O nome do governador José Ivo Sartori não consta no pedido de abertura de inquérito feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR) ao Supremo Tribunal Federal (STF) para o procedimento de investigações com base nas denúncias feitas por dirigentes da JBS, homologadas pelo ministro Edson Fachin. Portanto, não existe qualquer denúncia ou inquérito contra Sartori.

As doações financeiras da JBS à campanha de Sartori foram efetuadas de acordo com a legislação vigente, por transferência eletrônica, saindo diretamente da conta da empresa. Conforme os registros contidos na prestação de contas do então candidato, todos os valores repassados estão comprovados por recibos. As informações podem ser conferidas no site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A quantia doada foi de R$ 2,5 milhões, em dois depósitos bancários. O primeiro deles, de R$ 1 milhão, foi feito em 17 de outubro de 2014. E o outro, de R$ 1,5 milhão, no dia 24 de outubro. Além disso, foram custeados R$ 184.250,00 em materiais de propaganda. O repasse desse total foi em quatro vezes.

“Qualquer afirmação que vincule as doações legais recebidas pela campanha de Sartori com propina não reflete a realidade dos fatos, pois diversas empresas constam como doadoras na prestação de contas, sem que nenhum delas tenha obtido vantagens ou privilégios no atual governo”, sustenta o advogado Milton Cava, delegado do PMDB-RS junto ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Em nota oficial emitida sexta-feira (19) à noite, o governador José Ivo Sartori disse que repudia toda e qualquer tentativa de envolver o nome dele em recebimentos ilegais. “Nunca participei desse mar de lama. E o povo gaúcho pode ter certeza de que não haverá nada que prove em contrário. Minha honra é meu maior patrimônio. Faz parte da minha criação fazer a coisa certa. Não aceito a generalização”, escreveu. Sartori afirmou também que pratica e sempre praticou a política da seriedade, da integridade e da transparência. Disse ainda que espera responsabilidade na abordagem do assunto e que haja investigação e punição rigorosa a quem for culpado.

CONFIRA A NOTA DA CAMPANHA MAJORITÁRIA 2014

As doações recebidas da empresa JBS pela campanha José Ivo Sartori, em 2014, foram realizadas dentro da legislação vigente, sendo efetivadas através de transferência eletrônica, saindo da conta da empresa diretamente para a conta da candidatura, bem como emitidos os respectivos recibos eleitorais, conforme informações contidas na prestação de contas do candidato e constantes no site do TRE. A origem dos valores foi dada como legal pela empresa.

João Carlos Bona Garcia
Coordenador Financeiro da Campanha

 

Perondi: “Vamos continuar trabalhando”

O presidente Michel Temer reuniu, no Palácio da Alvorada, nesse domingo (21), seus ministros e lideranças de todos os partidos da sua base de sustentação política, quando reiterou que vai resistir, não vai ceder às pressões e sim enfrentar a crise gerada pela delação dos irmãos Batista, donos do Grupo J&F. Segundo o deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), primeiro vice-líder do Governo na Câmara, a reunião foi muito boa, com um Michel Temer firme, e que mostrou uma base unida, sólida e pronta para retomar as votações no Congresso Nacional já nesta semana. “Vamos continuar trabalhando”, disse, referindo-se às 16 Medidas Provisórias que aguardam na pauta - a maioria com prazo de validade no limite.

Segundo Perondi, Michel Temer reconheceu que foi ingênuo ao receber Joesley Batista no Palácio do Jaburu. “Mas este é o estilo do Presidente, que recebe muita gente, inclusive parlamentares e jornalistas, depois do horário de expediente, à noite. Não tenho dúvida de que o Presidente caiu numa emboscada de opositores das reformas trabalhista e previdenciária. São grandes corporações que vêm atuando para evitar as reformas e a perda de privilégios, como o próprio Ministério Público Federal e a Ordem dos Advogados do Brasil – OAB”, disse.

Os indícios de manipulação e edição do áudio da conversa de Temer com o Joesley Batista deram novo alento e fôlego ao Governo, tanto que partidos que haviam desembarcado do Governo, no primeiro momento da crise, já estão retornando, como o PPS e o PTN. Segundo perícias contratas pelos jornais Folha de S. Paulo e O Estado de São Paulo, existem entre 14 e 50 edições ou interrupções na gravação, o que a coloca sob suspeita.

Para Darcísio Perondi, é lamentável que o áudio entregue pela Procuradoria Geral da República ao Supremo Tribunal Federal não tenha sido periciado. Documento oficial da PGR reconhece que o áudio foi analisado de forma preliminar e superficial, ouvido por dois técnicos, sem auxílio de equipamentos especializados na avaliação de sua integralidade.

Ainda segundo Perondi, o Brasil está sofrendo prejuízos incalculáveis com as delações dos irmãos Batista, nitidamente beneficiados pela crise. Além de lucrar uma fortuna, cerca da R$ 260 milhões, com a compra e venda de dólares e de ações do próprio grupo 24 horas antes da crise (as operações estão sendo investigadas pela Comissão de Valores Mobiliários), o acordo para a delação premiada, fechado com o Ministério Público Federal, prevê imunidade completa para os dois. Eles não podem ser presos e condenados e estão livres para viajar para onde quiserem, sem retenção de passaporte, apesar de assumidamente terem cometido diversos crimes. “Esse acordo é muit o suspeito. Esses gangsters, esses bandidos estão livres e deixaram o país com um enorme prejuízo financeiro. Nós, o povo brasileiro, é que teremos de administrar o caos da irresponsabilidade criminosa dos irmãos Batista”.

Darcísio perondi acredita que a crise, iniciada na última quarta-feira, já está sendo superada. “O balão da crise está murchando e isso ficou claro nas fracas manifestações ocorridas em várias capitais no último domingo. O povo já sente o início da melhora do País e quer um Brasil em paz e com esperança”, afirmou.

Foto (Marcos Corrêa/PR)

 

Lançamento da Campanha do Agasalho será nesta terça-feira no Paço

Nesta terça-feira, 23, às 9h30, em frente ao Paço Municipal (Praça Montevideo,10), a prefeitura lança oficialmente a Campanha do Agasalho 2017. Neste ano em que se comemora os 245 anos da Capital, com a reconhecida solidariedade do porto-alegrense, a meta é recolher 245 mil peças de agasalho, cobertores e outros itens que possam ser doados no período de inverno à população mais carente da cidade. O evento contará com a presença do prefeito Nelson Marchezan Júnior, do secretariado e dos parceiros da Campanha. As atividades serão coordenadas pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social. "A ideia é envolver os moradores de Porto Alegre de forma intensa e dinâmica", disse a titular da pasta, Maria de Fátima Záchia Paludo.

 

da Folha popular de Teutõnia

 

de serafina

AURORA E ROSÁRIO SERÃO FM

em 2018 as rádios ROSÁRIO, DE SERAFINA E AURORA, A VELHA RÁDIO AURORA, ONDE QUANDO CRIANÇA OUVIA AS ' SONADAS' DO TEIXEIRINHA, JUNTO DO MEU VELHO E SAUDOSO PAI E DOS MEUS IRMÃOS MAIS VELHOS,SERÃO FMS.

O ATO FOI ASSINADO NO PIRATINI, DIA 8 DE MAIO. COM A PRESENÇA DE AUTORIDADES E DO PADRE ALEXANDRE BIOLCHI, DA REDE SCALIBRINIANA, A QUEM AS DUAS RÁDIOS PERTENCEM.

HJ AS DUAS SÃO AM.

 

' É TUDO VERDADE...'

mandei o texto do arroque pro LUIS CARLOS MONTANARI, um dos moradores do apê que é motivo da coluna o café do VERMELHO.

ele me retornou.

CLARO QUE LEMBRO. COM EM ALGUM EXAGERO POÉTICO, É TUDO VERDADE. LCMONTANARI.


22 de maio de 2017

NO MAIS FRACO....

SOBROU NO CASO PRA ANDRÉA NEVES,...NÃO IAM PRENDER UM CARA DEMAIS DE 50 MILHÕES DE VOTOS.....

QUE A CLASSE MÉDIA VOTOU EM PESO.....EJÁ AVISARAM QUE O SEN AÉCIO NÃO SERÁ ' PRESO'.

 

ultima seman pra ver gasparotto PELADÃO....

olha no livro aquele que deixam ESCRITO PRA EXPOSIÇÃO QUE TÁ DANDO NOSANTANDER TEM ATÉ PALAVRÃO MUITO CHULO TUDO POR CAUSA DAS FOTOS DO GASPAROTTO, NOSSO QUERIDO COLUNISTA SOCIAL, QUE COMPLETOU 80 ANOS ACHO QUE E ABRIL.

E A FOTO FEITA PELO ROBERTO GRILLO EM QUE ELE TÁ PELADÃO, OU COMO DIZIAM ANTIGAMENTE, COMO SE VEIO AO MUNDO, OU COMO DEUS BOTOU NO MUNDO - O PECADO NA VERDADE TÁ NA CABEÇA DOS HOMENS E MUJERES -TÁLÁ PRA ESCANDALIZAR MUITA GENTE. O PAU DELE, DIGO O ÓRGÃO GENITAL DELE MASCULINO NÃO APARECE NA FOTO. É UM NU ' ARTISTICO'...MAS ATENÇÃO QUANDO ESTA EXPOSIÇÃO FOI PRO IGUATEMI NÃO PODE PASSAR. ESTA FOTO NÃO ,NÃO DEIXARAM. E O GUARACI ANDRADE QUE FOI FOTOGRAFO DO GASPAROTTO POR 15 NAS ZH PERGUNTOU AO GERDAU DURANTE ENTREVISTA PRA TV DELE, A URBANA O QUE ELE ACHAVA DO NU DO GASPAROTTO. O HOMEM DO AÇO DESCONVERSOU. NÃO DISSE NEM SIM, NEM NÃO(,MUITO ANTES PELO CONTRÁRIO...)

 

QUE TALAGAÇo QUE A ZH DEU NO PREÇO DE CAPA???

SERÁ QUE ERRIBIESSE FOI VENDIDA MESMO COMO DIZEM POR AI????SEI LÁ.....falam nuns CHINESES...SEI LÁ

 

MEMORIA DA IMPRENSA

NETA 6, NA MESA DO CAFE NO MAOMÉ, O LAURINHO VENANCIO CONTOU UM FATO NA PRESENÇA DO ESPANHOL.

O PRIMEIRO ANO DO GOV DO PEDRO SIMON FOI UMA SECURA EM PROPAGANDA. O TURCO NÃO DAVA PRA NG.

JUDIOU PRA BURRO INCLUSIVE A ERRIBIESSE.

UM DIA CAIU NA MESA DO JC QUE O LAURO EDITAVA UMA FOTO DO TURCO VENDO OBRAS EM RIO GRANDE, NO PORTO. A FOTO FORA DO ESPANHOL, QUE ERA CUPINCHA DO PEDRO, O TURCO....
- A FOTO ERA TÃO BOA, MAS TÃO BOA, QUE EU RESOLVI DAR A MATERIA, NÃO PELA MATERIA EM SI, MAS PELA FOTO, CONTOU O LAURO. ENTONCES, É ANSIM....(oc)

 

CENAS DO ' SURB'....

LEITORA CORUJANDO FREDERIC NIETZCHE

MIRIAM, MINHA COLEGA DO CLUBE DE CINEMA NÃO FOI NESTE SABADO VER AQUELA ' BOMBA' DE DUAS 'ARTISTAS'- MUITO MAL EDUCADAS, COM AQUELE JEITO DE BRASILEIRO SE OFERECENDO PRA IR A COQUETEL DE EMBAIXADA,EM MOSCOU BEM BRASILEIRO MESMO,SAI POUCO DEPOIS QUE COMEÇOU O FILME - E FOI COMPRAR FRANGO CAIPIRA NA LOJINHA DO MST NO MERCADO. O GALO É CAIPIRINHA MAS O MST TB GOSTA DE DINHEIRO PQ É MAIS CARO QUE 'AMANTE ARGENTINA'...

ENFIM DEPOIS QUE COMPROU SEU GALO CAIPIRINHA E DEU UMA VOLTINHA PELO MERCADO A MIRIAM ENCONTROU NUMA DAQUELAS LOJINHAS DO MERCADO UM LIVRINHO DE 12 PILAS DO FILOSOFO ALEMÃO DO ASSIM FALOU ZARATRUSTA - NUNCA CONSEGUI LER O CLáSSICO - FRIEDERICH NIETZSCHE)FREDRICO ...) ENA VIAGEM NO ' SURB' FOI LENDO ...LENDO...ATÉ QUE PEGOU NO SONO. MAS DO LADO UMA SENHORA BISBILHOTAVA SUA LEITURA. QUANDO MIRIAM PEGOU NO SONO, ELA RECLAMOU:
-ME EMPRESTA ESTE TEU LIVRINHO PRA MIM LER????(OLIDES CANTON)

 

'ANNE ALEGRIA DOS HOMENS....'

SCHNEIDER E RICARDO ARENHALDT MATARAM A PAU ESTA MANHA NA PASTOR DOHMES...[

DO CONCERTO UMA COISA ENGRAÇADA. O MAESTRO OU SEJA LÁ O QUE TAVA LÁ, CONTOU QUE UMA VEZ FORAM TOCAR NEGRINHO DO PASTOREIO NA OSPA. O MAESTRO - DA OSPA - NÃO SABIA QUEM ERA O AUTOR. AUTOR DESCONHECIDO, ARRISCOU

- DESCONHECIDO UMA OVA. ELE DORME TODAS AS NOITES COMIGO, DISSE A ESPOSA DO BARBOSA LESSA.

VIVENDO E APRENDENDO.
AFORA BRINCADEIRAS, ANNE E RICARDO, MAIS O CARA DO SERROTE, ANTONIO FRIZON, MATARAM APAU. O CONCERTO NA MARTIM LUTHER TERMINOU 12 HS EM PONTO. E SE DURASSE MAIS UMA HS NG IA EMBORA....
UMA VEINHA SE JOGOU NO COLO DA ANNE NO FIM DO CONCERTO.

TAVAM LÁ VENDENDO CDS DELE, MAS COMO NÃO TENHO APARELHO, NEM COMPREI...(oc)

PEGUEI UM BELO CONCERTO NESTA TARDE DE SABADO NA CAPELA DO BOM CONSELHO..ANTES TEVE MISSA CLARA. AS FREIRAS SÃO FRANCISCANAS..BELA CAPELA. TEM MISSA TODA SAB AS 4 DA TARDE.

 

FOLCLORE POLITICO DE CAXIAS

BASTIDORES DA ELEIÇÃO MUNICIPAL DE 1968

Descartada a candidatura de Pedro Jorge Simon( então jovem deputado estadual, que fora vereador em Caxias)- como disse no post anterior sobre este assunto - alguns setores do MDB - ' velho de guerra' ,segundo o próprio Simon,queiram que Mansueto Serafini filho fosse o candidato.Diziam que pra este objetivo tinham ' ampla maioria no diretório'.

Serafini tinha então 29 anos.Era considerado pelos mais velhos como muito jovem pra ser candidato a uma prefeitura tão importante quanto Caxias.

Serafini topou a parada e comunicou a estes companheiros que aceitava:apenas impunha uma condição( ele faria assim pelo resto de sua vida pública, sempre impondo uma negociação com quem o queria candidato, ou seja, sabia valorizar seu passe...)

Desta feita, a negociação imposta por Mansuetinho, como é chamado em Caxias, era de que outros candidatos aceitassem disputar também a eleição em sublegendas. Explico:pela legislação da época,cada partido podia ter três candidatos concorrendo(foi assim também na eleição do Senado em 1978, quando a ARENA concorreu com 3 candidatos e perderia pra Pedro Simon).Pela legislação, no final os 3 candidatos somavam seus votos. O que teria feito mais, era o prefeito. Na verdade, Mansuetinho queria que os outros 'trabalhassem ' pra ele....

espertinho o moço....

Mansueto entendia que se concorresse sozinho teria uma responsabilidade muito grande e caso perdesse teria todos os ônus debitados na sua conta(como soe acontecer....)
Os outros dois possíveis candidatos , Artemir Karan e Otarino Travi, comunicaram à direção partidária que não aceitavam concorrer em sublegendas.Estava feito o quiproquó, talvez provocado pelo proprio Mansueto pra se livrar da candidatura, que ele via muito dificil..

Mas aí houve uma entrevista numa rádio, cujos desdobramentos eu conto outra hora....(olides Canton, com subsídios do livro do Manueto sobre Caxias...)

 

Sem hipocrisia

Bah, cara este assunto é tri complicado. O OSMAR TERRA JURA DE PÉS JUNTOS QUE A MACONHA FAZ MAL E PONTO FINAL E DIZ QUE ESTA PROPALADA LIBERALIDADE FORA DAQUI É TROLOLÓ, QUE ELE CHAMA DE ' LOBBY DA LIBERAÇÃO DA MACONHA'(OLIDES)

Enviada: 2017/05/21 19:02:17

Com legalização em 8 Estados, turismo de maconha ganha fôlego nos EUA
Por Fernanda Ezabella/FSP, de Los Angeles
Esqueça os cafés esfumaçados de Amsterdã. Nos EUA, a maconha virou matéria-prima de uma nova indústria bilionária em ascensão, estimulando o surgimento de produtos variados e experiências inusitadas para os setores do turismo e do bem-estar.
Embora legalizada para maiores de 21 anos em oito Estados, a maconha ainda é considerada substância ilegal pelo governo federal no mesmo (nível que a heroína). Seu uso recreativo é controverso entre médicos, que alertam para chances de dependência e a piora em quadros psiquiátricos como depressão, ansiedade e esquizofrenia.
Enquanto a legalização completa não chega e parece mais longe com o governo de Donald Trump, turistas americanos e estrangeiros tomam conta de cidades onde o comércio floresce de forma razoavelmente organizada desde 2014, com lojas que vendem a droga em uma variedade sem fim de produtos, de pastilhas de microdosagem, chocolates finos e refrigerantes a pílulas para cólicas menstruais, géis eróticos e pomadas analgésicas.
"Percebemos que a experiência de comprar e consumir cannabis está mudando", diz a empresária Emily Paxhia, cofundadora do fundo de investimentos Poseidon Asset Management, dedicado a firmas da indústria da maconha, ou cannabis, como preferem profissionais da área.
"Não é mais apenas a procura por ficar bem louco e sim uma busca pela experiência completa. Visitar uma loja agradável e bonita, frequentar clubes sociais. Existem muitas conversas sobre espaços em potencial para degustações", diz ela. "A cannabis sempre teve apelo social. E agora estamos começando a entender como criar experiências ao redor dela".
Analistas afirmam que o mercado tenha potencial de crescer dos atuais US$ 6 bilhões (R$ 19,5 bilhões) para US$ 50 bilhões em uma década, impulsionado sobretudo pela Califórnia, maior PIB dos EUA e o sexto do mundo, à frente de Brasil e França.
Os californianos votaram pela legalização em 2016, e o comércio começará em 2018. É no extremo norte do Estado que ficam as plantações de Humboldt County, um marco zero da produção de maconha da mais alta qualidade no mundo e que abastece todo o país, tanto o mercado legal como ilegal. A região é quase o dobro de tamanho dos vales vinicultores vizinhos de Napa e Sonoma.
No Colorado e em Washington, Estados pioneiros no comércio legal, o turismo da planta está por todo lado. Há panfletos de ônibus que levam a lojas, aulas de gastronomia e visitas a pequenas plantações em estufas, além de diversos sites de hospedagens com casas particulares ou hotéis que recebem usuários sem preconceito. Isso resolve o principal problema do turista, já que é proibido fumar ou consumir em lugares públicos, incluindo nas próprias lojas ou tours.
O BudandBreakfast.com detalha locais onde a droga pode ser usada: pode-se fumar apenas no quintal, só com vaporizador ou, se for liberado, nos quartos.
"Os donos acham que os turistas da cannabis são mais respeitosos e interessantes do que a típica molecada universitária de 20 e poucos anos. Isso minimiza o risco de dano às propriedades", diz o site. O empresário Michael Gordon, 29, começou a Kush Tourism com uma van que circulava por lojas de Seattle. Hoje sua marca que abrange parceiros em seis Estados. O site oferece hospedagem, atividades e até transporte especializados. "As ruas de Seattle, numa sexta à noite, cheiram a maconha, e ninguém parece se importar mais", disse Gordon. "Nunca vi alguém ser multado, mas bom senso sempre ajuda."
Mais de 20% de seus clientes são estrangeiros. "Há muitos do Canadá e Europa. E, por alguma razão, muitos brasileiros e australianos."
Detalhes:
Quais Estados legalizaram o uso recreativo?
?Colorado, Washington, Oregon, Alasca, Califórnia, Nevada, Massachusetts, Maine e o Distrito de Colúmbia, onde fica a capital, Washington
Qualquer pessoa pode fumar maconha nesses Estados?
?Não. Apenas maiores de 21 anos
O consumo é permitido em qualquer local??
Não. Continua ilegal fumar em público, mesmo em parques nacionais, o que pode levar a multas; fumar no carro, só se autorizado pelo motorista e apenas no banco de trás, na maioria dos Estados; hotéis, restaurantes e bares costumam ter regras rígidas contra cigarros e drogas
É permitido andar com maconha no bolso??
Sim. Na maioria dos Estados, até com 28 gramas da droga. Na capital Washington, até 56 gramas
Pode-se comprar maconha??
Sim. No Colorado, diz-se que há mais lojas de maconha do que Starbucks. Na Califórnia, assim como em outros Estados que passaram a lei em 2016, só haverá venda para uso recreativo em 2018
Onde se pode fumar, então??
Em qualquer ambiente particular, como na casa de um amigo, um clube fechado, um hotel adepto da prática
É possível levar produtos de maconha para o Brasil??
Sementes, chocolates e cigarros são proibidos. Shampoos, cachimbos e produtos que não causam efeito podem, em tese, entrar no país
O que deve mudar com Trump na Presidência?
Durante a campanha, ele falou que respeitaria as decisões dos Estados; depois de eleito, indicou como secretário da Justiça Jeff Sessions, que é contra a legalização em âmbito federal e pediu uma revisão das políticas atuais.

 

Cyro da Rádio Gaucha processa o Prévide

COLEGUINHA PROCESSANDO COLEGUINHA

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/19 22:30:32

Olha o que achei, o Cyro Martins gerente da Rádio Gaúcha está processando o Prévide.
Segue imagem do site do TJRS anexada.

 

Vamos curar o doente, diretas para Presidente

O REKERN QUER VOTAR KKK(oc)

De: "Renato Kern"
Para: olidescanton@bol.com.br

Vamos curar o doente, diretas para Presidente.

O governo Temer termina neste fim de semana. A única solução para o Brasil é a eleição direta para presidente já. Se deixarem o Maia assumir, suas implicações com corrupção e propina só o deixarão lá em cima alguns dias. Assumindo o presidente do Senado, o mesmo vai acontecer. Até chegarem na Presidenta do STF o Brasil já afundou mais ainda. Democracia é sempre o melhor remédio.

 

A CASA DOS GOLPISTAS CAIU

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/19 11:19:28

O STF e a PF agiram rápido, suspenderam o mandato de senador do Aécio Neves e colocaram sua irmã e um primo na cadeia. Quanto ao Temer, cada dia que fica no Planalto são mais 1% na conta eleitoral do Lula. A cambada da Aécio e do Temer saqueiam o país desde criancinhas e agora desesperados se borram de medo de dividir uma cela com Eduardo Cunha no Paraná. A oposição, acrescida de nomes da própria base aliada dos golpistas, já colocou nas ruas o movimentos para eleições diretas já. Campanha esta que pode dar certo, pois o Congresso conta com grande parte de seus nomes investigados na Lava Jato.

Ironicamente quem selou o fim dos golpistas foi seu porta voz, a Rede Globo. Claro a mando dos patrões que alucinadamente tentam se descolar dos ladrões que colocaram lá em Brasília.

 

Sartori e a JBS

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/20 11:03:08

JBS informa

 

Aparece o 1º jornalista na delação da JBS

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/20 16:13:54

Aparece o 1º jornalista na delação da JBS

Delator da JBS diz que jornalista Cláudio Humberto, ex-assessor de Collor, o extorquia.
Mas parece que tem muito mais.

 

SINDUSCON-RS ANUNCIA VENCEDORES DO SINDUSCON PREMIUM 2016/2017

O Sindicato das Indústrias da Construção Civil do Rio Grande do Sul (Sinduscon-RS) anunciou os vencedores do Sinduscon Premium 2016/2017 sendo a Melnick Even agraciada com o título Empresa do Ano, por ter alcançado a maior pontuação na soma de todas as categorias. O Reconhecimento do Ano foi para o eng. José Carlos Cervieri, da Cervieri Engenharia, que teve destacada atuação na entidade. A entrega do prêmio será realizada durante solenidade programada para o dia 29 de maio próximo, às 20h30min, na Associação Leopoldina Juvenil, em Porto Alegre.

Resultados finais
Destaque Acadêmico

Ouro

UFRGS – NORIE – Núcleo Orientado para a Inovação da Edificação

Case Dióxido de titânio (TiO2): nanomaterial inovador para promover a autolimpeza de fachadas expostas ao microclima urbano e evitar a biodeterioração em prédios históricos

Prata

Unisinos – ITT – Instituto Tecnológico em Desempenho e Construção Civil

Case Resistência ao fogo das paredes estruturais com função de compartimentação

Bronze

UFRGS – NTU - Núcleo de Tecnologia Urbana

Case MASTERPLAN 4D - Operação Urbana Consorciada para Revitalização Urbana e Reconversão Econômica do 4º Distrito de Porto Alegre

Destaque em ações e práticas sustentáveis

Ouro

Delpro e Torres & Bello Arquitetos - Sustentabilidade Net Zero e Bem Estar

Prata

Melnick Even - Memorial Eucaliptos - Uma praça feita de Histórias

Bronze

Rotta Ely - Lovely Place for People: a inserção social e a valorização das equipes de canteiros de obras através da Cultura RottaEly

Destaque em processos internos

Ouro

Rotta Ely - Uso de Fintechs para obtenção de Funding

Prata

Tedesco - PHEO na obra de expansão do Hospital Moinhos de Vento — viabilizando um projeto construtivo desafiador

Bronze

Vêneto - Projeto Vida Melhor

Destaque mercadológico

Ouro

Melnick Even - Planejamento e soluções mercadológicas para empreender 12 lançamentos em época de crise

Prata

Melnick Even - Experiência Digital - imersão inovadora na construção civil

Bronze

Rotta Ely – Nocaute Rotta Ely

Destaque tecnológico

Ouro

Melnick Even – Fen eletrônica: tecnologia embarcada nos canteiros da Melnick Even

Prata

Melnick Even - Vídeo IT-EX Tecnologia para o desenvolvimento de equipes no canteiro de obras

Bronze

Forma - Moinhos Chroma

Empreendimentos de empresas de pequeno e médio porte

Ouro

SMART - Iguaçu - arquitetura que flerta com a arte

Prata

Censi Incorporadora e Torres & Bello - L'Adresse Reserve

Bronze

Allgayer – Fly Design Studios

Empreendimentos de pequeno e médio porte

Ouro

TGD - IN 1183 — A TGD constrói a ponte entre passado, presente e futuro e atinge grandes resultados no auge da crise do setor imobiliário

Prata

Melnick Even - Supreme Central Parque Residencial de melhor performance comercial da Melnick Even

Bronze

Melnick Even - DOC Santana Inteligência em empreendimentos comerciais

Produto ou empreendimento de grande porte

Ouro

Engenhosul – Unisinos Porto Alegre

Prata

Melnick Even - Grand Park Lindoia - A vida em equilíbrio

Bronze

Viezzer – Residencial Brasil

EMPRESA DO ANO

MELNICK EVEN

RECONHECIMENTO SINDUSCON-RS 2016/2017
JOSE CARLOS CERVIERI

 

do Espaço Vital

Nossos comerciais

Chargista Ivan Cabral

Não bebo e não beberei daquele refrigerante que dizem ser o mais vendido no Mundo. Já bebi, misturado a destilados fortes, no tempo da “Cuba Libre” e do “Samba”. Mas não mais: tem aparência de esgoto, cheiro de cachorro molhado e sabor de banana podre. É, provavelmente, o maior triunfo da propaganda (e da química) em todos os tempos, esse da beberagem ruim, malcheirosa e insalubre sobre todos os nutritivos, deliciosos e saudáveis sucos.

Nunca reservarei um quarto através daquele sítio digital que oferece todos os hotéis do orbe pelo menor preço, o dia inteiro (e a noite também) em meio a todos os programas, em todos os canais televisivos. Há mil formas de escolher hospedagem sem tutela eletrônica e sem pagar comissão a atravessadores e picaretas. E sem aquela incômoda sensação de fazer parte da manada submissa.

Já ajudei com dinheiro uma organização caritativa cujos resultados até hoje admiro. Não lhe dou mais um tostão, desde quanto descobri que, das contribuições desembolsadas por otários como eu, sessenta por cento ficavam pelo caminho. Esse é o percentual represado por intermediários, divulgadores e bicões em geral – aos quais pouco se lhes dá que a assistência prestada na ponta beneficie cem ou dez carentes, ou nenhum. Hoje, trato de saber muito bem a quem ajudo, sem intermediação.

Algumas grandes empresas – bancos, operadoras de telefonia, fornecedores de bens e serviços imprescindíveis – competem entre si pela preferência da clientela, mas a publicidade de cada uma delas é rigorosamente idêntica à das demais. Não há muito o que inventar, e o consumidor está previamente condenado a ser vítima de uma delas. Se omitida a referência ao agente, ou a algum pequeno detalhe, slogan ou logotipo, todos os anúncios se igualam (como, de resto, os próprios serviços).

Quando o telefone toca, já sei da probabilidade de ser alguém vendendo o que não quero nem preciso. O dispositivo de correio eletrônico abarrotado de lixo publicitário é uma das maldições do nosso tempo, e filtro algum (mesmo o anunciado como o melhor de todos) nos livra dela. Duas grandes invenções – a propaganda e a internet – conjugaram-se para confirmar o que dissera Sartre: o inferno são os outros.

Se a esses ingredientes agregarmos um terceiro, o político, chegamos à perfeição: a propaganda eleitoral. Não importa qual seja, a de João Santana e Marcos Valério ou aquela que interrompe a programação do horário nobre para mostrar imagens e discursos invariáveis, mostrando ao público que é possível um mundo perfeito desde que você vote no Fulano. Não vem ao caso se esse abnegado benfeitor é um daqueles que, minutos antes ou depois, protagonizam as notícias mais arrepiantes.

Tenho especial aversão à publicidade governamental, sustentáculo maior das agências especializadas. E sei bem por quê: nunca logrei compreender a necessidade que possa ter um governo, entidade sem competidores, de apregoar suas virtudes. O erário quebrado, inadimplente contumaz e assumido, gasta o que não tem em anúncios de página inteira (ou minuto inteiro) que ninguém vê. Provavelmente, caloteará também os pregoeiros do “Estado de todos”.

Admiro trabalhos feitos com talento, dedicação e competência. Tive certa proximidade com Rodolfo Martensen, pioneiro da teorização do marketing no Brasil e pessoa excelente. Mas sua obra tomou rumos que ele não imaginaria; o meio tornou-se fim em si mesmo e hoje mais atormenta do que ajuda. Justiça se faça ao velho sonhador: a praga teria vindo mesmo sem os seus feitos, pois o fenômeno não é exclusivo do nosso País. Se aqui avançou mais, foi por conta da Lei de Gerson.

 

do Comunique-se

Após bancar renúncia, Noblat garante que permanência de Temer é temporária

Imagem do rosto de um presidente da República visivelmente abatido acompanhada do título “Temer decidiu renunciar”. Esses foram os elementos de destaque do post divulgado pelo jornalista Ricardo Noblat no blog que mantém no site de O Globo. A informação de que o peemedebista estaria prestes a se despedir do Palácio do Planalto foi divulgada às 15h06 desta quinta-feira, 18, mas não se confirmou (ao menos por enquanto). Por volta das 16h, o político, denunciado em delação do empresário Joesley Batista, garantiu que seguirá como chefe de Estado.

“Não renunciarei. Repito: não renunciarei”, disse Temer em pronunciamento para a imprensa que foi transmitido ao vivo pela página oficial do governo federal no Facebook. Ao discursar, o presidente rebateu a acusação de que solicitou ao dono do grupo JBS a continuação de pagamento de propina para o ex-deputado federal Eduardo Cunha. Ele ainda garantiu não temer delações e disse que irá provar sua inocência no Supremo Tribunal Federal (STF). As denúncias contra o sucessor de Dilma Rousseff foram veiculadas com exclusividades pelo site de O Globo, em reportagem produzida por Lauro Jardim e Guilherme Amado.

Com o posicionamento de Temer nesta tarde, Noblat usou o Twitter para explicar que não cometeu nenhuma “barriga”, termo usado por profissionais do jornalismo para se referirem a erros cometidos por veículos de comunicação. O colunista de O Globo afirmou que a “permanência de Temer é temporária”. Alguns internautas, entretanto, não aceitaram o posicionamento público do jornalista. Pela rede social, teve gente chamando ele de “fofoqueiro”, “cara de pau”, “idiota” e “irresponsável”. Outros usuários do microblog ironizaram a informação anterior do analista político por meio de memes.

Dura a vida de jornalista… A política é como uma nuvem e os leitores não entendem. A permanência de Temer é temporária. Aguarda a fita.

— Blog do Noblat (@BlogdoNoblat) May 18, 2017

O que Noblat tinha afirmado
Em seu blog, Ricardo Noblat garantiu que Michel Temer renunciaria ao cargo de presidente da República ainda nesta quinta-feira, 18, e que para tal já tinha conversado com ministros. “Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, já foi avisado sobre a decisão de Temer. Ele o substituirá como previsto na Constituição, convocando o Congresso para que eleja o novo presidente que governará o país até o final de 2018”, pontuou o jornalista em texto que foi divulgado pela fan page de O Globo [e teve mais 56 mil reações, 49 mil compartilhamentos e 6 mil comentários]. O texto seguiu no ar mesmo após o pronunciamento de Temer.

 

do Miron Neto

Quebra de ônibus da Citral deixa os passageiros a pé

Não param os relatos sobre problemas com ônibus da Citral, responsável pela maioria das linhas intermunicipais de transporte coletivo que passam por Gramado. Na terça-feira (16), um ônibus quebrou entre a Várzea Grande e o bairro Três Pinheiros, por volta de 16 horas. Ali ficou até às 19 horas, quando um guincho foi removê-lo, já que estava ocupando boa parte da pista de rolamento no sentido Várzea Grande/Gramado.
Outro leitor relata o problema de uma quebra de ônibus que faz a linha "executiva" entre Gramado e Porto Alegre, na RS-020, em Morungava. Para não perder o voo no aeroporto Salgado Filho, dois passageiros chamaram um táxi, que custou R$ 160, e pediram ressarcimento à Citral, que imediatamente fez a reposição.

MP de Canela abre inquérito sobre vagas em creches

O Ministério Público de Canela instaurou inquérito civil com o objetivo de investigar atos de improbidade administrativa em relação à contratação de vagas escolares de educação infantil pelo Município, que foram terceirizadas parcialmente no governo de Cléo Port (PP). As investigações, por ora, seguem em sigilo.
Segundo o promotor Paulo Eduardo Vieira, até o momento, com base na documentação constante do procedimento investigatório, foram verificados indícios de irregularidades graves cometidas a partir de 2013. Se forem confirmados os indícios, poderá haver, além das sanções previstas na Lei de Improbidade, repercussão na esfera criminal, informa o Ministério Público de Canela.

 

Jornal do Comércio circula com o Especial Gastronomia e Vinhos

Circula amanhã o especial Gastronomia e Vinhos do Jornal do Comércio. Os conteúdos focam na excelência da culinária local, com matérias exclusivas sobre receitas, dicas de harmonização, além de trazer histórias das principais vinícolas gaúchas. Um suplemento realizado para quem gosta de saborear uma ótima refeição, acompanhada de um vinho de qualidade.

Neste especial multiplataforma você vai poder conferir as principais novidades e tendências dos setores e as curiosidades em gastronomia e turismo da região da Serra Gaúcha. A matéria principal mostrará a crescente valorização dos ingredientes locais na gastronomia e vai abordar a força do vegetarianismo, que conquista cada vez mais adeptos.
O Jornal do Comércio está em todas as plataformas para levar o melhor conteúdo aos seus leitores em qualquer tempo e lugar. Estes conteúdos poderão ser acessados através dos sites www.jornaldocomercio.com e www.portalderelacionamentojc.com.br.

 

Fabiano Pereira cumpre agenda em Candelária

O Governo do Estado está investindo na infraestrutura das escolas da rede estadual de ensino, oportunizando aos alunos e professores condições adequadas para o ensino.

A Escola Estadual de Ensino Fundamental Eveline Fonseca de Oliveira, localizada no interior do município de Candelária, está sendo beneficiada com a reforma das salas de aula, cobertura, calçamento e a ampliação do refeitório, investimento de R$ 660 mil. A obra retornou quinta-feira ao seu estágio normal.

O secretário Estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Fabiano Pereira acompanhado do prefeito de Candelária, Paulo Roberto Butzge e da presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Cristina Beatriz Rohde vistoriou na tarde desta sexta-feira (19), o canteiro de obras da escola.

O secretário de Obras, Fabiano Pereira destacou a importância de vistoriar e acompanhar de perto o desenvolvimento e as etapas dos projetos, assim como a execução das obras em todas suas etapas até a sua conclusão.

Estiveram acompanhando a visita do secretário, o coordenador regional de Obras, Cristiano Severo, o engenheiro da CROP, Alisson Vargas da Cunda, o coordenador regional de Educação, Luiz Ricardo Pinho de Moura, o vereador, Gésimo Daniel Bernard, além do diretor da escola e os empresários responsáveis pela execução da obra.

 

Nova sede do IGP pauta reunião entre os secretários de Obras e da Segurança

Uma das prioridades da Secretaria de Obras, Saneamento e Habitação do Estado é a força-tarefa com foco na liberação e execução de obras e projetos prioritários para a área da Segurança Pública. O titular da secretaria estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Fabiano Pereira, reuniu-se, na quarta-feira (17), com o secretário estadual da Segurança Pública, Cezar Schirmer, para alinhar as ações, tendo como objetivo principal as obras do Centro Regional de Excelência em Perícias Criminais do Sul, nova sede do Instituto-Geral de Perícias (IGP), que foram retomadas em fevereiro.

A nova sede abrigará a administração central do órgão, as direções de departamento e todos os laboratórios responsáveis pelos laudos periciais. Servirá, também, como núcleo de treinamento e intercâmbio de conhecimento para profissionais da área. “Estamos trabalhando para destravar as obras, como o IGP, para que o governo adquira a velocidade que o Estado necessita. Estamos à disposição da Secretaria da Segurança Pública”, destacou Fabiano Pereira.

Para o secretário Cezar Schirmer, a construção do Centro Regional de Excelência em Perícias Criminais do Sul representa um grande avanço para o sistema de segurança pública do RS. “Hoje, já somos referência em perícia para o Brasil. Tenho a convicção de que a nova estrutura permitirá que tenhamos um centro de excelência, o melhor da América Latina”, disse.

O prédio está sendo erguido no terreno entre a sede da Secretaria Estadual da Segurança Pública e a Estação Rodoviária de Porto Alegre. A obra é fruto de convênio firmado entre o Ministério da Justiça e Segurança Pública e o Governo do Estado. O projeto prevê a construção de cinco unidades, uma em cada região do Brasil, sendo que a obra gaúcha é a que se encontra em estágio mais avançado. A obra possui valor total de R$ 29,2 milhões. Destes, R$ 25,9 milhões são recursos do governo federal, com contrapartida do governo do Estado de R$ 3,3 milhões.

Participaram da reunião, ainda, a diretora do Departamento de Obras Públicas, Roberta Campani, o diretor da Coordenadoria Estadual de Obras Públicas (Ceop), Ricardo Todeschini, o assessor técnico Odir Baccarin e a diretora do Departamento de Regularização Fundiária e Reassentamento (Derer), Lisiane Manassi Gomes.

 

do Boteco do Ilgo

Grêmio vira o jogo com maturidade e determinação

Teve a falha de Grohe no gol do Fluminense logo no início – antes de algum jogador suar a camisa -, os dois gols de Lucas Barrios, um autêntico ‘fazedor de gols’; a atuação exuberante de Luan; o desempenho estupendo da dupla Geromel/Kannemann – vacilo apenas no gol do adversário -; o gol de Arthur, a descoberta do ano; e, claro, a arbitragem que deixou o pau comer e permitiu a caça a Luan, e que, espertamente, só passou a usar o cartão amarelo quando o jogo já estava decidido.

Eu poderia me deter nesses aspectos do jogo, mas fico com algo maior, mais abrangente, algo que dá ao torcedor gremista – não a todos, claro – a convicção de que o Grêmio está se revelando um time maduro, consciente de seus problemas e de suas virtudes. Afinal, largar sofrendo um gol logo aos 4 minutos, de um time forte como o treinado por Abel Braga – e ter serenidade e determinação para buscar o empate – com o juiz conivente com a violência dos cariocas, e depois virar, podendo ainda aplicar uma goleada, não é pouca coisa. Não é pra qualquer um.

Se tivesse havido um resultado negativo do Grêmio – previsto pelos que não confiam no trabalho de Renato e da diretoria de futebol – o discurso nas redes sociais seria marcado mais uma vez pelo mantra da ‘terra arrasada’, que nada presta e tudo precisa ser mudado. Não faltariam aqueles, sempre os mesmos, para dizer que Renato havia levado um nó tático.

Curioso, quando o Grêmio ganha, ninguém diz que Renato deu o tal ‘nó tático’. No caso, seria o festejado e endeusado – aqui na aldeia – Abel Braga, que só parou de mascar chiclete quando sofreu a virada.

GOLS

A virada começou com Arthur invadindo a área depois de tabelar com Barrios. Ele driblou o goleiro com a tranquilidade de um veterano e empatou.

No segundo tempo, outro gol de jogada ensaiada de um técnico que ‘não treina, só quer saber de jogar vôlei’. Luan cobrou, Kannemann desviou para a segunda trave, onde apareceu Lucas Barrios.

O terceiro gol começou com Éverton, que viu Cortez. E este, com visão de jogo e precisão, cruzou na medida para Barrios dominar e meter a bola no canto oposto ao do goleiro.

Quero registrar que ali pelos 18 minutos do segundo tempo, jogo ainda indefinido, houve pênalti em falta cometida sobre Léo Moura.

INTER

Já o Inter perdeu para o Palmeiras. Foi 1 a 0. Para um time da série B, pode-se dizer que perder por 1 a 0 não chega a ser mau resultado.

O Palmeiras, festejado por muitos aqui na aldeia – não por mim – penou para bater o time da segundona, revelando que não está com essa bola toda.

Digo mais, o Inter tem todas as condições de reverter na volta, no Beira-Rio.

 

DE SERAFINA

POR ROBERTO ARROQUE

" Quando os serafinenses que estudavam em Porto Alegre,nos últimos anos da década de 60,se encontravam, não podia faltar o cafezinho.

Caminhava-se até 10 quadras para ir tomá-lo no CafÉ Rian.Ou senão, melhor ainda,ia-se na Cafeteria Haiti, onde o faziam com espuma alta que até o último gole ainda havia espuma. Seria o ' café expresso', hoje tão famoso,mas que naquele tempo não tinha ainda assumido este nome fora da pátria italiana.

Quando eu fui morar junto com os irmãos e primos Montanari,,seguidamente, todos os companheiros de moradia,iam a uma destas cafeterias.
No apartamento que morávamos,os estudos eram banhados a café. Fazíamos rodízio de quem o fazia, um de cada vez. Mas nem sonhando que o nosso -sempre Nescafé solúvel - chegava perto àquele que tomávamos no Café Rian ou na Haiti.
Então, muitas vezes,logo que tomávamos o café que nós fazíamos, corríamos a cafeteria para tirar o gosto do nosso café tomando por cima uma xícara daquele bom.

Porém, no nosso cafezinho feito em casa, um dos companheiros de moradia, se destacou por ser o que melhor o aprontava: Renato Montanari, que nós chamávamos, o ' Vermelho'. Por causa do seu Nescafé ser o melhor ,seus primos - com pouca vontade de fazer café e muito de tomá-lo - começaram a elogiar o ' Vermelho' sempre mais ,até mesmo quando o café que ele fazia não era assim tão bom.

Com esta estratégia, eles queriam que ele se orgulhasse e que então ele chamaria pra si a tarefa de bater o pó solúvel aos demais.

O Vermelho, no entanto, era muito esperto. De fato ele gostava da arte de aprontar o café. E por isto que ele quase sempre aceitava fazer este trabalho de arrodear a colher.

E o Vermelho se esforçava para tornar o seu café sempre melhor.
E desenvolveu uma técnica de fazer uma espuma crescer até um dedo.

Com o tempo ele foi refinando sua arte. Tinha chegado ao ponto que batia o Nescafé com a espuma de dois dedos.E mais adiante, com a espuma de três dedos.

E tantas vezes ele batia num copo ao invés de uma xícara para verem que a espuma era mais alta do que a da cerveja.

E quando o tomava a saborosa espuma se mantinha se mantinha em volta da xícara até que se via o fundo.

Mas eu disse que o Vermelho era muito esperto.Então, uma certa vez,ele dizia que era hora dos demais também fazerem café.

Só pra ele vê-los passando vergonha.

Eu junto quando era minha vez de fazê-lo.

Era o momento clássico de olhar alguém que se matava de tanto fazer força com aquela colher.

E dele dar voltas...
Mas batida por outro, a espuma do Nescafé depois de um pouco se negava a crescer.Só quando era o Vermelho que batia ela crescia com muita vontade que parecia até que tivesse fermento.

O Café Rian e a cafeteria Haiti perderam alguns fregueses.Porque o nosso café - a não ser quando o Vermelho se aborrecia e não o fazia -era bem melhor do que os deles,mesmo que fosse de pó solúvel.

Até que um dia o Vermelho mudou-se Então os que ficaram no apartamento tocava um de cada vez bater o café. Mas apenas dois ou três dias depois viu-se um sorridente garção da cafeteria Haiti, me dizendo:
- Olha só depois de tanto tempo, os italianinhos de Serafina voltaram.Pensei que tivesse acontecido alguma coisa...

O líquido espumante que o garção do Haiti nos serviu no dia do nosso retorno era muito bom como sempre., Mas, enquanto que o saboreávamos, Gilberto Montanari,irmão do Vermelho, disse, suspirando:

- Ah, que saudades do meu irmão Vermelho. Ainda que estivesse ainda aqui em Porto Alegre.

- Sim, pra ti abraçar-lo de tanta saudade....

- Não,não por isto....respondeu Gilberto, Somente pra ele fazer o café....

( Publicado originalmente no GAZETA REGIONAL, DE SERAFINA)


19 de maio de 2017

TEMMER NÃO CAI....A NÃO SER QUE TIREM ELE

PELO DISCURSO QUE OUVI AGORA NA VOZ DO BRASIL, ELE NÃO RENUNCIA. NÃO ADIANTA O REKERN, A LUCIANA E T CATERVA CRUZAR OS DEDOS. O VEIO É FODÃO....É POR ISTO QUE ....DEIXA PRA LÁ.....

 

O MINISTRO ANTI CANNABIS

PROVADO PELAS REPÓRTERES, QUE NÃO SEI QUE MOTIVO, TINHAM UMA ESTRANHA TENDENCIA A DEFENDER ' TRAFICANTEZINHO' - VAI VER É O EXTINTO MATERNO-TERRA DISSE QUE O BRASIL VIVE UM TSUNAMI DA DROGA.IMAGINO QUE O TERRA TENHA DADOS QUE POUCA GENTE CONHECE. ELE É UM ESTUDIOSO DO ASSUNTO. E DEU DADOS. DISSE QUE O MAIOR NUMERO DE CASOS DE INTERDIÇÃO DE JOVENS O SÃO PELA DROGA.

DISSE QUE HÁ UM LOBBY PELA LEGALIZAÇÃO DA MACONHA. ESTA É UMA BOA PAUTA QUE A GRANDE MIDIA NÃO CUMPRE( COLEGUINHAS SÃO CHEGADOS NUM FUMINHO E EM OUTRAS COSITAS MAIS) APRESENTOU DADOS ESTARRECEDORES COMO O DO MEDICO DO CLINICAS DE PA QUE FEZ PESQUISA PROVANDO QUE A MAIOR CAUSA DE ACIDENTES DE CARROS É DE GENTE ' ENMACONHADA' - EU CRIEI A EXPRESSÃO -FICANDO O ALCOOL, OUTRA DROGA, LEGALIZADA PELO LOBBY DO ALCOOL, COMO O SEGUNDO CASO DE MAIOR NUMERO DE ACIDENTES DE CARROS.

FUI NA COLETIVA QUERENDO OUVIR O MINISTRO SOBRE POBREZA NO BRASIL E ELE DEU UMA AULA DE DROGAS E SUA ATUAL DIMENSÃO NO PAIS, PROVOCADO PELAS ' JOVENS REPORTERES' QUE ESTRAHAMENTE FAZIAM A DEFESA DOS ' TRAFICANTEZINHOS' DE MENOR MONTA O QUE IRRITOU MUITO TERRA(OLIDES CANTON)

ESTRANHAMENTE UMA COLEGA ARGUMENTOU COM O EXEMPLO DA LIBERAÇÃO NA HOLANDO. TERRA DISSE QUE NÃO É BEM ASSIM COMO SE DIZ POR AQUI A TAL DA LIBERAÇÃOD A MACONHA NA HOLANDA. QUE É APENAS EM LOCAIS MUITO RESTRITOS. PENSEI. BOM AQUI NA PRAÇA ANDRÉ FORSTER FUMAM LIVREMENTE E NG NUNCA FAZ NADA....JÁ ATÉ ME OFERECERAM..

- TIO VAI UM PEGA AI....

- GUARDA ESTA MACONHA VAGABUNDA, DISSE PRO GURI.

 

A COBRADORA DO T9

ELA SABE TUDO O QUE ROLA NA DIREÇÃO DA EMPRESA. TÃ SEMPRE LIGADA NA REDE SOCIAL...

 

TARDE EM ITAPUÃ....

ENGRAÇADO É QUE O PESSOAL QUE VIAJA NO BUS TODO SE CONHECE. E CONHECEM O COBRADOR. VEM MATRAQUEANDO COMO VEIAS COMADRES. O INTERIOR É ISTO.

E NA IDA PRA IR AO TAMBO - 2KM DE ESTRADA DE CHÃO - PEGUEI UMA CARONA DE UM CAMINHONEIRO QUE ADOREI. ME LEMBREI DOS ANOS QUE EU PULAVA NOS CAMINHÕES NA CORDILHEIRA DOS ANDES PRA CIMA E PRA BAIXO.

VIVER É MUITO BOM...(oc)

LIGUEI AGORA CEDO PRO PARQUE DE ITAPUA ATRÁS DOS HORÁRIOS DOS ONIBUS. A GUARDA ME DEU O QUE QUERIA E AINDA ME INFORMOU QUE A PRAIA DAS POMBAS ABRE DAS 9 AS 19 HORAS. COMPRA DE BILHETES ALI NO LOCAL MESMO. AGORA A PRAIA DAS POMBAS ABRE 5,6,SAB E DOMINGO. DEMAIS DIAS NÃO. PODE CONTATAR 34948083 OU 8082

INFORMÇÃO UTIL É PRIORIDADE.

OS BUGIOS RONCAVAM FEROZMENTE QDO CHEGUEI PERTO DO MEIO DIA....COMPREI MEU LEITE NO TAMBO DO ZÉ E VIMMEBORA. AINDA PEGUEI O MESMO ONIBUS QUE PEGUEI PRA IR.

ITAPUÃ TAVA PRA CHUVA. UM VENTO DO CÃO. MAS LINDO DIA DE OUTONO, VESPERA DE INVERNO....

UMA MALA DE UM VEIO QUERIA SABER PQ EU EU ATE ITAPUA BUSCAR LEITE. SE TEM MAIS PERTO.

- PQ O TAMBO É MEU E O SR. TA PERGUNTANDO MUITO PRO MEU GOSTO. ELE NÃO PIOU MAIS.

O PASSEIO FOI LEGAL. NO ALAMBIQUE COMPREI CACHAÇA DA BOA, CANINHA MESMO, LICOR DE CANELA E UM LINGUÇA QUE DA PRA POR NO FEIJÃO.

ENFIM, ASSIM VAMOS NOS....TOU OLHANDO PRAAQUELES SITIOS A VENDA. QQ HORA LIGO PRA UM...E COMPRO UM MINHA CASA, MINHA VIDA EM ITAPUÃ....

 

COMEMORAÇÃO DA FAMÍLIA BOTTIN



No próximo domingo (21/5/2017) acontece a comemoração dos 138 anos da chegada do primeiro imigrante da Família, Michelle Bottin, vindo da Comune de Montebelluna, Provincia de Treviso, Itália, o que ocorreu em junho de 1879.
Depois em 1888, chegaram os irmãos Angelo e Liberalle Bottin, primos de Michelle, que se espalharam pelo Brasil, principalmente no RS, SC e PR.
A festa da Família Bottin, acontecerá no próximo domingo, 21/5/2017, no Restaurante e Pousada Fornasier, na localidade de Linha Jansen – Pinto Bandeira-RS, Km 10 da Estrada do Barracão que liga Bento Gonçalves a Pinto Bandeira. Tel: 054.2521.2666.
Para maiores detalhes sobre a comemoração, os interessados, poderão contatar com Romano Bottin, fone: 051.99982-1073.

 

EMPRESÁRIOS DO 4º DISTRITO APOIAM PPPs PARA CENTRO DE EVENTOS E PROJETO 4D

Os empresários instalados do 4º Distrito de Porto Alegre estão interessados em participar de parcerias público privadas com a Prefeitura em projetos na região segundo informou o presidente da Associação das Empresas dos Bairros Humaitá e Navegantes (AEHN), Luiz Carlos Camargo. Entre outros empreendimentos em que as PPPs poderão ser realizadas incluem-se o projeto 4D – Distrito de Inovação e a construção do Centro de Eventos da Capital.
A manifestação foi feita pelo presidente da Associação em encontro com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Ricardo Gomes que destacou a importância da colaboração entre a Administração pública e a iniciativa privada até em função das dificuldades orçamentárias para o atendimento das diferentes demandas da população.
Destacou ainda o secretário que é necessário o estabelecimento de uma política municipal definindo as contrapartidas exigidas nos empreendimentos objeto das parcerias para coibir eventuais excessos que acabam afastando os potenciais investidores.

 

Violência contra animais: boicote o XIII Fantaspoa

O Fantaspoa Festival Internacional de Cinema Fantástico de Porto Alegre deste ano vai exibir no dia 27 de maio o filme 'cult' Holocausto Canibal. Para quem não conhece a obra (https://www.youtube.com/watch?v=Ed-q4O3BQqM), inclui o esquartejamento de uma enorme tartaruga. A exibição será no Capitólio à meia-noite, com presença do diretor, o italiano Ruggero Deodato. A entrada é franca, pois conta com patrocínio da Petrobras e Ministério da Cultura. A Vanguarda Abolicionista propõe boicote ao evento, pela promoção de uma obra (?) que espetaculariza a morte de animais não-humanos, além de cenas de estupro, empalamento e feto arrancado de uma grávida. Manifeste seu repúdio escrevendo para fantaspoa@fantaspoa.com e https://www.facebook.com/Fantaspoa.

 

SÃO FÉLIX DE CANTALÍCIO, o primeiro irmão leigo Capuchino canonizado


11_felix_de_cantalicioSão Félix de Cantalício foi uma das mais populares e mais características figuras da Roma do século XVI. Nasceu na aldeia de Cantalício, pequena povoação no sopé dos Apeninos, próximo de Rieti, no ano de 1515. Até aos 30 anos, trabalhou no campo, como agricultor, viajando, depois, para Roma, não, porém, para gozar dos divertimentos da gente da cidade nem para melhorar a sua condição de pobre e humilde aldeão.
Entrou como irmão leigo na Ordem dos Capuchinhos e, a partir de 1547, até à sua morte em 1587, dedicou-se a pedir esmola de porta em porta no Convento de São Nicolau, hoje chamado de Santa Cruz dos Luccesi. Passava pelas ruas de Roma, com o seu áspero e pobre hábito, pedindo esmola, não só para o Convento, mas também para os pobres e para os doentes. A todo aquele que lhe dava qualquer coisa dizia sempre: Deo gratias – Graças a Deus! Aos que não lhe davam nada, dizia também: Deo gratias. Por isso, bem depressa começou a ser conhecido pelo nome de Frei Deo gratias.
Simples, mas cheio de espírito religioso; humilde e sábio, certamente com a sabedoria que vem do alto, exortava a todos à caridade, ensinava às crianças cânticos fáceis que ele mesmo dirigia.
São Filipe de Neri, o apóstolo florentino dos romanos, deu logo por ele e tornou-se o seu grande amigo. Quando São Filipe o encontrava na rua, pedia-lhe publicamente conselhos e ensinamentos. A simplicidade espontânea e popular de Frei Félix rodeava-o de uma admiração gratificante. São Carlos Borromeu tinha-o em grande consideração, como muitos outros prelados que reconheciam naquele inculto, mas tão espiritual capuchinho, uma capacidade intelectual extraordinária. Predisse a Sisto V que este seria Papa e aconselhou-o a comportar-se dignamente quando o fosse. Viram-se muitas púrpuras cardinalícias e dignidades prelatícias a inclinar-se diante daquele aldeão, vestido de hábito capuchinho.
Félix tinha temperamento místico. Dormia apenas 3 horas por dia. O resto da noite consagrava-o, na igreja, à oração, na contemplação dos mistérios da vida de Jesus. Comungava todos os dias o Corpo do Senhor. Nos dias santos era seu costume fazer a peregrinação às Sete Igrejas de Roma ou, então, visitava os doentes nos diversos hospitais da cidade. Alimentou sempre uma terna devoção para com Nossa Senhora que lhe apareceu diversas vezes e lhe entregou o Menino Jesus que ele estreitava amorosamente nos braços.
Nos seus contactos quotidianos com o povo, foi conselheiro espiritual muito eficaz da gente humilde e das própria aristocracia da Roma renascentista. Durante muitos anos, após a sua morte, as meninas e senhoras de Roma continuavam a cantar as cantigas e as baladas que ele havia composto e ensinado.
Morreu aos 72 anos, no dia 18 de Maio de 1587, arrebatado numa visão de Nossa Senhora. A sua sepultura, na igreja da Imaculada Conceição dos Capuchinhos de Roma, converteu-se em lugar de peregrinação. Foi canonizado por Clemente XI, a 22 de Maio de 1712.

REFLEXÃO: A bondade é uma forma de fazer transparecer em nossa vida o amor ao Cristo. Como um bom capuchinho, São Félix viveu a bondade e o cuidado com os pobres e mais sofredores. Nunca fez nada de cara amarrada ou triste. Mesmo sofrendo sabia sorrir. Aprendamos dele a alegria em servir o próximo e sejamos sempre prontos a espalhar a alegria que brota do amor ao evangelho.

ORAÇÃO: Ó Deus, que destes à Igreja em São Félix o exemplo de simplicidade evangélica e de inocência de vida, concedei que, seguindo os seus passos, cuidamos de amar somente a Cristo e de segui-lo com alegria. Por Cristo nosso Senhor. Amém!

São Félix de Cantalício, rogai por nós!

SÃO JOÃO I, papa e mártir



18-05“Muitas e graves, conforme o juízo dos homens, as tuas culpas de homem e de rei: avidez de possuir e de destruir, muita tolerância da ferocidade e cobiça dos teus sequazes, arrogância e impostura…” Assim, pela boca de um anjo, João Papini apostrofa Teodorico no seu Juízo universal; apaixonada é a réplica: “Eu era o chefe de uma destas turmas de famintos nômades e toda a minha autoridade de capitão e de rei não podia transformá-la num momento num rebanho de salmistas e genuflexos… Romanos robustecidos e godos paganizados teriam de fundir-se num povo único e forte, capaz de dar novamente à Itália o primeiro lugar na terra. Não foi somente minha a culpa se aquele generoso sonho ficou só sonho”. A memória de são João I está unida ao drama político-religioso de Teodorico.
Toscano de nascimento, João sucedera ao papa Hormisda a 15 de agosto de 523. Há quem o identifique com o João Diácono, autor de uma Epístola ad Senarium, importante pela história da liturgia batismal, porque é talvez o único documento que ateste a tradição da Igreja romana de erigir e consagrar no sábado santo sete altares e de derramar no cálice uma mistura de leite e mel. João Diácono é reconhecido também como autor do tratado A fé católica, transmitido pelos antigos entre as obras de Severino Boécio.
Quando o filho de Constâncio se tornou papa, há apenas cinco anos, Hormisda e o imperador Justino, tio de Justiniano, tinham feito cessar o cisma entre Roma e Constantinopla, estourado em 484 pelo Henoticon do imperador Zenão, que tentara um impossível compromisso entre católicos e monofisitas. Com a jogada obtivera também interessantes resultados políticos e os godos eram arianos, lá pelo fim de 524, Justino publicou um edito com o qual ordenava o fechamento das igrejas arianas de Constantinopla e a exclusão dos hereges de toda a função civil e militar. Teodorico então obrigou o papa João I a ir a Constantinopla para solicitar do imperador a revogação do decreto: as manifestações de atenção foram excepcionais: 15.000 saíram-lhe ao encontro com círios e cruzes e o papa presidiu as solenes funções do Natal e da Páscoa.
Justino aderiu ao pedido de restituir aos arianos as igrejas confiscadas, mas insistiu na privação dos direitos dos arianos convertidos ao catolicismo que novamente se tornassem arianos. Foi o suficiente para o suspeito Teodorico mandar matar Boécio e Símaco. Lançado na prisão em Ravena, o papa João I ali morreu aos dezoito de maio de 526.
São João I, rogai por nós!

 

Esplanada da Arena do Grêmio será palco para o Sou Music Festival neste domingo

Line up conta com atrações como Steve Aoki, Groove Delight e Liu

A Arena do Grêmio se prepara para receber artistas conceituados internacionalmente em festas eletrônicas. O Soul Music Festival será neste domingo, 21/05, na Esplanada Oeste do estádio, a partir das 12h. As vendas de ingressos já estão abertas.

Ao longo do festival - promovido pelos grupos Austral, Cubb e Matiz - oito artistas irão subir ao palco para comandar as músicas. Estão confirmados os shows de Steve Aoki, Groove Delight, Liu, Zerb, Rodrigo Vieira, RUSHÖ, Constantinne e Guz Zanotto.

Vindo dos Estados Unidos, Steve Aoki é um dos DJs mais conceituados do cenário eletrônico mundial, já tendo sido indicado na categoria "Melhor Álbum de Música Eletrônica" no 55º Grammy. Também destaques da line up do festival, estão o menino prodígio da cena nacional, Liu, e a paulistana Ké Fernandes, DJ e produtora à frente do Groove Delight.

Os ingressos estão à venda pelo site Ingresso Rápido. O tíquete também pode ser encontrado em estabelecimentos da cidade, listados abaixo. Segue mais informações sobre preços, descontos e acessos ao estádio:

SOUL MUSIC FESTIVAL
Data: 21/05/2017
Horário: das 12h às 23h59min
Local: Esplanada Oeste da Arena do Grêmio – Acesso pela Rampa Oeste
* A organização está prevendo tendas.
Classificação: 18 anos
Organização: Grupo Austral / Grupo Cubb / Grupo Matiz
Mais informações sobre o evento: https://www.facebook.com/events/137717806747760/

Ingressos:
· Online: Ingresso Rápido - www.ingressorapido.com.br/compra/?id=56647#!/tickets

Sem Taxa de Conveniência:
· Academia Movere Assis Brasil - Avenida Assis Brasil, 5751
· Academia Movere Bela Vista - Rua Carvalho Monteiro, 377
· Moinhos Fitness Parcão - Rua Comendador Caminha, 60 - Moinhos de Vento
· Moinhos Fitness Cristal - Av. Campos Velho, 1413 – Cristal
· Moinhos Fitness Venâncio - Av. Venâncio Aires, 77 - Cidade Baixa
· Moinhos Fitness Silva Só - Av. Silva Só, 355 - Rio Branco
· Moinhos Fitness Brasil - Av. Brasil, 1150 - São Geraldo
· Moinhos Fitness Aparício - Av. Cel. Aparício Borges, 1640 – Glória
· Moinhos Fitness Wenceslau - Av. Wenceslau Escobar, 3217 – Tristeza
· Moinhos Fitness Ipiranga - Av. Ipiranga, 8021 - Partenon, Porto Alegre
· FNAC – Barra Shopping Sul - Av. Diário de Notícias, 300 - Entrada G - Nível Jóquei – Cristal
· Moinhos Fitness Canoas - Rua Araguaia, 145 - Igara, Canoas

Com Taxa de Conveniência:
· Ingresso Rápido Call Center - 4003-1212

Reservas
(51) 99266-0441 / (51) 99242-0892
reservas@grupoaustral.com.br / contato@grupocubb.com.br

Meia Entrada
• 50% de desconto para Estudantes em conformidade com a Lei Federal 12.933/13 e Decreto Federal 8.537/15.
• 50% de desconto para pessoas com deficiência física e acompanhante quando necessário em conformidade com a Lei Federal 12.933/13 e Decreto Federal 8.537/15.
• 50% para doadores regulares de sangue em conformidade com a Lei Estadual 13.891/12.
• 50% de desconto para Idosos (pessoas acima de 60 anos) em conformidade com Lei Federal e Decreto Federal 8.537/15.
• 50% de desconto para jovens pertencentes a famílias de baixa renda com idades de 15 a 29 anos em conformidade com a Lei Federal 12.933/13 e Decreto Federal 8.537/15.
OBS. A concessão do direito ao benefício da meia-entrada é assegurada em 40% (quarenta por cento) do total dos ingressos disponíveis.

Estacionamento:
O Portão 1 do E1 será aberto para o evento ao valor de R$ 20,00 por veículo, a partir das 11h.
OBS: O Portão 2 também estará aberto, das 8h às 20h, para atender o público do Arena do Grêmio Tour. Valor cobrado: R$ 5,00 a primeira hora e R$ 2,00 a hora adicional.

 

Banrisul lança dois filmes históricos na 15ª Semana Nacional dos Museus

O Banrisul vai participar da 15ª Semana Nacional de Museus, que acontece entre os dias 15 e 19 de maio. Nessa quinta-feira (18), às 14h, será feito o lançamento da recuperação dos filmes “Banrisul: 40 anos”, de 1968, e “Banrisul”, de 1996, no Espaço Memória Banrisul, localizado na Agência Central (Rua Capitão Montanha, 177 – Centro Histórico), em Porto Alegre.

No Espaço Memória Banrisul está instalada uma exposição de longa duração sobre a trajetória do Banco. Os dois filmes históricos serão incorporados à programação regular de projeções do memorial. O horário de visitação do espaço é das 10h às 16h, de segunda à sexta-feira.

Para saber mais sobre a 15ª Semana Nacional dos Museus e da temática, acessar o site http://eventos.museus.gov.br/ .


18 de maio de 2017

O MINISTRO DOS POBRES

OSMAR TERRA, UM MÉDICO HUMANISTA, FALOU HJ DOS POBRES. DA BOLA FAMILIA.

QUANTOS EXISTEM NO BRASIL.. A MAIOR POBREZA ESTÁ NO NORDESTE E NO NORTE.

NO MARANHÃO 60% DA POPULAÇÃOT EM BOLSA FAMILIA. NO RS APENAS 9%

ESTE GOV DEU DOIS REAJUSTES 12,5% E AGORA EM JULHO VÃO DAR OUTRO.

UM PENTE FINO NO PROGRAMA MOSTROU QUE HAVIA 2 MILHÕES 900 MIL BOLSA.S FOI REDUZIDO PRA 2.100 MIL.

- NEM RECLAMARAM,DISSE TERRA, UM HOMEM MUITO SIMPLES.

DIZ ELE QUE NÃO HÁ MAIS FILA DE ESPERA PRA ENTRAR. ANTES HAVIA FILA DE UM ANO.NO ULTIMO ANO O GOV GASTOU NESTE PROGRAMA 29 BILHÕES E 400 MILHÕES.

PRA CONTROLAR QUEM NÃO PRECISA MAIS, TERRA DISSE APENAS:

-É COMO O IMPOSTO DE RENDA....

O MINISTRO E A MACONHA

OSMAR TERRA FICOU PARTICULARMENTE IRRITADO COM UMA COLEGUINHA QUE FUTRICOU O NEGÓCIO DA MACONHA. TODOS SABEM QUE ELE É CONTRA.

-AH, DISSE O MINISTRO. O TRAFICANTEZINHO NÃO PRECISA TER PENA DELE.

E A COLEGUINHA SO FALTOU MESMO DIZER QUE O TRAFICANTE GRANDE É O CULPADO, O DE MENOR VENDA NÃO ..O QUE IRRITOU O MINISTRO QUE QUASE PERDEU AS ESTRIBEIRAS.

TERRA DIZ QUE A MACONHA FAZ MAL E PRONTO. SEM MUITO LERO LERO.

E QUE A ANVISA TER APROVADO SEU USO PRA MEDICAMENTAL, É PARTE DO LOBBY DE QUEM QUER LIBERAR A CANNABIS.

ESTRANHA AUSENCIA....DE EMPRESÁRIOS NA FEDERASUL....

HJ NA FEDERASUL NÃO TINHA EMPRES´ARIO NA SALA COM O MIN OSMAR TERRA. APENAS A PRES DA ENTIDADE FICOU POUCO TEMPO.

E ACHEI O MINISTRO muito nervoso, achei que fosse o PROBLEMA DA MACONHA QUE O PESSOAL PERGUNTOU MUITO.

TO DESCONFIADO QUE ELE JÁ SABIA QUE IRIA VAZAR ALGUMA COISA.
QDO IA SAINDO SUBIAM A 1 DAMA MARIA HELENA SARTORI E FERNANDO LUCHESE.

O MINISTRO E A MACONHA

TERRA DISSE QUE UM PROFESSOR - NÃO ANOTEI O NOME MAS É FACIL VER NO CLINICAS - DESTE HOSPITAL PUBLICO PESQUISOU E CHEGOU A SEGUINTE CONCLUSÃO. A MAIOR PARTE DOS ACIDENTES DE CARRO DA RM DE PORTO ALEGRE ACONTECEM COM GENTE DIRIGINDO QUE TINHA FUMADO UNZINHO,SIM SENHORES. EM SEGUNDO VEM O ALCOOL. QUEREM MAIS EVIDENCIAS????

CANNABIS E TERRA

OSMAR TERRA IRRITOU-SE ESPECIALMENTE COM ALGUMAS PERGUNTAS QUE MOSTRAVAM DESCONHECIMENTO SOBRE OS MALEFICIOS DA MACONHA. A REP ADRIANA LAMPERT DO JC,VEIO COM O EXEMPLO DA HOLANDA ONDE ELA SERIA LIBERADA. TERRA CONTESTOU QUE A LIBERAÇÃO DA CANNABIS NA HOLANDA NÃO É BEM ASSIM COMO SE DIZ. ELE AFIRMA QUE A MACONHA FAZ E PONTO FINAL. MAS ALGUNS COLEGUINHAS PARECIAM DEFENDER ALGUNS ' TRAFICANTEZINHOS' DE MENOR POTENCIAL ...POR EXEMPLO ISTO IRRITOU O MINISTRO QUE É CONHECIDO INIMIGO DA LIBERAÇÃO DA CANNABIS E OUTRAS DROGAS.

 

da Ufrgs

a fila do ru da urgs ao anoitecer..pagam um pila pela boia.

 

CAFEZINHA PRETO

TAVA SAINDO DO CONCERTO DA OSPA NA TERÇA E PEGUEI UMA IPA, LOTAÇÃO. DENTRO NUM RÁDIO UMA GRITARIA, NG OUVIA NG, FALAVAM DE MACONHA DE NÃO SEI O QUE.....UMA MULHER TENTOU DIZER ALGUMA COISA E NEM DEIXARAM. UMA BAXARIA. AI PERGUNTEI PRO MOTORA.
- O QUE É ISTO?

- É O CAFEZINHO PRETO...
AH, EU DISSE. ESTE LIXO AI....

 

Coleguinhas

O BOM DIA TOCOU HJ MUSICAS A LA ROGERIO MENDELSKY....QUEM TEM,TEM MEDO....

LEO JORGE X CRISTIANO SILVA
O QUE ME CONTARAM É O SEGUINTE.

CRISTIANO SILVA TERIA FALADO NÃO SEI O QUE DO COLGA DO ESPORTE DA GUAIBA E A LILA VIEIRA, LOCUTRA, TERIA GRAVADO NO SEU CELULAR.O ASSNTO FOI PASSADO PRO LEO JORGE QUE LEVOU AO CAVERNA, PRES SIND DOS RADIALISTAS. QUE QUEREM PROCESSAR O CRISTIANO SILVA.

MINHA FONTE É DO ESPORTE, DA ÁREA DO ESPORTE, MAS NÃO DA GUAIBA.MAS É JORNALISTA QUE LIDA COM ESPORTE, PORTANTO ANDA MUITO NESTE MEIO.

PELO MENOS O CRISTIANO SILVA DISSE QUE É COLORADO. DIFERENTE DE TODA UMA TURMA DE COLEGAS QUE NUNCA DISSERAM OTIME. MUÇUM ENSABOADOS....

vide lauro quadros,jcbelmonte, e uma turma que nunca ng soube o time.

ANTONIO GOULART TAMBÉM CONCORDA COMIGO. O QUE O NANDO FEZ NA GUAIBA FOI UM TESTE...PRA VER A REAÇÃO DOS OUVINTES. ATÉ PQ QDO O MENDELSKY SAI E SAIU TANTAS X, SEMPRE ENTRA O JURANDIR NO LUGAR DELE. O CRISTIANO DISSE NO PRIMEIRO DIA DELE QUE O JURANDIR TINHA UM ' PROBLEMA DE SAUDE' QUE DEPOIS EXPLICARIA.

COMO EM NOTICIA A GENTE SEMPRE DESCONFIA DA VERSÃO OFICIAL. EU FICO COM MINHA PRIMEIRA IMPRESSÃO ...É UM TESTE QUE O NANDO TÁ FAZENDO PRA VER A REAÇÃO. QUANTO DE IBOPE PERDEM,OU GANHAM NESTE HORÁRIO.
AGORA NÃO IMAGINO PRA ONDE O PUBLICO DE RADIO DO MENDELSKY, NESTE HORÁRIO,SE ATIRARIA. SE O CASO DO MENDELSKY CAIR FORA, FICA AI UM VACUO PRO RA´DIO. A NÃO SER QUE ELE VOLTE PRA PAMPA, POR EXEMPLO(oc)

 

ACIDENTES SÃO ACIDENTES....

POR ISTO QUE TEM ESTE NOME....COMO PODE UMA CAPIVARA,SOLTA, NUM BANHADO, PROVO CAR A MORTE DE ALGUÉM, NÃO INTERESSA QUEM SEJA. MAS PROVOCA.

MARIA DO CARMO RIBEIRO TELECHEA É O NOME DA EMPRESÁRIA FALECIDA NO ACIDENTE.

FUNDADORA DA AG. MATRIZ, COMO JÁ DISSE. ELA ERA AGRONOMA.
COMO DIZIA O SAUDOSO JCTERLERA, QUE DEUS A TENHA NA SANTA GLÓRIA

SOBRE O ACIDENTE DA EMPRESÁRIA MARIA DO CARMO RIBEIRO TELLECHEA.

1.

ELA TAVA INDO PRO DIA DAS MÃES.

2.

NA REGIÃO TEM MUITO CAPINCHO...

3.

ELA É PRIMA DA MULHER DO CAIROLLI, VICE GOVERNADOR.

PRA ENCERRAR O ASSUNTO:

MARIA DO CARMO TELLECHEA ERA MAGRA, MAS OS AMIGOS A CHAMAVAM DE ' GORDA'CARINHOSAMENTE . ERA PRIMA DA MULHER DO CAIROLI

 

Barranco

O BARRACO É O BARRANCO???LAURO,SE FOR. VOU TE DIZER COMO FUNCIONA O BARRANCO. O CHIQUINHO E O ELSON TEM OS AMIGOS DELE E DÃO 100 PILAS PRA CADA UM...E TEM QUE IR 3 X NO MEU CASO PRA RECEBER KKK É MOLE, MAS SOBE, DIRIA O GOZADOR AKELE.....

 

FOLCLORE POLÍTICO DE CAXIAS

O DIA QUE PEDRO SIMON SERIA CANDIDATO A PREFEITO

CORRIA O TERRÍVEL ANO DE 1968, ANO DO 'FECHAMENTO' DO REGIME MILITAR(AI-5)...

eM CAxias haveria ELEIÇÃO PRA PREFEITO.COM A INSTITUIÇÃO DO SISTEMA BIPARTIDÁRIO (ARENA) - O PARTIDO DO AMÉM E MDB, O PARTIDO DO SIM SENHOR....AS ELEIÇÕES PRA PREFEITO DE 68,72, E 76 FORAM DISPUTADAS POR ESTES DOIS PARTIDOS.

EM 68, O CHAMADO ' CANDIDATO NATURAL' DO MDB -' VELHO DE GUERRA', COMO O TURCO SEMPRE DISSE, ERA O DEPUTADO PEDRO JORGE SIMON, LIDER DO MDB NA ASSEMBLÉIA GAÚCHA. IMPORTANTISSIMO QUADRO....

A DIREÇÃO ESTADUAL DO PARTIDO - BRUSA NETTO( O ' RASPUTIN") ENTRE OUTROS FORAM A CAXIAS DO SUL E DIANTE DE TODOS OS MEMBROS DO DIRETÓRIO MUNICIPAL EMEDEBISTA, APENAS COMUNICOU QUE O MDB ESTADUAL NÃO PODERIA ABRIR MÃO DO ENTÃO SEU PRINCIPAL QUADRO ESTADUAL, ÁQUELA ALTURA...( OS LIDERES BRIZOLISTAS,JANGUISTAS E OUTROS ESTAVAM NA SUA MAIORIA EXILADOS EM MONTEVIDEO)

COMO SIMON,SEGUNDO A DIREÇÃO PARTIDÁRIA ESTADUAL ERA QUADRO INSUBSTITUÍVEL NA LIDERANÇA DO PARTIDO NA ASSEMBLÉIA LEGISLATIVA GAÚCHA,SOLICITARAM AO MDB CAXIENSE QUE VISSE O NOME DE OUTRO QUADRO LOCAL.

OS PREFERIDOS.

O PREFEITO DE ENTÃO ERA HERMES WEBBER,ELEITO PELA COLIGAÇÃO PSD/PRP/PL/UDN/MTR,ELEITO EM 1963.

PORTANTO ANTES DA REVOLUÇÃO DE 1964.
ENTRE OS NOMES COGITADOS DA EXECUTIVA MUNICIPAL DO EMEDEBE CAXIENSE ESTAVAM OS DE ARTEMIN KARAN E OTARINO TRAVI.OS DOIS ERAM OS PREFERIDOS DO PRESIDENTE DA EXECUTIVA MUNICIPAL LAURO CARVALHO( COMO TUDO ISTO TERMINOU, CONTO OUTRO DIA....FOI UM ROLO,ANTECIPO AQUI....OLIDES CANTON, SUBSIDIOS DO LIVRO DO MANSUETO SOBRE CAXIAS.)

 

ospa e cineam redenção

 

Repercutindo

ta bom lauro, tu me ganhou a da padroeira de porto alegre. fui checar, como se deve fazer, como ensinou tantas x a nubia, o xirmer, e o scf me disse que é esta mesma que tu falou. eu nem sei onde fica esta santa...(OC)
qto ao nome da tellechea falecida tragicamente, ficou em mim apenas o depoimento do lc dizendo que FOI A PESSOA MAIS DOCE QUE ELE CONHECEU. E GOSTO QDO DIZEM QUE MULHER É DOCE. UMA X UMA MULHER ME DISSE QUE NÃO SE RELACIONAVA(SEXUALMENTE FALANDO)COM OUTRAS MULHERES PORQUE ' MULHER É DOCE'. ASSIM QUE PROS MEUS OUVIDOS DOCE PRA MULHER É ELOGIO(FALEI E DISSE.OC)

Enviada: 2017/05/17 08:09:20

Depois tu fala dos outros: no (bom) texto do 'destino nosso etc', tu escreve, escreve, mas não menciona o nome da falecida, só do marido e do cunhado dela. Mas reclama q a agência q ela criou ñ pôs o horário do concerto do Zaffari! hahahah!
Em tempo 1: jornalista em geral ñ sabe mesmo qual é a Padroeira de PoA. E o padroeiro anterior nunca foi N. Sra. da Conceição, foi S. Frsco. das Chagas, devoção muito difundida na ilha dos Açores, de onde vieram os primeiros casais etc etc
Em tempo 2: até ñ muito tempo atrás, PoA tinha agência de propaganda prá chuchu. A maioria foi incorporada pelas paulistas. O Estado se desindustrializou e ao mesmo tempo, por coincidência, o grande comercio passou a ser dominado por empresas de fora. Daí q os clientes das agências sumiram. Afora um q outro gato-pingado, hoje só tem o Zaffari, o Barraco, o Sicredi e o Banrisul de anunciante (o Renner é verba nacional, entra direto na Globo). Sem choro nem vela.

 

Assim está escrito

mas vem porque este ensinamento???(OC)

Enviada: 2017/05/17 12:55:53

"Não julgueis, para que não sejais julgados, porque com o juízo com que julgais, sereis julgados; e com a medida com que medis vos medirão a vós. E porque vês o argueiro no olho do teu irmão e não reparas na trave que está no teu olho? Ou como dirás a teu irmão: deixa-me tirar o argueiro do teu olho, quando tens a trave no teu? Hipócrita! tira primeiro a trave do teu olho poderás ver bem para tirar o argueiro do olho do teu irmão" (Mateus 7:1-5)

 

dos nossos leitores

é sergio zambiazi, o nome correto(OC)

De: "Marcio de Almeida Bueno"
Enviada: 2017/05/16 23:58:20

ouvi na pampa agora

zambiasi há 3 meses de licença-medica, se preparando p ciruriga no coração

 

10º Fórum de TI Banrisul


O futuro da sociedade digital já começou

O 10º Fórum Internacional de Tecnologia da Informação do Banrisul iniciou, nessa quarta-feira (17), em Porto Alegre, já com um vislumbre do tema central que está sendo debatido nestes dias 17 e 18, “O Futuro da Sociedade Digital”. Um dos robôs mais avançados da atualidade no mundo, o NAO, fez uma apresentação ao público presente. No evento, é possível interagir com ele e também conhecer outras tecnologias, como uma experiência inovadora de realidade virtual, no Espaço Inovação Tecnol&oac ute;gica.

O 10º Fórum foi aberto com a presença de autoridades, executivos, pesquisadores, especialistas, administradores, jovens empresários e estudantes no Teatro do Bourbon Country, que estava completamente lotado.

O presidente do Banrisul, Luiz Gonzaga Mota, destacou que o debate promovido pelo Fórum de TI vai além do uso das tecnologias pelo sistema bancário, abrangendo assuntos de interesse de toda a sociedade. O dirigente fez uma explanação do pioneirismo do Banrisul na utilização da tecnologia no Estado. “Em 1963, o Banco recebeu o primeiro computador do Rio Grande do Sul, com cartões perfurados e memória de quatro kilobytes. Naquela época, ainda não havia cursos de informática no Estado e o Banrisul foi pioneiro, também, na formação de programadores que, em dezembro daquele ano, colocaram o computador em funcionamen to”.

Luiz Gonzaga Mota frisou que, desde então, o Banrisul intensificou o uso de tecnologia e ampliou os seus conhecimentos, o que proporcionou aos clientes e à sociedade inovação na sua linha de produtos e serviços. “Nesse sentido, a instituição faz o lançamento, na 10ª edição do Fórum de TI, do aplicativo Banrisul Digital, que é uma completa linha de serviços bancários para pessoas físicas e jurídicas, com destaque para os serviços de cartão de crédito e uma solução inovadora para a realização de compras pelo Banricompras Vero Pay”, anunciou.

O governador José Ivo Sartori salientou que o Fórum de TI Banrisul faz parte do calendário dos grandes eventos de tecnologia do País. “O Banrisul é um exemplo por sua capacidade de apresentar soluções inovadoras, que produzem sempre melhores resultados, com eficiência e redução de custos”. Ele afirmou que a tecnologia jamais pode deixar de ter como referência as pessoas, as comunidades e, para o Banrisul, os clientes. “A temática dessa edição do Fórum está sintonizada com essa ideia. A tecnologia é o futuro, mas o futuro não é algo distante. Está sendo constru&iacute ;do todos os dias, especialmente nos dois dias desse encontro”.

BANRISUL DIGITAL

O Banrisul Digital é a mais nova solução do Banco para integrar simplicidade, comodidade, segurança e novas tecnologias, permitindo que o cliente do Banrisul gerencie a sua conta e utilize os serviços bancários em um só lugar. O novo aplicativo já está disponível para download nas lojas de aplicativos móveis Google (Play Store) e Apple (App Store).

O Banrisul Digital passa a agrupar diversos serviços e canais do Banco:

- Minha Conta: oferece extratos, pagamentos, transferências, cartão de crédito, empréstimos, investimentos e câmbio.

- Office: contempla os serviços para contas empresariais: extratos, pagamentos, transferências, investimentos, cobrança, empréstimos, entre outros. Agora, os clientes poderão gerenciar as transações de sua empresa com segurança em qualquer lugar e horário.

- BanriSaque Digital: serviço de saque sem cartão nos caixas eletrônicos do Banrisul, com a possibilidade de enviar o código de autorização para outras pessoas realizarem o saque.

- Cartões Banrisul: oferece serviços para os portadores dos cartões de crédito Banrisul: extrato do cartão, seis últimas faturas, melhor dia de compra, solicitação do aumento de limite e negociação de dívidas, divulgação do parcelamento da fatura, débito em conta, cancelamento da fatura física e painel de gastos para acompanhamento da utilização do limite.

- Banricompras Vero Pay: o serviço possibilita ao cliente efetuar pagamentos de compras, nos terminais da rede Banrisul Vero, sem a presença física do cartão Banricompras. O cliente define o valor e pode gerar um Banricompras Verro Pay, com validade de 10 dias. Também pode ser enviado para uma terceira pessoa, pelas redes sociais, como Whatsapp ou Facebook Messenger.

- Onde tem Banrisul: por meio da ativação do GPS do dispositivo, o cliente consegue visualizar as agências e os pontos de atendimento mais próximos. Também permite consultas por cidades e bairros.

- Cotações: para acompanhar as cotações do dia para dólar, euro e outras moedas.

- Telefones Úteis: acesso fácil aos canais de atendimento telefônico do Banrisul.

A TRANSFORMAÇÃO DIGITAL NOS SETORES ECONÔMICOS

No primeiro painel do Fórum, “A Transformação Digital nos Setores Econômicos”, que teve como moderador o diretor Financeiro e de Relações com Investidores do Banrisul, Ricardo Hingel, o sócio fundador da HT Micron, Ricardo Felizolla, falou sobre um projeto da empresa em parceria com a Unisinos, que permitiu fazer chips no Rio Grande do Sul. Também discorreu da importância da produção de hardwares como caminho para participar da economia de inovação tecnológica a nível internacional. “Neste cenário, a produção de softwares também é relevante. Coisas que levavam de 5 a 10 anos, hoje progridem em um ano. A introdu&cc edil;ão de um negócio, usando tecnologia, impacta na sociedade. O Uber, por exemplo, tende a tirar carros circulando das ruas, na medida que as pessoas deixam seus carros em casa”.

Em seguida, Jorge Audy, assessor da Reitoria em Ciência, Tecnologia e Inovação e professor da Faculdade de Informática e Pós-Graduação em Ciência da Computação da PUCRS, concentrou sua palestra em como surgem e quais as tendências no desenvolvimento dos ambientes de inovação. “A inovação precisa de um local para se desenvolver. Temos exemplos clássicos como o Vale do Silício, o centro tecnológico em Boston e na Finlândia. Todos estes locais têm, em comum, a intenção de criar um sistema para o desenvolvimento de inovação. São espaços onde un iversidades, governos e empresas atuam juntos para a geração de valor juntamente com a sociedade, local onde as tecnologias são utilizadas”.

O painelista salientou que os ecossistemas de tecnologia estão migrando de locais específicos para estar em toda cidade. “É o conceito de Smart City. A cidade de Barcelona passou por este processo quando criou o @22, transformando uma região da cidade em um ecossistema de inovação. Um ambiente para viver, se divertir e trabalhar. O mesmo ocorre, em menor proporção, em alguns locais do Brasil, como o Recife antigo, em Pernambuco, o TecnoSinos, no Rio Grande do Sul, na Unicamp, em Campinas (SP), e em outros centros espalhados pelo País. Para se ter uma ideia de grandeza: o número de pessoas do conjunto de todos os ecossistemas de inovação no Brasil, não chega à metade de um parque tecnológico chinês, por exemplo”.

O executivo de Tecnologia da Informação e Terceirização de Processos de Negócio, Luis Fernando Scheliga, falou sobre o perfil do consumidor digital. “São pessoas utilitárias, movem do fornecedor A para o B sem grandes esforços, exigem uma abordagem centrada no cliente e experiências humanizadas”.

Ao comentar sobre o processo de modelos de negócios em TI, o consultor citou a máxima de Charles Darwin: “Não são os maiores ou mais fortes que sobreviverão, mas os que tem capacidade de adaptação”. Ele frisou que “são necessários, portanto, modelos de negócios flexíveis com gestores que estejam prontos para realizar mudanças com agilidade. Ele exemplificou o caso da Apple, em que a etapa de homologação de alguns sistemas é eliminada do processo. O software é lançado na sua primeira versão e depois atualizado no decorrer do tempo. Outro fator chave para acelerar a inovação é trabalhar com parcerias. Se alguém já fez parte do processo, não é necess&aac ute;rio fazer novamente. O timing é o nome do jogo”.

O segundo painel, intitulado “As 10 Tendências Tecnológicas para os Próximos Anos”, contou como moderadora a diretora Administrativa do Banrisul, Suzana Cogo. O painelista foi o vice-presidente de Pesquisas da empresa Gartner, Cassio Dreyfuss, que apresentou as principais apostas dos analistas do instituto sobre quais serão as inovações capazes de causar mais impacto nas organizações em 2017. “Estamos falando de tecnologias capazes de gerar inovação, isto é, tecnologias que, quando adotadas por um grupo, transformam completamente a maneira como as pessoas fazem as coisas”, salientou.

Entre as tendências apontadas, Dreyfuss destacou o conceito de mesh – malha, em português: “esta é, basicamente, a palavra que passaremos a usar para falar em interconexões que, por serem tão intensas e variadas já não caberão mais no conceito de rede”, afirmou. O avanço de sistemas conversacionais como xiaomi, siri, cortana e alexa, que possibilitam ao usuário uma experiência intuitiva e totalmente personalizada, o uso de realidade virtual e aumentada nas mais diversas aplicações e a criação de gêmeos digitais, também foram outras das tendências abordadas pelo painelista.

Ele encerrou a sua participação ressaltando a importância do planejamento em uma área tão sujeita a mudanças quanto a tecnologia da informação: “o planejamento deve ser uma atividade contínua, na medida em que todos os dias o ambiente apresenta novidades e desafios e, com estes, oportunidades. Devemos ser capazes de ajustar os nossos planos a cada momento, sempre estando abertos para o que está acontecendo ao nosso redor”, finalizou.

PAINÉIS DO SEGUNDO DIA

Nessa quinta-feira (18), o 10º Fórum de TI do Banrisul irá apresentar os painéis “Transformação Digital na Visão da Indústria”, “Fintechs e a Evolução dos Serviços Financeiros”, “A Sociedade Digital em Diversas Partes do Mundo”, “Construindo uma Jornada de Transformação Digital” e “O Futuro da Sociedade Digital”.

 

do Miron Neto

Fedoca cria comissão para intervir em lar de idosos

O prefeito Fedoca Bertolucci (PDT) decretou, quinta-feira (12), "estado de perigo iminente de interrupção na prestação de serviços" do Lar de Idosos Vovó Doralina, cuja interdição foi determinada pela Justiça, na quarta-feira (10), atendendo a uma ação civil pública do Ministério Público de Gramado. De acordo com o decreto, os bens e patrimônio do asilo foram requisitado pelo Município pelo prazo de 30 dias.
O prefeito também nomeou uma comissão intervencionista para garantir a "segurança, integridade e atendimento" das necessidades das 17 pessoas que vivem no Lar de Idosos Vovó Doralina.

Após intervenção, sete idosos saem do Vovó Doralina

A comissão intervencionista do Lar de Idosos Vovó Doralina, nomeada pelo prefeito Fedoca Bertolucci (PDT), pretende resolver a situação dos residentes antes dos 30 dias estabelecidos pelo decreto. O interventor Felipe Dourado estima que, dentro de duas semanas, os idosos já estarão em outras casas de repouso em melhores condições.
Dos 16 idosos que estavam no Vovó Doralina, quinta-feira (11), seis já foram transferidos para outros locais e um está no Hospital São Miguel com problemas de saúde.

 

Destrava RS

O Governo do Estado vem investindo na qualificação e em obras de melhorias nas escolas da rede estadual de ensino.

O secretário estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Fabiano Pereira esteve reunido na manhã desta quarta-feira (17), com o secretário estadual de Educação, Ronald Krummenauer.

Durante o encontro foram debatidos os projetos prioritários da área de educação, obras emergenciais, autonomia financeira e as ações em desenvolvimento pela força-tarefa da SOP e SEDUC.

Fabiano Pereira destacou a importância do trabalho integrado entre os dois órgãos na resolutividade dos problemas e na eficiência dos serviços prestados à sociedade gaúcha.

De acordo com o secretário de Educação, Ronald Krummenauer, a expectativa é que o fruto deste trabalho permita que os jovens possam iniciar o ano letivo de 2018, em locais com a infraestrutura adequada para o desenvolvimento do conhecimento e ensino.

O Governo do Estado criou no início do ano uma força-tarefa para destravar os processos e dar celeridade aos projetos e obras na área de educação.

Participaram da reunião o secretário-adjunto de Obras, Augusto Arnold Filho, a secretaria-adjunta de Educação, Iara Wortmann, a diretora do departamento de obras públicas, Roberta Campani, o gerente de projeto do SGO, Odir Baccarin e o diretor da CEOP, Ricardo Todeschini.

 

São Pascoal Bailão, patrono dos Congressos Eucarísticos


São Pascoal BailãoSão Pascoal Bailão, conhecido por suas obras e sua paixão por Jesus Sacramentado

Nasceu em Torre Hermosa, no reino de Aragão, na Espanha, filho de Martinho Bailão e Isabel Jubera, a 16 de maio de 1540, festa de Pentecostes, chamada de Páscoa cor de rosa, daí chamar-se Pascoal. Provinha de uma família numerosa, pobre e humilde, na qual se vivia, no entanto, profundo espírito religioso, devido sobretudo à mãe que era devotíssima da Eucaristia. Biógrafos dizem também que era muito generosa em dar esmolas aos pobres. Pascoal não pôde freqüentar a escola porque seu pai precisava que ele cuidasse do rebanho, serviço que executou com grande dedicação até mesmo quando este encargo lhe era ocasionalmente conferido por um ou outro pastor. Executando seu trabalho distante do povoado e da igreja, passava horas inteiras em oração, privando-se de alimentos para dominar ou adestrar seu corpo. Era desses que tinha o hábito da flagelação. Longe do ruído, nas montanhas, cuidando das ovelhas tinha tempo para rezar, meditar, louvar a Deus e venerar Maria. De trato amável nos relacionamentos, com sua doçura e serenidade, conquistou a amizade de muitos pastores que encontrava nas alturas dos montes e nos vales da Andaluzia e entre os quais começou seu primeiro apostolado com simplicidade e ardor sincero. Procurava pastagens das quais pudesse ver uma igreja em que se conservava a Eucaristia para adorá-la enquanto seus rebanhos pastavam, como confidenciou ao companheiro de trabalho que haveria de dar este testemunho 18 anos depois de sua santa morte.
Quando completou dezoito anos, em Monteforte del Cid, veio a conhecer os franciscanos do convento de Santa Maria de Loreto. Pensava em poder realizar seu sonho de se tornar religioso. Como isso ainda não lhe era possível aceitou de realizar o trabalho de pastor junto a um rico proprietário de ovelhas, Martino Garcia, que lhe dava a permissão de freqüentar o Santuário Mariano e residir junto ao convento franciscano. Enquanto pastoreava não muito distante do convento caía em êxtase ao som do sino que anunciava a elevação no momento da consagração . Por fim, a 2 de fevereiro de 1564, já com fama de santidade, pode vestir o hábito franciscano e, no ano seguinte, fazer sua profissão religiosa no convento dos frades alcantarinos de Orito, onde permaneceu até 1573, dedicando-se a tarefas muito humildes, de modo particular ao mister de porteiro. Muito estimado pela vida de austeridade que levava e favorecido por dons do Espírito Santo, entre os quais do dom da sabedoria infusa, o iletrado Pascoal – que tinha aprendido a ler enquanto pastoreava o rebanho e depois conseguiu apenas escrever alguma coisa, era procurado por pessoas eruditas que vinham se aconselhar com ele. De 1573 até 1589, sua vida transcorreu em diferentes conventos da província de Alicante, passando depois para a Província de Castellon, no convento de Vila Real.
A obediência o obrigou a fazer uma longa e perigosa viagem até Paris. O Ministro Provincial da Espanha, em 1576, necessitava comunicar-se com urgência com o Ministro Geral da Ordem Cristóvão de Cheffontaines. O dito Ministro sabia bem que era difícil uma tal viagem no tempo das perseguições calvinistas. Na verdade, Pascoal foi muito hostilizado e insultado. Em Orleans quase veio a morrer depois de uma discussão a respeito da Eucaristia. Esta não foi a única investida contra o frade menor antes que ele chegasse ao seu destino e entregasse a correspondência que levava para o Ministro Geral. Voltando desta viagem escreveu um livro com sentenças (pensamentos), um pequeno tratado ou compêndio sobre a Eucaristia. Falava, é claro, da presença real de Jesus neste sacramento e também dos poderes transmitidos ao Papa.
Mereceu ele receber o cognome de “teólogo da eucaristia”, não somente por ter resolvido as questões dos adversários na França, mas também pela coletânea de escritos que deixou a respeito do Sacramento da Eucaristia que foi sempre o centro de sua intensa vida espiritual e a marca mais evidente de sua vida. Estando sempre à disposição dos confrades e dos que batiam à porta do convento, Pascoal, além disso, continuava a infligir-se penitências e com isto debilitou sua saúde até o limite de capacidade de resistência.
Os últimos anos de vida de Pascoal se transcorreram no convento de Vila Real, em Valência, exercendo sempre o ofício de porteiro e de esmoler, muito estimado por toda a população, de modo especial pelos mais simples e pelas crianças. Todos queriam receber a bênção do frade ao lhe darem uma pequena oferta. Tudo ia sendo assim feito até o dia em que exercendo seu ministério de esmoler perdeu as forças. Compreendendo que estava próxima a sua morte correu ao seu encontro. De fato, veio a falecer no convento do Rosário, a 17 de maio de 1592, solenidade de Pentecostes, com a idade de 53 anos. Foram muitos os que vieram dar o último adeus ao piedoso frade. Os biógrafos contam, que durante a celebração da missa de exéquias, no momento da elevação do cálice e da patena, seu corpo já enrijecido pela morte reabriu os olhos para fixar o pão e o vinho da eucaristia dando assim seu último testemunho de apreço pelo Santíssimo Sacramento.
Sua santidade foi confirmada por muitos milagres que espalharam sua fama por todo o mundo católico. Vinte e seis anos depois, no dia 29 de outubro de 1618, era proclamado bem-aventurado (beato) por Paulo V e a 16 de outubro de 1690, canonizado por Alexandre VIII. O Papa Leão XIII, no dia 26 de novembro de 1897, proclamou-o patrono das devoções eucarísticas e, pouco depois, também dos congressos eucarísticos internacionais.
Os restos mortais de São Pascoal Bailão, venerados em Vila Real, foram profanados e espalhados durante a guerra civil espanhola (1936-39). Parcialmente recuperados foram restituídos à cidade de Vila Real em 1952.
As imagens do santo sempre o representam próximo a um ostensório Uns vinte pequenos tratados de sua autoria falam de seu profundo amor pela Eucaristia.
(Tradução livre da obra Frati Minori Santi e Beati, publicação da Postulação Geral da Ordem dos Frades Menores, 2009, p. 253-255)
REFLEXÃO: A amor de São Pascoal pela eucaristia o fez perseverar na fé e no amor ao Cristo. Sua simplicidade era a marca de sua dedicação à causa do reino de Deus. Pascoal sabia que o Cristo estava presente na eucaristia, mas também sabia que Jesus está presente em cada pessoa que sofre as injustiças neste mundo. Possamos também nós descobrir Jesus presente na Eucaristia e presente nos sofredores e sofredoras deste mundo.

ORAÇÃO: Ó Deus, que fizestes resplandecer São Pascoal por um profundo amor para com os sagrados mistérios do Corpo e Sangue do vosso Filho, concedei-nos acolher em nossa vida as riquezas espirituais de que ele se alimentava nesse sagrado banquete. Por Cristo nosso Senhor. Amém!




São Pascoal Bailão, rogai por nós!
Os milagres do corpo incorrupto de São Pascoal
Ele foi para o Céu, mas o seu corpo ficou e Deus realizou inúmeros milagres através de suas relíquias.
Estátua que abriga o corpo de São Pascoal, na cidade espanhola de Villarreal.
Por Joan Carroll Cruz | Tradução: Equipe CNP — Nascido em Torre Hermosa, no então Reino de Aragão, de uma humilde família de agricultores, Pascoal trabalhou como pastor de ovelhas dos 7 aos 24 anos. Conta-se que ele recebeu uma visão de São Francisco e de Santa Clara ordenando a ele que entrasse para a Ordem Franciscana. Em uma data futura, ele acabou sendo admitido ao mosteiro dos Franciscanos Alcantarinos de Monteforte. Como irmão religioso, ele serviu em várias funções nos mosteiros da Ordem, mas sua atividade predileta era cuidar dos pobres e doentes, pelos quais ele frequentemente derramava lágrimas de compaixão e realizava milagres de cura.
A devoção à Santa Eucaristia era o tema dominante de sua vida. Seu primeiro biógrafo, Padre João Gimenez, que era amigo pessoal do santo, registra que Pascoal passava todo o seu tempo livre diante do tabernáculo, ajoelhado no próprio assoalho, com as mãos apertadas e firmes acima do rosto. Ele também conta que o santo se deleitava em servir a várias Missas sucessivas e que várias vezes passava a noite em oração diante do sacrário.
Durante uma viagem à França em missão, ele foi chamado várias vezes para defender sua fé na Santa Eucaristia. Para um frade, usar o hábito durante aquele tempo de guerras religiosas era um convite ao desastre, e ele foi muitas vezes preso, interrogado e maltratado pelos calvinistas huguenotes. Em uma das cidades, ele chegou a ser apedrejado e sofreu um ferimento no ombro que o afligiu pelo resto da vida.
Por uma coincidência, o exato "momento da partida desse santo homem para o Céu coincidiu com o de sua entrada no mundo. Ele tinha 52 anos naquele dia, Domingo de Pentecostes, ao amanhecer" de 15 de maio de 1592 [1].
Conheça o quadro Visión de San Pascual Bailón, de Giambattista Tiepolo, que retrata uma aparição do Santíssimo Sacramento ao santo espanhol.
Devido à grande quantidade de pessoas que desejava ver os restos mortais, o seu corpo foi transportado da humilde cela em que ele morreu para uma das capelas na igreja de Nossa Senhora do Rosário. Os fiéis que passavam em fila pelo caixão ficavam impressionados com a irradiação celeste de seu semblante e com o líquido perfumado que se acumulava em sua testa desde o momento de sua morte. Durante os três dias de exposição, "o óleo milagroso que destilava dos membros do santo fluía copiosa e continuamente" [2]. Conta-se que foram necessários guardas armados para controlar as pessoas, muitas das quais foram autorizadas a coletar o dito líquido em pequenos tecidos, que depois curaram várias doenças até então sem esperança de cura.
Também se conta que muitos dos que participaram do velório puderam testar a flexibilidade do corpo e abrir as pálpebras para ver os seus olhos, que eram de um brilho e de uma claridade incomuns.
Dos grandes prodígios e milagres que aconteceram em todos os cantos, talvez o incidente mais extraordinário que ocorreu durante esse período solene foi a miraculosa abertura dos olhos do corpo, um milagre visto por muitas das pessoas que lotaram a igreja.
Eleonora Jorda y Miedes, uma testemunha ocular desse fato, que até então sentia repulsa por cadáveres, relatou em seu testemunho:

"Dirigi-me ao Irmão Pascoal como se ele estivesse vivo, beijei as suas mãos e seus pés e vi as milagrosas gotas de suor em sua fronte. No fim, estava me sentindo tão bem ao lado daquele santo homem que, a fim de permanecer o maior tempo possível com a sua bendita companhia, resolvi não deixar a capela antes do fim da Missa Solene. Devo confessar, para minha vergonha, que dava mais atenção ao que estava acontecendo ao redor do santo homem que à celebração do Santo Sacrifício. Quando o vi abrindo os olhos no momento da elevação da Hóstia, fiquei tão estarrecida que soltei um grito. 'Mamãe, mamãe! — exclamei para minha mãe, que tinha vindo comigo — Veja, veja! Irmão Pascoal está com os olhos abertos!' Ela olhou e também viu os olhos do santo abertos.

Todos os que fomos testemunhas desse milagre tínhamos em mente uma só coisa: que, com aquilo, Nosso Senhor queria recompensar a extraordinária devoção de Pascoal à Santa Eucaristia, dando a ele uma vida nova, a fim de que, mesmo do outro lado do túmulo, ele ainda tivesse a consolação de adorar Jesus no Santíssimo Sacramento do altar." [3]

Na noite do terceiro dia seguinte à sua morte, enquanto era preparado um lugar para o corpo sob o altar da Imaculada Conceição, Pascoal foi revestido de um novo hábito, já que o antigo havia sido despedaçado pelos fiéis. Antes do enterro, o vigilante cobriu o corpo com uma grossa camada de cal virgem para consumir rapidamente a carne e para produzir um material lustroso, que ele achou que poderia parecer bonito em um relicário. Ele também agiu pressupondo que a cal destruiria rapidamente a carne, impedindo assim que ela emitisse qualquer odor desagradável — um fato que chocaria as pessoas e "mancharia" a reputação adquirida pelo corpo depois de tantas maravilhas.
O corpo permaneceu imperturbável nesse agente cáustico por oito meses, até que o provincial da Ordem, Padre João Gimenez, que ficara impossibilitado de assistir ao funeral devido a uma doença, visitou a urna do santo com o propósito de exumar secretamente o corpo. Quanto a esse incidente, ele relata que, em companhia de vários frades:

"A tampa foi levantada e, quando nos aproximamos do relicário, atestamos a presença da crosta de cal que escondia o santo de nossa vista. Eu não permitiria que ninguém mais tivesse a honra de remover essa crosta. Por isso, fui retirando-a, pouco a pouco, começando com a porção que cobria o seu rosto.

Ó alegria celestial! À medida que eu tirava a máscara, as feições de nosso bem-aventurado irmão eram reveladas, cheias de ânimo e de vivacidade. Era de fato ele mesmo, milagrosamente preservado na carne, intacto da cabeça aos pés, até na ponta do nariz, que é normalmente a primeira parte a dar sinais de decomposição.

Quando levantei as pálpebras, parecia que os olhos se fixavam em nós e sorriam. Os membros estavam tão flexíveis que respondiam a cada movimento que fazíamos com eles. Nada lembrava morte, nem a presença de um cadáver: ao contrário, tudo respirava vida e trazia consolação e alegria para a alma. A linguagem humana é incapaz de retratar tal espetáculo.

De joelhos diante do relicário nós derramamos as mais doces lágrimas de nossas vidas. Tomei a mão do santo sobre a minha e, trazendo-a para perto de meus lábios, beijei-a ternamente. Um líquido cristalino como bálsamo destilou de seu rosto e de suas mãos. Quando todos os religiosos tinham satisfeito sua devoção, uma camada fresca de cal se espalhou sobre o corpo e, então, eu me dirigi ao santo nos seguintes termos:

'Aquele que por oito meses preservou-te tão milagrosamente sob esta cal, é poderoso o bastante para te preservar ainda, pelos muitos anos que hão de vir, e dar assim maior fulgor ao milagre, até chegar o tempo oportuno de transladar as tuas gloriosas relíquias a um sepulcro menos indigno de ti.'

Tendo restabelecido a urna em seu nicho, e reconstruído a pequena parede de tijolos, retiramo-nos em silêncio para preparar um registro desse primeiro reconhecimento do corpo." [4]

A segunda exumação foi realizada em 22 de julho de 1594. Os religiosos da comunidade encontraram apenas alguns pedaços de sua mortalha. O corpo, com exceção da extremidade das narinas e de alguns fragmentos de pele, continuava resistindo à corrupção, e descobriu-se que o pedaço de um ouvido e um dedo tinham sido anteriormente levados como relíquias. Também se descobriu que o corpo permaneceu sem apoio quando colocado em posição vertical.
A data da terceira exumação privada não é conhecida, mas um incidente ocorrido nessa ocasião é digno de nota. Um dos religiosos, em segredo e sem autorização, amputou ambos os pés do santo e levou-os consigo. Ao descobrirem o sacrilégio, os superiores ordenaram que os pés fossem devolvidos, sob pena de excomunhão, e eles foram imediatamente recolocados no caixão algumas horas depois. A mutilação acabou sendo vantajosa, no entanto, pois de seus pés foram retiradas numerosas relíquias.
Dezenove anos após a morte do santo, uma exumação oficial foi feita para o processo de beatificação. Na presença do bispo de Segorbe, do provincial, do postulante da causa, de alguns eminentes dignatários do país, de médicos, de cirurgiões e de um escrivão, os três cadeados do caixão foram abertos e as formalidades de costume foram observadas antes que o seu interior fosse revelado.

"Assim que a tampa foi aberta, uma fragrância agradável, parecida com um aroma de flores, emergiu do sepulcro. Com uma tesoura, o bispo começou a abrir o hábito do santo até a cintura, a fim de dar aos médicos a oportunidade de fazer uma avaliação do corpo, que já estava por dezenove anos fechado dentro do caixão. Os médicos e cirurgiões empreenderam aquele delicado procedimento com o cuidado e a reverência que eram esperados de cristãos sinceros. A tampa foi recolocada assim que eles terminaram, satisfeitos, as suas investigações. No dia seguinte, a comissão se reuniu mais uma vez para ouvir a leitura do relatório médico. A conclusão a que chegaram, baseada nos princípios da ciência médica, confirmava o estado milagroso do corpo:

'Nós, os médicos e cirurgiões abaixo assinados, afirmamos sob juramento diante de Deus e de acordo com a nossa consciência, que o corpo do irmão Pascoal Bailão é incorrupto, e que a forma de sua preservação é sobrenatural e milagrosa.'" [5]

Aos prodígios e milagres mencionados acima deve ser acrescentado outro: o dos curiosos "golpes" que procediam de seu túmulo e de suas imagens. As batidas eram interpretadas instintivamente de acordo com a sua intensidade e frequência, e eram normalmente aceitas como um aviso amigável. É desnecessário dizer que os barulhos incomuns instilavam nos corações dos agraciados uma intensa alegria religiosa e uma grande consciência da presença do santo.
Os estranhos barulhos foram escutados pela primeira vez quando um filho espiritual do santo, Antônio Pascal, começou a usar em seu pescoço um relicário contendo um pequeno fragmento de osso tirado de um dos seus pés. Primeiro, o menino sentia leves toques em seu peito, como se as relíquias estivessem vivas, e essas vibrações foram se tornando habituais. A quem quer que desconfiasse do milagre, era só o menino tirar o relicário e dizer devotamente: "Adorado seja o Santíssimo Sacramento do altar", e as batidas imediatamente se faziam ouvir.
A devoção ao Santíssimo Sacramento que Pascoal Bailão exibia tão devotamente durante a sua vida refletiu nos fenômenos e milagres realizados por ele depois de sua morte, os quais contribuíram em grande medida para um avivamento da fé e um aumento da devoção nos corações de muitos. Portanto, nada seria mais apropriado que Pascoal Bailão, canonizado em 1690, fosse declarado pelo Papa Leão XIII em 1897 padroeiro dos Congressos Eucarísticos e de todas as organizações dedicadas ao aumento do amor e da devoção à Santa Eucaristia.
Por Joan Carroll Cruz | Tradução: Equipe Christo Nihil Praeponere
CRUZ, Joan Carroll. The Incorruptibles. Charlotte: TAN Books, 2012, pp. 180-186.
Sugestões

XIMENEZ, Juan. Chronica del B. Fray Pasqual Baylon. Valência, 1601.
PORRENTRUY, Louis-Antoine de. The Saint of the Eucharist (trad. para o inglês por Oswald Staniforth). Londres, 1908.

Referências

PORRENTRUY, Louis-Antoine de. The Saint of the Eucharist (trad. de Oswald Staniforth). Londres, 1908, p. 161.
Ibid., p. 168.
Ibid, p. 172.
Ibid., p. 183.
Ibid., p. 187.


17 de maio de 2017

O DESTINO NOSSO DE CADA DIA....

DOMINGO DE TARDE,ENQUANTO LUIS CORONEL ERA OVACIONADO PELA LETRA DA MUSICA GAUDENCIO DE SETE LUAS, DELE E DO MARCO AURELIO VASCONCELOS A FUNDADORA DE SUA AGENCIA, A MATRIZ, DA TRADICIONAL FAMILIA TELECHEA DOS PETROLEO IPIRANGA, MORRIA NUM ACIDENTE PERTO DE URUGUAIANA, NUM ACIDENTE DE CARRO QUE ENVOLVEU UMA CAPIVARA, UM CAPINCHOL. PRA VER O QUE É O DESTINO.

ANOTA DOS JORNAIS DE HJ FALA DA FUNDADORA DA AGENCIA COMO UMA PESSOA ' DOCE'.

ELA ERA CASADA COM O PEDRINHO CHAVES BARCELLOS, IRMÃO DO CAIO, QUE ESTÁ PRESO POR TER SE ENVOLVIDO NUM CRIME EM TORRES ALGUNS ANOS ATRÁS.(OLIDES CANTON)

 

guaiba

é laurinho, EU QUE ACORDO AS 6 PRA OUVIR A GUAIBA HÁ MUITOS ANOS SEI MENOS QUE TU QUE ACORDA AS 9 E NEM OUVE RÁDIO. TU SABE TUDO, TU É O DIB KKK(oc)

tocou elis esta manha na guaiba no novo programa....mudou tudo....
e o cara de livramento entrou no baiado sim. assim que REI MORTO, REI POSTO. NG É INSUSTITUIVEL. NEM O MENDELSKY.

COMO DIZIA O CASTELO BRANCO, O GOLPISTA DE 64. OLHA LÁ O CEMITÉRIO CHEIO DE INSUBSTITUÍVEIS.

 

MARCO AURELIO

1.

FEZ UM CONTRATO ' PRO RESTO DA VIDA, COM A RBS. MAS BEM MENOR DO QUE GANHAVA NA ATIVA.

2

E O CONTRATO PREVE QUE SE ELE MORRER ANTES DA MULHER, ELA VAI CONTINUA RECEBENDO.

3

MAS ELE AINDA TÁ ' MAGOADO' COM A EX EMPRESA....

 

SCFRANCO

SEMPRE DE UMA GENTILEZA INCRIVEL, O VELHO. MEIO SURDO. TAVA FAZENDO A BARBA,QUDO O INTERROMPI. MAS NEM ME MANDO PRA AQUELE LUGAR...
1.

SIM N.S.CONCEIÇÃO NÃO É PADROEIRA DEPORTO ALEGRE. É AQUELA QUE O LAURO FALOU MESMO

2.

SUA ESPOSA, INES QUE MORREU DIA 4 CORRENTE, TAVA HÁ CINCO ANOS ADOENTADA. SENTI O VELHO CHATEADO....

3.

ELE PENSA EM FAZER ALGUMA COISA SOBRE PERSONAGENS QUE CONHECEU NA SUA LONGA VIDA. COMO O GENGIVA UM LADRÃO DESDENTADO - DAÍ O APELIDO - QUE UM DIA CAIU NO TRIBUNAL PRA ELE JULGAR.

4.
ME PEDIU PRA APENAS LIGAR E ' JOGAR CONVERSA FORA'. NÃO QUER MAIS MUITO PAPO.

5

A ZH NÃO PUBLICA MAIS DELE PQ QUEREM ARTIGOS CURTOS. ELE PAROU DE MANDAR.

6.

SERGIO É DO ANO DO MEU PAI. 1928.

7

ESTOU LOUCO PRA RELER MEMORIAS DE UM ESCRITOR DE PROVINCIA. VOU TENTAR ACHAR POR AÍ.

8

VIDA LONGA AO VEIO. SE ELE CONCLUIR ESTE LIVRO DOS PERSONAGENS SERÁ UMA DELICIA PRA LER.

9

A VELHICE É UMA MERDA. MAS A OUTRA OPÇÃO, COMO DIRIA BROSSARD, SERIA PIOR.

 

PREVIDENCIA

O ' TRATORZAÇO' DE SERAFINA, QUEM DIRIA, REPERCUTE NO CONGRESSO...NA VOTAÇÃO DA REFORMA.SE É QUE ME ENTENDEM. É UMA METÁFORA, POR FAVOR....ou traduzindo no popular, quem tem tem medo.....ano que vem tem eleição.....

 

OSPA

TOCOU AGORA A NOITE NA IGREJA DOS ALEMON NA SR. DOS PASSOS. ME PELEI NA SAIDA E PEGUEI UM LOTAÇÃO PQ O T9 RECÉM TINHA SI MANDADO. AQUELA ESCURIDÃO DA PR DOM FELICIANO E ASSALTO NA CERTA. MI MANDEI.

O CONCERTO NA IGREJA DOS ALEMON FOI LEGAL. RAPIDO. UMA HORINHA APENAS

 

MORTE DE MÉDICOS....

FIQUEI CHATEADO COM O ACIDENTE QUE PROVOCOU A MORTE DO DR. JORGE GROSS..ELE ERA ENDOCRINO, COMO DIZEM OS MÉDICOS. DEVE TER SIDO PROFI DA MINHA FILHA, QUE É TB ENDOCRINO.
QUE MUNDO ESTRANHO ESTE. ESTES DIAS FUI BATENDO PAPO COM UMA URUGUAIA QUE SE MUDOU PRA PORTO POR CAUSA DE UMA DOENÇA. E TINHA SE TRATADO COM ELE E COM O DR. MUSSNICH QUE EU CONHEÇO DE NOME.

O DR. GROSS FALECIDO NESTE TRAGICO ACIDENTE - POR ISTO MESMO É ACIDENTE - FORMOU-SE NA TURMA DA URGS.

ENTRE SEUS COLEGAS DE TURMA ESTÃO O DR. VINOGRON, DESTE DO ´RADIO - QUE FEZ JORNALISMO COMIGO NA FABICO -
O DR. LUCHESE, O CARDIOLOGISTA, O JAIR FERREIRA, QUE ENTENDEU MUITO DE AIDS E TRABALHOU MUITOS ANOS NA SEC ESTADUAL DA SAUDE, QUE EU CONHEÇO DE NOME.

NOSSOS PESAMES A SEUS AMIGOS E FAMILIARES.

TB FALECEU JUNTO SUA COMPANHEIRA, TB ENDOCRINO, ESTA FORMADA NA FUND. UNIVES FEDERAL DE CIENCIAS MEDICAS DE PORTO ALEGRE. DEVE SER O QUE CHAMAVAM NA JUC 5 DE ' CATOLICA'.

MIRELA JOBIM DE AZEVEDO.ERA SEU NOME.

OS DOIS ERAM DO CLINICAS E DEVEM TER DEIXADO UMA LEGIÃO DE PACIENTES ÓRFÃOS.ASSIM É A VIDA...(oc)

 

' O CORINTIANO' de Rio Claro(SP)


O GARÇÃO VAIL TROVÓ JUNIOR, NA CHURRASCARIA ESTANCIA GAUCHA, EM RIO CLARO, SP.

corintiano até debaixo dágua, ele vive azucrinando o PAULO, que é sampaulino. haja saco pra aturar a corneta do VAIL....(olides)

QUANDO ESTIVE AGORA EM RIO CLARO, VI QUE MEU IRMÃO PAULO, TEM UM GARÇÃO QUE INVARIAVELMENTE PEGA NO SEU PÉ DE SÃO PAULINO.

- AI VOCES NÃO TÃO COM NADA....OLHA ISTO, OLHA AQUILO....

MAS O PAULO TAMBÉM MEXE COM ELE.

É QUE O GARÇÃO VAIL TROVÓ JUNIOR , 51, ANOS, SOLTEIRO, É CORINTIANO ROXO, OU ATÉ DEBAIXO DA ÁGUA COMO SE DIZ NO POPULAR.

E AGORA ENTÃO COM O ' TIMÃO DO PARQUE SÃO JORGE' CAMPEÃO, NÃO HÁ QUEM O AGUENTE. SO O PAULO MESMO QUE MEXE COM ELE.

NUM DOMINGO DE NOITE, FUI COM O PAULO NUMA PIZZARIA COMER UMA PIZZA E LÁ ESTAVA O VAIL TRABALHANDO, FAZENDO UM ' BICO'.
AI ELE VEIO E MEXEU COM O PAULO. O ASSUNTO SEMPRE O ' TIMÃO DO PARQUE SÃO JORGE'.

E GOZAÇÃO SOBRE O PAULO POR CAUSA DO SÃO PAULO QUE COITADO ANDA EM MÁ FASE.O TIME, NÃO MEU IRMÃO QUE ANDA NUMA NICE.,GRAÇAS A DEUS...

POIS AI VAI UMA FOTO DO VAIL,, EM PLENA ESTANCIA GAUCHA, ONDE ELE TRABALHA. RESUMO DA ÓPERA, DITO PELO PAULO:
- ELE É UM BOM GARÇÃO!!!!

 

FOLCLORE POLITICO DE CAXIAS

'MANSUETINHO' VIRA CANDIDATO

POR UMA APOSTA

CONHECIDO EM CAXIAS, POR MANSUETINHO - É QUE SEU PAI,MANSUETO, TB ERA POLITICO, E APELIDADO POR PEDRO SIMON DE ' SONECA' PORQUE ELE NÃO COSTUMA ACORDAR CEDO - MANSUETO DE CASTRO SERAFINI FILHO, 2 X PREFEITO ELEITO PREFEITO DE CAXIAS DO SUL - CUJA VOCAÇÃO PRIMEIRA É O JORNALISMO, MAS QUE SÓ FALA 24 HS POR DIA DE POLITICA - CONCORREU PELA PRIMEIRA VEZ A UMA ELEIÇÃO EM 1959.

FOI ASSIM:COM 20 ANOS, ELE ESTUDAVA NO COLÉGIO CRISTOVÃO DE MENDONZA NO ' VELHO' PRÉDIO DA VISCONDE DE PELOTAS,ONDE FUNCIONA O ATUAL ESCOLA ESTADUAL PRES. VARGAS.

ELE TINHA O ' CAXIAS MAGAZINE' QUE CIRCULAVA UMA X AO MES E QUE DEU VÁRIOS FUROS NA POLITICA NACIONAL DAQUELES ANOS.

MUITO AMIGO DE ENIO BERNARDI,SOBRINHO DO DEPOIS EX-VEREADOR E COMPANHEIRO DE BANCADA DO EXTINTO MDB NA CAMARA DE VEREADORES,ERNESTO BERNARDI.

MANSUETINHO, COMO FAZ ATÉ HJ EM DIA, SÓ FALA EM POLITICA. IMAGINA NAQUELES ANOS.
ELE E ENIO DISCUTIAM POLÍTICA 24 HS POR DIA NOS CAFÉS DE CAXIAS.

UM DIA ENIO SEGREDOU AO SEU AMIGO E PARCEIRO DE PAPOS QUE O ' PARTIDÃO'- O PROSCRITO PCB DE PRESTES E CIA -
O CONVIDARA A SER CANDIDATO PELA SUA LEGENDA A VEREADOR. PROSCRITO DA VIDA NACIONAL, O ' PARTIDÃO' USAVA O PSP- PARTIDO SOCIAL PROGRESSISTA - DE ADEMAR DE BARROS - PARA ABRIGAR SEUS SIMPATIZANTES E BOTÁ-LOS A CONCORRER.(EM TEMPO. FOI ATRAVÉS DE UM VEREADOR ELEITO ASSIM EM PORTO ALEGRE QUE NASCEU A ATUAL FEIRA DO LIVRO DA CAPITAL GAÚCHA)

NUMA BRINCADEIRA ENTRE MANSUETINHO E ENIO FIZERAM UMA APOSTA. QUEM FARIA MAIS VOTOS.
PARA ISTO MANSUETO PRECISAVA DE UMA LEGENDA.

ELE PENSOU NO PTB. MAS TINHA UM TIO, DARWIN CORSETTI ( NUNCA PERGUNTEI AO MEU AMIGO DE CAXIAS COMO ESTE CARA VEM A SER SEU TIO, TALVEZ ELE NAS NOSSAS CONVERSAS JÁ TENHA DITO, MAS AGORA NÃO LEMBRO...DE MEMÓRIA)

QUE SERIA CANDIDATO A VEREADOR PELA LEGENDA DE GETULIO,JANGO,BRIZOLA,PASQUALINI.

ISTO INVIABILIZOU A LEGENDA PRO JORNALISTA.

DEPOIS DE ALGUNS DIAS, NA MESA DA JÁ NÃO EXISTENTE BOMBONIERE CAIRO, FREQUENTADA POR SIMPATIZANTES E LÍDERES DE DIVERSOS PARTIDOS , O DONO DO ' CAXIAS MAGAZINE' MANIFESTOU O DESEJO DE SER CANDIDATO.FOI AI QUE O CANDIDATO A PREFEITO PELA FRENTE DEMOCRATICA- PSD,PL,UDN - HERMES JOÃO WEBBER,, OFERECEU-LHE A LEGENDA DA COLIGAÇÃO PARA ELE TENTAR A VEREANÇA LOCAL.

'PÃO DURO'

CONHECIDISSIMO PÃO DURO, MANSUETO MANDOU IMPRIMIR APENAS ALGUMAS CÉDULAS DE VOTAÇÃO.O ENIO TAMBÉM IMPRIMIU POUCAS. NA ÉPOCA OS CANDIDATOS ' MARCHAVAM' COM ESTA DESPESA.ELES MANDAVAM IMPRIMIR AS CÉDULAS DE VOTAÇÃO E AS DISTRIBUÍAM A SEUS ELEITORES.

OS ELEITORES AS DEPOSITAVAM NAS URNAS.

QUANDO FOI O DIA DA APURAÇÃO, MANSUETO CONTABILIZOU 168 VOTOS.ENIO 46.

MANSUETO GANHOU A APOSTA QUE ERA UM CHURRASCO NA ANTIGA CHURRASCARIA MICHIELIN,LOCALIZADA DEFRONTE AO RECREIO JUVENTUDE,NA PINHEIRO MACHADO.
A PRIMEIRA ELEIÇÃO DE MANSUETO LHE DEU UMA GRANDE LIÇÃO. PODE ECONOMIZAR EM ' SANTINHOS' MAS NÃO EM IMPRESSÃO DE CÉDULAS, NÃO( AI OS ELEITORES NÃO TEM COMO VOTAR, NÉ....ÓBVIO, ULULANTE, DIRIA NELSON RODRIGUES)

MUITOS COLEGAS E AMIGOS, QUE QUERIAM SUFRAGAR MANSUETO, NÃO O FIZERAM PORQUE NÃO ENCONTRARAM CÉDULAS DELE PRA DEPOSITAR NAS URNAS.
A VOTAÇÃO DELE PODERIA TER SIDO BEM MAIOR...PODERIA, NA CONDICIONAL, COMO DIZIA O SAUDOSO COLEGA JOSÉ MITCHELL.

MANSUETINHO FICOU DE SUPLENTE E FOI CONVOCADO ALGUMAS VEZES PRA SUBSTITUIR O TITULAR, JORGE PEREIRA ALVES,QUE PASSOU A TRABALHAR FORA DO MUNICÍPIO.
MESMO OS ADVERSÁRIOS DISSERAM QUE FOI BOA A ATUAÇÃO DE 'MANSUETINHO' NA CÂMARA DE CAXIAS. FOI AI QUE ELE PENSOU EM CONCORRER EM 1963.

ISTO FICA PRA OUTRA (OLIDES CANTON, COM SUBSÍDIOS DO LIVRO DO MANSUETO SOBRE CAXIAS)

 

Colocando as coisas no lugar

LAURO. DIA 8 DE DEZEMBRO ERA FERIADO MUNICIPAL JUSTAMENTE PQ É DIA DA PADROEIRA DE PORTO ALEGRE.AI COMO ERA UM FERIADO RELIGIOSO TROCARAM PRO 2 DE FEVEREIRO.QTO A PADROEIRA OFICIAL, VOU CONSULTAR O SCFRANCO. AI TE DIGO.

SOBRE O ROGÉRIO E EQUIPE. O ROGÉRIO PARECE,QUE VOLTA EM 15 DIAS. O OTTO HONÓRIO BEDE EM 30. MAS VAMOS AGUARDAR OS ACONTECIMENTOS. HÁ MUDANÇAS NA GUAIBA E PARECE QUE EM ÉPOCA DE MUDA, PASSARINHO NÃO PIA.

ESTE NOVO LOCUTOR TEM POSTO BOA MUSICA NACIONAL, ELIS, NOVOS BAIANOS,GIL. TUDO PRA AGRADAR O CHEFÃO NANDO GROSS QUE TODOS SABEM É MUSICO. É UM PUXASAQUISMO. E ME PARECE QUE OC RISTIANO SILVA ESTE SEU NOME TEVE UM ROLO COM UM COLEGA DO ESPORTE QUE TARIA PRA SE INCOMODAR. TALVEZ SEJA UMA SOLUÇÃO SALOMONICA - DOS TEMPLOS BIBLICOS- TIRANDO O CRISTIANO DO FOCO DO ESPORTE. O QUE HOUVE LÁ NO ESPORTE, SEGUNDO UMA FONTE QUE NÃO É DA GUAIBA, É QUE O CRISTIANO SILVA ESTARIA - NA CONDICIONAL - POR TOMAR UM PROCESSO DO CAVERNA E DO SEU COLEGA LEO JORGE, UM INTEGRANTE DA EQUIPE HÁ MUITOS ANOS.
MAS TB AO QUE SEI É QUE O CRISTINO SILVA TEM A PROTEÇÃO DE NANDO GROSS....COMO DIGO VAMOS AGUARDAR. OFICIALMENTE NINGUÉM DISSE NADA, NEM O ROGERIO DISSE QUE ENTRARIA EM FÉRIAS. APENAS SABIA QUE O OTTO ENTRARIA EM FERIAS NA SEXTA, ISTO EU SABIA(oc)

Enviada: 2017/05/16 09:47:25

COLOCANDO AS COISAS NO LUGAR: 1 - A Padroeira da Cidade de Porto Alegre ñ é N. Sra. da Conceição. A Padroeira de de Porto Alegre é Nossa Senhora Mãe de Deus, também padroeira da Arquidiocese de Porto Alegre e da Catedral de Porto Alegre. Jornalista nunca acerta. A maioria acha q é M. Sra. dos Navegantes. E dia 8 de dezembro é feriado, sim, feriado forense, parcial, os fóruns não funcionam, pq nesta data, coincidentemente, é comemorado também o Dia da Justiça.
2 - É indiscutível que os bondes são um excelente meio de transporte urbano. Em todo o mundo ou não desapareceram ou estão voltando. E, onde foram tirados de circulação, isso é lamentado. Aliás, qdo o Vilella inventou esta história de corredores para os ônibus, a idéia era de que, numa segunda fase, os ônibus seriam substituídos por veiculos eletricos. Infelizmente isso ñ se concretizou. Pode ser q, qdo as empresas chinesas assumirem o Trensurb, a Metroplan e o Aeromóvel, como pretendem, isto aconteça; afinal, os chineses estão comprando todo o parque nacional de energia eletrica.

DÚVIDA: O que ocorreu com o Rogério? Pelo teu texto não dá para entender. Despacharam ele e toda a equipe do programa? Ou só fizeram alterações?

 

"About nothing"

LAURINHO SABE TUDO KKK(oc)

AH, EM TEMPO. A PADROEIRA DE PORTO É AQUELA QUE TU FALOU. PALAVRA DE AUTORIDADE SCF.

Enviada: 2017/05/16 15:30:12

Traduziram para mim a tua algaravia: o Rogerio entrou em férias e os ouvintes ñ gostaram dos substitutos, sendo q um dos substitutos ñ é o habitual. Também ñ gostaram da música q agora toca o programa. O Nando ñ teria tido a sensibilidade necessária ao escalar substitutos desafinados com o gosto dos ouvintes tradicionais do programa. Ou seja, como dizia o bardo: "much ado about nothing".

 

Idade

CAPINCHO NA POBREZA. DE STO ANGELO. que nada, tu tá mais SELETIVO, MAS PRA BAXO KKKK

De: "Letier Vivian"
Enviada: 2017/05/16 17:45:50

To numa idade complicada.

O cara fica mais velho e mais exigente. Agora... To pegando mulher de 20... 25... No máximo 30 reais...

 

dos leitores

POR MARIA ' AZARINA' SILIPRANDI. CUIDADO QUE A MARIA TANDO EM PORTUGUAL PODE DAR UM TERREMOTO POR LÁ(oc)

De: "maria siliprandi"
Enviada: 2017/05/16 10:16:01

O Gross foi meu professor endocrino. Tô sabendo dos filmes mas estou em Portugal.

A foto é em Grandolá Vila Morena. Por acaso surgiu no caminho. Estou com a Luciana Gigante.

 

de Uruguaiana

De: "Fernando Alves"
Enviada: 2017/05/16 11:45:48

Olides,

roubaram o busto - em bronze - do poeta Luiz de Miranda do Sá Viana Futebol Clube, de Uruguaiana - único poeta do mundo assim homenageado por um time - como a obra dele, que é a mais vasta! Urgem providências da Cultura e da Segurança Pública, do Estado e daqui, para resgatar essa distinção.

Ah, o busto do Miranda foi feito pelo Xico Stockinger!!!

Abraço,

Fernando Alves

 

de Uruguaiana

De: "Fernando Alves"
Enviada: 2017/05/16 12:06:42

Ele se ufana de ser o único poeta do mundo a ter estátua em clube de futebol - o Sá Viana, um dos três daqui.

--
Fernando Alves
www.blogdofernandoalves.blogspot.com

 

MATRIZ

PRA QUEM NÃO SABE A MATRIZ É A AGENCIA QUE CUIDA DO ZAFFARI.

De: "Fernando Alves"
Enviada: 2017/05/16 11:57:15

OK,

mas essa do Miranda é um "furo internacional", diria ele.

Da Tellechea, só sei o que saiu nos blogs daqui: https://tribunadeuruguaiana.blogspot.com.br/search?updated-max=2017-05-15T12:27:00-03:00&max-results=5 e http://jornalcidadeonline.blogspot.com.br/2017/05/ed-2759-acidente-mata-uruguaianense.html
Abraço,

Fernando Alves

 

a morte da TELECHEA...

De: "Fernando Alves"
Enviada: 2017/05/16 13:37:15

Sim, de Hilux, pegaram um capincho
, perto do Cerro do Jarau - da estrada que vai pra Quaraí, portanto.

 

do Espaço Vital

Serviços cirúrgicos e sexuais

Charge de Gerson Kauer

A petição inicial de ação reparatória ajuizada pelo Antonio Carlos - industrial conhecido - surpreendeu servidores da comarca: ação de reparação moral contra o Doutor Celzo, notório cirurgião plástico, que – “transgredindo a ética médica, envolvera-se com sua paciente Duana, então esposa do demandante, o que terminou resultando em separação litigiosa, ante a consumação comprovada de adultério”.

O cirurgião contestou, dizendo ter “atendido a ex-esposa do autor como médico e, na conjunção, os procedimentos sempre foram acompanhados pela secretária, enfermeiras e auxiliares clínicos; não havendo qualquer espécie de relacionamento afetivo, muito menos sexual”.

Detalhe surpreendente: com a réplica surgiu uma declaração firmada por Duana, - já então divorciada de Antonio Carlos – reconhecendo que “mesmo enquanto casada, tive relacionamento íntimo temporário com o médico Celzo, que me atendeu em cirurgia plástica dos seios”.

A assinatura estava reconhecida por autenticidade.

O juiz admitiu que “frente ao dever de fidelidade recíproca, enquanto casados, nos termos do inciso I do artigo 1.566 do CC, em tese, caberia pretensão reparatória contra o cônjuge adúltero, que eventualmente pratica esse ilícito civil”. Mas fulminou a ação porque “tal ação é inviável contra o terceiro”.

No tribunal, o relator fez digressões sobre a “inviabilidade da manutenção de uma vida em comum, que pode estar configurada muito tempo antes da ocorrência de uma relação extraconjugal”.

A revisora lembrou que “não há reparação possível, de ordem econômica, para curar as dores sofridas na constatação do adultério”.

E o vogal foi objetivo com uma única frase: “O adultério deixou de ser crime, desde 2005”.

Já há trânsito em julgado. E a fase de execução da sucumbência (verba honorária que o industrial terá que pagar ao advogado do médico réu) segue tramitando sem segredo de justiça.

Talvez por isso ainda cause tanto tititi na comarca.

 

Jornal do Comércio promove edição especial sobre o Dia da Indústria

Campanha para divulgação do especial Dia da Indústria conta com publicações no impresso e nas redes sociais.

O ano de 2016 foi um dos mais turbulentos para a indústria brasileira. Por isso o especial Dia da Indústria, que circula no dia 25 de maio, apresenta aos leitores do JC a visão de profissionais de credibilidade sobre a situação econômica e política do país, além de matérias sobre o desempenho da economia gaúcha, inserida no mercado nacional e internacional. No ano passado, crise, demissões em massa e baixa produtividade afetaram muito o mercado, entretanto, a previsão é de que em 2017 ocorra uma virada econômica gradual. Diante de um cenário de tantas incertezas, a análise da atual conjuntura é de extrema importância e este especial traz ao leitor informação relevante sobre o agronegócio, a indústria automotiva, o setor calçadista, a política e suas reestruturações e muito mais!

Para promover o conteúdo do especial, o JC está veiculando no impresso e nas redes sociais uma campanha que retrata as mudanças ocorridas em um ano, bem como as dúvidas que pairam sobre os rumos do mercado, ressaltando a importância da leitura de informações confiáveis para tomada de decisão nos negócios.

 

Retomada do IEPES propõe espaço para debate e diálogo com a sociedade

Eduarda Alcaraz

Oficializado em 1973, mas em funcionamento desde o final da década de 1960, o Instituto de Estudos Políticos Econômicos e Sociais (IEPES) foi o berço das grandes teses nacionais do PMDB-RS durante um dos períodos mais difíceis da história brasileira: a Ditadura Militar. Agora, em 2017, a Executiva Estadual vai retomar as atividades do Instituto com o objetivo de propor uma discussão aberta - para além dos temas partidárias - sobre o País e o Rio Grande do Sul.

Em reunião realizada nesta terça-feira, 16 de maio, na sede do Diretório Estadual, o grupo de pensadores e lideranças partidárias, sob a comando do vice-presidente Sebastião Melo, discutiu a estruturação da forma e quais os objetivos do IEPES diante da crise política que o país enfrenta. Pedro Simon, líder histórico da legenda e então presidente do PMDB-RS na criação do Instituto, também esteve presente.

Emocionado, Simon lembrou que o Instituto transformou Porto Alegre no mais importante centro político de resistência à Ditadura e que alcançou repercussão nacional. "Na campanha pela Anistia, liderada por Teutônio Vilela, nós percorremos o Brasil inteiro através do IEPES", recordou o ex-senador. Sobre a iniciativa, o peemedebista disse que o PMDB tem história, experiência, biografia e serenidade para avançar. "Este debate é importante, o caminho está traçado. Eu estou à disposição para contribuir com a experiência do que deu e o que não deu certo no passado", afirmou.

Formulador de planos de governo do PMDB gaúcho, o filósofo e professor universitário João Carlos Brum Torres também deixou a sua contribuição e disse que a crise política atual pôs em evidência um processo de corrupção sistemática. Brum Torres defendeu a importância do partido realizar uma revisão programática, de costumes e lideranças.

Ex-secretário estadual da Fazenda, o economista Cezar Busatto destacou ainda a necessidade do partido realizar a autocrítica. "Precisamos ter a liberdade de discutir criticamente o próprio PMDB, de forma aberta e ampla", explicou Busatto.

Segundo Melo, o debate sobre a concepção do modelo de trabalho e estrutura do Instituto continua na próxima terça-feira, 23 de maio, às 18h, na sede do Diretório Estadual.


16 de maio de 2017

GUAIBA DE CARA NOVA..

NANDO GROSSO RESOLVEU ' MEXER' NO PUBLICO DO MENDELSKY.VÃO IR TODOS EMBORA. AQUELE BANDO DE REAÇA OUVINDO NOVOS BAIANOS????NÃO VAI DAR CASAMENTO???
E O FATO DELE NÃO TER POSTO O JURANDIR, QUE SEMPRE FICAVA NAS FERIAS DO MENDESLKY QUER DIZER ALGUMA COISA, SIM. NANDO RESOLVEU ' INTERVIR' NO PUBLICO DO MENDELSKY. VAMOS VER NO QUE VAI DAR....EM RADIO QUEM MANDA É A AUDIENCIA....

MUDANÇA RADICAL

DE MENDELSKY PRA CRISTIANO SILVA. É MUITA MUDANÇA...OS OUVINTES VÃO FUGIR.

OS OUVINTES DO MENDELSKY NÃO GOSTARAM...

FOI COLOCADO O CRISTIANO SILVA E A MLBENITEZ NO LUGAR DA DUPLA ANTERIOR. MENDELSKY E OTTO. OS OUVINTES REAGIRAM CHAMANDO A MALU DE ESQUERDISTA.

nem o VILLA DE LIVRAMENTO ENTRO HJ...DESCULPE INVENTADA. CHOVIA E O CEL NÃO PEGAVA. KKKK SO RINDO. INVENTA OTRA VILA.

O POLACO É FODA. TEM SEU PUBLICO FIEL E QUE SENTE FALTA DELE.

COM OS ANOS FORMOU UMA LEGIÃO DE OUVINTES DELE.

QUE PERSONALIDADE. GOSTE OU NÃO DELE.
O PESSOAL LIGA PRA OUVIR ELE, NÃO A NOTICIA. NOTICIA TEM EM TUDO O QUE LUGAR. A MESMA

ESTE É O FORMADOR DE OPINIÃO(OLIDES)

 

Domingo

o culto de domingo na pastor doms. o pastor foi bem legal....eles não chateiam, pelo menos este....

ACABEI NÃO OUVINDO O JOGO DO GREMIO NO DOM.
QDO CHEGUEI DA RUA FIQUEI OUVINDO A ANNE SCHNEIDER...TOCOU ATÉ 'JESUS ALEGRIA DOS HOMENS'. ENTRE ESTA MUSICA E O JOGO DO GREMIO, FICO COM A PRIMEIRA. A VIDA NÃO É FEITA DE ESCOLHAS...É NE... TIVE UM DOMINGO ALTAMENTE CULTURALPASTOR DOMS, OPERA NA RADIO DA URGS, CONCERTOS ZAFFARI E ANNE SCHNEIDER NA RADIO DA URGS. SEM FUTEBOL....

 

GRE 2 X 0 BTA

o jogo com atraso....

Grêmio: Marcelo Grohe; Léo Moura, Geromel, Kannemann e Marcelo Oliveira (Bruno Cortez, 26'/2º); Michel e Arthur (Gata Fernández, 35'/2º); Ramiro, Luan e Pedro Rocha; Lucas Barrios (Jailson, 30'/2º)

Botafogo: Gatito Fernández; Igor, Marcelo, Emerson Santos e Víctor Luís; Aírton (Gilson, 11'/2º), Bruno Silva, João Paulo e Camilo (Guilherme, 12/2º); Rodrigo Pimpão e Roger (Joel, 32'/2º)

 

FOLCLORE POLITICO DE CAXIAS

NUVENS NEGRAS SOB O CÉU DA ' PÉROLA DAS COLÔNIAS'

EM 1968, O MDB, COM SUBLEGENDA, FEZ DE VICTORIO TREZ SEU NOVO PREFEITO..O VICE FOI MANSUETO SERAFINI.

( OS DOIS NUNCA SE DERAM MUITO....)

O ENTÃO MDB- ' VELHO DE GUERRA' COMO DIZIA PEDRO SIMON QUE NESTA ÉPOCA ERA DEPUTADO ESTADUAL,LIDER DA OPOSIÇÃO, EM TEMPOS DIFICEIS, MUITO DIFICEIS, COM OS BRIZOLISTAS PREGANDO VOTO EM BRANCO, OU NULO...)AINDA FESTEJAVA A ELEIÇÃO DA DUPLA-TREZ-SERAFINI, QUANDO UM FORTE BOATO CORROEU AS ESPERANÇAS EMEDEBISTAS.
ESPALHOU-SE EM CAXIAS O TEMIDO BOATO DE QUE O AI-5, DE TRISTE MEMÓRIA, DECRETADO POR COSTA E SILVA EM 13 DE DEZEMBRO DE 1968, NO PALÁCIO LARANJEIRAS,ATINGIRIA CAXIAS, SENDO A ' PÉROLA DAS COLONIAS' DECRETA ' AREA DE SEGURANÇA NACIONAL. COM ISTO IRIA PRO BELELEU TODO O ESFORÇO DO MDB EM GANHAR AQUELA ELEIÇÃO QUE CONTAREI EM CAPÍTULOS POSTERIORES A ESTE.

SE CAXIAS TIVESSE PASSADO PRA ÁREA DE SEGURANÇA NACIONAL, O PREFEITO SERIA NOMEADO PELOS MILICOS.

SEGURAMENTE SERIA UM ' TRICHES' DA VIDA....QUE ERA MILICO...

VÁRIOS NOMES DE 'ARENISTAS' CAXIAS CHEGARAM A ROLAR NESTE BOATO COMO POSSÍVEIS PREFEITOS NOMEADOS.

A DIPLOMAÇÃO DOS ELEITOS, MARCADA PRO DIA 14 DE DEZEMBRO DE 1968 FOI ADIADA.O QUE SÓ FEZ AUMENTAR A ONDA DE BOATOS PELA CIDADE.

FINALMENTE NO DIA 27 DE DEZEMBRO, DEPOIS DO NATAL, OS ELEITOS FORAM DIPLOMADOS.

NO DIA 31 DE JANEIRO DE 1969 - O ANO EM QUE COMEÇARIA A LUTA ARMADA NO BRASIL - TREZ, UM CONSERVADOR, GERENTE DO BANRISUL NA AGENCIA CENTRO DE CAXIAS E QUE HAVIA FLERTADO COM A ARENA, MAS QUE ESTE PARTIDO NÃO O APOIOU PRA ELE VIRAR GERENTE DO BANRISUL EM CAXIAS, E SERAFINI, UM JOVEM VOLUNTARIOSO, COMBATENTE DA DITADURA MILITAR, TOMARAM POSSE PRUM MANDATO NO QUAL NÃO TOCARAM A MESMA MÚSICA.
ANDARAM EM PRAIAS SEPARADAS, MAS ISTO EU CONTO OUTRA HORA.(OLIDES CANTON)

COM SUBSIDIOS DO LIVRO DO MANSUETO SOBRE CAXIAS.

 

do Centro

na man do ultimo sabado, o casamento NA IGREJA N.SRA DA CONCEIÇÃO NA AV. INDEP. ALIÁS A SANTA QUE É PADROEIRA DEPORTO ALEGRE. TANTO QUE NOS ANTIGAMENTE ERA FERIADO.NÃO É NAVEGANTES A PADROEIRA É CONCEIÇÃO QDO FORAM FAZER UM PROJETO NO TEMPO DO VILLELA NO 4 DISTRITO CHAMARAM DE PROJETO PADROEIRA, TUDO ERRADO. A PADROEIRA É NOSSA SENHORA DA CONCEIÇÃO.

 

dos leitores....

não sabia que os ' bondistas' de porto alegre tinham um ARDOROSO DEFENSOR NO LAURINHO DA VENANCIO....

Enviada: 2017/05/15 14:52:35

É...

.. bonde é mesmo para cidade pobre, como Amsterdam (azul e branco), Lisboa (amarelo e vermelho), Oporto (amarelo), Praga (branco e vermelho)... hahaha! faltou o de Paris, que ainda não encontrei as fotos.

Metrô é muito caro hoje em dia. Quando construíram em Londres, Paris e NYC foi no tempo em que amarravam cachorro com linguiça. Em Porto Alegre é fantasia. Por sinal, aquele escritório do metrô que tinha em frente do Beira-Rio já foi desativado. O prédiio está vazio e tiraram as placas que tinha na frente.

 

INICIAM HOJE AUDIÊNCIAS PÚBLICAS DOS FINALISTAS DO SINDUSCON PREMIUM

Serão realizadas hoje (15) e amanhã (16) as audiências públicas dos finalistas do Sinduscon Premium 2016/2017 – Etapa Estadual. As apresentações ocorrerão no Teatro Sinduscon-RS (Av. Augusto Meyer, 146, em Porto Alegre).
A divulgação dos vencedores será realizada no dia 25 de maio e a entrega da premiação está programada para 29 de maio próximo, às 20h30min, na Associação Leopoldina Juvenil.
Audiências Públicas

15 de maio - segunda-feira
14h30min
Produtos imobiliários do ano
Empresas de pequeno e de médio porte
SMART - Iguaçu - Arquitetura que flerta com a arte
Allgayer– Fly Design Studios
Censi e Censi e Torres & Bello - L'Adresse Reserve
15h45min

Produtos imobiliários do ano
Empreendimentos de grande porte
Engenhosul – Unisinos Porto Alegre
Melnick Even - Grand Park Lindoia - A Vida em equilíbrio
Viezzer - Residencial Brasil
16h30min Produtos imobiliários do ano
Empreendimentos de pequeno e de médio porte
Melnick Even - DOC Santana Inteligência em empreendimentos comerciais
Melnick Even - Supreme Central Parque Residencial de melhor performance comercial da Melnick Even
TGD - IN 1183 - A TGD Constrói a ponte entre passado, presente e futuro e atinge grandes resultados no auge da crise do setor imobiliário

17h45min Destaque Mercadológico
Melnick Even - Planejamento e soluções mercadológicas para empreender 12 lançamentos em época de crise
Melnick Even - Experiência Digital - Imersão inovadora na construção civil
Rotta Ely - Nocaute Rotta Ely

16 de maio - terça-feira
14h30min Destaque Tecnológico
Forma - Moinhos Chroma
Melnick Even - Vídeo IT-EX Tecnologia para o desenvolvimento de equipes no canteiro de obras
Melnick Even - Fen eletrônica: tecnologia embarcada nos canteiros da Melnick Even

15h45min Destaque em Processos Internos
Rotta Ely - Uso de Fintechs para obtenção de funding
Vêneto - Projeto Vida Melhor
Tedesco - PHEO na obra de expansão do Hospital Moinhos de Vento - viabilizando um projeto construtivo desafiador

16h45min Ações e Práticas Sustentáveis
Delpro e Torrer & Bello Arquitetos - Sustentabilidade Net Zero e Bem Estar
Melnick Even - Memorial Eucaliptos - Uma praça feita de Histórias
Rotta Ely - Lovely Place for People: a inserção social e a valorização das equipes de canteiros de obras através da Cultura RottaEly

Os cases finalistas estão à disposição para leitura no site http://sinduscon-rs.com.br/premium2017/. Ressaltamos que os vencedores na categoria Destaque Acadêmico serão divulgados com os vencedores das demais categorias até o dia 25 de maio, 20h30min, na Associação Leopoldina Juvenil.

ATENÇÃO IMPRENSA: FAVOR CONFIRMAR PRESENÇA COM A TODT COMUNICAÇÃO – FONES (51) 3228.7270/3228.7261 OU
E-MAIL todtcom@terra.com.br.

 

Papos & Ideias

vamos lá. é gratuito.(olides)

 

Banrisul alcança lucro líquido de R$ 128,5 milhões no 1º trimestre de 2017

O Banrisul registrou lucro líquido de R$ 128,5 milhões no primeiro trimestre de 2017. O resultado recorrente alcançou R$ 183,3 milhões, 2,5% abaixo do apurado no mesmo trimestre de 2016. A rentabilidade anualizada sobre o patrimônio líquido médio foi de 11,8%. O desempenho, no primeiro trimestre de 2017, reflete os efeitos da relativa melhora do ambiente de risco que perdurou durante o exercício de 2016, além dos impactos do lançamento do Plano de Aposentadoria Voluntária, instituído em fevereiro de 2017, para incentivar o desligamento de empregados aptos à aposentadoria oficial e complementar.

O patrimônio líquido atingiu R$ 6,5 bilhões em março de 2017, expansão de R$ 162,1 milhões ou 2,6% em um ano. Os ativos totais apresentaram saldo de R$ 68,9 bilhões em março de 2017, crescimento de 4,4% em relação a março de 2016. O total de recursos captados e administrados, em março de 2017, registrou saldo de R$ 57,4 bilhões. Os depósitos totais alcançaram R$ 43,1 bilhões no período, com incremento de 14,6% ou R$ 5,5 bilhões em 12 meses. O saldo das operações de crédito do Banrisul totaliz ou R$ 30,5 bilhões em março de 2017, com decréscimo de 2,7% nos 12 meses.

ESTRATÉGIA COMERCIAL

A estratégia de negócios do Banrisul, no primeiro trimestre de 2017, permaneceu focada na ampliação das receitas com produtos e serviços, no incremento da captação de recursos de forma diversificada e na qualidade do crédito. No segmento de pessoas físicas, as linhas priorizadas abrangeram o crédito consignado a servidores públicos estaduais, municipais, federais e aposentados do INSS e o Cartão Consignado INSS, por serem modalidades de menor risco. Para incentivar a adimplência e o consumo de produtos e serviços, o Banco lançou a campanha Sorte Grande Banrisul, que prevê premiações por meio de sorteios mensais de 100 títu los de capitalização de R$ 1,0 mil e de um título mensal de R$ 30,0 mil.

No segmento empresarial, foi lançada a Conta + Banrisul |Vero, visando ao estímulo da adquirência e do domicílio bancário, bem como ao fortalecimento das marcas, em especial, junto aos ramos do comércio e serviços. A Conta + Banrisul |Vero possibilita descontos no pacote de tarifas de acordo com o faturamento do cliente na máquina da Vero.

O Banrisul apoiou, no primeiro trimestre de 2017, diversos projetos na Capital e no Interior do Estado, estando presente em feiras, expofeiras, eventos culturais, esportivos, de cunho social, de sustentabilidade e de benefício à saúde e educação, sendo que parte desses projetos foram patrocinados com a utilização de benefícios fiscais concedidos pelas leis federais de incentivo à cultura e ao esporte.

SEGUROS, PREVIDÊNCIA E CAPITALIZAÇÃO

O Banrisul direcionou esforços em campanhas de vendas de seguros de vida, proteção financeira e capitalização nos primeiros meses de 2017, o que possibilitou atingir o faturamento de R$ 239,1 milhões, com crescimento de 32,9% frente ao mesmo período do ano anterior. As operações ativas de seguridade alcançaram 2,2 milhões em março de 2017 e incremento de 13,7% em relação ao mesmo mês de 2016. As receitas totais atingiram o montante de R$ 53,4 milhões no primeiro trimestre de 2017; as receitas provenientes das comissões de seguridade somaram R$ 44,5 milhões, com evolução de 27,3% sobre o mesmo trimestre do ano anterior.

CANAIS DIGITAIS

No primeiro trimestre de 2017, os canais de Internet e Mobile Banking do Banrisul efetuaram 57,3 milhões de operações e movimentaram o total de R$ 63,0 bilhões. Em relação ao mesmo período de 2016, a quantidade de transações apresentou crescimento de 14,9% e o valor movimentado expandiu 2,3%, com destaque para o M-Banking, com incremento de 91,7% no volume transacionado, reflexo da ampliação no uso de dispositivos móveis, da ênfase em divulgação e da facilidade de operação nos canais digitais.

 

Prefeitura propõe punições mais duras contra o vandalismo

Os números de pichações em Porto Alegre são altos. Desde o início do ano, já foram registradas mais de 300 ocorrências e 65 detenções. Somente a Guarda Municipal registrou 31 denúncias; 26 detenções; 13 ao patrimônio público e 17 ao patrimônio particular. Para coibir estas e outras ações de vandalismo, a prefeitura de Porto Alegre encaminha para Câmara Municipal nesta terça-feira, 16, dia em que inicia a Semana Cidade Limpa, o projeto de lei anti-vandalismo. De acordo com a proposta, a Guarda Municipal passa a ter novas atribuições e seus agentes poderão atuar na fiscalização das infrações à legislação municipal, em especial ao Código de Posturas.

Segundo a avaliação do comando da GM, o perfil dos pichadores é, em sua maioria, de jovens entre 20 e 30 anos, a maior parte de classe média. Nas 480 abordagens realizadas até abril, 317 vândalos evitaram revelar a escolaridade. Mas 77 confirmaram ter recebido ensino fundamental, 74, ensino médio e 12 chegaram à universidade.

No trânsito, a situação também é grave. A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) gastou cerca de R$ 430 mil em 2016 para reparar danos causados pelo vandalismo no trânsito. Esse valor inclui placas, sinaleiras, paradas de ônibus, fios, lâmpadas, elevadores, entre outros, que precisaram ser consertados ou substituídos.

“Não vamos mais tolerar vandalismo. Chega de pessoas que apenas destroem o que é público e não recebem nenhum tipo de punição. A lei será aplicada a todos e com rigor. Cada um é responsável pelos seus atos e será responsabilizado por isso”, defendeu o prefeito Nelson Marchezan Júnior.

Pela redação do projeto, o exercício regular do poder de polícia administrativa do Município, preventivo, educativo, fiscalizador e repressivo, concernente às ações desenvolvidas nas áreas de atividades sanitária, ambiental, comércio e prestadores de serviços, obras e posturas, é simultaneamente atribuído aos agentes da Guarda Municipal e de fiscalização. E, ressalvadas as competências privativas estipuladas em lei, os agentes de fiscalização e os Guardas Municipais atuarão em toda e qualquer esfera administrativa, independente de sua lotação original, área ou matéria específica. Ou seja, no cotidiano a fiscalização será mais eficaz e mais presente nas ruas de Porto Alegre.

Combate aos pichadores

De acordo com o projeto, pichadores poderão ter de pagar multas que variam de R$ 1.955,00 a R$ 11.730,00. Os valores relativos a essas multas serão destinados ao Departamento Municipal de Limpeza Urbana – DMLU para que ele promova as ações necessárias à conservação e reparação de dos danos causados pela pichação. No caso de reincidência das infrações ou quando a prática de uma delas resultar em dano a patrimônio, público ou privado, tombado, a multa será aplicada em dobro.

Caso o infrator não pague a multa, a proposta prevê sua inscrição do débito em dívida ativa; protesto extrajudicial da dívida; e inscrição nos serviços de proteção ao crédito. O infrator também será demandado pelo ressarcimento dos danos causados, quando couber.

O projeto também trata dos estabelecimentos que comercializam tintas em embalagens spray. Elas deverão manter atualizado um cadastro na Secretaria Municipal do Desenvolvimento Econômico (SMDE) e, para a comercialização desses produtos, deverão registrar sua razão social, endereço e número de registro no Cadastro Geral do Contribuinte (CGC) e no Ministério da Fazenda; o nome e o endereço do comprador, seu documento de identificação; e a quantidade do produto adquirido.

Cidadão poderá fazer denúncias

Além da Guarda Municipal, as infrações também poderão ser denunciadas por qualquer pessoa. Assim, qualquer cidadão que constatar a ocorrência de infração poderá denunciar através de telefone, de e-mail ou pela internet, sempre relatando o fato que presenciou; a data e hora aproximada em que ocorreu a infração; o nome da rua, número e ponto de referência do local onde ocorreu a infração; além da reprodução de imagem - foto, vídeo ou outro meio idôneo que venha a ser desenvolvido; endereço do sítio eletrônico, caso o próprio infrator faça a sua divulgação; e o modelo e placa de veículo envolvido na infração, quando for o caso.

Sendo suficientes os elementos informados pelo cidadão para caracterizar a materialidade e a autoria da infração, competirá à autoridade a lavratura do respectivo auto de infração. A Secretaria de Serviços Urbanos terá a competência de organizar e coordenar o procedimento de verificação de infrações e a imposição de penalidades aos infratores. Já a Secretaria Municipal da Fazenda manterá cadastro atualizado dos infratores, contendo os números do documento de identidade e da inscrição no Cadastro de Pessoa Física, data de nascimento, filiação e endereços residencial e comercial.

Demais atos de vandalismo e punições que trata o projeto

· Despejar águas servidas, lixo, resíduos domésticos, comerciais ou industriais nos locais públicos ou terrenos baldios. Pena: multa de R$ 1.955,00 a R$ 19.550.

· Transportar argamassa, areia, aterro, lixo, entulho, serragem, cascas de cereais, ossos e outros detritos em veículos inadequados ou que prejudiquem a limpeza do logradouro público. Pena: multa de R$ 1.955,00 a R$ 11.730,00.

· Embaraçar ou impedir, por qualquer meio, o livre trânsito de pedestres ou veículos nos locais públicos. Pena: multa de R$ 1.955,00 a R$ 19.550.

· Depositar lixo em recipientes que não sejam do tipo aprovado pelo Município. Pena: multa de R$ 391,00 a R$ 977,50.

· Colocar em postes, árvores, ou com utilização de colunas, cabos, fios ou outro meio, indicações publicitárias de qualquer tipo, sem licença do Município. Pena: multa diária de R$ 508,30 a R$ 1.016,60.

· Causar dano à bem do patrimônio público municipal. Pena: multa de R$ 9.910,00 a R$ 391.000,00.

· Urinar ou defecar na rua. Pena: multa de R$ 195,50 a R$ 1.9500,00.

· Os proprietários de terrenos são obrigados a murá-los ou cercá-los dentro dos prazos e normas fixados na legislação específica, além de mantê-los em perfeito estado de limpeza, capinados e drenados. A infração deste artigo acarretará a pena de multa de R$ 1.950,00 a R$ 11.730,00.

 

do Boteco do Ilgo

Grêmio mostra que folga fez muito bem ao time

Sem toda a pompa que cercou a estreia vitoriosa do Inter na Série B, o Grêmio aplicou 2 a 0 no Botafogo e poderia ter feito muito mais, jogando um futebol semelhante ao que o levou a conquistar o título da Copa do Brasil há pouco mais de cinco meses.

Mesmo com alguns desfalques, o técnico Renato Portaluppi que soube aproveitar bem a folga tão criticada pelos mal-humorados de plantão e os dias de treinamento. O Grêmio voltou mais encorpado, marcando sob pressão, tocando a bola quando necessário e explorando lançamentos mais longos, verticalizando o jogo.

Qualquer um que consiga analisar com um mínimo de isenção percebe que esse time tem a mão do treinador, que por vezes falha, comete erros, mas que decididamente tem um conceito de futebol, uma ideia que ele busca colocar em prática quando possível.

Então, a estreia vitoriosa no Brasileirão tem influência do técnico. A atuação coletiva do time merece uma nota 8. Só não é maior porque a bola pelo alto continua sendo um perigo e o ataque segue desperdiçando oportunidades incríveis de marcar.

Nesse aspecto, ninguém superou Luan, o menino de ouro do Grêmio. O maior projeto de craque esteve bem no geral, inclusive com alguns lances que justificam o preço do ingresso, mas abusou de perder gol, e isso como se viu recentemente pode custar muito caro.

Em compensação, há Ramiro. O Pequeno Grande Volante jogou demais, voltando a ficar mais liberado para fazer seu incansável vai e vem. Só de olhar o PGV correndo eu perco uns três quilos. Ramiro marcou dois gols e por detalhe não fez o terceiro.

Depois de Ramiro, o melhor em campo foi Léo Moura, que deu uns piques de muito garotão não consegue dar. É claro que na primeira vacilada que ele der – e vale também para Ramiro – não vai faltar gente querendo ele longe do clube. Mas, tudo bem, futebol é assim mesmo. É preciso provar a cada jogo. Caso contrário, o torcedor cai de pau.

A propósito, a maior Geni tricolor fez uma partida de fazer a gente refletir. Marcelo Oliveira foi muito bem, marcando e atacando. Até o próximo jogo ele está a salvo de cornetas e agressões verbais. O mesmo vale para Marcelo Grohe, que fez intervenções precisas.

No meio-campo, a confirmação de Arthur. O guri mostrou um futebol exuberante. Renato acreditou nele. Talvez não o escalasse se Edilson pudesse jogar, mas isso fica no terreno das especulação. Os anti-Renato vão morrer dizendo que Arthur só jogou porque não havia alternativa, porque foi forçado a isso. Pode ser, mas o fato é que Arthur é um acréscimo de peso para uma temporada tão árdua, com tantos jogos.

Até mesmo Michel deu uma resposta muito positiva, inclusive aparecendo bem na frente, a exemplo de Ramiro, mas sem a assiduidade deste.

Na frente, gostei de Pedro Rocha e de Lucas Barrios, que mostrou que é muito mais que um homem de área, um atacante tipo aipim.

Vamos ver o time consegue repetir o que apresentou diante do Botafogo. Nem precisa jogar tanto, desde que tenha um percentual maior de aproveitamento e corrija o problema da bola pelo alto.

SÉRIE B

Confesso que quase fui às lágrimas com o esforço da crônica esportiva gaúcha em pintar a estreia colorada na Segundona com tintas de jogo épico, heróico.

O Inter fez o que tinha de fazer diante de um adversário muito modesto. Aplicou 3 a 0 e, segundo alguns ufanistas vermelhos, já encaminhou sua volta ao grupo de elite.

Não assisti a todo o jogo. Fiquei mais no Flamengo x Atlético Mineiro. Um grande jogo.

São dois times fortes, mas nada que o Grêmio, com todos seus titulares, não possa superar.

Outra hora me detenho mais sobre o time de Roger Machado, flamante campeão mineiro.

 

deserafina

IDA FRIGO MORREU NA CAPELA SÃO PEDRO. SEU VIUVO, ZANLUCHI, NÃO CONTRAIU MAIS NUPCIAS. CRIOU AS SEIS FILHAS PEQUENAS. UMA DELAS VEM SER AVO OU BISA DO NOSSO LEITOR LUCIANO FOLLETTO.MORAVAM ONDE HJ VIVE O BENVENHU.

VE AI LUCIANO, SE TOU CERTO.


15 de maio de 2017

BRIGUINHA DE COMADRES

ESTA BRIGUINHA DO FEICE ENTRE O JR E A MANU PARECE BRIGA DE COMADRES....KKKK

PRA ' DELÍRIO DA MASSA, COMO DIZIA O VEIO AVELINE, ESTE SIM UM VEIO COMUNA CHEIO DE CONTIUDO.....(oc)

e o prefa meio que desceu das tamancas. mais TOUCHE, CARO PREFA....OLHA O CRACHA, OLHA O CARGO....

 

REPUBLICA ' CONCERTOS ZAFFARI' DE BAGÉ

ESTIVE AGORA NO ARAUJO VENDO O CONCERTO ZAFFARI, DIGO REPUBLICA DE BAGE. LUIS CORONEL, TANIA CARVALHO, TUDO DE BAGÉ.
AS X CANTA A ISABELLA FOGAÇA NESTES CONCERTOS PATROCINADOS PELA REI ROUANETT, ENTÃO É VERBA PÚBLICA, RENUNCIA FISCAL DO ZAFFARI.

CONCERTO EM SI FOI BONITO. UMA MOÇA CANTOU COMO NOSSOS PAIS DO BELCHIOR. AGORA QUE MORREU BELCHIOR FOI ' SANTIFICADO'....É SEMPRE ASSIM.(oc)
AH, O CONCERTO' REPUBLICA DE BAGÉ' COMPLETA 30 ANOS. LONGA VIDA A ELE....

SEM HORA´RIO

TAVA OUVINDO O MENDESLKY NESTE DOM E AI VEIO A PROPAGANDA DO CONCERTO ZAFFARI. DISSERAM TUDO, MENOS O HORA´RIO. COMO DIZIA XACRINHA....FALTA COMUNICAÇÃO. BAH, MAS VOU TE CONTAR NG REVISA ESTES ANUNCIOS????

GENTILEZA É GENTILEZA

QUERO REGISTRAR A GENTILEZA DA CINARA QUE ME ATENDEU NESTA MANHA DE DOM . LIGUEI PRA GUAIBA PRA SABER O HORÁRIO DO CONCERTO ZAFFARI. ELA PRONTAMENTE ME DEU. NÃO É SEMPRE QUE SE TOPA COM FUNCIONÁRIO GENTIL.

 

SANTANA

SUA ULTIMA INTERNAÇÃO NO MOINHOS FOI ENTRE 26.02 ATÉ 15.03 DESTE ANO.

 

RONDA DA CITI

PEGUEI O T11 NA SAIDA DO CULTO E O MOTORA VEJA BAFEJANDO CONTRA O PREFEITO FUMAÇÃ, DIGO, FOGAÇÃ QUE INSTITUIU O CORREDOR LIVRO. ELES TEM QUE ANDAR POR FORA. COMEÇA NA BENJAMIN E VAI ATÉA IPIRANGA:

- SO PROS BURGUES ELE FEZ, LÁ PROS POBRE NÃO TEM QUE CAMINHE.

E VINHA FALANDO MAL DO FUMAÇA....

- E SEMPR TEM GENTE QUE VOTA NELE DIZIA O MOTORA DA CARRIS DO T11

É VERDADE AS PARADAS POR FORA FICAM A MAIS DE UM KM DE UMA A OUTRA. SO ENGENHEIROS DE EPTC QUE NÃO ANDAM DE BUS PRA FAZER ESTA MALDADE. E MUITA GENTE FICA FORA DAS PARADAS, NÃO SABEM ONDE FICA E O MOTORAS NÃO PARAM...É QUE DIZEM SÃO MULTADOS PARANDO FORA DA PARADA.

ASSIM ANDA A NOSSA EPTC, MARCHEZA, DÁ UMA OLHADA NISTO.

NESTE SAB CHUVOSO FUI VER DOLORES....

UMA MULHER ENTRE DOIS AMORES ...PASSA NA ARGENTINA DURANTE A ii gUERRA. ACHEI INTERESSANTE.

 

QUE ESTRANHO????!!!!!!

ME CHAMOU ATENÇÃO UMA COISA. UM DIA DEPOIS DO DEPOIMENTO , OU INQUIRIÇÃO, DO LULA PELO MORO, SOLTARAM A DELEÇÃO DA MONICA E DO SANTANA QUE SE SABIA SERIA UMA ' BOMBA'. É POR ACASO?????

 

de sto angelo

' CAPINCHO' RIDES AGAIN....

qual um GETULIO VARGAS EXILADO NO ITU, CAPINCHO ' EXILADO' EM STO ANGELO MANDA BALA.

NESTA ULTIMO SABADO CHUVOSO, ELE ENTROU NO GRUPO DE WHAT ZAPP DO PDT DE SÃO BORJA E MANDOU FERRO NOS 5 VEREADORES DE LÁ QUE SEGUNDO ELE TÃO DANDO MOLE PRO ATUAL PREFEITO. NINGUÉM DO GRUPO TEVE COLHÕES PRA CONTESTAR O CAPINCHO, PRIMEIRO ELE CONHECE A CAMARA COMO NG JÁ QUE TRABALHOU LÁ MUITOS ANOS,SEGUNDO É O UNICO MILITANTE DO PDT QUE EU CONHEÇO, PELO MENOS, OS OUTROS ESTÃO A SOLDO...

FERRO NA BONECA,CAPINCHO, MANDA ESTES 'INUTEIS' SE VIRAREM....

DESFILO ' PELADO' PELA JULIO

NO PDT TÃO DIZENDO QUE O EX PREFA DE CAXIAS, ALCEU, ARRANCA PRA DEP ESTADUAL COM 30 MIL VOTOS. ESTA EU TOPO...DESFILO PELADO PELA JULIO SE ELE FIZER ESTES VOTOS. O CARA SAIU QUEIMADISSIMO DA PREFEITURA....DA-LHE GUERRA.....

 

GAÚCHO NA CNPL



O gaúcho Carlos Alberto Schmitt de Azevedo será empossado na presidência da Confederação Nacional das Profissões Liberais – CNPL – na próxima terça-feira (16) em Brasília para uma segunda gestão consecutiva a ser cumprida no período 2017/2020.
A CNPL, com sede na Capital federal, congrega 29 federações filiadas, mais de 500 sindicatos representantes de 53 profissões, totalizando mais de 15 milhões de trabalhadores em todo o País.

 

de sto angelo, pelo capincho

De: "Letier Vivian"
Enviada: 2017/05/12 20:52:05

A vida eh um livro aberto
Depende de ti e de cada acerto
Vale pra mim e pra todos
Não perca tempo e nem leve desaforos

Cresci e me fiz Brizolista
Pois era homem, Gaúcho e idealista
Teve sempre a educação como solução
Suas ideais até hoje ganham repercussão

Brizola, homem simples, sem alarde
Combatente da Boa política e da legalidade
Nunca Teve a cola presa
Mesmo Com a Globo pagando pela sua cabeça.

 

milano

tu tá d E Sacanageem lauro. ESSA GRERINGONÇA EM PORTO ALEGRE.???ATRASANDO TUDO??TU TÁ LOKO....

TU É ESTES SAUDOSISTAS DE BONDES POR AI. EU ACHO QUE O NEGOCIO É METRO, MAS SENÃO ONIBUS. VCS SÃO MALUCOS....(oc)

Enviada: 2017/05/12 13:56:36



bondes de milano. foto de 2011. sem saudosismo. iguais aos que circulavam em porto alegre. lá, continuam funcionando. coisa de país atrasado e cidade pobre. hahaha...

 

dops leitores

pelo julio pacheco sobre a ronha do padre giordani de caxias(OC)

De: "Julio Cesar"
Enviada: 2017/05/12 06:27:12

Olides bom dia.
A história é verdadeira. Quando me perguntaste eu não lembrei. Mas é verdade. O Décio Bombassaro chegou a dar entrevistas às Rádios imitando o Pe. Giordani. O que imaginei foi que eu teria dito isto direto ao Pe. retrucando alguma situação. Realmente imaginei estar sendo novamente"gozado" pelo Bombassaro. O fato realmente existiu. Um abraço. Júlio César

 

PROGRAMAÇÃO DE 11 A 17 DE MAIO DE 2017

SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES

SALA 1 / PAULO AMORIM

15h30 – DOLORES – UMA MULHER, DOIS AMORES
(Dolores - Brasil/Argentina, 100min, 2017). Direção de Juan Dickinson, com Emilia Attías, Guillermo Pfening, Roberto Birindelli. Fenix Filmes, 12 anos. Drama romântico.

Sinopse: Ambientado na Argentina durante a Segunda Guerra Mundial, o filme gira em torno de Dolores, que viveu durante anos na Escócia e está de volta à fazenda da família, no interior do país. Sua irmã morreu e Dolores quer ficar perto do sobrinho, Harry. Ao mesmo tempo, ela reencontra o cunhado, por quem foi apaixonada durante a adolescência, e se sente atraída por Octavio Brand, um rico fazendeiro filho de alemães.


17h30 – O FILHO DE JOSEPH
(Le Fils de Joseph - França, 2016, 110min). Direção de Eugène Green, com Victor Efenzis, Mathieu Amalric e Maria de Medeiros. Supo Mungam Filmes, 12 anos. Comédia dramática.

Sinopse: Vincent é um adolescente que vive com a mãe em Paris e tem um cotidiano típico de qualquer jovem da sua idade. Tudo muda quando ele resolve conhecer seu paí - que a mãe diz que não existe -, o que o leva ao encontro de um editor famoso e muito cínico. Tudo é muito rico e detalhista no cinema de Eugène Green, que, neste filme, faz uma sátira de cânones das artes e dos textos sagrados.


19h30 – CLASH
(Clash - França/Egito, 100min, 2017). Direção de Mohamed Diab, com Nelly Karim, Tarek Abdel Aziz, Ahmed Malek. Imovision, 14 anos. Drama.

Sinopse: O filme acompanha um dia de manifestações no Cairo, a capital do Egito, em 2013, mostrando a tensão entre os apoiadores do presidente Mohamed Morsi, derrubado por um golpe militar, e os adeptos do novo regime. O diretor mostra este universo de uma maneira bem peculiar: de dentro de um caminhão-cela, que aos poucos vai se enchendo com os detidos pelos policiais. A partir deste pequeno número de presos, o filme dá conta das ideologias e sentimentos de cada personagem. O filme foi indicado pelo Egito ao Oscar de melhor longa estrangeiro.

PROGRAMAÇÃO DE 11 A 17 DE MAIO DE 2017

SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES

SALA 2/ EDUARDO HIRTZ

15h e 19h15 – CENTRAL – O FILME
(Brasil, 90min, 2017). Documentário de Tatiana Sager. 14 anos.

Sinopse: Baseado no livro "Falange Gaúcha", do jornalista Renato Dornelles, o filme mostra a realidade do Presídio Central de Porto Alegre, que já foi considerado o pior cárcere do Brasil. A partir de depoimentos de policiais, representantes do judiciário, de presos e seus familiares, o filme mostra uma realidade que passa por galerias superlotadas, o controle das facções (inclusive financeiro) e as decisões governamentais para evitar tragédias.

* Não haverá a sessão das 19h15 no dia 16, terça-feira, devido ao lançamento do DVD “Sobre Anjos e Grilos”.

16h45 – A CRIADA
(Agassi - Coréia do Sul, 2016, 140min). Direção de Park Chan-Wook, com Kim Min-Hee, Kim Tae-Ri e Ha Jung-Woo. Mares Filmes, 18 anos. Drama e suspense.

Sinopse: Durante a ocupação japonesa na Coréia do Sul, na década de 1930, a jovem orfã Hideko vive sob a proteção de um tio autoritário. Ela está prestes a herdar uma grande fortuna, o que atrai a cobiça de dois vigaristas: Sookee, que vai trabalhar na casa como empregada, e Fujiwara, um conde fajuto que tenta seduzir a orfã rica. Este jogo de intrigas tem vários pontos de vista e é temperado por história s eróticas, um dos passatempos preferidos do tio da protagonista.

PROGRAMAÇÃO DE 11 A 17 DE MAIO DE 2017

SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES
SALA 3 / NORBERTO LUBISCO

15h – INSUBSTITUÍVEL
(Médecin de Campagne - França, 2017, 100min). Direção de Thomas Lilti, com François Cluzet e Marianne Denicourt. CineArt Filmes, 12 anos. Drama.

Sinopse: Jean-Pierre é um médico dedicado que trabalha há anos numa região do interior da França. A comunidade acredita que ele é insubstituível e o médico se sente bem com o respeito das pessoas. Mas esta relação começa a mudar com chegada de Natalie, uma jovem recém-formada que vem de Paris para tentar ajudar o médico veterano.

17h – JOAQUIM
(Brasil, 2017, 100min). Direção de Marcelo Gomes, com Júlio Machado, Nuno Lopes, Rômulo Braga. Imovision, 16 anos. Drama histórico.

Sinopse: Pouco se sabe a respeito de Tiradentes antes de ele se tornar o mártir da Inconfidência Mineira e um herói brasileiro. O filme investiga esta parte da história e mostra a tomada de consciência política de Joaquim José da Silva Xavier, que era um funcionário da coroa portuguesa e se transformou em rebelde. O longa participou da seleção oficial do Festival de Berlim em 2017.

19h – OS BELOS DIAS DE ARANJUEZ
(Les Beaux Jours d'Aranjuez - França/Alemanha, 100min, 2017). Direção de Wim Wenders, com Reda Kateb, Sophie Semin, Jens Harzer. Imovision, 14 anos. Drama.

Sinopse: Baseado na peça teatral do mesmo nome, de autoria de Peter Hanke, o longa acompanha o encontro entre um casal que conversa sobre temas diversos, das lembranças de infância às viagens, do sexo à filosofia. Tudo vai se transformando em livro, conforme a imaginação do autor que trabalha na casa ao lado.

 

do Espaço Vital

STJ nega habeas corpus a dois bois ameaçados de morte


Vida, sofrimento e morte dos bois

Tem ação pra tudo. Entre os cerca de 30 mil recursos e ações de sua competência que chegam mensalmente ao STJ, um deles alvoroçou – mas não sensibilizou - o plantão que era exercido pelo ministro Gurgel de Faria, na noite de 29 de abril último.

Tratava-se de um habeas corpus impetrado pela Associação Catarinense de Proteção aos Animais em favor dos semoventes de nomes Spas e Lhuba, resgatados da Farra do Boi, na cidade de Biguaçu (SC).

Na cidade catarinense, durante um ritual típico da região, a entidade conseguiu – com a ajuda da Polícia Militar – safar os dois bovinos. Sem que a entidade e a corporação militar tivessem onde sediar os dois bichos – que não poderiam ficar amarrados à frente do quartel - o juiz local atribuiu o encargo à Comissão de Defesa Animal da OAB, que interviera em apoio à entidade de proteção aos animais.

Mas a Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina (CIDASC) conseguiu, em grau recursal, que fosse autorizado o abate imediato dos animais – que estavam lesionados - alegando tratar-se de “medida sanitária necessária”.

A CIDASC enfatizou que “seria a única medida sanitária aplicável, quando animais são encontrados sem brincos de identificação e sem certificado zoosanitário”.

A autorização de abate foi dada pela desembargadora Rosane Portella Wolff, do TJ de Santa Catarina.

Para tentar reverter a situação, a Associação Catarinense de Proteção aos Animais foi ao STJ pedir habeas corpus para preservar a vida dos animais. Incluiu até fotos dos bois Spas e Lhuba na petição.

Em decisão monocrática, contudo, o ministro Gurgel de Faria pontuou que a Constituição Federal não incluiu entre as hipóteses de cabimento do habeas corpus a preservação do direito de ir e vir de animais. E negou o pedido.

O sacrifício dos dois animais já ocorreu. A Farra do Boi é proibida e considerada crime desde 1998, mas continua sendo realizada episodicamente, às escondidas. (RHC nº 397.424).

, DIN, DIN!

O presidente Michel Temer (PMDB) sancionou ontem (11), a lei que cria a Identificação Civil Nacional, um banco de dados centralizado com informações dos cidadãos brasileiros e que concentrará números de RG, carteira de habilitação e título de eleitor em um único documento. Este será chamado de Documento de Identificação Nacional (DIN).

A lei está sendo publicada no Diário Oficial da União desta sexta (12). Caberá ao Tribunal Superior Eleitoral, proximamente, fixar prazos para implantar a novidade no país.

Temer vetou três pontos da redação aprovada no Senado. Foram retiradas a pena de 2 a 4 anos de prisão, mais multa, para quem vender dados do sistema (a prática, contudo, segue proibida); a garantia de que a primeira emissão do DIN seria sempre gratuita e a determinação de que todos os documentos seriam impressos pela Casa da Moeda.

O texto foi sugerido em 2015 pelo ministro Dias Toffoli, quando presidia o TSE. A corte eleitoral fica responsável por gerir todas as informações, garantir confidencialidade do conteúdo e oferecer ferramentas que “conversem” com sistemas eletrônicos de todas as esferas de governos e das polícias Federal e Civil.

Documentos emitidos por entidades de classe (como OAB, CRM e outros) somente serão validados se atenderem aos requisitos de biometria e de fotografia, em até dois anos. A proposta original tentava revogar a Lei nº 9.454/1997, criada para unificar a emissão de carteiras de identidade, sem nunca sair do papel. Esse dispositivo acabou retirado ainda na Câmara.

A iniciativa enfrentou resistência de 26 Tribunais de Justiça do país, cujos presidentes e corregedores sustentavam que a competência total de registros públicos é da Justiça comum. A competência para realizar o registro civil das pessoas naturais continuará a ser da exclusiva competência dos cartórios.

Fofoca na igreja

Tem mesmo ação pra tudo, ainda mais quando há linguarudos em ação. A 18ª Câmara Cível do TJ do Rio reconheceu a uma frequentadora da Igreja Evangélica Assembleia de Deus, em Realengo, na zona oeste da capital carioca, o direito de ser indenizada por um casal que professava a mesma fé religiosa.

Num culto, os dois disseram ter recebido uma “revelação divina” detalhando que a mulher traíra o marido. E espalharam aos convivas.

Os fofoqueiros de plantão vão pagar, cada um, R$ 5 mil de reparação moral. (Proc. nº 0001228-53.2015.8.19.-0204).

Coragem!?...

Nesta sexta-feira (12), quando completa seu primeiro aniversário, o governo Temer põe no ar uma maciça campanha publicitária que pretende melhorar seus índices de aprovação.

O tema é “Um governo que tem a coragem de fazer o que deve ser feito”.

 

Novo Santuário de Fátima é inaugurado com festa em Porto Alegre

Foto: Amanda Fetzner Efrom

Bandeiras, imagens, terços e celulares eram segurados por peregrinos de olhos marejados, que se protegiam da garoa e buscavam, de alguma forma, tocar Nossa Senhora de Fátima. Em honra a ela foi inaugurado neste sábado, dia 13, o novo santuário de Porto Alegre, no bairro Rubem Berta. “Este é um local onde crianças, adolescentes, jovens, adultos e idosos poderão sentir o acolhimento do manto protetor e terno de Nossa Senhora”, destacou o reitor do santuário, padre José Luiz Schaedler, antes da entrada solene da padroeira na igreja.

O reitor agradeceu a todos que de alguma forma tornaram possível a nova construção, em especial aos cerca de 300 voluntários que se dedicaram no último mês na preparação da inauguração, realizada no dia do centenário das aparições de Fátima. A missa solene foi seguida de almoço, show do cantor Dante Ramon Ledesma e outras celebrações eucarísticas ao longo do dia.

“Suplicamos a bênção do Senhor para este espaço, pelo qual muitos trabalharam com afinco e dedicação. A todos nosso reconhecimento e gratidão”, disse o arcebispo metropolitano de Porto Alegre, Dom Jaime Spengler. Diante do altar usado na passagem de João Paulo II por Porto Alegre, há 40 anos, Dom Jaime presidiu a missa de inauguração, concelebrada pelos bispos eméritos Dom Dadeus Grings e Dom Clemente Weber, pelos bispos auxiliares Dom Adilson Busin e Dom Leomar Brustolin, e dezenas de presbíteros. Diáconos, leigos, religiosos e religiosas lotaram a igreja e acompanharam a celebração também por telões, na área externa.

Dom Jaime ressaltou que, cem anos depois, a mensagem de Fátima continua repercutindo nos tempos atuais, diante dos sinais de angústia, ódio e morte. “Nossa Senhora continua nos dizendo: ‘façam tudo o que meu Filho vos disser’. Precisamos estar atentos ao que Jesus nos diz”, enfatizou o arcebispo. “Possa este espaço sagrado sempre e de novo nos recordar que a misericórdia do Senhor é sem limites. Quem aqui recorrer se sinta sempre recordado por Maria, que é chamado a fazer tudo o que seu Filho diz”, concluiu.

Saiba mais sobre o novo santuário
- O santuário terá capacidade para 400 pessoas sentadas.
- O custo da construção deverá chegar a R$ 4 milhões e deve ficar completamente concluída em 28 de abril de 2017.
- O espaço é todo revestido em pedra, com vitrais e rosáceas artisticamente projetados, forro, portas e bancos de madeira.
- Na parte inferior da Igreja estão sendo construídas as salas de catequese e um auditório.
- Junto do prédio da administração, haverá uma réplica da Capelinha das Aparições de Fátima, que será um ambiente para reflexão, busca pela paz, religiosidade e oração do terço.
- Outra parte do complexo é um espaço para 26 santos populares, onde as pessoas poderão fazer seus pedidos, orações, acender velas.
- A nova casa paroquial terá cinco suítes e uma capela para acolher os sacerdotes e religiosos que forem trabalhar no santuário, bem como aqueles que vierem fazer celebrações aos finais de semana, romarias e datas festivas.
- Para homenagear a Mãe de Fátima, o Frei Luiz Carlos Susin compôs um hino, lançado em outubro do ano passado.

Histórico
- A paróquia Nossa Senhora de Fátima foi fundada no dia 23 de fevereiro de 1956, pelo então arcebispo de Porto Alegre, Dom Vicente Scherer.
- Em 15 de setembro de 1989 a paróquia foi elevada a Santuário Nossa Senhora de Fátima pelo arcebispo Dom Altamiro Rossato, a pedido da comunidade que era, em maioria, de origem lusitana.
- A imagem peregrina de Fátima, de Portugal, visitou o santuário três vezes: maio de 1992, setembro de 2002 e maio de 2003.
- Em 24 de março de 2002 foi instalada junto ao Santuário, pelo arcebispo Dom Dadeus Grings, a primeira paróquia estudantil do Brasil.
- As estruturas prediais do santuário mostraram sinais de comprometimento em 2008 e, por questões de segurança, as missas começaram a ser realizadas no Salão de Eventos.
- Em 2009 optou-se pela construção de um novo espaço, após aquisição e doação, por parte da mantenedora da Rede de Escolas São Francisco, de oito terrenos. Em contrapartida, o espaço do antigo Santuário seria otimizado para a escola.
- Uma campanha junto aos peregrinos devotos foi lançada em 2010.
- Em 2011 ocorreu o lançamento da pedra fundamental pelo então arcebispo metropolitano, Dom Dadeus Grings.
- A mantenedora adquire mais cinco terrenos dando, assim, possibilidade de construir um complexo maior, a fim de atender às necessidades futuras.
- É inaugurado dia 13 de maio de 2017, dia do Centenário das Aparições de Fátima, com a presença da imagem peregrina vinda de Portugal.

Santuário de Fátima
Rua Nossa Senhora de Fátima, 50, esquina com a Av. Baltazar de Oliveira Garcia, 4.879
Bairro Rubem Berta – Porto Alegre/RS
Telefone: 51 3366-1487

 

do Miron Neto

Juíza pede interdição do Lar de Idosos Vovó Doralina

Atendendo a uma ação civil pública do Ministério Público, a juíza Aline Ecker Rissato determinou, nesta quarta-feira (10), a imediata interdição da instituição Lar de Idosos Vovó Doralina, proibindo o ingresso de novos pacientes no local. O Ministério Público sustenta que o Lar não possui as mínimas condições de atender os 17 residentes (16 idosos e um deficiente) A juíza pediu, ainda, o afastamento da proprietária da instituição, determinando que ela se abstenha de qualquer aproximação com os residentes do local, e que o município de Gramado assuma de imediato a direção e o controle da instituição, indicando um interventor para que administre a casa asilar.
Em seu despacho, a juíza Aline Rissato também determinou a troca de chaves de acesso e o o bloqueio dos cartões e do saque dos benefícios previdenciários e assistenciais dos residentes, devendo ser oficiado ao INSS para que proceda à transferência dos valores existentes e dos futuros depósitos para conta judicial vinculada ao processo.

Para MP, lar de idosos não tem "condições mínimas"

Na ação civil pública, o Ministério Público de Gramado afirma que a Casa de Repouso Vovó Doralina apresenta irregularidades pela falta de adequações mínimas às condições que deveria manter para atender idosos que nela residem, e que pagam dois salários mínimos mensais. Cita, ainda, que, em outubro de 2015, o asilo estava com aluguéis atrasados, tributos sendo executados e necessitava de adequações físicas, além de não possuir o número de profissionais necessários. Naquela ocasião, foi solicitado o valor de R$ 14,5 mil do Juizado Especial Criminal, mas que, em abril de 2016, a situação encontrava-se novamente precária.
A casa de repouso recebeu, também, nos últimos anos, alimentos e fraldas geriátricas através de campanhas promovidas por empresas e entidades de Gramado, mesmo sendo pessoa jurídica com fins lucrativos.

Fiscalização de elevadores preocupa os vereadores

Os cinco vereadores que compõem a Comissão de Alteração à Lei Orgânica, formada por Dr. Ubiratã (PP), Manu Caliari (PRB), Professor Daniel (PT), Renan Sartori (PMDB) e Rosi Ecker Schmitt (PP), aprovaram pedido de informação endereçado à Prefeitura onde buscam saber como está o trabalho de fiscalização, instalação e funcionamento dos elevadores em Gramado.
De acordo com a comissão, a atual Lei Orgânica estabelece que compete à Prefeitura a fiscalização, e os vereadores querem saber como ela é feita para transcrever da melhor forma a nova redação, "quem sabe até com mais rigidez".

 

do Boteco do Ilgo

o articulista não sabia que hj se vive rapidemtne????que o cara quer tyitulo. nem um gaúchao????(OC)

Direção gremista, redes sociais e a agenda positiva

O Grêmio vive uma situação muito estranha. Tudo é motivo para alvoroço nas redes sociais.

O crédito pelo título nacional já se esfarelou para a maioria dos torcedores.

Nem a alegria de ver o clube que nunca cairia estreando no sábado muda o estado de espírito de boa parte dos gremistas.

O técnico Renato Portaluppi que conduziu o time ao PENTA (a cerveja – propaganda subliminar) é questionado porque não conseguiu levar o Grêmio à final do Gauchão – título que esses mesmos críticos, em sua maioria, desprezavam – mas se vê agora que era da boca pra fora. Eles queriam MUITO o ruralito. Eu também queria MUITO o título regional para evitar o hepta vermelho.

Se não queriam o regional, ao menos usam o insucesso para destilar veneno contra Renato, a direção e alguns jogadores -os mesmos de sempre.

Bem, a três dias da estreia no Campeonato Brasileiro, o presidente Romildo e seu vice de futebol Ico Roman, além do diretor Saul Berdichevski, foram ao vestiário conversar com os jogadores. Objetivo: remobilizar e conscientizar o grupo de que está começando um período em que todos serão exigidos ao máximo, e que a torcida espera que os jogadores deem o seu ‘melhor’ – eles gostam de dizer isso nas entrevistas – em cada partida. E isso vale para o Brasileiro, a Libertadores e a Copa do Brasil.

Depois, se reuniram com jornalistas. Passaram essa mensagem, destacando que este mês de maio tem muitos desafios.

Realmente, não será nada fácil. E qualquer torcedor sabe disso. Mas em caso de resultado negativo haverá uma avalanche de críticas, nem todas equilibradas e pautadas na boa educação.

Domingo, jogo contra o Botafogo. Jogo difícil, mesmo na Arena. Como joga em casa, se exige que vença. Não importa se o time estará desfalcado de dois de seus principais jogadores, Maicon e Bolanos. Não importa. O pau vai comer em caso de derrota e até de empate. Outra ausência importante: Edílson.

São três jogadores titulares, jogadores de forte participação na conquista da Copa do Brasil. Mas muitos não vão levar em conta isso se o Grêmio fracassar na estreia.

Além do mais, se não vencer, o time estará descumprindo já na largada a ideia do presidente Romildo de que a meta é vencer em casa e empatar como visitante, um objetivo que conduz a uma proposta de jogo equivocada de jogar pelo empate fora, o que pressupõe uma retranca e raras estocadas no ataque, buscando o tal golzinho fora.

Já se sabe que essa fórmula é inexequível, embora, se acontecesse por algum milagre, realmente levaria ao título.

O melhor no Brasileirão, e isso também é conhecido, é jogar sempre buscando os três pontos, em casa e fora.

Então, o presidente Romildo errou ao fazer tal manifestação. Pode até pensar, mas não diga.

São tempos estranhos, de sensibilidade à flor da pele.

É preciso pensar bem antes de fazer qualquer tipo de declaração.

E quando falar, que seja de forma muito clara e positiva.

De qualquer modo, eu saúdo a iniciativa da direção em ir ao vestiário e depois convocar a imprensa, uma forma, ainda que um tanto tímida, muito oportuna para tentar compensar a agenda positiva vermelha estampada diariamente na mídia.

RENATO

Sobre o time que enfrenta o Botafogo. Minha sugestão ao Renato é que ele comece com Arthur no lugar de Maicon.

Não importa se ele pense que Arthur talvez não tenha maturidade para ocupar função tão importante, centralizador do jogo, organizador do time e articulador. Não importa.

Renato, comece com Arthur, não apenas porque realmente é jogador de muita qualidade, mas pra não dar armas aos teus inimigos.

Acredite, eles existem e não são poucos.

O fogo amigo pode ser muito mais nefasto que o fogo adversário, porque este a gente conhece e não pode nos surpreender.

 

Gustavo Paim assume pasta de Relações Institucionais

PREFEITO MARCHEZAN. MANDE A EPTC REESTUDAR ESTA LIBERAÇÃO DOS CORREDORES DE ONIBUS NOS DOMINGOS..ISTO É UM TIRO NO PÉ...(olides)

Joel Vargas/PMPA

Gustavo Paim, vice-prefeito, assume nesta segunda-feira, 15, a pasta de Relações Institucionais. Paim é advogado, professor universitário de graduação e pós-graduação em Direito, Especialista em gestão pública, Mestre e Doutor em direito. Autor de livros e artigos jurídicos e políticos.
Além de vice-prefeito, Gustavo Paim será o Secretário de Relações Institucionais e articulação política, fazendo a interlocução do governo com todas as entidades locais, regionais, nacionais e internacionais. Na articulação política terá o desafio de fazer a interlocução com o Legislativo para a consecução dos programas e objetivos do governo.
“Recebo esse desafio com muita honra e responsabilidade. Sabemos o quanto é importante o diálogo para que possamos realizar todas as mudanças que Porto Alegre escolheu promover. E o diálogo será a base de nossa atuação com a Câmara Municipal, com as entidades e com a sociedade civil organizada”, disse Paim.

 

Marchezan: poder público deve servir à população

Durante a assinatura do decreto de licenciamento expresso, que altera parcialmente os procedimentos administrativos de aprovação e licenciamento de edificações na Capital, o prefeito Nelson Marchezan Júnior foi enfático ao rebater a decisão dos vereadores que aprovaram uma emenda aumentando o teto salarial do funcionalismo de R$ 19 mil para R$ 30 mil. Ressaltando que o poder público tem de ter responsabilidade e estar a serviço da população, o prefeito afirmou que a primeira responsabilidade é a financeira.

“E eu peço a ajuda dos vereadores. O teto de R$ 19 mil é muito importante. São quase R$ 70 milhões de reais por ano de economia. Nós não temos por que ter cidadãos melhores que outros em Porto Alegre. O ajuste fiscal é o passo sem o qual nós não daremos nenhum outro passo na nossa cidade. Nenhum outro passo”.

Segundo o chefe do executivo, os vereadores precisam ajudar o governo, que vai enfrentar tudo que tiver de enfrentar para melhorar a vida do cidadão. “Esta firmeza de posições que a gente precisa e que a gente quer, na verdade nem é para o nosso governo, é para a gente fazer uma mudança que é extremamente necessária”, disse.

A necessidade de que parte do funcionalismo compreenda a urgência da responsabilidade e dos ajustes fiscais, para não quebrar ainda mais as finanças da cidade, foi ratificada durante o pronunciamento. Saudando os servidores públicos, através da PGM e da Fazenda, que se dedicam 100% à população da Capital, Marchezan lembrou que a prefeitura está perto de tornar explícito para os servidores o colapso das finanças. Colapso, que segundo ele, a população já sente não tendo acesso a muitas questões de saúde, segurança, infraestrutura, limpeza e serviços em geral.

“Quero saudar aos brilhantes da PGM que entendem a vida real e que apoiam as mudanças que precisam ser feitas. Quero também saudar aos brilhantes da Fazenda, que não pararam, não cruzaram os braços. E alerto: se a Fazenda parar, ou continuar com parte dela parada, eles serão os primeiros prejudicados, porque têm os salários mais altos", afirmou o prefeito. E acrescentou: "Nós precisamos que todos ajudem. Isso não é uma questão partidária ou ideológica. Isso é uma questão matemática. Precisamos reorganizar a estrutura financeira da prefeitura e precisamos do apoio dos servidores e da sociedade".

Sobre as decisões e medidas que levaram Porto Alegre ao "caos financeiro", Marchezan foi muito claro. "Não estamos personalizando os problemas da cidade, porque isso seria mediocrizar e diminuir os problemas. Também não estamos procurando partidos ou pessoas responsáveis por tudo isso. A política demagógica fez estragos demais, penalizou demais os cidadãos. Nós estamos olhando para a frente e buscando as soluções".

O prefeito lembrou, ao final, que o dever do poder público é servir ao cidadão. "A burocracia que nós temos aqui na cidade, na área de empreendedorismo, é nefasta. As pessoas não precisam da autorização, ou da benesse, ou de um favor da estrutura pública para elas fazerem tudo que elas têm de fazer para se realizar na vida. Não, isso não é democracia, isso é ditadura. Democracia é ter direitos e deveres claros, cumpri-los e não precisar da benesse de ninguém, da autorização de ninguém, do favor de ninguém. Afinal, a sociedade não está a serviço das secretarias, de nenhum órgão e nem da prefeitura. Somos nós que estamos a serviço da sociedade. Naquilo que nós formos bons, nós serviremos; naquilo que nós não formos bons ou não formos os melhores, nós vamos chamar alguém de fora para fazer e vamos deixar que eles façam. Essa é a ideia e o conceito para aquele futuro que todo mundo fala nas campanhas e que nós queremos que Porto Alegre vivencie".

 

de serafina

MORTE NA SÃO PEDRO

NAQUELA EPOCA DEVIA SER STO ANTONIO, PORQUE SÃO PEDRO FOI NO MEIO DOS ANOS 60 QUE O PADRE FRANCISCO LOLLATTO, DITADOR COMO SEMPRE, DECRETOU. É QUE HAVIA DUAS CAPELAS STO ANTONIO E VIVIAM BRIGANDO. QUANDO DEU A TROCA DO NOME MEU FINADO AVO GIUSEPPE AINDA VIVIA. ELE MORREU EM 1961 - 30.7 .

NESTA ÉPOCA TENHO CERTEZA JÁ ERA SÃO PEDRO...
IDA FRIGO ZANLUCHI DEIXOU VIUVO LUIS PEDRO ZANLUCHI E 6 FILHAS, A MAIOR COM 12 ANOS.

NOSSO LEITOR LUCIANO VIVEU NÃ SAO PEDRO DE 72 A 77. ELE PODE DIZER DE QUAL DAS FILHAS DE IDA ELE É FILHO, OU ENTÃO É LE É NETO DE IDA.
GOSTARIA DESTE DADO. MINHA MAE COM 88 ANOS CONHECEU IDA FRIGO.E LEMBRA-SE DA MORTE DELA.

 

DE UM LEITOR

' TO MUITO CONTENTE SÃO BONS OS LIVROS - ELE SE REFERE AOS MEUS LIVROS QUE COMPROU NA CULTURAL - TEM RIQUEZA.

NAS HISTÓRIAS....

GOSTEI MUITO. CARO JORNALISTA.

ESTA PARTE DA HISTÓRIA EU NÃO CONHECIA.EU TENHO 45 ANOS NASCI EM SERAFINA.

TAMBÉM CONTAM SEMPRE A MESMA COISA....

TAMBÉM CONTA SEMPRE A MESMA HISTÓRIA DA CIDADE.

MAS O SENHOR RESGATOU O OUTRO LADO QUE NINGUE´M CONTOU.
MUITO OBRIGADO. LEITOR LUCIANO FOLLETTO.

OBRIGADO CARO LEITOR.

O AUTOR

 

DE UM LEITOR

DESCOBRI QUE A MÃE DAMINHA MÃE ASSINOU- ELE SE REFERE A LISTA DA EMANCIPAÇÃO DE 1958 QUE CONSTA DO MEU LIVRO SOBRE O ASSUNTO - IDA FRIGO ZANLUCHI.LUIS PEDRO ZANLUCHI TEM NA LÁPIDE DO CEMITÉRIO 8146 E 8211

MEU NONO TEVE SEIS FILHAS NA CAPELA SÃO PEDRO.EU MOREI LÁ DE 1972 A 1977.

ESTOU TÃO ORGULHOSO DA MINHA BIS NONA.

ORGULHOSO NÉ.

LUCIANO FOLLETTO.

EXPLICAÇÃO.

O LEITOR SE REFERE A LISTA DA EMANCIPAÇÃO QUE CONSTA DO MEU LIVRO A VENDA NA CULTURAL.(olides)

 

IDA FRIGO ZANLUCHI, A MORTE PREMATURA

IDA FRIGO ZANLUCHI MORAVA NA CAPELA SÃO PEDRO. MORREU DE UM ATAQUE, DEIXANDO SEIS FILHAS PEQUENAS , A MAIOR COM 12 ANOS.

SEU ESPOSO, ZANLUCHI, MORREU MUITO DEPOIS.

PELO QUE ME CONSTA ELES VEM A SER BISAVOS DO LEITOR LUCIANO FOLLETTO QUE MOROU ALGUNS ANOS NA CAPELA SÃO PEDRO.
ELES MORAVAM ONDE HOJE MORA A FAMILIA BENVEGNHU.


12 de maio de 2017

Coleguinhas

A IMPRENSA DA ' DIREITA ' NÃO COMEMOROU MUITO O DEPOIMENTO DO LULA. PORQUE SERÁ????

 

FOLCLORE DE CAXIAS

JULINHO PACHECO MANDOU O PE GIORDANI NAQUELE LUGAR....

O JORNALISTA DÉCIO OSMAR bOMBASSARO IMITAVA, COM PERFEIÇÃO, A VOZ DO PADRE EUGENIO ANGELO GIORDANI... CERTO DIA, IMITANDO O PADRE, ELE TELEFONOU PARA O JULIO CESAR PACHECO , DIRETOR DA tv cAXIAS, -HOJE RBS -
RECLAMANDO DO DECOTE DA APRESENTADORA DO JA, QUE ERA ' INDECENTE', E DESLIGOU O TELEFONE.

JULINHO PACHECO DIRIGIU-SE A IGREJA SÃO PELEGRINO PARA DAR EXPLICAÇÕES AO PADRE GIORDANI( HOMEM MUITO IMPORTANTE NA HISTÓRIA POLITICA DE CAXIAS, FOI INCLUSIVE VEREADOR, APOIAVA O PRP, DEPOIS O PDC) O PADRE SURPRESO DISSE-LHE QUE NÃO HAVIA TELEFONADO E QUE ISSO SÓ PODERIA SER COISA DO DÉCIO.

DIAS DEPOIS O PADRE GIORDANI, INCOMODADO COM UMA NOTÍCIA DIVULGADA PELA tv CAXIAS, LIGOU PROTESTANDO FORTEMENTE COM O JULINHO PACHECO. JULINHO PENSOU TRATAR-SE DE OUTRO TROTE DO DECIO E MANDOU O PADRE LITERALMENTE TOMAR CU, SEM MEIAS PALAVRAS.

E DESLIGOU O FONE.

PUTO DA VIDA, O PADRE GIORDANI FOI DIRETO PRA TV CAXIAS ,IRRITADISSIMO, E DISSE A JULINHO QUE FALARIA COM MAURICIO SOBRINHO E LHE CONTARIA DA MÁ EDUCAÇÃO DO SEU GERENTE DA EMISSORA DE CAXIAS(JULINHO, ALÉM DE GERENTE, TINHA RELAÇÕES DE PARENTESCO COM MAURICIO)

nao quero fazer intrigas, mas tirei a história dolivro d ememorias do mansueto. sobre caxias.

o julio respondeu isto(OC)

De: "Julio Cesar"
Enviada: 2017/05/11 08:35:40

Tive inúmeras brigas. Mas, sinceramente, de ter usado estas palavras. Abraço. Júlio César

 

de caxias

pelo julio pacheco. sobre o padre giordani

Enviada: 2017/05/11 09:59:33

Lembro muito.

O Pe. Giordani mandava mais que o Bispo. Era o Pároco da Igreja São Pelegrino. Inúmeras vezes ligou para minha casa altas horas para reclamar. É uma das figuras históricas de Caxias.

 

Programação do Clube de Cinema para o próximo final de semana

?No próximo Sábado (dia 13/05/2017) as 10h15min na Sala Paulo Amorim assistiremos ao filme "Clash" (Eshtebak - 2016). Quando o governo do presidente Mohamed Morsi, eleito através da primeira eleição geral do Egito, foi derrubado por militares, uma forte tensão tomou conta do país. Isso porque, logo depois, parte da população que apoiava tomou as ruas para reivindicar o seu retorno e, durante os protestos, um grupo de pessoas de diferentes origens e com opiniões antagônicas acabou sendo preso arbitrariamente em uma velha caminhonete.

No próximo Domingo (dia 14/05/2017) não haverá sessão !

 

Identidade e Missão do Santuário de Fátima

O Santuário de Nossa Senhora do Rosário de Fátima dá expressão ao pedido de Nossa Senhora do Rosário, aludido já em 13 de agosto de 1917 e expressamente indicado na aparição de 13 de outubro desse ano a Lúcia de Jesus, Francisco Marto e Jacinta Marto: «Quero dizer-te que façam aqui uma capela em minha honra, que sou a Senhora do Rosário» (Primeira Memória da Irmã Lúcia). A capelinha foi erguida em 1919 no local das aparições de 1917 na Cova da Iria e, desde então, o espaço do Santuário foi sendo edificado, em resposta ao significativo afluxo de peregrinos.

O Santuário de Fátima é local de peregrinação, que faz memória do seu acontecimento fundante, as aparições de Nossa Senhora aos três pastorinhos. O acolhimento pastoral dos peregrinos é elemento primordial da sua missão.

O Santuário de Fátima custodia a mensagem do acontecimento de Fátima. É sua missão o estudo e a difusão desta mensagem, trabalhada como meio de evangelização em Portugal e no mundo.

O Santuário de Fátima é, por vontade expressa da Sé Apostólica, um Santuário Nacional.

Fonte: http://www.fatima.pt/pt/pages/identidade-e-missao

 

Santo Inácio de Láconi, exemplo vivo da pobreza

Santo Inácio de LáconiTinha o verdadeiro espírito franciscano: exemplo vivo da pobreza, entretanto de absoluta disponibilidade aos pobres e desamparados
Francisco Inácio Vincenzo Peis, o segundo de nove irmãos, nasceu na cidade de Láconi, Itália, no dia 17 de novembro de 1701. Seus pais eram muito pobres, mas ricos de virtudes humanas e cristãs, educando os filhos no fiel seguimento de Jesus Cristo.
Inácio, desde a infância, sentiu um forte chamado para a vida religiosa. Possuía dons especiais de profecia, de cura e um forte carisma. Costumava praticar severas penitências, mantendo seu espírito sereno e alegre, em estreita comunhão com Cristo.
Antes de completar os vinte anos de idade, ele adoeceu gravemente e por duas vezes quase morreu. Nessa ocasião, decidiu que seguiria os passos de São Francisco de Assis e se dedicaria aos pobres e doentes, se ficasse curado. E assim o fez. Foi para a cidade de Cagliari para viver entre os frades capuchinhos do Convento do Bom Caminho. Mas não pôde ser aceito, devido à sua frágil saúde. Depois de totalmente recuperado, em 1721, vestiu o hábito dos franciscanos.
Frei Inácio de Láconi, como era chamado, foi enviado para vários conventos e, após quinze anos, retornou ao Convento do Bom Caminho em Cagliari, onde permaneceu em definitivo. Ali, ficou encarregado da portaria, função que desempenhou até à morte. Tinha o verdadeiro espírito franciscano: exemplo vivo da pobreza, entretanto de absoluta disponibilidade aos pobres, aos desamparados, aos doentes físicos e aos doentes espirituais, ou seja, aos pecadores, muitos dos quais conseguiu recolocar no caminho cristão.
Durante seus últimos cinco anos de vida, Inácio ficou completamente cego. Mesmo assim continuou cumprindo com rigor a vida comum com todos os regulamentos do convento. Morreu no dia 11 de maio de 1781. Depois da morte, a fama de sua santidade se fortaleceu com a relação dos milagres alcançados pela sua intercessão.
Frei Inácio de Láconi foi beatificado pelo Papa Pio XII em 1940 e depois canonizado por este mesmo Santo Padre em 1951. O dia designado para sua celebração litúrgica foi o de sua morte: 11 de maio.
REFLEXÃO: Santo Inácio não escreveu nada, porque era analfabeto, não deixou uma doutrina, porque não era um filósofo, não fundou nenhuma ordem, porque não era homem de geniais e corajosas iniciativas. Foi visto sempre com o rosário nas mãos, apoiado num bastão, barbas longas e olhar sério. Não tinha nada do seráfico, mas em sua sacola se escondia um tesouro de sabedoria e virtude. Aprendamos a valorizar aqueles que na simplicidade transparecem os maiores dons do Espírito Santo.

ORAÇÃO: Ó Deus, concedei-nos, pelas preces de Santo Inácio de Láconi, a quem destes perseverar na imitação de Cristo pobre e humilde, seguir a nossa vocação com fidelidade e chegar àquela perfeição que nos propusestes em vosso Filho. Por Cristo nosso Senhor. Amém!
Santo Inácio de Láconi, rogai por nós!

 

do Comunique-se

SBT acompanha batalha entre exército e Estado Islâmico no Iraque

O jornalismo do Sistema Brasileiro de Televisão acompanhou de perto um dos conflitos entre as forças armadas do Iraque e o grupo terrorista que se denomina como Estado Islâmico. Sérgio Utsch e Louis Blair, respectivamente repórter e cinegrafista da emissora de TV brasileira, estiveram presentes ao lado do exército iraquiano para cobrir a “batalha histórica por Mossul”. O resultado da cobertura internacional será exibido a partir desta quarta-feira, 3, no SBT Brasil.

Mossul é a terceira maior cidade do Iraque e está no centro da disputa entre o governo do país e o Estado Islâmico. De acordo com a análise do canal brasileiro, os terroristas estão prestes a serem expulsos da região. Visão que combina com o comentário público feito pelo chefe do Estado-Maior do Iraque, Othman Ghanim, na última semana. Segundo o comandante, as forças armadas locais vão retomar Mossul por completo ao decorrer das próximas semanas.

Antes de começar a exibir o conteúdo produzido por Sérgio Utsch e Louis Blair diretamente da linha de frente da batalha pelo poder da cidade iraquiana, a equipe de comunicação do SBT destaca que foi a única TV brasileira a enviar jornalistas próprios para a cobertura do conflito – e que a mesma ação ocorreu durante confrontos na Síria, em 2014. Há três anos, Utsch esteve presente na chamada “Batalha de Kobane”, região de fronteira entre Síria e Turquia.

A dupla formada pelo repórter Sérgio Utsch e o cinegrafista Louis Blair foi além de presenciar a batalha entre exército do Iraque e o Estado Islâmico. O SBT informa que os jornalistas foram à região do Curdistão Iraquiano, reconhecida como a parte mais segura do país do Oriente Médio, onde “parte da segurança é feita por um batalhão de mulheres”. Os enviados especiais da emissora brasileira ainda passaram por cidades “cobertas de minas e uma rede de túneis construída pelo Estado Islâmico”.

Sérgio Utsch, profissional que normalmente atua como correspondente do SBT na Europa, adianta que o especial a ser exibido na televisão mostrará histórias de pessoas por trás do noticiário bélico. “Essa guerra tem muitos lados e muitas caras. E é muito difícil de explicar. Optamos por humanizar as histórias e trazer para a audiência brasileira uma visão brasileira do que acontece no Iraque, diferente do que é fornecido pelas grandes agências internacionais”, comenta o jornalista.

O SBT informa que o conteúdo especial produzido em Mossul também será exibido [reprise] no ‘SBT Notícias’, telejornal exibido de madrugada. Além disso, a emissora já divulgou na internet o especial gravado em 360 graus. O material foi publicado na fan page do veículo de comunicação na manhã de terça-feira, 2, e já conta com mais 75 mil visualizações, 180 compartilhamentos e 215 reações. “A câmera especial permite ao internauta se sentir dentro da cobertura, acompanhando os repórteres nesses locais”, enfatiza o canal.

Assista ao vídeo em 360 graus.


Michel Temer: Um ano reformando o País

Foto: Fábio Paiva

Temer conversa com Perondi no Paláciodo Jaburu

Há exatamente um ano, na madrugada de 12 de maio de 2016, em votação histórica, o plenário do Senado aprovava, por 55 votos favoráveis e apenas 22 contrários, o afastamento de Dilma Rousseff da Presidência da República. Naquela mesma manhã ela era notificada e o seu vice, Michel Temer, assumia interinamente o comando do País. “Bom dia esperança. Está nascendo um novo Brasil”, comemorava no plenário do Senado o deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), um dos coordenadores do Comitê Pró-impeachment e responsável pela união de forças entre Parlamento e movimentos sociais para afastar Dilma. Para Perondi, naquele dia nasceu o que vai ser lembrado ao longo da história, como o governo Temer, “o governo reformista”.

Segundo Darcísio Perondi, que é vice-líder do Governo na Câmara, Michel Temer, apesar de ainda pouco reconhecido pela população, está fazendo um dos melhores governos da República, principalmente se for levado em conta que ele está enfrentando a maior depressão econômica da história do Brasil, provocada por Dilma Rousseff e suas ações marcadas por corrupção, pedaladas fiscais e irresponsabilidade.

Neste primeiro ano de gestão Temer, os números mostram grandes diferenças para o governo anterior, substituído definitivamente em agosto de 2016 com a aprovação do impeachment. A inflação caiu pela metade – de 9,32% em maio de 2016, para 4,08% em abril de 2017 (menor índice em dez anos); o Real se valorizou diante do Dólar; a Bolsa de Valores voltou a apresentar crescimento; a taxa de juros caiu acentuadamente, de 14,25% em abril de 2016, para 11,25% em abril de 2017; o Produto Interno Bruto (PIB) voltou a ter projeção de alta, depois de três anos consecutivos de percentuais negativos; a confiança voltou entre investidores nacionais e internacionais com a retomada da economia; e a balan&cc edil;a comercial voltou a bater recordes.

“Estamos tendo muito trabalho para enfrentar a herança maldita deixada pelo PT”, afirmou Perondi. O parlamentar lembra da falta de diálogo que existia entre Executivo e Legislativo e da postura antagônica de Michel Temer. “Ele é um homem do Parlamento e sabe dialogar, tanto que conseguiu aprovar tudo o que propôs”. Perondi cita, por exemplo, as novas regras do pré-sal, que tiraram as amarras da Petrobras; a PEC do teto de gastos, que promoveu o ajuste fiscal das contas do Governo (Perondi foi o Relator); a reforma do ensino médio; a liberação das contas inativas do FGTS; a regulamentação do trabalho terceirizado; o aumento do limite de renda para o Programa Minha Casa Minha Vida; e o reajuste da Bolsa Família.

O grande desafio do Governo é enfrentar o desemprego de 14,2 milhões de brasileiros, e que só deve apresentar resultados com a aprovação das reformas da previdência e trabalhista. Esta última, já passou na Câmara dos Deputados e agora tramita no Senado. A da previdência, a mais complexa, passou pela Comissão Especial da Câmara e aguarda dois turnos de votação no plenário.

Números que comprovam eficiência do Governo Michel Temer:

Inflação acumulada em 12 meses:

Maio de 2016: 9,32%

Abril de 2017: 4,08%

Taxa de juro:

Abril de 2016: 14,25%

Abril de 2017: 11,25%

Dólar:

Maio de 2016: R$ 3,47

Maio de 2017: R$ 3,17

Bolsa/Ibovespa:

Maio de 2016: 48.471 pontos

Maio de 2017: 64.826 pontos

Balança Comercial:
Abril de 2016: Superávit de US$ 3,58 bilhões
Abril de 2017: Superávit de US$ 6,97 bilhões. O saldo positivo é resultado de exportações de US$ 17,686 bilhões e importações de US$ 10,717 bilhões no mês. Esse foi o melhor resultado para o mês na série histórica, iniciada em 1989.

Principais ações do Governo Michel Temer:

PEC do Teto - Foi a principal vitória de Temer no Congresso. A proposta fixou limites para as despesas públicas e promoveu o ajuste fiscal. Relator foi o deputado Darcísio Perondi.

Novo Ensino Médio - O governo aprovou a Medida Provisória que reformou o Ensino Médio, que terá parte do currículo flexível.

Terceirização - Em março, a Câmara aprovou projeto de 1998 que permite a terceirização irrestrita, inclusive na atividade-fim.

Novas regras do pré-sal - Em 2016, o governo aprovou o fim da obrigatoriedade da Petrobras como operadora de campos de petróleo no pré-sal.

Repatriação de valores - Governo aprovou nova etapa do programa de repatriação, no qual brasileiros que mantinham recursos não declarados no Exterior regularizam a situação mediante multa e pagamento ao Imposto de Renda.

Contas inativas do FGTS e juros do cartão - No final de 2016, Temer anunciou a liberação do saque de contas inativas do FGTS e a redução de juros do cartão de crédito. Os saques estão em andamento e as regras do rotativo valendo.

Recuperação Fiscal dos Estados - O governo aprovou carência de seis meses no pagamento da dívida dos Estados e discute na Câmara um programa de recuperação fiscal que exige corte de gastos.

Reforma Trabalhista - Aprovada pela Câmara, a reforma modifica pontos da CLT, com destaque para o negociado sobre o legislado. O projeto está no Senado.

Reforma da Previdência - Está na Câmara, onde serão necessários dois turnos de votação. Se aprovada, irá ao Senado.

Bolsa Família - Temer aumentou o valor do benefício do Bolsa Família em 12,5%.

Pente-fino do INSS - INSS iniciou perícias no auxílio-doença e na aposentadoria por invalidez. Foram cancelados 84,8 mil benefícios.

Plano Nacional de Segurança - Em janeiro, diante da crise das chacinas em presídios, foi lançada a medida, que prevê combate a crimes violentos e a construção de presídios federais.

MedioTec - Temer lançou o MedioTec, com foco em estudantes. São 82 mil vagas para cursos ministrados no contraturno das aulas regulares. O Pronatec segue, com 135,6 mil matrículas.

Fies e ProUni - No segundo semestre de 2016, a gestão Temer ofertou 75 mil vagas no Fies e 125 mil no ProUni. No primeiro semestre de 2017, são 150 mil e 214,1 mil. Haverá novas ofertas este ano.

Concessões - O leilão de quatro aeroportos arrecadou R$ 3,72 bilhões. Outros R$ 12,7 bilhões foram com linhas de transmissão de energia.

Minha Casa Minha Vida - O limite de renda das famílias nas faixas do programa subiu para até R$ 9 mil. A meta é contratar 610 mil unidades em 2017.

Corte de cargos - O governo prometeu cortar 4.276 cargos comissionados, funções de confiança e gratificações. Até o momento, foram extintos 4.029 cargos, economia de cerca de R$ 202 milhões.

 

SUGESTÃO DE PAUTA

O deputado Darcísio Perondi (RS), vice-líder do Governo na Câmara, participa de três encontros regionais promovidos pelo PMDB - "Construindo o Amanhã - As Reformas que o País e o Rio Grande precisam", em Porto Alegre, Novo Hamburgo e Caxias do Sul, entre os dias 11 e 13 de maio.

O objetivo dos eventos é levar para a base partidária conteúdo técnico e político sobre os principais temas dos cenários estadual e nacional. Especialistas vão abordar as reformas trabalhista e da Previdência, além do Plano de Modernização do Estado e Regime de Recuperação Fiscal. Perondi vai explicar as reformas propostas pelo presidente Michel Temer. A realização dos debates é do Diretório Estadual do PMDB-RS, em parceria com a Fundação Ulysses Guimarães (FUG).

Programação:

11 DE MAIO – QUINTA-FEIRA

Porto Alegre

Horário: 19h

Local: Auditório da AIAMU - Rua dos Andradas, 1234 - Bloco B, 8º andar

Coordenadorias: Metropolitano, Vale do Gravataí, Grande Canoas, Litoral Norte, Carbonífera e Costa Doce

12 DE MAIO – SEXTA-FEIRA

Novo Hamburgo

Horário: 19h
Local: Sede do PMDB municipal, Rua José de Alencar, 68 - Rio Branco
Coordenadorias: Vale dos Sinos, Vale do Paranhana e Vale do Caí

13 DE MAIO – SÁBADO

Caxias do Sul

Horário: 9h
Local: Rua Ernesto Alves, 2083 (Antigo Norton) - Salão Cabernet do Tri Hotel Executive
Coordenadorias: Vinhedos, Serra, Campos de Cima da Serra e Encosta Superior do Nordeste

O deputado Darcísio Perondi, que em todos os eventos falará sobre as reformas, poderá ser contatado para eventuais entrevistas pelo seguinte telefone: (61) 98163-0003

 

Assinadas ordens de início para reformas de escolas estaduais

Investir na reforma e construção de novas escolas, promovendo as melhorias necessárias na infraestrutura, garantindo assim condições adequadas de segurança e ensino aos alunos da rede pública, é uma das prioridades do Governo do Estado.

Na tarde desta quinta-feira (11), o secretário Estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Fabiano Pereira e a diretora do Departamento de Obras Públicas, Roberta Campani, assinaram quatro ordens de início para obras emergenciais na rede estadual de ensino.

No município de Coronel Bicaco a Escola Estadual de Ensino Médio Cecília Meireles, será beneficiada com as obras de reforma da cozinha e execução de cobertura para a passarela, investimento de R$ 66.000,06 (sessenta e seis mil reais e seis centavos).

Em Rio Grande a E.E.E.M Bibiano de Almeida será beneficiada com a reforma da sala de informática do bloco 2, reforma da cobertura, substituição de pisos, das paredes e recuperação da viga de concreto do bloco 1, investimento superior aos R$ 44 mil.

Também serão contempladas com obras emergenciais a E.E.E.B Sylvio Dal Moro localizada no município de Cacique Doble e a E.E.E.F Brasil no município de Quaraí, investimento de R$ 72 mil. A empresa responsável pela execução das obras será a TETTOSUL Engenharia Ltda.

 

Câmara aprova projeto de gratificação a secretários municipais

A Câmara Municipal de Porto Alegre aprovou, na tarde desta quinta-feira (11/5), o Substitutivo ao Projeto de Lei do Executivo que cria verba de representação para os secretários do Município. A proposta, que altera o artigo 75 do Plano de Carreira dos Funcionários da Administração Centralizada de Porto Alegre (Lei 6.309, de 28 de dezembro de 1988 e mudanças posteriores), foi apresentada em dezembro de 2016 pelo ex-prefeito José Fortunati, a pedido do hoje prefeito Nelson Marchezan Júnior.

Pelo projeto, a verba de representação será atribuída aos titulares das secretarias quando estes forem servidores detentores de cargo de provimento efetivo do Município ou de outra esfera governamental, "inclusive empregados públicos cedidos com ônus para o órgão de origem, com ou sem ressarcimento pelo Município". A verba de representação corresponderá ao valor idêntico ao subsídio de secretário.

Na exposição de motivos do projeto, o Executivo alega que os servidores efetivos do quadro e os servidores "adidos" que venham a atuar como secretário não recebem qualquer gratificação adicional ou indenização, considerando que, nos casos de cargos em comissão, há previsão de uma função gratificada especial, em valor equivalente a 70% dos vencimentos respectivos ao cargo.

“Entendemos, assim, da necessidade de promover um instrumento que viabilize o pagamento de uma verba de representação no valor equivalente ao subsídio de secretário municipal, com vistas a gratificar os servidores que estejam enquadrados nas situações supra mencionadas”, afirma o ex-prefeito.

Junto com o Substitutivo foram aprovadas as seguintes emendas:

Emenda Nº 1: Estipula que o salário dos secretários municipais não pode ultrapassar o limite único estabelecido no artigo 33 da Constituição do Estado do Rio Grande do Sul, que coloca como teto o cargo de desembargador estadual;

Subemenda n º1: Inclui os servidores do Poder Legislativo no Substitutivo;

Emenda Nº 4: Exclui o artigo 2º do Substitutivo, que estabelecia que o teto remuneratório do secretariado deveria estar de acordo com o vigente no Município de Porto Alegre.

 

Mostra do Teatro Glênio Peres está com inscrições abertas

Serão escolhidos 14 projetos de grupos ou artistas solo nas modalidades de dança, música, teatro e circo.

A Câmara Municipal de Porto Alegre está com inscrições abertas para a III Mostra de Artes Cênicas e Música do Teatro Glênio Peres. O EDITAL com o regulamento da Mostra foi publicado na terça-feira (2/5), e as inscrições de projetos de espetáculos serão recebidas até o dia 19 de junho. Poderão participar da seleção projetos das áreas de dança, circo, música e teatro (adulto e infantil) para apresentações gratuitas (sem cobrança de ingresso) que serão realizadas no Teatro Glênio Peres, da Câmara Municipal, a partir do dia 25 de agosto deste ano.

Os 14 espetáculos selecionados receberão, cada um, verba de R$ 12,5 mil (grupo de artistas) ou R$ 7,5 mil (artista solo). Cada grupo ou artista solo selecionado fará duas apresentações, totalizando 28 dias de espetáculos ao longo da Mostra no período entre agosto e dezembro deste ano. Os pagamentos serão feitos pela Câmara em parcela única no prazo de até 10 dias úteis após a última apresentação do espetáculo.

As inscrições, que são gratuitas, devem ser feitas das 9 às 17 horas, de segunda a sexta-feira, na Seção de Memorial da Câmara Municipal de Porto Alegre (Avenida Loureiro da Silva, 255, térreo), mediante a entrega dos projetos e documentos exigidos no edital e seus anexos. Serão aceitas inscrições pelos Correios desde que recebidas até a data de 19 de junho, último dia para inscrições.

Pelo edital, será selecionado, no máximo, um projeto de cada grupo ou artista solo para cada uma das categorias oferecidas no evento. Os projetos inscritos passarão por análise de uma Comissão de Seleção composta por pessoas com notório conhecimento sobre as categorias da mostra, com base nos seguintes critérios: viabilidade de execução dentro das normas do edital, qualidade artística e histórico e currículo dos grupos ou artistas solo.

O Teatro Glênio Peres fica no 2º piso da Câmara Municipal de Porto Alegre e tem 80 poltronas, espaço para cadeirantes e 10 cadeiras extras, além de estacionamento gratuito. Informações: (51) 3220-4318 (Seção de Memorial).

 

Assinatura de decreto para simplificacão de licenciamento de construção será nesta sexta, dia 12

Atendendo uma antiga solicitação dos porto-alegrenses, será assinado nesta sexta-feira, 12, às 8h30, no Salão Nobre do Paço Municipal, o decreto de licenciamento expresso que altera parcialmente os procedimentos administrativos de aprovação e licenciamento de edificações na Capital. O texto estabelece mudanças em determinados dispositivos e artigos do atual decreto de licenciamento, com o objetivo de garantir celeridade na tramitação dos processos. A proposta de atualização foi apresentada pelo Escritório de Licenciamento e Regularização Fundiária (EdificaPOA) da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico. O prefeito Nelson Marchezan Júnior assinará o decreto, com a presença do secretário municipal de Desenvolvimento Econômico Ricardo Gomes.

 

Documento único nacional agora é Lei

O presidente Michel Temer sancionou, nessa quinta-feira (11), em cerimônia no Palácio do Planalto, a Lei que cria uma identidade única para o cidadão brasileiro. O Documento de Identidade Nacional (DIN) vai reunir em um só documento dados como CPF, Registro Civil (RG) e título de eleitor. O CPF passa a ser o número universal e vai funcionar associado a dados biométricos, colhidos eletronicamente. Ele vai substituir todos os outros documentos existentes, com exceção da carteira de motorista e do passaporte, que têm prazo de validade e podem ser apreendidos.

Para a elaboração do texto, o relator, deputado Júlio Lopes (PP-RJ), participou de várias reuniões com o presidente do Tribunal Superior Eleitoral, ministro Gilmar Mendes, e seu antecessor, Dias Toffoli. Segundo explicou o parlamentar, o brasileiro chega a ter até 22 documentos, o que cria espaço para a ocorrência de fraudes.

O deputado Darcísio Perondi (PMDB-RS), vice-líder do Governo na Câmara, participou da cerimônia e elogiou o texto de Júlio Lopes. Perondi acredita que o DIN vai facilitar a vida das pessoas, principalmente na hora de votar.

A substituição dos atuais documentos vai ser de forma gradual e as pessoas só terão que adquirir a nova Identidade quando os documentos que têm hoje perderem a validade. A Justiça Eleitoral, institutos de identificação civil dos Estados e outros órgãos, se autorizados pelo TSE poderão emitir o documento e a Casa da Moeda fará a impressão. O DIN deve fazer parte de um novo sistema, a ICN (Identificação Civil Nacional).

 

DE SERAFINA

'TRATORZAÇÃO PRA CIMA DO TEMMER'

DIA 28, DIA DO FORA TEMMER VAI FICAR NA HISTÓRIA DE SERAFINA. NUNCA SE VIU TANTA COISA, NEM NO TEMPO QUE O POLACO FAZIA AQUELAS MANIFESTAÇÕES TEMÁTICAS DOS COLONOS.

PAROU A AV. MIGUEL SOCCOL. 210 TRATORES DE COLONOS PROTESTANDO CONTRA A REFORMA DA PREVIDENCIA.

DE TUDO QUANTO ERA TAMANHO. PEQUENO,GRANDE, E OUTROS BEM GRANDES. PRA MIM ISTO É O PODER DA IGREJA CATÓLICA, QUE AINDA MANDA NA CITI. TEM OUTRAS LÁ, MAS ESTAS SÃO DA PERIFERIA. A IGREJA CATOLICA É DO PODER, DOS COLONOS, DAS CLASSES PRODUTORAS, NÃO QUE OS POBRES NÃO PRODUZAM.

TINHA ATÉ MULHER DIRIGINDO TRATOR. É A FORÇA DO PT EM SERAFINA. QUE PRA MIM FARA O PROXIMO PREFEITO. ANOTEM.

TINHA ATÉ MULHER DIRIGINDO TRATOR, O QUE MOSTRA A FORÇA FEMININA. QUEM VIU ACHA QUE MUITA COISA TÁ MUDANDO.OS TRATORES, OU A PASSEATA SAIU DO PORTICO DA ENTRADA E PAROU NA IGREJA MATRIZ. FALOU UM POUCO DE CADA LIDERANÇA. GENI DALA ROSA, UMA SINDICALISTA LIGADA A PRODUÇÃO DE ALIMENTOS, SEU ESPOSA SIDERLEI DE OLIVEIRA QUE JÁ FOI DO SINDICATO DA ALIMENTAÇÃO DO RS,- MEIO ADOENTADO -UM REPRESENTANTE DE CASCA,NIZOLA, LIDIO OLDONI, DO SIND DOS TRABALHADORES RURAIS. E O PREFEITO DE CASCA DOMINGOS KUIAVA. TAMBÉM ESTEVE PRESENTE O SINDICALISTA MODESKI, DA RÁDIO COMUNITÁRIA E DO SIND DA ALIMENTAÇÃO.- DEVE SER FILHO DO ESCRIVÃO JOSÉ MODESKY.

PELO MEU INFORMANTE TINHA MAIS DE MIL PESSOAS. POUCAS VEZES SE VIU UM MOVIMENTO DESTE PORTE NA CIDADE.

O FORA TEMMER FOI GRANDE EM SERAFINA. ENGRAÇADO QUE A GRANDE MIDIA -CP, ZH , PIONEIRO NÃO DERAM NADA DISTO.

UM OBSERVADOR DA CENA MAIS ATENTO ME DISSE QUE SE PODE CHAMAR O 28 DE ABRIL O DIA QUE SERAFINA PAROU.

E ENTROU PRA HISTÓRIA DA CIDADE.

AUSENTES

NEM A PREFEITA MEIA ARROQUE, NEM O VICE, VALDIR BIANCHET, FORAM AO EVENTO.

NENHUM DOS 9 VEREADORES FORAM TAMBÉM. SÃO ELES OS GRANDES AUSENTES.

SERGIO,MARINHO,OLDERES,(FILHA DE AGRICULTORES)FEDRIGO,MARSSARO,ROSSETTO,DIRLEI,BETINARDI,LUCIMAR MAGON.
PRESENTE

EX VEREADOR E EMANCIPACIONSITA DE SERAFINA NELSON ASSONI, OU COMO É CHAMADO HJ EM DIA O ' VEIO' ASSONI, FILHO DO VELHO DIONISIO E DA ' MADRE VERGINE', COMO CHAMAVAM SUA FALECIDA MÃE.

O PANFLETO CONVIDANDO AO PROTESTO FOI FEITO PELO SIND DA ALIMENTAÇÃO(MODESKI)SM,SIND RURAL,CONCAT,CUT,
SEEB E CPERS.

DECODIFICANDO, SINDICATO DA ALIMENTÇAÃO É O MODESKI, A GENI DA LA ROSA, SINDICATO DOS MUNICIPÁRIOS, SIND RURAL É O OLDONI, UMA GRANDE LIDERANÇA RURAL, ENMTRE OUTROS LIDERANÇAS TRABALHADORAS.

A SINTESE DO ENCONTRO É QUE O PROTESTO NÃO TEVE NEM A PREFEITA, NEM O VICE, NEM OS VEREADORES.

QUEM FOI FOI O PREFEITO DE CASCA, QUE É DO PT. CLAUDIO KUJAWA.(REDAÇÃO DE OLIDES CANTON)


11 de maio de 2017

Ônibus

t 9 as 18s da ultima terça centro -bairro. passageiros como ' sardinhas'. é que o ipa leva muito aluno pra lá.

 

ACEG

NÃO FUI NO EVENTO DA ENTIDADE. FIQUEI OUVINDO PELA GUAIBA. O CRISTIANO SILVA FALOU PELOS COTOVELOS. ACHO QUE SE EXCEDEU UM POUCO. A GAUCHA NÃO TRANSMITIU. TEM ALGUMA RONHA AI.

 

CARLOS CHAGAS

P - ALGUÉM ERA DESIGNADO COMO COMO SECRETARIO DE IMPRENSA?

R- NUNCA, DE MANEIRA NENHUMA.NÃO EXISTIA O USO DO NOME.HAVIA UM OFICIAL DE GABINETE ENCARREGADO DE MANTER RELAÇÕES COM A IMPRENSA.

MAS NÃO ERA SÓ ELE PORQUE NA HORA DE FALAR COM O CHATEAUBRIAND, COM O ROBERTO MARINHO, E TUDO, QUEM FALAVA ERA O PRÓPRIO JUSCELINO.NÃO HAVIA PORTA-VOZ.HAVIA O AUTRAN DOURADO NO ATENDIMENTO AOS JORNALISTAS ,MAS NÃO ERA SÓ ELE. HAVIA, POR EXEMPLO, O DANTON JOBIM, QUE DEPOIS FOI SENADOR E PRESIDENTE DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE IMPRENSA.

O DANTON CUIDAVA DA IMPRENSA INTERNACIONAL PARA O JUSCELINO.NÃO HAVIA O LUGAR DE ' SECRETÁRIO DE IMPRENSA'. ERA TUDO UMA COISA DE AMADORES. INCLUSIVE NO RIO,1956, PALÁCIO DO CATETE, NÃO TINHA ESPAÇO FÍSICO PARA NADA.O AUTRAN FICAVA PULANDO DE UM LADO PARA OUTRO. E O DANTON, COITADO,DIZIA: ' EU SOU O RESPONSÁVEL PELA IMPRENSA DO PRESIDENTE'.
E AINDA TINHA INFORMALMENTE O MURILO MELLO FILHO, QUE ERA DA MANCHETE.

NA HORA QUE APERTAVA A COISA NA IMPRENSA , O JUSCELINO APELAVA PARA OMURILO MELO FILHO.
AGORA, É PRECISO DIZER O SEGUINTE.ANTES DO AUTRAN DOURADO, O JUSCELINO,QUANDO VEIO PARA BRASILIA,TROUXE O ASSESSOR DE IMPRENSA DELE DE BH,DO GOVERNO DE MINAS.CHAMAVA-SE JOSÉ MORAES.ZÉ MORAES ERA UM GRANDE JORNALISTA , EXPERIENTE. MAS FICOU DOENTE E MORREU. MESMO NO EXERCÍCIO , NÃO ERA SECRETÁRIO DE IMPRENSA,NÃO EXISTIA ESTE LUGAR, ERA UM OFICIAL DE GABINETE E CUIDAVA DA IMPRENSA PARA O PRESIDENTE.DEPOIS DELE, QUANDO MORREU, VEIO O AUTRAN DOURADO.

 

TRISTES PELO DAVID, '

AQUELE DAS MULHERES'

DIAS ATRÁS A REDAÇÃO DA ZH VIVEU MOMENTOS DE MUITA TRISTEZA COM A SITUÇÃO DE SAÚDE DO CRONISTA DAVID COIMBRA, AQUELE DAS MULHERES, COMO DIZEM..ERA DE PANICO O ESTADO GERAL. TODOS COM MEDO. ELE ANDOU NO HOSPITAL.

DAVID É TRI QUERIDO NA REDAÇÃO, DESDE AS TELEFONISTAS, COM QUEM ELE SE DÁ TRI BEM, ATÉ OS DE CARGO MAIOR.

LU, A FEIA...

DEPOSI QUE A TELEFONISTA DA ZH, LU, FOI MOTIVO DE UMA COLUNA DO DAVID COIMBRA, NO DOMINGO ULTIMO, ELA VIROU ASSUNTO NA REDAÇÃO. MAIS MANJADA QUE PASTEL EM CANCHA RETA.

MAS EU VI A CHARGE DELA E A CHARGE PRA QUEMNÃO CONHECE A LU, É MAIS BONITA QUE ELA AO VIVO E A CORES.

CLARO QUE A LU VAI ENTENDER MINHA 'SACANAGEMZINHA 'PRA CIMA DELA.

 

PAU NO BARBUDO

O VEIO AVELINE SEMPRE CONTAVA ESTA. O MAURÍCIO PEDIU AO LAURO SCHIRMER QUE ALGUÉM DESSE UM PAU NO BARBUDO DE CUBA. LAURO DEU A TAREFA A SERGIO DA COSTA FRANCO, QUE COMO EX SIMPATIZANTE DO PCB, CRAVOU O FERRO NO BARBUDO DE CUBA. NO OUTRO DIA, O MAO MAO LIGOU PRO SCHIRMER E RECLAMOU:

- TAMBÉM NÃO ERA PRA TANTO...!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

MORREU INES, ESPOSA DO COLEGA SERGIO DA COSTA FRANCO. NOSSOS SENTIDOS PESAMES AO COLEGA.

FRANCO ESCREVEU UM GRANDE MEMORIAS DE UM ESCRITOR DE PROVINCIA. LÁ DIZIA QUE JOVEM EM LUA DE MEL QUANDO PROMOTOR NO INTERIOR -ACHO QUE ENCANTANDO,ALGO PARECIDO - ' A CAMA DO HOTEL GEMIA'. SUA FILHA NÃO GOSTOU DE VER O PAI CONTANDO ESTAS INTIMIDADES E FRANCO NÃO TIROU UMA SEGUNDA EDIÇÃO DE AO MEU VER SEU MELHOR LIVRO..

OFALECIDO COLEGA WILSON MULLER VIVIA DIZENDO QUE ELE LEVARA SERGIO DA COSTA FRANCO PARA RBS QUANDO A CALDAS CAMBALEOU. MAS FRANCO NÃO GOSTAVA MUITO DA VERSÃO PREFERIA QUE DISSESSEM QUE FORA CHAMADO PELO MAO MAO...

FRANCO

QDO IA NO BARZINHO DA ARI, SERGIO DA COSTA FRANCO ME CHAMAVA DE ' FOFOQUEIRO'.
- OLHA QUEM FALANDO, DIGO EU.
ELE É PERSONAGEM DE DIVERSAS HISTÓRIAS SABOROSAS QUE CONTO NO LIVRO PAUTA.

 

coleguinhas

CACHORRO QUE MUITO LATE, POUCO MORDE DIZ A FRASE. TEM A VER COM OS DIAS DE HJ.

ENCONTREI O PAULO CARDONE , EX CORREIO, EX PREMPALEGRE, EX GUAIBA NA PREVENCOR. TÁ COM 67 ANOS. EX ZH TB

GRANDE SUJEITO. OTIMO COLEGA. TAVA LIDANDO COM ASSUNTOS DO CORAÇÃO, DE PROBLEMAS DO CORAÇÃO. É DIABETIOCO.

FALAMOS DA COLEGA TANIA REGINA E DA VERLAINE, QUE ERA DA FOLHINHA. LEMBREI A ELE O EPISÓDIO DA VERLAINE NA FOLHINHA COM O JOÃO DIB QUE CONTO OUTRO DIA.

tb encontrei hj no sao pedro o antonio goulart.pessoa séria mas que se amua fácil kkkkkk
goulart tava vendo o xouzinho de um cantor tri faceiro que homenageou as mães.

PELA PRESS, O ANTONIO GOULART VAI LANÇAR OUTRO LIVRO DA SERIE IMPRENSA. TEM ATÉ O MUCIO CASTRO, PAI DO MUCINHO,VIVO E DO TARSO.

TEM O AMIR DOMINGUES, FLAVIO ALCATRAZ GOMES, E OUTROS. É UM BOM TRABALHO DA MEMORIA DO GOULART PARCERIA DA PRESS.

encontro dos veios no copa

a fonte que me passou o protersto ddo MARCO AURELIO estava SENTADA AO LADO DELE. ASSIM QUE TOU BEM ESCORRADO.

 

CAXIAS

FIGUEIREDO EM CAXIAS.

O PRESIDENTE JOÃO FIGUEIREDO ESTEVE EM CAXIAS DO SUL, EM FEV DE 1981,PRA INAUGURAR A FESTA DA UVA( QUE AGORA NÃOT EM MAIS, DIGO EU....) COMO PREFEITO MANSUETO SERAFINA FOI RECEBE-LO.NO AEROPORTO .DEPOIS A COMITIVA FOI ATÉ A SINIMBU PRA VER O CORSO ALEGÓRICO.

FIFI E O GOV AMARAL DE SOUZA, DO RS,SEGUIRAM DE CARRO,ENQUANTO MANSUETO, OS MINISTROS QUE O ACOMPANHAVAM,DEPUTADOS E SEC ESTADUAIS IAM NUM ONIBUS ESPECIAL( DA MARCOPOLO, COMO SEMPRE...)

AO CHEGAR AO PALANQUE OFICIAL,FIFI CHAMOU MANSUETO DO LADO E RECLAMOU DE VAIAS

-CARO PREFEITO, ALGUMAS PESSOAS ME VAIARAM NUM TRECHO DO TRAJETO.

O PREFEITO RESPONDEU:
-EU VI PREFEITO, MAS ERA O PESSOAL DO PMDB. OS MEUS DO PDT SO O APLAUDIRAM

RAPIDO,E STE MANSUETO. RAPIDO E OPORTUNISTA, DIRIA EU...(oc)

 

DE STO ANGELO

1.

JULIANA BRIZOLA NÃO FOI AO ENCONTRO DO PDT EM STO ANGELO.

MANDOU O PRESIDENTE DO PDT JOVEM JOÃO CELLA.

2.

HÁ QUEM ACHE DENTRO DO PDT QUE ELA NÃO SE REELEGE. ACHO POUCO PROVÁVEL.

 

dos leitores

po NA SOLIDÃO DE STO ANGELO, O CAPINCHO AGORA ME SAI POETA.(olides) E ESCREVE BEM O DIABO.

De: "Letier Vivian"
Enviada: 2017/05/10 20:31:37

Amigo Olides eh gringo de Serafina

Foi repórter, jornalista, gente fina

Mas de olho sempre atento

Escreveu fatos e histórias sem alento

Sempre simples, camisa aberta,

Eh parceiro pra uma gelada na hora certa

DA sua carreira não são dinheiro

Tomara quem lhe dêem algum Cruzeiro

Apaixonado pela dona Celeste

Só não assume pra não ter uma peste

DA Bruxinha não arranca um tostão

Mas as vezes vai lá comer um arroz com feijão.

 

Vice-prefeito e secretários recebem diretoria da Acergs

O vice-prefeito, Gustavo Paim, a secretária de Desenvolvimento Social, Maria de Fátima Paludo, e o secretário da Fazenda, Leonardo Busatto, receberam a diretoria da Associação de Cegos do Rio Grande do Sul - Acergs. Eles debateram o pagamento de um convênio firmado entre a entidade e a prefeitura em julho de 2016, com vigência de um ano.

Paim esclareceu ao presidente da Acergs, Gilberto Kemer, que o governo passado não incluiu no Orçamento de 2017 – aprovado pela Câmara Municipal de Porto Alegre – a previsão do pagamento do convênio. O contrato, assinado em julho de 2016, previa quatro pagamentos trimestrais, sempre feitos após a prestação de contas serem apresentada. Os dois primeiros pagamentos foram feitos dentro do cronograma.

O terceiro, previsto para ser quitado até a próxima sexta-feira (12/05), está com alguns dias de atraso porque não tinha previsão orçamentária. Ou seja, a burocracia para casos assim é maior. “No dia 31 de março encerrou o trimestre e então a Acergs encaminhou à prefeitura a prestação de contas. Portanto, é equivocada a afirmação de que o pagamento estaria atrasado desde novembro de 2016. Todo esforço tem sido feito pelo Executivo municipal para sanar essa questão. Já há um pedido de suplementação orçamentária feito pela secretaria de Desenvolvimento Social e aprovado. O pedido de liberação de recursos também está pronto”, explicou Paim ao grupo que representa a Acergs. “O que houve, realmente, foi um problema burocrático que tem origem na ausência da previsão deste pagamento no orçamento anterior”, acrescentou.

O secretário Busatto reforçou ainda que “nenhuma despesa pública pode ser executada sem estar prevista no orçamento”.

Sobre o diálogo permanente entre a prefeitura e a entidade, Gilberto Kemer afirmou que sempre que solicitou, foi prontamente atendido pela secretária Maria de Fátima Paludo. “Sabemos que, se depender da senhora, teremos sempre as portas abertas e diálogo”, disse.

“A política, infelizmente, vive de muita boataria. Isso é um grave problema. A melhor forma de enfrentar isso é sempre procurar o governo e um interlocutor. Nós estamos e estaremos sempre prontos para o diálogo franco e transparente, pois estes são princípios da nossa gestão”, finalizou Paim.

 

Colégio Santa Inês recebe espetáculo "A Terra é Azul" do grupo Teatro Jovem (RJ)

Apresentação, voltada para estudantes e familiares, está marcada para o dia 11 de maio, às 10h

Com o objetivo de contribuir com a formação dos jovens como cidadãos críticos e atuantes na sociedade, o Colégio Santa Inês proporciona aos seus estudantes diversas oportunidades para vivências culturais. Esta semana, será a vez do espetáculo "A Terra é Azul", do projeto Teatro Jovem (RJ). A apresentação da peça acontece no dia 11 de maio, às 10h20, no Auditório da escola e, após, haverá um debate.

"Uma das características principais do teatro é o exercício da empatia, ou seja, da possibilidade de se colocar no lugar do outro", ressalta Analice Vacaro, responsável pela orientação dos estudantes do Ensino Fundamental Anos Finais. Analice ressalta também que, com esse tipo de atividade, os estudantes são estimulados a refletir sobre as suas próprias atitudes e seu cotidiano, uma prática que tem grande importância no projeto pedagógico da escola.

Com a atuação de Vitor Thiré, da Rede Globo, e direção de Tadeu Aguiar, "A Terra é Azul" discute a relação professor x estudante e provoca uma reflexão sobre valores fundamentais para o ato de educar. O projeto Teatro Jovem surgiu a partir da percepção do grupo de que o hábito de frequentar o teatro é pouco comum entre a maior parte dos jovens. A apresentação alia diversão e reflexão, já que, após o espetáculo, haverá um debate com os atores.

Espetáculo "A Terra é Azul", Teatro Jovem (RJ)

Data: 11/05 (Quinta-feira)
Horário: 10h20
Local: Auditório Madre Teresa do Colégio Santa Inês


10 de maio de 2017

A CLASSE OPERA´RIVA VAI A RENNER


renner da padre chagas

COMPREI HJ UM ROPÃO NA RENNER. SIM NA RENNER DO CENTRO.DEPOIS DE PROCURAR VARIAS LOJAS SO ACHEI LÁ.
E ME SENTI COMO NO FILME DO ELIO PETRI, A CLASSE OPERÁRIA VAI PRO PARAISO. FALA DA COOPTAÇÃO DO CAPITALISMO NOS OPERÁRIOS. VIRARÃO TODOS BURGUESES. É MAIS OU MENOS O LULA. ANSIM,ANSIM....O LULA E SUA TURMA
MAS A GURIA QUE ME ATENDUE ERA A CARA DA ADRIANA CALCANHOTO. SSEM TIRAR NEM POR. ELA ME DISSE QUE JÁ DISERAM ISTO UMA X E ME PERGUNTOU QUEM ERA A FULANA....AFINAL QUE ERA UMA 2 X QUIE A DIZEM SEMELHANTE.

EXPLIQUEI QUEM ERA. OUTRAS 2 GURIAS OUVIRAM TB.

MAS ME FIZERAM NA HOR AUM CARTGÃO DA RENNER. ASSIM QUE AGORA TOU DE CARGTÃO DA RENNER. FINALMENTE FUI COOPTADO PELO CAPITALISMO.

quem entende do riscado é o laurinho, mas me atrevo a dizer que a rnner renner tem cartão proprio justamente pra SEDUZIR O CONSUMIDOR COM DESCONTOS MAIORES E MAIORES TEMPOS PRA PAGAR. SO QUE TU TEM QUE IR NA LOJA PAGAR. ENTÃO TÁ LÁ A SEDUÇÃO. MAIS COMPRAS. ESTE NEGÓCIO DE TER CARTGÃO PROPRIO A TUMELERO AQUELE QUE O SARTORON MANDOU AS PROFISS, TAB TINHA E FOI UM DOS PROBLEMAS QUE ENCONTRARAM QUANDO A FRANCESA FOI COMPRAR. DIGO ISTO PQ UMA FONTE DAQUELA PRICE NÃO SEI DAS QUANTAS QUE FOI INTERMEDIAR A VENDA ME PASSOU. UM DOS PROBLEMAS DA VENDA DA TUMELERO ERA QUE ELA TINHA CARTÃO PROPRIO. NÃO SEI EM QUE ISTO ATRAPALHAVA, MAS FOI PEPINO,SIM ENFIM RESOLVIDO.

 

Cinema

PEDI PRO ADELI HOMENAGEAR A SALA REDENÇÃO EMANDEI ESTE PEQ TEXTO PRA ELE LER NA CAMARA. (oc)

TURMA DE APOSENTADOS

UMA TURMA DE APOSENTADOS VAI TODAS AS TARDES NA SALA REDENÇÃO. HÁ ALGUNS ANOS QUE A FREQUENTO.

TEM FILMES MUITO BONS. JÁ VI FILMES SOBRE A DITADURA, SOBRE CINEMA FRANCES.

E ANTES ALGUNS TOMAM SEU CAFEZINHO NO ANTONIO LANCHES. ALGUNS JÁ SE CONHECEM E FORMARAM AMIZADES.

ENTÃO A SALA VIROU ATÉ UMA CERTA CONFRARIA. NÃOS E SABE SE DEPOIS ALGUNS SE FREQUENTAM MAS É UMA TURMA DE CINEFILOS.

VIDA LONGA A SALA REDENÇÃO!!!!(oc)

 

o evento do laçador na segunda

o xouzinho antes e depois do papo sobre o laçador foi bem simpatico.
não sei quem é este presidente do sinduscvon mas pelo visto ele é chegado na cultura. tanto que falou no sclyar.

no mais como eu esperava a mídia deu destaque a ' doença' do laçador.

 

ronda da citi

tão fazendo uma pracinha na frente da esquina maldita. seo mário com quase 100 anos é um SOBREVIVENTE DA ESQUINA DO SEUS AUREOS TEMPOS.(OLIDES)

QUEM DEU O NOME DE ESQUINA MALDITA FOI O LICINIO AZEVEDO NA FOLHINHA DA MANHÃ. É QUE TODOS IAM PRO BAR ALASKA. QUEM NÃO SUBER O QUE FOI O ALASKA, ENTÃO É MELHOR NÃO FALAR MAIS. FICA FORA.tá purfa, ´não é da nossa priaa.

 

t 9

que saiu hj as 18.06 minutos da dom Feliciano saiu com 73 passageiros. a cobradora acha que uma hora destas vão quebrar todos os carros da carris. é que no pico tem muito movimento e agora tem um largador o ônibus só sai quando ele diz pra sair e que motoras e cobradores largavam deixando passageiro na parada.

 

ACEG

O JULIO É UM 'SANTO'

ENCONTREI O JULIO SORTICA NA PARADA DO ONIBUS. ELE TÁ ORGANIZANDO OE VENTO DA ACEG DESTA NOITE NO EMBAIXADOR.

COMO A ENTIDADE É POBRE - NÃO TEM PAITROCINIO - O JULIO VAI CONVIDAR OS HOMENAGEADOS DE PASTINHA NA MÃO NOS ONIBUS DA CITI. TINHA ESTADO HJ DE MANHA NA CASA DO HELIO DOURADO QUE SERIA UM DOS HOMENAGEADOS MAS ELE NÃO TÁ MUITO LEGAL DE SAUDE.

JA SEI QUE O MARCELO GROHE DO GREMIO SERÁ UM DOS JOGADORES A GANHAR TITULO MAS O GOLEIRO ESCOLHIDO É O DO NOIA. ALIAS TUDO É DO NOIA.

ESTARIE ESTA NOITE NO EMBAIXADOR NAO EVENTO DA ACEG. SEI QUE O BELMONTE, J.CARLOS VAI SER HOMENAGEADO.

O HELIO DOURADO TAMBÉM SERIA, MAS TÁ SEM SAUDE O VEIO.

SERÁ MAS NÃO VAI. ENFIM É O EVENTO DA ACEG QUE FAZ TODO MUNDO SE VER DEPOIS DO GAUCHÃO, MELHOR DIZENDO RURALITO.

ENTREI PRA ACEG PORQUE O REI DA ONDA, O VEINHO AKELE QUE FOI DO JC, ME ASSOCIOU. TINHA TENTANDO NO TEMPO DO FALECIDO FRUET PRESIDENTE MAS ELE ME DIZIA. TU NÃO FAZ ESPORTE, NÃO ENTRA LÁ. DEPOIS FUI ENTRANDO COM UMA MATERIA QUE FIZ PRO MEU JORNAL SOBRE O CAMELINHO.

 

Coleguinhas

OTTO BEDE VAI ENTRAR EM FÉRIAS NA 6 NA GUAIBA.

VOLTAIRE PORTO VOLTA MAIS TARDE.

REKERN,SABAIS QUE O TACHO NOS LE AKI. QDO FUI PEGAR SEU AUTOGRAFO ELE DISSE.

- AH, E AKELE BLOG DE COISA ANTIGA. VALEU TACHO.

elogios

as x recebe este brog elogios. não publico. é nosso dever informar bem. e ponto final. seria o mesmo que receber elogios por ser cidadão correto. é apenas o que temos que fazer, ou tentar.

ZH

A ZH FINALMENTE FEZ UMA BOA MATEIRA. LI HJ SOBRE AS MOÇAS QUE SÃO VENDEDORAS, PROPAGANDISTAS DE REMEDIO. NÃO LEMBRO DE QUEM É A MATERIA MAS PELO VISTO ELA ENTROU LÁ COMO VENDEDORA. PQ SENÃO NÃO IA DEIXAR. PENSO EU.

 

de caxias

MANSUETO SERAFINI VIAJOU SEG PRO RIO. AGORA APOSENTADO ELE NÃO APITA MAIS NADA. COMO É POLITICO, DIZ QUE AGORA SÓ CONSULTORIA. NA PRAÇA DANTE ALIGIERI ELE DISSE DOM PRUM CARA DO PT QUE TENTOU VEREADOR E NÃO DEU:

- EU TE DISSE QUE SE TU ACABASSE COM O CALÇADÃO, TU NÃO IA TE ELEGER. O CARA ERA DA TURMA DO PEPE VARGAS E ACABOU COM O CALÇADAOQ UE ELE MANSUETO TINHA MANDADO FAZER. PONTO FINAL. O CARA NÃO SE ELEGEU. MAS SÃO AMIGOS. CONVERSAAM NUMA NICE, SEM ODIOS.
MANSUETO AGORA SE ARREPENDEU DE TER DOADO OS DIREITOS AUTORAIS DO SEU LIVRO PQ SE DEU CONTA QUE TÁ VENDENDO MUITO. É O MAIOR MUNHECA QUE EU CONHEÇO. MAIS QUE O HELVIO SCHNEIDFDER DA ZH.

MANSUETO QDO VIAJAVA TOMAVA SORVETE DE NOITE PRA NÃO GASTAR COM JANTA.

E DOMINGO FOMOS NA PADARIA. NA HORA DE PAGAR, ELE DISSE:

- TU VAIS PAGAR TUDO, EU SÓ TOMEI CAFÉ. DIZEM QUE ELE E O PDRO SIMON QUADO SE ENCONTRAM É BRABO QUEM PAGA A CONTA. DOIS MUNHECAS.

o pão durismo do mansueto é conhecido. tá ate no livro do BAR TREZE QUE DIZ QUE NG NUNCA VIU ELE PAGANDO LÁ DENTRO UM CAFEZINHO KKKK

virou folclore. outra mania do meu amigo é trocar NOMES. ANA AMELIA, ELE XAMA DE MARIA AMELIA

O FEHLBERG DA ZH ,E LE CHAMAVA DEE FREIBERG...E POR ASSIM VAI.

QDO FOI DAR MEU AUTOGRAFO NO LIVRO DELE, NEM SABIA MEU NOME. O ERICO MICHELS QUE TRABALHOU COM ELE, ELE TAMBEM NÃO SABIA O NOME. E ISTO QUE NÃO TÁ COM ALZEIMESR.

EDUARDO LEITE

MANSUETO ACHA QUE ESTE SERÁ O NOME DA DIREITA NO ANO QUE VEM.PONDEREI QUE A CIDADE NÃO AJUDA. PODE SER

 

do Observador Internacional

QUEM É O NOVO PRESIDENTE DA FRANÇA?

Emmanuel Macron, conseguiu realizar os sonhos de muitos homens: além de se eleger presidente da República, conseguiu levar aos finalmentes a paixão pela professora. Macron tinha 15 anos e ainda vivia em Amiens (cidade a 120km ao norte de Paris) quando se apaixonou e engatou um romance com a sua professora de Literatura do ensino médio, Briggite Auzière. A família não gostou de ver o filho apaixonado por uma mulher prestes a fazer 40 anos e mandou o rapaz terminar o curso em Paris. Não adiantou, Brigitte, que era casada com um banqueiro e com quem tinha três filhos, divorciou-se para casar com Macron. Ele, por sua vez, tem uma sólida formação superior: começou a vida acadêmica realizando estudos avançados em F ilosofia na Universidade de Nanterre (criada sob os efeitos do moviento estudantil de 1986); depois fez mestrado em políticas públicas na Scientes Po, que pode ser considerada num patamar acima das universidades “comuns”, em termos de qualidade e exigências; para, por fim, cursar a Escola Nacional de Administração, que prepara pessoal para trabalhar no serviço público (algo como o antigo DASP da Era Getulista no Brasil). Após concluir os estudos acadêmicos, Macron entrou no serviço público e passou a atuar nas áres de finanças e tributárias. Nesta época se relacionou com grandes empresários e foi convidado para trabalhar no Bco. Rothschild, onde acabou sócio. Na curta carreira (quatro anos) de banqueiro, os prêmios pelos negócios que realizou o tornaram milhonário. Em 2012, voltou para o serviço público a convite d e François Hollande, então recém eleito presidente da França. Ficou no governo Hollande até 2014, quando resolveu voltar para a iniciativa privada, mas acabou mesmo é retornando para o governo como Ministro da Economia do primeiro-ministro Manuel Valls. Como ministro, ajudou a promover na França uma série de reformas na mesma linha que está sendo proposta por estes dias pelo Governo Temer para o Brasil, e que levou o Governo Sarkozi a não conseguir se reeleger. Em 2016. Macron decidiu apostar numa candidatura presidencial e criou seu próprio partido político. De origem socialista, transmutou-se com o tempo em algo próximo do neoliberalismo. É a favor do livre mercado, da redução do déficit público e pela pelo acolhimento de refugiados. É eurófilo e não quer tirar a França da Comunidade Européia. Foi eleito por 6 6.06% dos votos válidos em segundo turno, que teve uma abstenção de 25,44, pois a esquerda em sua maioria não quis escolher entre dois canditados por ela considerados de direita.

 

do Espaço Vital

A confirmação da goleada de 51 x zero


Jardel: alegria na posse, em janeiro de 2015. Declínio político imediato e sumiço atual.

O Órgão Especial do TJRS, em sessão de julgamento realizada ontem (8) manteve a cassação e negou os pedidos do ex-deputado Mário Jardel Almeida Ribeiro para que o processo administrativo disciplinar fosse anulado. No mandado de segurança, o ex-jogador de futebol e ex-deputado requereu nulidade de todos os atos já formulados no ano passado quando do andamento do processo de cassação. Entre os eles, a anulação do PAD, o direito ao interrogatório, entre outros.

Na ocasião, a decisão do Órgão Especial determinara a oportunização do interrogatório do então deputado, antes do encaminhamento do PAD à Comissão de Constituição e Justiça da AL-RS, como pressuposto para a validade do procedimento e da eventual.

Segundo a desembargadora relatora do processo, Catarina Rita Krieger Martins, a Mesa Diretora da AL acatou e cumpriu a contento o que havia sido determinado, tendo oportunizado a realização do interrogatório à parte impetrante após o término de sua licença para tratamento de saúde e antes de dar continuidade aos demais atos processuais e à decisão pela cassação do respectivo mandato.

A magistrada destacou que foram realizadas, no mínimo, 19 tentativas de intimação do então deputado estadual por meio de agente legislativo, tanto em seu endereço residencial quanto em seu gabinete parlamentar - todas infrutíferas e certificadas nos autos do PAD.

Além disso, houve a publicação de edital de intimação, por parte da Assembleia Legislativa, em grandes jornais de circulação do RS e de Fortaleza (CE) convocando Jardel para o depoimento no PAD.

Oportunizado o interrogatório perante a subcomissão processante e não justificada, plausivelmente, a ausência do ex-deputado às solenidades, correto o regular andamento do PAD, não havendo nulidade a declarar quanto ao procedimento ou à decisão ao final tomada, afirmou a relatora.

Assim, a magistrada manteve o conteúdo da decisão liminar, já anteriormente determinada pelo Órgão Especial do TJRS, afirmando não haver nenhuma irregularidade na tramitação do PAD e cassação do mandato de Mário Jardel.

Na decisão, também ficou determinada multa por litigância de má-fé - hipótese em que alguém se utiliza do processo a fim de obter vantagem ilícita, tumultua os atos processuais, provoca incidentes infundados ou altera intencionalmente a verdade dos fatos. A sanção financeira será no valor de 10 salários mínimos. O voto foi acompanhado pela maioria dos desembargadores do Órgão Especial. (Proc. nº 70070063995).

Declínio e tentativa de ressurgimento

Em entrevista ao programa Esporte Espetacular, em abril de 2008, Jardel abriu o jogo revelando que havia usado cocaína nos últimos anos e que talvez fosse esse o motivo de ter perdido o seu condicionamento físico. No entanto, afirmava estar curado do vício e otimista quanto ao andamento de sua carreira.

No mesmo ano, aos 35 de idade, firmou um contrato de cinco meses com o Criciúma. Estreou no dia 5 de agosto de 2008 em pleno Estádio Heriberto Hülse em Criciúma e, aos 23 minutos do segundo tempo, marcou o segundo gol do time na vitória de 3x2.

No final da carreira, teve ainda breves passagens por Ferroviário, Flamengo (PI), Cherno More, da Bulgária, Rio Negro e Al-Taawon, da Arábia Saudita.

No dia 12 de dezembro de 2009 participou de um jogo de despedida do goleiro Danrlei. Jardel fez parte do time Grêmio de 1995, que enfrentou os Amigos de Danrlei. A partida terminou 4 a 3 para o time de 1995, com Jardel marcando 2 gols. Antes do jogo comemorativo, Jardel deu entrevista afirmando que pretendia encerrar a carreira no Grêmio.

A sessão de cassação

O mandato de Mário Jardel foi cassado por unanimidade na tarde de 22 de dezembro do ano passado, em sessão na Assembleia Legislativa, em Porto Alegre. Ao todo foram 51 votos a favor da cassação e nenhum contrário. Jardel não estava presente e seus advogados não utilizaram o direito de defesa antes dos pronunciamentos dos deputados.

Inscrito como “Jardel Centroavante”, ele tinha sido eleito em outubro de 2014 com 41.227 votos.

Para a cassação, os parlamentares votaram resolução da Comissão de Ética Parlamentar. No dia 15 de dezembro, a Comissão de Constituição e Justiça já havia aprovado relatório que recomendava a cassação de Jardel. No início do mês, o documento foi aprovado na Comissão de Ética Parlamentar.

Jardel foi acusado de manter funcionários fantasmas em seu gabinete, exigir parte do salário dos assessores e desviar dinheiro da Assembleia Legislativa, mediante apresentação de notas fiscais frias, para comprovar gastos de assessores que nem chegaram a viajar.

Em dezembro, o corregedor-geral da Assembleia, deputado Marlon Santos (PDT), recomendou a cassação do mandato de Jardel. No relatório apresentado na Comissão de Ética, o pedetista apontou indícios de irregularidades já apuradas pelo MP, como a nomeação de servidores para a obtenção de vantagens, o envolvimento com traficantes, o que configura quebra de decoro parlamentar, e fraudes em diárias.

 

Convocação para Encontro Arquidiocesano de Justiça Caridade e Paz

Aos Padres, Diáconos, Religiosos(as), Leigas(os), Agentes de Pastoral, Dirigentes de organizações e entidades católicas, Voluntários e participantes nas obras sociais da Igreja e Coordenações das Pastorais Sociais

"Dai-lhes vós mesmos de comer"(Mc 6, 37). O mandato de Jesus Cristo aos apóstolos constitui um convite renovado para que a Igreja cuide e estabeleça uma relação de ajuda e promoção com os pobres e as pessoas em situação de vulnerabilidade social. O apelo que a realidade social renova à Igreja e aos seus serviços pede uma ação organizada, orientada e adequada ao tempo que estamos vivendo.

Para tanto, é necessário reinterpretar e reordenar o jeito de fazer a Caridade com a necessária atenção às determinações legais, administrativas e pastorais que exige constantemente uma revisão no modo de agir. O Papa Francisco advertiu recentemente que "a caridade não é um simples assistencialismo, mas uma escolha de vida. Não basta olhar para esse caminho escolhido por Jesus, é preciso segui-lo". O próprio Jesus, o bom samaritano, nos diz: “ Vai, e faz tu também o mesmo” (Lc 10, 37). Essa escolha requer uma atualização constante e uma qualificação permanente.

Com objetivo de oferecer formação aos agentes, novas orientações e encaminhar o planejamento de uma ação conjunta e integrada na Arquidiocese de Porto Alegre, convocamos a todos para o Encontro Arquidiocesano de Justiça Caridade e Paz.

Data: 20 de maio de 2017
Horário: 8h às 11h30min
Local: Colégio São Francisco – Av. Baltazar de Oliveira Garcia, 4879 - Bairro Rubem Berta - Porto Alegre/RS
Contato e informações: Frei Paulo Muller (51 98165-5788) e Elton Bozzetto (51 99666-5592)

A organização da caridade na Arquidiocese passa a ser coordenada pela Dimensão da Justiça, Caridade e Paz, seguindo a identidade e modalidade adotada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Essa orientação vai integrar todas as iniciativas de trabalho social em nossa Igreja Particular. Por isso, este Encontro Arquidiocesano reveste-se de importância para todos aqueles que assumiram em seu compromisso de fé a atuação na ação social

Antecipamos agradecimento pela participação e renovamos a convocação para que nossa Igreja possa reafirmar o compromisso com os novos rostos da miséria em nossa Arquidiocese e o propósito de uma caminhada de unidade e comunhão.

 

do Miron Neto

Morreu monsenhor Izidoro Bruxel, o pacificador

Faleceu, sexta-feira (28), monsenhor Izidoro Bruxel, que foi pároco em Gramado do final dos anos 60 e durante a década de 70. Bruxel foi velado no sábado (29), a missa rezada por dom Dadeus Grings foi em Dois Irmãos, e o enterro no cemitério de Hamburgo Velho, em Novo Hamburgo.
Izidoro Bruxel tinha 91 anos e nos últimos anos vivia em Dois Irmãos, cidade onde originalmente a família, que veio da Alemanha, se estabeleceu durante a imigração. Foi ordenado padre em Arroio do Meio, no dia 2 de janeiro de 1951, e permaneceu em Gramado entre 1967 e 1980. Por aqui, teve um papel importante de pacificador na vida política, já que o período coincidiu com a ditadura militar implantada em 1964. Em 1968, por exemplo, Walter Bertolucci, do então PTB, venceu a eleição municipal, mas foi cassado em seguida pelos militares, o que provocou sequelas na vida da então pacata Gramado.

 

do Comunique-se

STJ decide que acusados pela morte de Santiago Andrade vão a júri popular

Na terça-feira, 27 de abril, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) considerou que houve dolo eventual na morte do cinegrafista Santiago Andrade. A decisão judicial reverte a do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro e mantém o entendimento do Ministério Público do Estado sobre o ocorrido, levando os acusados Caio Silva de Souza e Fábio Raposo Barbosa a júri popular. As informações são do Estadão.

O profissional que atuava pela TV Bandeirantes foi atingido por rojão disparado por manifestantes, em 2014, enquanto fazia a cobertura jornalística de protesto no centro do Rio de Janeiro. Souza e Barbosa foram denunciados pelo MPRJ por homicídio qualificado com dolo eventual. Porém, a defesa dos acusados recorreu da decisão ao TJ-RJ, que não reconheceu o dolo eventual na conduta dos réus e afastou o julgamento do júri popular. O MPRJ, então, recorreu ao STJ.

De acordo com a denúncia do MPRJ, Souza e Barbosa agiram “em comunhão de ações e desígnios” ao soltar o rojão, que causou fratura no crânio do cinegrafista. O TJRJ, por outro lado, considerou que o resultado da morte de Andrade decorreu diretamente da atitude dos réus, mas afastou a ocorrência de dolo eventual por entender que os acusados não teriam o “domínio do curso causal” do rojão.

Juiz de primeiro grau responsável pelo caso, Murilo Kieling decidiu, inicialmente, submeter os acusados ao tribunal do júri pelo crime de homicídio triplamente qualificado. O magistrado afirma que embora não tivessem a intenção de matar o cinegrafista, os réus sabiam do dano que sua conduta poderia causar e não se importaram com isso, assumindo o risco de produzi-lo – atitude que caracteriza o dolo eventual.

 

Nova estrutura de atendimento da Fasc vai qualificar serviços para crianças e adolescentes

Fundação de Assistência Social e Cidadania publicou edital em 25 de abril para que os serviços de 10 abrigos residenciais passem a ser 100% conveniados

Melhorar o atendimento e os serviços, fortalecer ainda mais a rede sócio-assistencial e oferecer um atendimento mais personalizado para crianças e adolescentes abrigadas são alguns dos objetivos pelo qual a Fundação de Assistência Social - FASC lançou o Edital 001/2017, publicado em 25 de abril de 2017. O edital propõe que 10 dos 12 abrigos residenciais para crianças e adolescentes da rede própria da Fundação passem a ser 100% conveniados. Com a mudança, as entidades serão responsáveis por todo o processo de acolhimento e infraestrutura dos abrigos. Apenas os abrigos residenciais 7 e 8, considerados porta de entrada do sistema, permanecerão sendo da Rede Própria. Todos os demais serão conveniados.

As unidades da rede já conveniada, como as que oferecem serviços para Pessoas Com Deficiência (PCDs), também serão beneficiadas. Com as mudanças propostas, estes serviços chegarão a receber um aumento de repasse de 273% per capita em algumas situações. Esse repasse vai possibilitar melhorias na ampliação do atendimento de saúde específicos desse público, nas estruturas físicas das instituições, assim como na qualificação dos espaços.

Para o presidente da Fasc, Solimar Amaro, "Nesse novo formato ganha-se tanto no atendimento coletivo, quanto no individualizado. Desde a qualidade dos produtos e materiais disponíveis para o uso diário dos acolhidos, até na manutenção mais eficaz dos espaços", explica. Segundo ele, há anos essa rede vem pleiteando o reajuste. “Chegaremos a um aumento de 273% em algumas situações como a Casa do Excepcional Santa Rita de Cássia, Casa do Menino Jesus de Praga e Lar Santo Antônio dos Excepcionais, que hoje trabalham com um valor extremamente defasado. Essa é uma medida de justiça, pois esse tipo de conveniamento é o que tem a maior disparidade no repasse em relação aos demais”, acrescentou.

Entre os serviços que serão ampliados e qualificados estão Fonoaudiologia, Neurologia e Neuropediatria. Isso tudo conforme o público atendido por cada instituição, nas estruturas físicas e na qualificação desses espaços, como a aquisição de equipamentos reabilitativos.

Atualmente, entraves burocráticos acabam provocando o engessamento da máquina pública e, em muitas situações, prejudicam a efetividade dos serviços dentro dos abrigos residenciais próprios da Fundação. Nesse sentido, a rede de Conveniamento Pleno acaba sendo mais eficaz em relação à gestão compartilhada com a Fasc.

A partir do conveniamento de 10 abrigos, a Fundação poderá, ainda, romper todos os contratos de locação de imóveis de 10 abrigos residenciais. Já os servidores que hoje trabalham na rede própria de abrigos serão realocados para outros setores com déficit de pessoal, e a Fundação deixará de pagar telefone, energia elétrica, alimentação, veículos, materiais de alojamento, materiais de consumo, passes assistenciais, manutenção entre outros custos relativos a estas unidades. A função de supervisão, avaliação do processo e controle de vagas é de responsabilidade da Fasc dentro do formato proposto. "Temos um desafio grande que é qualificar o acolhimento em Porto Alegre. Não mediremos esforços nesse sentido, porque é dever do poder público entregar aos cidadãos serviços qualificados. As mudanças são um primeiro passo na busca do fortalecimento da Fasc e de toda a rede", finalizou Solimar Amaro.


9 de maio de 2017

O LAÇADOR ESTÁ 'DOENTE'

FOI MAIS OU MENOS O QUE ME DISSE AGORA DE TARDE UM DIRETOR DO SINDUSCON DURANTE O EVENTO QUE COMEÇOU ANTES E TERMINOU ANTES.

- OU SE FAZ O QUE É PRECISO,OU ENTÃO ELE CAI, DISSE O DIRETOR.

FISSURAS, INSETOS-ABELHAS NOS OLHOS - E A AÇÃO DO TEMPO ESTÃO DEIXANDO O LAÇADOR QUE PESA 3 TON NA ENTRADA DE PORTO, ' DOENTINHO'.

- FIQUEI IMPRESSIONADO COM A SUA CARA. VISTO DE PERTO NÃO É NADA DAQUILO QUE PARECE DE LONGE, DISSE OUTRO ESPECIALISTA NO ASSUNTO QUE PALESTROU NO SINDUSCON.

O VENTO TEVE PRESENÇA MAIS DE MULHERES DO QUE DE HOMENS.VAi ver PORQUE ELAS LIDAM MAIS COM A CULTURA.

O LAÇADOR É A CARA DO PAIXÃO CORTES EM 1958 POSANDO PRO ANTONIO CARINGI.

SEGUNDO OS ESPECIALISTAS, ELE NUNCA FOI ' RECUPERADO'. RECEBEU UMA ENJAMBRADA QUANDO TIRARAM DE ONDE TAVA NO COMEÇO DA FARRAPOS E LEVARAM PRA FRENTE DO VELHO AEROPORTO AGORA CHAMADO DE SITIO DO LAÇADOR.

A ESTATUA PERTENCE A PREFEITURA QUE TÁ SEM GRANA PRA RECUPERAR O MONUMENTO. MAS O SINDUSCON VIA LIC VAI TENTAR ARRUMAR UMA GRANA PRA ISTO.

NÃO PRECISA SE ASSUSTAR. O LAÇADOR SOMENTE SAIRÁ DE ONDE TÁ PRA SER RECUPERADO NO ANO QUE VEM PORQUE ESTAS COISAS DE LIC DEMORAM. NÃO HÁ VALORES ESTIMADOS AINDA PRA TAREFA.

O EVENTO FOI MUITO SIMPATICO. TEVE MUSICA ANTES E DEPOIS DO PAPO.QUE NÃO FOI XAROPE, PELO CONTRÁRIO, MUITO INTERESSANTE. DEVE ATÉ TER MAIS GENTE.ah, pouca gente sabe MAS O LAÇADOR FOI FEITO PRA SER MANDADO PRA SP. AI GOSTARAM TANTO DELE NA EPOCA QUE FICOU.(oc)

 

LAÇADOR X CAPINCHO....

NA CAPA DA GAITE E EXPRESSÃO QUE SÓ CAPINCHO USA. A ZH A USOU PRA DEFINIR O LAÇADOR. TÃO COPIANDO O CAPINCHO. DEIXA ELES....

 

PARTIDO DE BACUDOS

O PDT É PARTIDO DE BARBICACHO. O CAPINCHO É GAUDÉRIO, O ZE ZNUNES TB, O ALCEU DE CAXIAS TB, O DEP FED POMPEO DE MATTOS TAMBÉ. ATÉ O BRIZA BOTAVA AKELE CHAPEU HORROROSO DE BARBICACHO QUE ARRUMARAM PRA ELE.

 

PASSAGEIROS TRANSPORTADOS COMO ' SARDINHAS' EM LATA

ALGUMA COIS ANÃO ANDA BEM NA REPUBLICANA INDEPENDENTE DA CARRIS. AQUI NA 6, NO T-7 LÁ PELAS 6 E POUCO DA TARDE.

GENTE APINHADA E O PIOR, O MOTORISTA E O COBRADOR MEIO ' CAVALOS' COM OS PASSAGEIROS. EU VI UMA MOÇA QUE PEDIU PRA DESCER PELA FRENTE, PAGANDO A PASSAGEM, QUE FOI MEIO MALTRATADA PELO COBRADOR. NESTE ONIBUS. E OLHA, ELA NÃO SE NEGOU A PAGAR, ELE DEU O CARTÃO DO TRI PRA ELE DESCONTAR.

- DA PRÓXIMA TU PASSA A ROLETA, NÃO FICA AI NA FRENTE, RECLAMOU O 'ABUSADO' DO COBRADOR.

MAS COMO PASSAR SE NÃO CABIA MAIS NG NAQUELE ONIBUS????!!!!!!

A CARRIS PARECE MEIO INSUBORDINADA, OU SEJA, ELA SABE DA SUA FORÇA. DIZEM ATÉ QUE DOS 300 ONIBUS QUE TEM, 80 ESTÃO PARADOS DENTRO DA GARAGEM E NÃO É POR CAUSA DE NADA, É PORQUE NÃO QUEREM GASTAR COMBUSTÍVEL. DIZEM ATÉ QUE É UM BOICOTE AO JUNIOR PELO FATO DELE NÃO TER DADO A TARIFA QUE ELES TINHAM PEDIDO QUE ERA 4,30.SE NÃO TOU ENGANADO.

MAS EM CAXIAS O GUERRA CONGELOU ATARIFA E AVISTATE TÁ ANDANDO ASSIM MESMO.

 

uma tarde caxiense

o parque cinquentenário, o toldo, ou tondo restaurante, onde comeram os jornalistas pagando 15 pilas, e cenas do jogo no antigo estádio da BAIXADA. DO FLAMENTO,HJ CAXIAS.

TAVA LINDO O DIA, UM DIA QUASE DE OUTONO,PRIMAVERA....O SOL SE POS CEDO, 5 E MEIA O ESTÁDIO LIGOU OS REFLETORES. O CIDADÃO DE RÁDIO VELHO VEIO DE FORQUETA PRO JOGO.

TINHA MUITO JORNALISTA. UM DA RADIO PROGRESSO DE IJUI. SAÍRAM CEDO DE MANHA....

caxias e o dia do jogo.' nem parece que tem jogo na cidade, queixou-se SERAFINI que queria o CAXIAS NA FINAL.

INDICO A PADARIA PAN DAMORE NO CENTRO DE CAXIAS. LOCAL TIPICO DA CITI.

NA PRAÇA JULIO TU NUNCA VIA UMA LOJA VAZIA. ESVAZIAVA, ALUGAVA EM SEGUIDA. HJ TÁ CHEIO DE LOJA PRA ALUGAR, ME DISSE MANSUETO NA MANHA DE DOMINGO. É TÁ FEIRA ACRISE EM CAXIAS. A MARCOPOLO TINHA 14 MIL EMPREGADOS. HJ TEM OITO E FECHOU A FABRIOCA DA PLANALTO.CAXIAS SOFRE COM O DESEMPREGO E TEM 500 MIL HABITANTES.É DAS 30 MAIORES CIDADES DO PAIS. É COMPLETAMENTE INDEPENDENTE DE PORTO ALEGRE.

GOSTO DE IR A CAXIAS. TALVEZ SEJA PRA ME ENCONTRAR COM MEU AMIGO SERAFINI AMIGO DE TANTOS ANOS. ASSUNTO SEMPRE O MESMO POLITICA.
MANSUETINHO VIVE MAIS EM CAMBORIU ONDE A COMPANHEIRA TEM CASA DO QUE EM CAXIAS. MAS É VISTO NO CENTRO NA PRAÇA DANTE ALEGHIERI ONDE É RECONHECIDO.

- MANSUETO NOS VAMOS FAZER UMA ESTATUA PRA TI, LHE DISSE UM ANTIGO DESAFETO DO PT NA MANHA DO DOMINGO DEPOIS QUE FOMOS TOMAR CAFÉ NA PANE DAMOR PORQUE EU PEDI PRA IR. EU TIVE QUE PAGAR, PORQUE O FAMOSO PÃO DURO NÃO SE COÇOU.

ELE LANÇOU UM LIVRO SOBRE HISTÓRIA POLITICA DE CAXIAS QUE TÁ VENDENDO BEM.(OLIDES)

NOTICIAS DE CAZIAS...

1.

guerra resulveu peitar todo mundo. não sei não se esta car anão vai ao gov do estado. pode ser.

2.

CONGELOU TARIFA DE ONIBUS. A VISATE AGORA BRIGA NA JUSTIÇA.

3
FECHOU A FESTA DA UVA.

FUTEBOL

O QUE TINHA DE REPORTER DOM EM CAXIAS NÃO TÁ NO GIBI. É O GANHÃO PÃO DA IMPRENSA.

JOGO

ATORCIDA DO NOIA ERA MEIA DUZIA DE GATO PINGADO.mas no onibus que fui de manha vi que os camelos que iam vender camisetas do inter NÃO TAVAM COM MUITA FÉ NÃO . EMBUXARAM COM TUDO.

AINDA SOBRE JOGO.

DAVID X GOLIAS

O BETO DO NOIA GANHA 15 MIL POR MES, ZAGO 200 MIL MENSAIS.

 

Coleguinhas

REKERN DÁ UMA OLHADA NA XARGE DO TACHO NO CORREIO DE SEGUNDA. ELE ' CHUPOU ' TUA IDEIA TELEPATICAMENTE. CHARGISTAS SÃO ASSIM. ERA A CHARGE OBVIA.....

PRESO....
O R EPORTER QUE 'INVADIU' A SEC DA FAZENDA DO ESTADO ESTÁ SENDO PROCESSADO CRIMINALMENTE. ATÉ AI NADA DEMAIS.

ACONTECE QUE AGORA OU O SINDICATO ARRUMA GRANA , ELE NÃO TEM PRA PAGA. TÃO PASSANDO O CHAPÉU PARA ISTO.SENÃO PODE TOMAR UMA CANA.

NO SITE DO SIND TÁ DITO COMO COLABORAR.

NA MESA DO gambrinus

VALTER TODT E O EX PRES DO SINDICATO DA BORRACHA RELEMBRANDO OS TEMPOS DAS FESTAS DO BARRANCO SEMPRE FEITAS EM JANEIRO, QUANDO TODO MUNDO JÁ TINHA FESTEJADO.NA 6 PASSADA, NO GAMBRINUS.

 

CONVITE - DESTAQUES DO GAUCHÃO ACEG 2017

MUITYO SIMPATICO O CONVITE DA ACEG.

De: "ACEG Associação dos Cronistas Esportivos Gauchos"
Enviada: 2017/05/08 17:55:18

Estimados associados, segue abaixo o convite para a cerimônia dos Destaques do Gauchão ACEG 2017, que será realizada na quarta-feira, 10 de maio.
Vale reiterar a importância da presença de cada associado.

Associação dos Cronistas Esportivos Gaúchos - ACEG-RS

 

de sta maria

Enviada: 2017/05/07 20:44:05

Uma tarde de domingo no Socepe.

 

Esse texto está circulando no Facebook no mundo inteiro!~!

este blog tb é dos FORA TEMER KKKK(oc)

De: "Valdir dos Santos"
Enviada: 2017/05/07 20:30:59

Assunto: Discurso de formando da Universidade Federal da fronteira Sul - UFFS, de Santa Catarina. Acho que você iria gostar e quem sabe, publicar no seu blog. Esse texto está circulando no Facebook no mundo inteiro!~!

O universitário Fernando Lewer fez um discurso contundente contra Michel Temer, durante colação de grau de uma turma da Universidade Federal da Fronteira do Sul; o texto foi postado no Facebook de Lewe e viralizou, com milhares de curtidas e compartilhamentos; "Precisamos gritar Fora Temer para que se tenha mais negros e negras, mais indígenas, mais camponeses e camponesas, para que as Transexuais tenham a universidade como um espaço de possibilidade e respeito. Precisamos gritar Fora Temer para que a universidade do povo seja possível!", disse Lewer, no encerramento do discurso

4 DE MAIO DE 2017 ÀS 18:34 // 247 NO TELEGRAM Telegram // 247 NO YOUTUBE Youtube

247 - O universitário Fernando Lewer fez um discurso contundente contra Michel Temer, durante colação de grau de uma turma da Universidade Federal da Fronteira do Sul. O texto foi postado no Facebook de Lewe e viralizou, com milhares de curtidas e compartilhamentos.

Leia abaixo a íntegra:

Boa noite a todas e a todos!

Primeiramente é preciso dizer: FORA TEMER!
Por que dizer Fora Temer neste dia é tão importante? E por que, possivelmente, algumas pessoas se sentem incomodadas mesmo conhecendo o contexto histórico dos que hoje se formam?

Para entendermos a importância de gritarmos FORA TEMER hoje e sempre que tivermos a oportunidade, é preciso conhecermos a história de nosso país e de nossa América Latina em seu âmbito social, econômico, cultural e político abrangendo os contextos local, nacional e internacional de forma dinâmica, pois tudo isso resultou no dia de hoje.

Como todos e todas sabemos, já se passou meio milênio desde que nossos antepassados invadiram este território, saquearam e assassinaram populações inteiras, e o pior disso tudo é que essa ainda é a nossa realidade, porém maquiada. Mudaram-se apenas os métodos e os disfarces legais.

Povos esses considerados sem alma pelos soberanos cristãos. Considerados selvagens pelos ditos civilizados europeus, povos indígenas espalhados por toda a América, que de seus milhões restaram apenas alguns milhares sob proteção do Estado, vivem hoje em condição de miserabilidade e em contínua resistência e luta para poder viver e manter seus costumes.

Hoje eles não são mais vistos como selvagens. O cidadão de bem, trabalhador, branco, os reconhecem apenas como vagabundos sustentados pelo Estado. E não para por aí, vai mais além. O cidadão de bem, trabalhador, branco, do sul, que xenofobicamente diz sustentar o Brasil, ainda com a sua ignorância forjada pelas matérias da mídia burguesa golpista, diz que lugar de índio é no mato, preferencialmente na Amazônia, pelados, caçando, pescando.

Entretanto, se não bastasse assassinar os povos nativos, roubar suas terras, e, autoritariamente catequiza-los como única forma de permitir que vivessem reconhecidos como gentes, os invasores deste território tiveram a audácia de escravizar outros povos de outro continente em prol do enriquecimento de certos reis e imperadores.

Em prol do enriquecimento desses que se consideraram raças superiores, indígenas e negros tiveram suas vidas e suas liberdades roubadas, seus corpos corrompidos pelo trabalho escravo e por genitálias invasoras que geraram filhos bastardos, fruto de estupro, que a Globo sempre romantiza em suas novelas mostrando o branco apadrinhando.

O sistema escravocrata brasileiro ainda faz parte de nossa história recente. As feridas permanecem abertas e doem, muitas vezes sangram, especialmente nas favelas e periferias onde toda essa “pretaiada”, como pejorativamente são chamados aqui no sul, já sem serventia após abolição da escravatura, foram jogados para dar lugar a novos povos a serem explorados pelo sistema capitalista que se introduzia no Brasil.
E com isso temos um novo marco de exploração no país, através das populações famintas e sem terras de alguns países da Europa, como italianos, alemães, poloneses, e tantos outros povos miseráveis que chutados por suas nações migraram para cá em busca de melhores condições de vida, o que não nos permite compreender como seus descendentes, com exceções, é claro, conseguem tratar tão mal, e com tanto preconceito e racismo nossos irmãos haitianos e senegaleses que também encontraram aqui uma alternativa de vida melhor, mesmo que as condições de trabalho sejam muito precárias.

Ao final do século XIX e início do XX, quando as terras do RS não foram mais suficientes, famílias inteiras migraram para esta região onde a UFFS Chapecó se encontra. O governo concedeu estas terras a colonizadoras que a venderam como terras vazias, contratando outros bandidos para limpar essa região dos indígenas restantes. O governo nunca reconheceu as populações que aqui viviam. Taparam os olhos e financiaram o massacre de milhares de caboclos e indígenas para que esta região pudesse ser colonizada por “gente de bem” e “trabalhadora”.

Palco de uma das batalhas mais sangrentas de nossa história, a Guerra do Contestado condicionou famílias caboclas à miséria, ao mesmo tempo em que o governo trazia famílias pobres descentes de europeus para desenvolver a agricultura local, escravizando-as através dos processos de integração com as grandes agroindústrias que aqui se instalaram. Aos caboclos, remanescentes do massacre, refugiados e sem alternativa, restaram os piores trabalhos erguendo essas cidades, sem poderem usufruí-las.

A partir do processo de industrialização no Brasil as cidades cresceram e incharam a partir do alto êxodo rural, e hoje podemos medir o nível de desenvolvimento através do tamanho de suas favelas. O capitalismo brasileiro se fortaleceu e se consolidou. Direitos foram criados e monopolizados por elites, e as instituições militares sempre sendo utilizadas para defender a propriedade privada dos ricos.

Desde o Regime Militar, ditadura sangrenta que perseguiu e assassinou milhares de pessoas pelo Brasil e por toda a América Latina em favor dos interesses do capital, nosso país passou a ser vendido para multinacionais. Depois de séculos saqueando nossas riquezas, o que sobrou começou a ser vendido durante esse período. Os militares matavam o povo, e davam de comer à burguesia, o que não é diferente de hoje quando fazem limpeza étnica nos centros urbanos e favelas.

Com toda essa história nosso Brasil ficou conhecido como um país rico, pois todo nosso minério foi desenterrado e saqueado, nossas florestas, após derrubadas e queimadas, se tornaram férteis para grandes lavouras de monoculturas e criação de gado até se transformarem em grandes desertos. Formamos um povo brasileiro que nos orgulhamos em dizer que somos miscigenados, mas esquecemos a que preço isso foi possível. Nos esquecemos que a mistura não se deu simplesmente pelo amor como retratado nos cinemas, mas pelo senhor da Casa Grande estuprando suas escravas e mulheres indígenas.

Além disso, nossa história também escondeu por muito tempo outros grupos que foram marginalizados e massacrados e que continuam sendo ignoradas pela mídia burguesa golpista. Sabemos e vemos cotidianamente crianças sendo ensinadas pelos seus pais a serem homens ou mulheres de forma estereotipadas. A violência que isso gera é enorme e é sistêmica. Nossa cultura nos ensina e nos educa dentro de um modelo social que é machista, que é hétero, que é branco, cristão, urbano, que é intolerante com a diversidade, que é necessário para a manutenção do poder da elite golpista que governa nosso país.

Formamos um país que estabeleceu uma hierarquia racial, de gênero, social, regional. O resultado disso é a violência doméstica praticada contra mulheres, a desigualdade salarial e de jornada de trabalho estendida para o lar que as mulheres são submetidas. O alto índice de assassinatos de homossexuais, travestis e transexuais no Brasil motivados por discursos de ódio disseminados pela mídia burguesa golpista. O trabalho infantil motivado pela desigualdade social alarmante de nosso país como uma necessidade sobrevivência das famílias. Pessoas deficientes que não conseguem acessar espaços públicos e postos de trabalho por serem sempre esquecidas e terem sua cidadania negligenciada.

Mesmo com a redemocratização do país, com a criação da constituição federal de 1988 reconhecida como a mais progressista do mundo, não foi suficiente para garantir que o povo fosse prioridade do Estado, quando o povo começou a ser parte da agenda política, ter comida na mesa, emprego e acessar as universidades, presenciamos no ano de 2016 um golpe parlamentar orquestrado por elites corruptas que derrubaram uma presidenta eleita democraticamente, mostrando que para eles o lugar do negro é na senzala, do indígena é a sete palmos abaixo da terra, do camponês é perca de suas terras, dos LGBTS é a insegurança nas ruas e em seus lares, dos trabalhadores em geral é salário mínimo, mínimo, sem aposentadoria, enfim, que o lugar do povo é na base da pirâmide, sem direitos, vivendo e morrendo produzindo riqueza para a elite burguesa de nosso país.

No entanto, a mídia burguesa golpista insiste em nos mostrar que somos brasileiros e que não devemos nunca desistir, mostrando exceções como se fossem regras, insinuando que só não trabalha quem não quer, só quem não estuda é quem não quer, só não vence na vida quem não quer. Se esse for o caso, então mais de 90% dos brasileiros não fazem parte da elite burguesa por não se esforçarem o bastante, por não serem boas o bastante.

É muito comum em um discurso de formatura o orador relembrar com louvor todas as dificuldades individuais que o grupo de formandos compartilhou durante sua graduação. É comum transformar este dia em um momento de reconhecimento de todo o sofrimento individual que os formandos passaram para concluir sua graduação, fortalecendo a ideia de que tudo é possível desde que se tenha força de vontade. Isso é meritocracia. E sinto dizer, mas ela não é real.

A meritocracia não passa de uma ferramenta de manutenção da pobreza através da falsa ilusão de que todos temos direitos iguais, e, portanto, que o fracasso e o sucesso são da responsabilidade de cada um, isentando o Estado de garantir as condições necessárias para seu povo ter emprego, ter acesso à saúde, ao lazer, a educação. A meritocracia tanto não é real que durante todos esses mais de 500 anos tivemos diferentes frentes populares lutando contra o sistema para garantir dignidade à vida de seus povos.

Portanto, para compreendermos a dimensão do que este ato solene representa, precisamos primeiro ter claro que todos e todas nós, que hoje concluímos nossa graduação, não fomos de forma alguma privilegiados, pois o acesso ao ensino superior sempre foi um privilégio exclusivo das elites e da burguesia de nosso país. Para que nós pudéssemos entrar em uma universidade foi necessária muita luta.

Todos precisamos compreender que para nós “o hoje” é resultado de um longo processo histórico de luta de diversos movimentos e organizações sociais populares que reivindicaram esta universidade, e que essa fosse pública, popular e de qualidade. E que atendesse prioritariamente as populações que tiveram esse direito negado.

Assim, através de enfrentamento e lutas de diferentes frentes populares, a partir dos mais variados grupos identitários, sendo trabalhadores e trabalhadoras do campo e da cidade, negros e negras, indígenas, mulheres, LGBTQs, podemos finalmente desfrutar de uma pequena parte das vagas em universidades públicas deste país.

A UFFS foi conquistada e construída com muito suor dessas pessoas. Ela nasceu a partir das políticas do REUNI que visavam a interiorização das universidades no Brasil para regiões desassistidas por esse serviço. Porém, nossa UFFS foi a primeira universidade do país a ser conquistada pela mobilização popular.

Portanto, nós agradecemos. Agradecemos por terem dado a oportunidade de sermos, em nossa maioria, a primeira pessoa de nossas famílias a chegar ao ensino superior e concluí-lo, rompendo um ciclo histórico de baixa escolaridade e de pobreza.

Vocês, lutadores e lutadoras, nos deram a oportunidade de mostrar à sociedade que o filho e filha do agricultor e da agricultora, da faxineira, do pedreiro, da vendedora e do vendedor, que os filhos e filhas de qualquer família de trabalhadores que sustentam este país também podem fazer pesquisa, também podem fazer extensão, que também podem aprender e ensinar.

A nós, formandos e formandas, cabe o mérito acadêmico, de dedicação e fazer justiça aos objetivos sob os quais essa universidade foi criada. Pois entendemos que nosso mérito acadêmico jamais seria possível sem oportunidade e sem condições materiais para que pudéssemos estudar.
Nosso mérito acadêmico não seria possível sem as políticas de permanência.

Nosso mérito acadêmico não seria possível sem bolsas de iniciação científica que nos qualificaram através dos desafios e superação.
Nosso mérito acadêmico não seria possível sem as bolsas de extensão que nos permitiram levar os conhecimentos produzidos pela UFFS onde ela deveria estar, no meio do povo, para junto somar e compreender as demandas reais da sociedade.

Por fim, nosso mérito acadêmico não seria possível sem a política de acesso por meio do Enem com fator escola pública, marco histórico para o ensino superior público brasileiro que garantiu a possibilidade de ingresso da classe trabalhadora e empobrecida para dentro da UFFS.
Parabéns a nós, formandos e formandas, que somos uma das primeiras gerações da classe trabalhadora a ingressar no ensino superior. Com certeza não foi fácil, já que a universidade nunca foi feita para nós, tivemos que lutar por ela nos tornando parte de um movimento que vai na contramão da história.

Mas para garantirmos que não seremos os primeiros e os últimos, e que mais gente do nosso povo acesse o ensino superior e conclua, precisamos gritar continuamente Fora Temer! Precisamos gritar Fora Temer para que se tenha mais negros e negras, mais indígenas, mais camponeses e camponesas, para que as Transexuais tenham a universidade como um espaço de possibilidade e respeito. Precisamos gritar Fora Temer para que a universidade do povo seja possível!

Parabéns para nós, formandos e formandas da classe trabalhadora, hoje graduados e graduadas!

 

Octogenários

EU TO VEIO, MAS A NUBIA TÁ ACABA..PQP.....(OLIDES) O IBSEN QUE TEM MAIS DE 80 PARECE MAIS NOVO QUE ELA.

Enviada: 2017/05/08 19:13:37

Tu teclamou q a ZH ñ deu nada do encontro dos octogenários. Mas deu, sim:

http://m.zerohora.com.br/284/noticias/9767686/jornalistas-das-antigas-se-reunem-em-almoco-de-forte-carga-emotiva

Descobri hoje pelo feice do E. Bortolon

 

SÃO VÍTOR

Interrogado pelo próprio imperador Maximiano, se negou a abandonar a fé e m Cristo. Foi severamente flagelado, mas manteve-se firme. Levado de volta ao cárcere, teve as feridas cobertas por chumbo derretido, mas saiu ileso do pavoroso castigo. Foi decapitado em 8 de maio de 303.

Vítor, o Mouro, era africano natural da Mauritânia. Cristão desde criança, quando adulto ingressou no exército do imperador Maximiano. Quando este desejou sufocar uma rebelião na Gália, atual França, recrutou, então, um grande contingente de homens do Oriente e do norte da África.

O destacamento em que veio Vítor se estabeleceu em Milão, na Itália. Entretanto o imperador exigia que todos os soldados, antes de irem para a batalha, oferecessem sacrifícios aos deuses pagãos do Império. Os que se recusavam eram condenados à morte.

Pois Vítor se recusou, mantendo e reafirmando sua fé cristã a cada ordem recebida nesse sentido. Ele foi levado ao tribunal e interrogado. Confessou novamente sua doutrina, entretanto, renovando sua lealdade ao imperador, quanto às ordens militares. O soldado Vítor, mesmo assim, foi encarcerado, permanecendo por seis dias sem comida ou água.

Essa cadeia onde ficou, ao lado da Porta Romana, até hoje é tristemente conhecida como o cárcere de São Vítor. Findo esse prazo, Vítor foi arrastado pelas ruas da cidade até o hipódromo do Circo, situado junto à atual Porta Ticinense, onde, interrogado novamente pelo próprio imperador, se negou a abandonar sua religião. Foi severamente flagelado, mas manteve-se firme. Levado de volta ao cárcere, teve as feridas cobertas por chumbo derretido, mas o soldado africano saiu ileso do pavoroso castigo.

Rapidamente Vítor se recuperou e, na primeira oportunidade, fugiu da cadeia, refugiando-se numa estrebaria junto a um teatro, onde hoje se encontra a Porta Vercelina. Acabou descoberto, levado a uma floresta próxima e decapitado. Era o dia 8 de maio de 303.

Conta a tradição milanesa que seu corpo permaneceu sem sepultura por uma semana, quando o bispo são Materno o encontrou intacto e vigiado por duas feras. Ali mesmo foi construída uma imensa igreja, a ele dedicada. Aliás, não é a única. Há, em Milão, várias outras igrejas e monumentos erguidos em sua homenagem, mas o mais significativo, sem dúvida, é o seu cárcere.

Vítor é um dos santos mais amados e venerados pelos habitantes de Milão. Tendo sido martirizado naquela cidade, sua prisão e seu martírio permanecem vivos na memória do povo, que sabe contar até hoje, detalhadamente, seu sofrimento, apontando com precisão os locais onde as tristes e sangrentas cenas aconteceram no início do século IV.

O culto ao mártir são Vítor, o Mouro, se espalhou pelo mundo católico do Ocidente e do Oriente, sendo invocado como o padroeiro dos prisioneiros e exilados.

REFLEXÃO: Convido você para que hoje pensemos em todos os homens e mulheres que são prisioneiros e estão encarcerados. Sabemos que nosso sistema penitenciário não possibilita a recuperação de ninguém. Ao contrário, é uma escola de crime. Também rezamos pelos agentes penitenciários, desde policiais até os carcereiros, para que aprendam a cuidar da vida humana independente da situação em que ela se encontra. Todos, algozes e criminosos, merecem ser embebidos pela justiça e dignidade de filhos de Deus.

ORAÇÃO: São Vítor, quanto sofrestes para testemunhar vossa fé em Cristo! Peço-vos, após louvar vossas virtudes tão preciosas, que intercedais junto a Deus para que haja uma grande mudança em nossos sistemas penitenciários. Que a ociosidade seja completamente extinta. Concede a graça da conversão aos delegados e policiais, para que aprendam a adquirir uma escala de valores realmente cristã, e que a criminalidade seja substituída pela paz. Assim seja!

São Vítor, rogai por nós!

 

Aos estados o que é dos estados


A situação dos estados brasileiros chegou a tamanha insustentabilidade financeira, em primeiro lugar, por problemas de gestão. Essa culpa não pode ser terceirizada. Enquanto algumas gestões agiram com responsabilidade fiscal, outras tantas, independente da vertente partidária, descuidaram do equilíbrio das contas, aumentaram os gastos sem receitas correspondentes e permitiram o descontrole gerencial da administração. O mesmo vale para os parlamentos. Isso é da política: quando a demagogia e o populismo falam mais alto, pode até ocorrer uma vitória momentânea e circunstancial de um grupo, mas o povo – no sentido mais amplo da palavra – sai perdendo, mesmo que nem perceba de imediato. Muitos estados, portanto, desarrumaram a própria casa.

Há fatores, porém, que influenciaram decisivamente no agravamento da crise sem que tenham sido causados ou sequer agravados pelos governos estaduais. Cito os dois exemplos mais graves, que decorrem das contradições do federalismo brasileiro: a falta de regulamentação dos ressarcimentos previstos na Lei Kandir, aprovada em 1996, e falta de atualização dos indicadores da renegociação da dívida, assinada em 1998.

A chamada Lei Kandir foi criada para estimular as exportações por meio da desoneração. A ideia, em si, é meritória – tanto que, de fato, fez melhorar a balança comercial brasileira. Mas, conforme a previsão inicial, os estados seriam ressarcidos em 50% das receitas que perderiam. Só que isso acabou não acontecendo. A ausência de uma normativa regulamentadora desse ressarcimento fez com que a União passasse a dispor sozinha sobre o assunto, deixando as unidades da Federação sem alternativa. O resultado é que estados exportadores foram punidos em virtude dessa vocação que possuem, quando o certo seria exatamente o contrário.

Há cálculos em diversas dimensões dando conta da perda de receitas por falta de regulamentação da Lei Kandir. Mas peguemos o exemplo do Rio Grande do Sul: segundo a Secretaria da Fazenda, o estado já acumulou perdas aproximadas a R$ 50 bilhões. Esse número é de tal importância que, se houvesse regressado aos cofres gaúchos, seria suficiente para deixar as contas locais em situação de estabilidade.

Os estados entraram na Justiça a respeito desse tema e, recentemente, em novembro do ano passado, o STF (Supremo Tribunal Federal) deu um ano para que a União estabeleça um mecanismo de compensação das perdas. Caso contrário, o próprio Judiciário irá arbitrar o valor e o modo de devolução. É difícil que se consiga reaver o passado, embora haja ações em julgamento nesse sentido. Importante é que a mobilização em torno do tema cresceu muito, e a União, seja por pressão política ou por decisão judicial, terá que pontuar essa grande lacuna – ou rombo – aberta na gestão dos estados.

A renegociação das dívidas estaduais tem um viés diferente, mas que também acabou invertendo o sentido em proteção da União. A repactuação firmada em 98 foi positiva para os estados endividados, pois permitiu que todos tivessem um fôlego financeiro, com possibilidade de replanejar o fluxo e os gastos. Os contratos previam prazo de pagamento de 30 anos, juros que variavam de 6% a 9% anuais e a atualização monetária calculada mensalmente com base no IGP-DI. As condições, para a época, eram boas.

Mas a realidade macroeconômica foi mudando, e o índice então utilizado passou a ser claramente desvantajoso – tanto que deixou de ser parâmetro até mesmo para o mercado privado. Se, por exemplo, o BNDES emprestasse para uma empresa, cobraria juros em patamar menor ao exigido pela União no contrato de federalização. Isso evoluiu apenas há pouco tempo, em 2015, quando o índice foi substituído pelo IPCA mais 4% ao ano, além do surgimento de um tempo de carência. Todavia, essa demora na regularização deixou um lastro de problemas para os estados.

Os dois projetos eram bons para o país e para a própria população, pois previam o estímulo da economia. Fui relator de ambos como deputado federal. Entretanto, foram desvirtuados ao longo do tempo. E servem para mostrar o centro do problema do pacto federativo: definir as atribuições e as respectivas fontes de financiamento de cada ente federado. Isto é, quem executa qual função e de onde vem o dinheiro para pagar. Dar a César o que é de César, como diz a Bíblia. Ou, nesse caso, dar aos estados o que é dos estados.

É por não ter clareza a respeito dessa questão que a carga tributária brasileira exorbita a capacidade de pagamento do setor produtivo e da sociedade. Os estados não devem desistir de buscar os valores relativos à Lei Kandir, ao mesmo tempo em que repactuam suas dívidas federalizadas e negociam um regime de recuperação fiscal. São movimentos paralelos, todos na mesma direção: por meio do reequilíbrio financeiro dos estados, ajudar a reequilibrar também o país.

Germano Rigotto é ex-governador do Rio Grande Sul, presidente do Instituto Reformar de Estudos Políticos e Tributários e membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República.

 

do Terra

Reino Unido procura foragida "mais bonita do país"


Katie Curtis está foragida por não ter comparecido a tribunal

Uma adolescente que está sendo procurada pela polícia do Reino Unido está chamando atenção nas redes sociais por ser, segundo milhares de usuários, a foragida "mais bonita do país". Katie Curtis, de 18 anos, teve sua foto divulgada na última sexta-feira (5) pela Hertforshire Contabulary, da cidade de Welwyn Garden City, na lista de "mais procurados" por ter faltado a uma audiência no início do mês passado por suspeita de posse de drogas.

A mulher não compareceu ao tribunal Stevenage Magistrates no dia 6 de março deste ano e, por isso, a polícia britânica emitiu um mandato de prisão contra ela. Oficiais acreditam que Curtis possa ter ligações com Londres e com cidades na Escócia.

Em pouco tempo, a foto da jovem na cadeia, que aparece com uma feição séria, com os cabelos lisos e castanhos presos e sua pele clara e olhos verdes, começou a render vários comentários, que falavam da inacreditável beleza da adolescente, de como ela não parecia ser uma traficante de drogas e de como alguém tão jovem e belo poderia estragar sua vida fugindo da polícia.

A imagem também foi comparada com a foto do norte-americano Jeremy Meeks quando foi preso em 2014 também por posse de drogas. O ex-condenado, com olhos verdes e várias tatuagens, ficou conhecido como o homem mais sexy a ser condenado à prisão e conseguiu aproveitar da fama, se tornando modelo logo após deixar a cadeia.


8 de maio de 2017

EXCLUSIVO

SANTANA X rbs

O CONTRATO DE FPSANTANA COM A RBS ESTÁ EXPIRANDO....A MULHER DELE JÁ PROCUROU UMESCRITÓRIO DE ADVOGACIA PARA ALGUMA COISA REFERENTE AO ASSUNTO.

HÁ QUEM ACHE QUE ELE SERÁ MANTIDO NA FOLHA ENQUANTO VIVO PORQUE A RBS ' DEVERIA' MUITO A ELE....

MAS SABE-SE QUE AS COISAS SÃO ASSIM...AMIGOS,AMIGOS, NEGÓCIOS A PARTE...(oc)

A RADIO CORREDOR INFORMA QUE O SEU CONTRATO COM A EMPRESA ESTARIA EXPIRANDO. E QUE SUA ESPOSA JÁ PROCUROU UM ESCRITORIO DE ADVOGACIA PRA VER COMO SERÁ....
DE QUALQUER MODO, HÁ QUEM APOSTE QUE A EMPRESA VAI CONTINUAR COM ELE EM SEU BORDERO.

SANTANA ESTARIA INTERNADO NUMA CASA DE SAUDE...

DIZ A RADIO CORREDOR QUE O SANTANA GANHARIA PELO SEU ATUAL CONTRATO CERCA DE 60 MIL MENSAIS. MAS ISTO É ARADIO CORREDOR QUE DIZ.

 

TV

CACO RABUDO....

FLA X UNIV CAT DEU UM GRANDE IBOPE NA GLOBO.38% E 55% DEPARTICIPAÇÃO NO RJ.

MAIOR IBOPE DESDE 2013 AS 4...

DEPOIS ENTROU O PROFISSÃO REPORTER DO C BARCELLOS. QUE SURFOU NA ONDA.

DEU 22PONTOS E 44% DE PARTICIPAÇÃO. RECORDE DESTE ANO E MAIOR INDICE DESDE AGOSTO DE 2009.

 

OTTO BEDE

PRODUTOR DO AGORA NA GUAIBA TRABALHA NUM ESCRITORIO DE ADVOGACIA LIGADO A UM VEREADOR DA CAPITAL....

*

E DAI....ELE NÃO PRECISA GANHAR UNS PILAS.A COME EM CASA....E QUE AS PATRULHAS FICAM ENCIMA.MASW TB ELE SE DIZ DO PSTU, O QUE QUER DEPOIS....MAS É MEU PARCEIRÃO.

 

EXPOSIÇÃO DE GASPAROTTO VAI ATÉ DIA 28 DE MAIO

AINDA HÁ TEMPO. A EXPOSIÇÃO DO COLUNSITA TÁ NO SANTANDER. DE PRIMEIRO MUNDO.

 

CARLOS CHAGAS.

P - HÁ QUEM DIga QUE O PRImeiro secretário de Imprensa ,de fato, seria ODYLO COSTA,filho.Na época de Getulio Vargas, a estrutura era outra.No Estado nOVO, HOUVE O DEPTO DE IMPRENSA E propaganda, o DIP. mas, mesmo no governo demodrático de VARGAS a logica na relação com a imprensa era diferente, não?

R- EXATO. O GETULIO VARGAS, NA DITADURA, NEM SE FALA.o DIP CUIDAVA DE TUDo. e seu diretor foi o LOURIVAL FONTES durante muito tempo. Mas o Getúlio, presidente constitucional, não teve nenhum assessor específico para cuidar da imprensa. Geralmente, aqueles presidentes , como Getúlio, o Juscelino,eram seus próprios assessores de imprensa. Quando queriam falar, diziam: ' me mande chamar o pessoal'.
O pessoal estava na sala de imprensa ,subia. Então, com Juscelino vem o José Moraes, primeiro, que morre, depois o AUTRAN DOURADO, dividindo tarefas com o Murilo Melo Filho, informalmente porque o Murilo era da MANCHETE - veio para BRASILIA COM A MANCHETE.

E veio para Brasília também o DANTON JOBIM. a situação foi sendo LEVADA ASSIM."

 

classico 171

o filme que no capitolio chamavam como sendo do PERON, nãoe ra. era do escritor. feito pelo filho do escritor. o CLASSICO 171 DE PORTENHO....E MUITA GENTE FOI PENSANDO QUE ERA SOBRE O PERON, QUANDO NÃO ERA.

A MIDIA DEU COMO SE FOSSE PERON

 

SALA REDENÇÃO

PONTO DE ENCONTRO DE 'VEINHOS' DO CINEMA


EGAR HELDQEIN, PROJETISTA DA SALINHA REDENÇÃO.FOTO OLIDES CANTON

Idealizada há 30 anos - fez niver dia 22 de abril - a sala redenção, ou o ' cineminha', como pode ser chamado, é o ponto de encontro de uma turma de aposentados que gostam de pegar um ' cineminha' no meio da tarde que vai de seg a sex...

As 19 hs, a sessão é mais pros estudantes mesmo, que ' veinho' nesta hora já está no conforto do lar.

Frequento a sala há alguns anos. Vi muitas amostras interessantes,todas dignas de menção...
De minha parte destaco a eficiência e gentileza do EDGAR HELDWEIN, funcionário da URGS há 7 anos e desde este tempo ele é o projetista e o cuidador da salinha ' nossa' de todas as tardes...

Mesmo com algumas intempéries, Edgar sempre contornou a situção. Teve dias em que a salinha andou interditada por causa de temporal, mas depois tudo voltou a funcionar.

E o importante é que funciona ali o horário, coisa difícil de ser respeitado no Brasil. No horário do filme, ele tá começando.

HISTORICO

Inaugurada em 22.04.1987 no prédio da antiga Biblioteca Central da UFRGS, a salinha do cinema tem 203 lugares.Originou-se do projeto UNIFILME que fez sucesso nos anos 80, quando os filmes passavam na Reitoria.

Além de estudantes, as pesquisas informais da UFRGS mostram que moradores do bairro Bom Fim frequentam a salinha. Alguns moradores do centro também a acessam, devido à facilidade de condução.Pelo campus da UFRGS, onde ela se localiza, passam varias linhas de ônibus.

TANIA CARDOSO DE CARDOSO é desde 2009 a responsável pelo espaço.Ela é do Depto de de Difusão Cultural.

Ela anunciou dias atrás as atrações dos 30 anos.

- Documentários históricos de SILVIO TENDLER,filmes africanos dirigidos por mulheres,uma homenagem a JERRY LEWIS e um ciclo de longas e curtas de produção recente.(olides canton)

 

ADELI

ESTA PREPARANDO UM LIVRO COM DEPOIMENTOS SOBRE GENTE QUE VEIO DE FORA, COMO ELE, E MORA EM PORTO. EU MESMO DEI UM BOM DEPOIMENTO PRA ELE. UM DEPOIMENTO JHORNALISTICO DO QU EERA PORTO ALEGRE NOS ANOS 60,70. SE A EDITORA SOUBER APROVEITAR,TEM BOM MATERIAL. MAS AS X NÃO ADIANTA INSISITIR QU E OVELHA NÃO É PRA MATO.

PORTO ALEGRE NÃO VENDE VOLTA DE CAXIAS

CAXIAS DO SUL É UMA DAS CIDADES QUE NÃO SE PODE COMPRAR A VOLTA.QUANDO SE COMPRA UMA IDA DA CAPITAL.
ENGRAÇADO PQ O DONO DA RODOVIÁRIA DE LÁ SE MOSTROU MUITO ENTUSIASMADO COM ESTA POSSIBILIDADE QUANDO O ENTREVISTEI ALGUNS ANOS ATRÁS.

HA CIDADES QUE VC COMPRA A IDA E JÁ COMPRA AKI MESMO A VOLTA.

 

Inter

estou xegando de cazias. tava um lindo dia. fikei pelo centro até a hora do jogo. xeguei cedo no campo, a VELHA BAIXADA DO FLAMENGO DE ONDE VEIO O FLECHA PRO GREMIO. OS DO DOEMU TEMPO SABEM DO QAUE FALO.
DO MEU LADO TINHA UM SR. QUE SABIA TUDO. ELE QUERIA OUVIR O JOGO E EU PERGUNTANDO TUDO PRA ELE. ACABEI ENXUGANDO O HOMI. UMA X FIZ NUMA FINAL DE UMA LIBERTADORES NA BOMBONERA O CARA ERA DA PATAGONIA.FIKEI PERGUNTANDO AS MALVINAS PRO SUJEITO.

OIBRE COLORADO SOFREU HJ NA BAIXADA ONDE TANTO GANHOU.....DIGO BAIXADA, NÃO CENTENÁRIO. É BAIXADA O NOME DO ESTÁDIO DEPOIS FOI XIQUINHO STEDILE, MAS ONOME ORIGINAL ERA BAIXADA E ALI NASCEU UM POLTIICO COMO CHEFE DE TORCIDAS ORGANIZADAS, O SER. RIGOTTO. ELE COMANDAVA TORCIDA DO FLAMENTO DEPOIS SER CAXIAS. ALI FEZ O NOME O SUJEITO QUE VIROU GOVERNADOR.

 

de sp

do restaurante MATE AMARGO NA DOM PEDRO II SO SOBRAM ESCOMBROS E MEMORIAS. ALI MEUS IRMÃOS COMEÇARAM A VIDA COMO DONOS DE COMERCIO DE BEIRA DE ESTRADA.FOI NESTE LOCAL QUE NO TEMPO DO FH HOUVE UMA GREVE E OS MOTORAS FICARAM AQUARTELADOS DENTRO DO RESTAURANTE 4,5 DIAS. DEPOIS FORAM EMBORA COM MEDO DA POLICIA MILITAR QUE NO CACETETE ACABOU COM AGREVE. O COVAS DESCEU DE HELICOPTERO ALI E DEU O RECADO OU SE MANDAM OU VEM O PORRETE. O PADILHA ERA MIN DOS TRANSPORTES.

 

Cyborg

por laurinho, que agora tá fazendo escola. outro leitor quer que eu o chame tb de laurinho. criou escola kkkk(OC)

'CYBORG OU GUILHERME ARRUDA MOROU UM TEMPO EM CAXIAS E UM BOM TEMPO. NÃO SEI SE ERA PELA GAZETA, OU ALGO ASSIM...UM DIA DESTES TIRO A LIMPO ISTO.

Enviada: 2017/05/05 20:58:10

O "Cyborg" foi cria do Elton Jaeger. Substituia o Elton qdo este viajava. Qdo a CJCJ quebrou, os dois deixaram a FT e foram para o JC. Estavam muito bem lá. Mas, a folhas tantas, o "Cyborg" resolveu sair do JC (para perplexidade geral) e foi para aquele jornal de curta vida do H. Gama. No lugar dele, no JC, entrou Claudinha, que, pelo q alguém me disse, casou com o Iotti. Era muito bonita e esforçada a Claudinha. Se tinha uma prova de F1 no "u" da madrugada, ela ia para redação, assistia a corrida e deixava a matéria pronta para o Elton baixar qdo chegasse no outro dia.

 

Da caminhada vespertina

RONDA DA CITI....(oc)

Enviada: 2017/05/05 20:27:12



Farmácia onde funcionou por anos a Companhia do Sanduíche, q chegou a ser "point" nos seus áureos tempos.
Em tempo: a crise está fechando muitos pontos comercial. Mas logo reabre outra coisa no mesmo local. Explicação: escassa oferta de imóveis em PoA. Então, qdo fecha um, já tem outro para ocupar.

 

onibus na citi

de um leitor observador.

Enviada: 2017/05/06 09:34:31

Bem, eles ñ andam de ônibus, né? Ônibus é coisa de pobre.
Por falar nisso, peguei um ônibus ontem, no fim de tarde, no corredor em frente ao Beira Rio, e me surpreendi: ônibus bom, novo e limpo e carregando um povo diferente: pessoal que sai do serviço naquelas empresas dali por perto e volta para casa. Gente bem arrumadinha, umas gurias muito bonitas com suas roupinhas tipo Renner etc e tal... Parecia 1° mundo. Nem em Paris tem um povo assim tão arrumadinho no metrô e no ônibus.

 

dos leitores

sta maria

De: "naira sanes"
Enviada: 2017/05/07 20:45:12

 

Censura volta com os golpistas

BEMOBSERVADO REKERN, MAS ACHO QUE É PQ TEVE GREVE NA 6. AI JÁ TIVERAM ONIBUS DE GRAÇA, DIGO PAGARAM LOTAÇÃO.

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/04 21:22:36

E o Marchezan, não deu ônibus de graça no 1º de maio. Começou mal a garoto.

 

Duas coisinhas sobre a final do Gauchão

NAO AMOLA REKERN, TOU XEGANDO DE LÁ AGORA.. MEU DEU NOSTALGIA DAQUELE GRENAL QUE NOS TOMAMOS 4 KKKKLEMBRAS\////

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/07 19:57:45

Duas coisinhas sobre a final do Gauchão

1ª O título do Inter literalmente bateu na trave.
2ª Jogaram o NOVO Hamburgo e o VELHO Inter.

 

Atores da Globo contra Temer e contra a Globo

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/04 21:30:22

Atores da Globo contra Temer e contra a Globo

 

kk

A SOLIDÃO DO CAPINCHO FEZ DELE UM POETA. SEMPRE CONFIEI NESTE GURI. UM DIA AINDA SERÁ FAMOSO. OU JÁ É PELO MENOS OS LEITYORES DESTE BLOG PERGUNTAM POR ELE, ONDE ANDA....DIZ ELE QUE EU SO O QUEIMO. ESTE BLOG NÃO É PRA ELOGIO. QUEM QUER ELOGIO QUE LEIA A COLETIVA ...É UM FAVOR QUE ME FAZEM. QUE POR SINAL DEPOIS QUE FOI VENDIDA JORNALISTICAMENTE MELHOROU MUITO. EU ATÉ A LEIO JUNTO COM O IMPRENSA LIVRE, E O POLIBIO. ALIAS SÃO OS 3 UNICOS BLOGS DAKI QUE LEIO.(OLIDES)

De: "Letier Vivian"
Enviada: 2017/05/05 20:53:12

A Santo Angelo um aviso
Eu sou índio da fronteira
Agarro toro pelo chifre
E arranco dente de cruzeira

Esta cidade só tem gringa
Acho lindo barbaridade
Se pego uma rapariga
Me apaixono de verdade

Eu era vizinho da Argentina
Povo brabo mas sem zoera
Agora moro na pensão Cantina
Só tem gente mui buena

 

concerto

21 maio/anneschneider.ricardoarenhaldt e serrotistas

imperdivel.

 

Papagaio

 

PROGRAMAÇÃO DE 4 A 10 DE MAIO DE 2017

SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES

SALA 1 / PAULO AMORIM

15h30 – O FILHO DE JOSEPH
(Le Fils de Joseph - França, 2016, 110min). Direção de Eugène Green, com Victor Efenzis, Mathieu Amalric, Maria de Medeiros. Supo Mungam Filmes, 12 anos. Comédia dramática.

Sinopse: Vincent é um adolescente que vive com a mãe em Paris e tem um cotidiano típico de qualquer jovem da sua idade. Tudo muda quando ele resolve conhecer seu pai - que a mãe diz que não existe -, o que o leva ao encontro de um editor famoso e muito cínico. Neste universo, Vincent acaba se aproximando de um tio, bem mais afável. Tudo é muito rico e detalhista no cinema de Eugène Green, que, neste filme, faz uma sátira de cânones das artes e dos textos sagrados.

17h30 – IMPREVISTOS DE UMA NOITE EM PARIS
(Ouvert la Nuit - França, 100min, 2016). Direção de Édouard Baer, com Édouard Baer, Audrey Tautou, Sabrina Ouazani. Imovision Filmes, 16 anos. Comédia dramática.

Sinopse: Às vésperas da estreia de uma montagem da peça “A Mulher e o Macaco”, no Teatro da Estrela, em Paris, o produtor Luigi se vê no pior dos mundos. Ele tem apenas um dia para resolver vários problemas, como conseguir dinheiro para pagar o elenco, reconquistar patrocinadores e encontrar um macaco de verdade para colocar em cena.

19h30 – INSUBSTITUÍVEL
(Médecin de Campagne - França, 2017, 100min). Direção de Thomas Lilti, com François Cluzet e Marianne Denicourt. CineArt Filmes, 12 anos. Drama.

Sinopse: Jean-Pierre é um médico dedicado que trabalha há anos numa região do interior da França. A comunidade acredita que ele é insubstituível e o médico se sente bem com o respeito das pessoas. Mas esta relação começa a mudar com chegada de Natalie, uma jovem recém-formada que vem de Paris para tentar ajudar o médico veterano.

PROGRAMAÇÃO DE 4 A 10 DE MAIO DE 2017

SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES

SALA 2/ EDUARDO HIRTZ

15h e 19h15 – CENTRAL – O FILME
(Brasil, 90min, 2017). Documentário de Tatiana Sager. 14 anos.

Sinopse: Baseado no livro "Falange Gaúcha", do jornalista Renato Dornelles, o filme mostra a realidade do Presídio Central de Porto Alegre, que já foi considerado o pior cárcere do Brasil. A partir de depoimentos de policiais, representantes do judiciário, de presos e seus familiares, o filme mostra uma realidade que passa por galerias superlotadas, o controle das facções (inclusive financeiro) e as decisões governamentais para evitar tragédias.

16h45 – A CRIADA
(Agassi - Coréia do Sul, 2016, 140min). Direção de Park Chan-Wook, com Kim Min-Hee, Kim Tae-Ri e Ha Jung-Woo. Mares Filmes, 18 anos. Drama e suspense.

Sinopse: Durante a ocupação japonesa na Coréia do Sul, na década de 1930, a jovem orfã Hideko vive sob a proteção de um tio autoritário. Ela está prestes a herdar uma grande fortuna, o que atrai a cobiça de dois vigaristas: Sookee, que vai trabalhar na casa como empregada, e Fujiwara, um conde fajuto que tenta seduzir a orfã rica. Este jogo de intrigas tem vários pontos de vista e é temperado por história s eróticas, um dos passatempos preferidos do tio da protagonista.

PROGRAMAÇÃO DE 4 A 10 DE MAIO DE 2017

SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES
SALA 3 / NORBERTO LUBISCO

15h – ERA O HOTEL CAMBRIDGE
(Brasil, 2017, 100min). Direção de Eliane Caffé, com José Dumont, Suely Franco. Vitrine filmes, 12 anos. Drama.

Sinopse: O filme mistura ficção e documentário para mostrar o cotidiano dos moradores do Hotel Cambridge, um hotel tradicional em São Paulo e que foi fechado em 2011. Desde então, vem sendo ocupado por pessoas sem-teto, incluindo muitos refugiados.

17h – OS BELOS DIAS DE ARANJUEZ
(Les Beaux Jours d'Aranjuez - França/Alemanha, 100min, 2017). Direção de Wim Wenders, com Reda Kateb, Sophie Semin, Jens Harzer. Imovision, 14 anos. Drama.

Sinopse: Baseado na peça teatral do mesmo nome, de autoria de Peter Hanke, o longa acompanha o encontro entre um casal que conversa sobre temas diversos, das lembranças de infância às viagens, do sexo à filosofia. Tudo vai se transformando em livro, conforme a imaginação do autor que trabalha na casa ao lado.

19h – EDMUNDO (ESTREIA)
(Brasil, 72min, 2015). Documentário de Luiz Alberto Cassol. Livre.

Sinopse: O filme aborda a vida e a obra do dramaturgo santa-mariense Edmundo Cardoso (1917 - 2002), criador da Escola de Teatro Leopoldo Fróes. Ele também foi produtor cultural e fundador do Clube de Cinema de Santa Maria, com uma trajetória que se confunde com a história de uma das principais cidades do Rio Grande do Sul.

 

da Folha popular de Teutônia

 

Secretário de Obras cumpre agenda no interior do Estado

O secretário estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Fabiano Pereira, cumpriu na sexta-feira, 5, a sua primeira agenda institucional de visitas desde que assumiu a pasta de obras.

A visita faz parte de uma ação de descentralização da secretaria, acompanhando as ações que estão sendo desenvolvidas e conversando com as lideranças municipais.

O primeiro município a receber a visita do secretário foi Santa Maria, localizado na região central do estado. No período da manhã Fabiano Pereira esteve reunido com o prefeito municipal, Jorge Pozzobom e o vice-prefeito, Sérgio Cechim.

Na oportunidade foram abordados os temas de habitação, saneamento básico, obras de infraestrutura, regularização fundiária e políticas de prevenção a enchentes.

Fabiano também conversou com o presidente da Câmara Municipal de Vereadores, Admar Pozzobom.

No início da tarde a programação iniciou com a visita a Superintendência Regional Central da Companhia Riograndense de Saneamento - CORSAN.

Fabiano Pereira conversou com o Superintendente Central, José Roberto Epstein e com o corpo técnico da unidade. Na oportunidade foram debatidos os projetos em execução no município de Santa Maria. Também foi feito um panorama dos investimentos da companhia na região central do estado na área de saneamento básico.

No período da tarde o secretário Fabiano visitou a sede da 8ª Coordenaria Regional de Obras Públicas de Santa Maria.

Durante a visita o secretário conversou com o coordenador regional de obras, Vilmar Pizani e com o corpo técnico de profissionais da CROP. A visita institucional serviu para ouvir as demandas dos servidores e avaliar o andamento dos processos em execução na coordenadoria.

O secretário Fabiano Pereira também cumpriu uma extensa agenda de visita aos veículos de comunicação de Santa Maria.

O último compromisso da agenda foi a cerimônia de Lançamento da 56ª EXPOJUC 2017 que será realizada de 11 à 15 de outubro no município de Júlio de Castilhos.


5 de maio de 2017

URGS SEM BAR/RESTAURANTE

O ANTONIO LANCHES NÃO VAI ABRIR NESTE DOM PRUM EVENTO QUE TEM NA REITORIA. EXIGIU UM MINIMO DE ALMOÇOS QUE OS PROMOTORES NÃOD ERAM....

era so o que faltava...

seo luis do bar do antonio quer um livRO hitlerista.....

 

O TEATRINHO DA URGS....

 

Obras

A PROTASIO EM OBRAS VIROU A CASA DA MÃE JOANA, OU DO JUNIOR, COMO DIZEM OS MUNICIPARIOS. HJ DE MANHA. CARROS NO CORREDOR.

 

A MORTE DE MARIGHELLA

POR MÁRIO MAGALHÃES.

' Exultante, TRALLI beija VILMINHA(SUA METRALHADORA) e tripudia de MARIGHELLA,chamando-o de ' MUITO FOLGADO' por se aventurar por ali. O diretor de Polícia Federal em SP, Gal. SILVIO CORREA DE ANDRADE, aparece para cumprimentá-los. Trailer lhe exibe a carabina com a qual afirma ter liquidado o inimigo. Os colegas creem que o tiro fatal ,no peito, foi desferido por ele - FLEURY reivindicará a autoria de um dos quatro ou cinco disparos certeiros. No prólogo da farsa histórica , o delegado descreve um militante incauto que teria inspecionado a alameda Casa Branca antes de Marighella. E um feroz pelotão da ALN que havia tiroteado com os agentes da lei, atingindo o protético e os policiais. Para a informação que a imprensa divulgará:Marighella quis sacar uma pistola luger 9 milimetros . De uma farmácia , a investigadora ana tereza leite telefona:

-' alo mamae,sabes quem nós matamos? O CARLOS MARIGHELLA.

em torno das onze horas da noite jogam o cadáver numcaixão de zinco sem tampa, e o rabecão o leva para o necrotério. na calçada de cimento e terra, espalha-se uma poça gigantesca com o sangue do guerrilheiro morto."

Era a noite de 4 denovembro de 1969 em SP. Morria Carlos Marighella.

MARIO MAGALHÃES QUE FEZ UMA BIOGRAFIA DO GUERRILHEIRO NÃO APARECE NO FILME QUE VI. EMILIANO JOSÉ,SIM.ele tb fez uma biografia. tenho ambas.

1. VIMOS HJ NA URGS FILME SOBRE O BAIANO QUE FUNDOU A LN...
2.

EM 1945,DEPOIS QUE O PCB FOI LIVRE, ELE MOROU QUASE UM ANO EM PORTO QLEGRE.ERA DO COMITE CENTRAL E SUPERVISIONAVA O LOCAL.

3.

MARIGHELLA FOI MORTO NUMA EMBOSCADA ARMADA POR DEL FLEURY NOS FINS DE 1969, LOGO DEPOIS DO SEQUESTRO DO EMBAIXADOR NORTE AMERICANO. NO FILME QUE VI HJ TEM ATÉ O DEPOIMENTO DO CARA QUE DEU A CORONHADA NO EMBAIXADOR.

 

de sp

O BOTECO DO MANUELÃO A BEIRA DA CANTAREIRA EM NAZ PAULISTA, E PAISAGENS NAS RODOVIAS. AS XURASCARIAS GAÚCHAS NÃO TEM MAIS OX ARME QUE JÁ TIVERAM. HJ OS GRANDES GRUPOS TOMARAM CONTA DE TUDO. BOTECOS SE QUEBRAM, NEM SOBREVIVEM. A NÃO SER COMO O MANUELÃO PEQUENO,FAMILIAR...ELE É GAUCHO, NEM SEI BEM DE ONDE. NEM QUIS MUITO PAPO.....OS GAUCHOS QUE FORAM EMBORA NÃO GOSTAM DE PAPO COM GAUCHOS VISITANTES ESTA É A VERDADE. XEGAM A TER HORROR DE GAUCHO.DIZEM QUE SÓ RECLAMA E QUE NÃO QUER PAGAR OS PREÇOS REAIS . GOSTAMMAIS DE PAULISTA. UM IRMÃO MEU QDO PERGUNTAVAM SE ERA GAUCHO ELE DIZIA. NÃO SOU E PRONTO.

MUITOS GAUCHOS QUE FORAM EMBORA FORAM ATRÁS DE NOVAS OPORTUNIDADES. E JAMAIS ESQUECEREI O QUE MEU IRMÃO MAIS NOVO ME DISSE UM SABADO DE NOITE,DEPOIS QUE JANTAMOS.
- SE EU SOUBESSE QUE IA PASSAR O QUE PASSEI A BEIRA DA ESTRADA, TERIA FICADO NA COLONIA EM SERAFINA.

- MAS TU NÃO TERIA ESTA CAMIONETE. ARGUMENTEI, SÓ PRA VER ONDE A CONVERSA IA TERMINAR.

- MAS QUEM DIZ QUE ISTO AKI É FELICIDADE, ME RETRUCOU

EDISSE ISTO NA FRENTE DA MUIE E DA FILHA DE POKOS ANOS. ASSIM QUE TB TEM ISTO....

ESTA HISTÓRIA DE GAUCHO A BEIRA DE ESTRADA É PURA FANTASIA DE INTELECTUALIZINHO DE MERDA...NA VERDADE ELES TEM HORROR A DIZER QUE SÃO GAUCHOS. PREFEREM DESCONVERSAR. ME LEMBREI MUITO DISTO. PQ SEMPRE O QUE OUVI FALAR NÃOT EM NADA DO QUE VI O POKO QUE VI NAS RODOVIAS PAULISTAS. NEMF AZEM QUESTÃO DE DIZER QUE SÃO GAUCHOS. PELO CONTRÁRIO. DETESTAM. ABANDONARAM SUAS RAIZES E TÃO SE LIXANDO PRA RS....ELES FORAM FAZER A GRANA FORA E NEM MAIS QUEREM OUVIR. OS QUE VOLTARAM VOLTARAM POR PRESSÃO DAS MUIE QUE SÃO MAIS LIGADAS A FAMILIA.foi bom o que vi. pq agora não dou mais papo pra conversinha mole de gaucho de bera de estrada.

MEU IRMÃO MAIS VELHO DIZ QUE O MAIOR COMERCIANTE QUE ELE CONHECEU DESTES GAUCHOS FOI O FALECIDO ALCIDES MENEGHATTI. ELE TINHA UM RESTAURANTE E EM DIAS DE CHUVA, NOS DOMINGOS. IA COM O GUARDA CHUVA BUSCAR OS CLIENTES NO CARRO E LEVAVA DE VOLTA. TRABALHARAM MEU....MAS TB TEM QUE TER O TINO COMERCIAL.A HISTORIA DESTES GAUCHOS DAVA UM BAITA LIVRO. SO QUE EU NÃO VOU FAZER. PRA LEVAR PEDRADA COMO LEVEI PELOS QUE FIZ SOBRE SERAFINA, EU FORA....QUERO MAIS É PAZ.emtempo. ng me pediu pra fazer livro. tou apenas comentando.

OINVENTA´RIO DOS GAUCHOS A BERA DE ESTRADAS É O SEGUINTE. MUITOS SE DERAM BEM,OUTROS MAL E MUITOS FICARAM NA SITUAÇÃO DE VOLTA. O QUE ACONTECIA, PELO POKO QUE SEI É QUE ALGUNS QUE FORAM PRIMEIRO PASSAVAM A CONVERSINHA MOLE DE QUE A VIDA ERA FACIL. É QUE EM SERAFINA, PELO QUE SEI, A VIDA NÃO TINHA MUITO FUTURO. HJ TERIA MAIS...E ALGUNS PARENTES MEUS FORAM, NÃOG OSTARAM E VOLTARAM PRA ROÇA, ONDE VIVEM ATÉ HOJE PELO QUE SEI BEM.

MEU IRMÃO POBRE

N TANTO EU, MAS ELE É O MAIS POBRE DOS QUE FORAM PRA SP. TEM UMA LANCHERIA EM PIRACAIA. NÃO PUDE IR NA CASA DELE, MAS DE OUTRA X VOU.QDO MORAVA EM PORTO ALEGRE, SEMPRE IA ALMOÇAR LÁ EM CAS.A MORAMOS JUNTO NA JUC 5. QUANDO ELE EIO NA JUC 5 EU FUI EMBORA PRO RIO DE ONDE VOLTEI 2 MESES DEPOIS.

 

' CYBORG' A VOLTA

' CYBORG É COMO CHAMAM O COLEGA GUILHERMA ARRUDA, NA FOTO ESCREVENDO CANHOTO ENTRE COLEGAS.

ELE NASCEU EM PORTO ALEGRE EM 25.05.1952. MESMO DIA DO FLAVIO ALCARAZ GOMES.

TRABALHOU NA FOLHA DA TARDE DA CJCJ E DEPOIS FICOU NA GAZETA MERCANTIL ATÉ ELA FECHAR. SE NÃO ESTOU ENGANADO ELE FICOU UM BOM TEMPO EM CAXIAS DO SUL..

' CYBORG' É CASADO COM UMA IRMÃ DO SAUDOSO LOCUTOR DE TURFE MARIO MAZERON....ANGELA É O NOME.

FAZIA TEMPO QUE ELE NÃO PINTAVA NO PEDAÇO.A GORA DEU AS CARAS.(oc)AQUI Numa COLETIVA Desta semana.....em porto alegre. nem sei que veiculo está..

 

precisão do tempo.

FEITOS A FACÃO....

MENDELSKY HJ SI QUEBROU COM A PREVISÃO DO TEMPO. GERALMENTE SE DÃO MAL,QUDO INSISTEM. DISTO ME LEMBRO DE UM FATO QUE CONTAVAM. NA GAUCHA, UM PREVISOR IMPROVISADO DIZIA AO ABRIR A RÁDIO QUE O CEU TAVA ESTRELADO. ELE NEM TINHA OLHADO. O MAO MAO ACORDOU DE MAU HUMOR, OUVIU AKILO NA SUA RÁDIO E DE TARDE DEMITIU O CARA. É QUE CHOVIA BALDES NO MOMENTO QUE O CARA DIZIA ESTAR O CEU ESTRELADO....COISAS DE PREVISORES IMPROVISADOS.

NAO GOSTEI

NADA DO DR. BRITTO QU FALOU HJ NO MENDELSKY. AXEI QUE OC ARA QUER VER O CIRCO PEGAR FOGO. SE OS STATERS SÃO TÃO BONS, PQ ELE VIVE AKI?????

SINTESE

ACHEI O DR BRITTO MEIO COM ' ESPIRITO DE PORCO'. NÃO QUE ELE NÃO POSSA TER AS OPINIÕES DELE, MAS APOSTAR NO QUANTO PIOR, MELHOR É MEIO COMPLICADO. ESCREVO E ASSINO EMBAIXO....(oc)

 

Coleguinhas

DONS DE BARES NO RIO TODOS FELIZES.

RENATO ESTÁ LÁ ATÉ SEGUNDA KKKKK

DE FOLGA...XOPINHO NOS FINAIS DE TARDE KKKKKK

TEM UM LEITOR QUE TB QUER SER XHAMADO DE LAURINHO. E AGORA O QUE FAÇO??ELE PENSA QUE É O LAURO QUADROS KKKKK

NESTE SABADO, LANÇAMENTO DO LIVRO DE POEMAS DO CECARAMEZ.

3 E MEIA INSTITUTO GOETHE.....

NILSON SOUZA, EX JB, SE APOSENTOU DA ZH. ESTAVA HÁ ANOS. ERA ELE QUE ESCREVIA OS DISCURSOS DO APATRÃO NELSON SIROTSKY. E FOI ELE QUE FAZIA AS COLUNAS DO FALCÃO TAMBÉM,ALÉM DO LIVRO DO BOLA BOLA. NILSON FOI DA VEJA ALÉM DO JB. TEM UM BOM TEXTO.FOI EDITOR DE ESPORTES DA ZH.

CARLOS CHAGAS.

1937-2017

P - O SR COBRIU politica nacional ainda no RJ antes da transferencia da cpitalfederal para BSB.como recorda os primeiros tempos de secretaria da PR?
- r

o café filho assumiu a presidencia no lugar do getulio e foi oprimeiro a designar um oficial de gabinete para cuidar do relacionamento com a imprensa.

p-

refere-se a ODYLO COSTA, FILHO?

R -

SIM, odylo costa, filho.HÁ UM EPISÓDIO DELICIOSO. uma x no auge daquela crise da sucessão do presidente Café filho,JUSCELINO GOVERNADOR DE minas gerais, mas já candidato declarado, foi encontrar o presidente da república para resolver um problema do preço do café que estava cafeicultures mineiros à desgraça - desgraça não, estavam ganhando menos.O Juscelino foi falar com o presidente e o ODYLO anunciou ao pessoal da sala de imprensa ,lá embaixo:
-O JUSCELINO vem ai....já subiu,está lá em cima , está tratando da questão do café.. Aí lá em cima a conversa foi outra.O CAFÉ FILHO VIVIA PERSEGUINDO O JUSCELINO.falando mal,...mas naquele momento( O Juscelino me contou isso, COM UMA GRAÇA DANADA...)

EM QUE JUSCELINO entrou no gabinete do presidente , o café filho disse ' OH, JUSCELINO, que beleza'....

todo cheio de rapapés.' SENTA AQUI NA CADEIRA DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA !" JUSCELINO ESTRANHOU AQUILO, mas sentou meio constrangido. AÍ, O café filho virou para ele e disse:
-JUSCELINO PODE LEVANTAR. essa foi a primeira e ultima vez que você sentou na cadeira de presidente da república.porque aqui está o manifesto dos três ministros militares contra a sua candidatura". JUSCELINO:
- Não eu não admito.'...não sei mais o que.....

E não trataram do preço do café. E o Juscelino desceu pra SALA DE IMPRENSA . Láembaixo, no térreo,estavam os jornalistas.

Estava o querido amigo, já falecido ALBERTO HOMSI,que era o decano da SALA DE IMPRENSA e os jornalistas.Ninguém sabia daquela conversa lá em cima.E perguntou ao JUSCELINO.-resolverram governador, a questão do café???

ele respondeu. QUAL O CAFÉ QUE VOCE ESTA FALANDO, MEU FILHO?o vegetal ou o animal???
aquilo foi uma maravilha. O Odylo estava lá e contava isso.
(prossegue....)

A COLETIVA NET ESTÁ BOA....

PODE SER EU QUE MUDEI, MAS TOU AACHANDO OS TEXTOS DO DAVID COIMBRA MUITO BONS. GOSTO QDO SOLTA A FRANGA. AI ELE FICA BOM....TEM CARA QUE PRECISA DISTO,SEM MALDADE. O CARANÃO PODE SE PRENDER MUITO.E OD AVID TEM O DIREITO DE SE FRESQUEAR. DIZEM TANTA COISA DELE.

 

Enviada: 2017/05/04 20:59:52

Sou fã ñ só do Facebook, mas também do Instagram, do Snapchat, do Pintest e o que mais tiver. Como dizia o Chacrinha: trumbica-se quem ñ se comunica.

 

A internet tomou o lugar da TV

SAO AS NOVIS....(oc)qdo o feice tira jornlista dos otros meios é sinal disto, né. eu não sou BURRO PRA NÃO ENTENDER ISTO(oc)

Enviada: 2017/05/04 09:13:05

A internet tomou o lugar da TV como maior meio para publicidade no mundo.

Juntos, Google e Facebook receberam 20% dos investimentos em publicidade no mundo, em 2016, aponta levantamento da consultoria de mídia Zenith. Em 2012, a fatia das duas empresas de tecnologia estava em 11%.
O Google, representado no estudo pela holding Alphabet, arrecadou US$ 79,4 bilhões em receita publicitária em 2016, o triplo do que o Facebook, segundo colocado no ranking, com US$ 26,9 bilhões.
As informações constam no novo relatório "Os 30 Maiores Donos de Mídia no Mundo", publicado anualmente desde 2007 pela Zenith, empresa que é parte do grupo francês de publicidade e relações públicas Publicis.
Para a nova edição, a metodologia foi modificada, passando a se basear apenas em publicidade, deixando de lado outras fontes de receita. Visa "dar a medida verdadeira das posições no mercado mundial de publicidade".

INTERNET TOMOU O LUGAR DA TV
A consultoria confirma que em 2016 a internet tomou o lugar da TV como maior meio para publicidade no mundo. Entre 2012 para 2016, Google e Facebook responderam por dois terços do crescimento dos anúncios.
"O novo ranking demonstra o quanto as plataformas de publicidade na internet estão ditando o ritmo para o crescimento dos investimentos mundiais", disse Jonathan Barnard, responsável por projeções na Zenith.
Entre os 30 grupos, 20 são americanos. China e Alemanha vêm a seguir, com três cada um. França, Reino Unido, Itália e Brasil têm um. O Grupo Globo está em 19º lugar.
O último é o Twitter, mas ele é também o de maior crescimento entre 2012 e 2016: 734%. O segundo em crescimento é o chinês Tencent, da ferramenta de mensagens WeChat, com 697%. O Facebook vem em seguida, com 528%. (da FSP)

 

Censura volta com os golpistas

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/04 20:48:26

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado de São Paulo denunciam que os profissionais do jornal Cruzeiro do Sul, de Sorocaba (SP), sofreram censura e assédio moral na última sexta-feira (28), o dia da greve geral contra as reformas propostas pelo governo de Michel Temer.

As denúncias recebidas pelo sindicato afirmam que o promotor de Justiça Antônio Domingues Farto Neto, membro do Conselho Consultivo da Fundação Ubaldino do Amaral (FUA), mantenedora do jornal, esteve presente na redação, e, em sala fechada, ofendeu e ameaçou profissionais de imprensa.

Farto teria atribuído o êxito da greve à manchete do jornal, e disse que era necessário “limpar o desserviço feito”, criando uma “agenda positiva”, com elogios ao trabalho da Polícia Militar e da Guarda Civil da cidade.

 

Programação do Clube de Cinema para o próximo final de semana

No próximo Sábado (dia 06/05/2017) as 10h15min no Espaço Multiuso Santander assistiremos ao filme "Trágica Obsessão" (Obsession - 1976). Um empresário bem sucedido de Nova Orleans, Michael Courtland (Cliff Robertson) tem sua vida destruída quando a filha e a esposa são sequestradas e assassinadas no dia do seu décimo aniversário de casamento. Dez anos depois, em uma viagem a trabalho na Itália, ele conhece Sandra (Geneviève Bujold), uma mulher extremamente parecida com sua falecida esposa. Não demora muito para que Michael se apaixone por ela e a peça em casamento. Porém, no dia da cerimônia, o destino lhe apresenta uma surpresa nada agradável.

No próximo Domingo (dia 07/05/2017) as 10h15min na Sala Paulo Amorim assistiremos ao filme "O filho de Joseph" (Le fils de Joseph - 2016). Vincent (Victor Ezenfis) é um jovem que vive com a sua mãe. Sem nunca ter conhecido seu pai, ele sai em busca de sua identidade. As investigações o levam a um cínico e maquiavélico publisher em Paris, que o fará tomar decisões drásticas.

 

do Comunique-se

Felipe Moura Brasil: mais um ex-Veja entra para o time do site O Antagonista

O jornalista Felipe Moura Brasil é o mais novo integrante da equipe do site O Antagonista. O anúncio da chegada dele foi anunciando pelo veículo online na noite de terça-feira, 2. Com a contratação, o projeto surgido em janeiro de 2015 passa a contar com três ex-Veja. O espaço foi idealizado por Diogo Mainardi e Mario Sabino, respectivamente ex-colunista e ex-redator-chefe da revista semanal mantida pela Editora Abril.

Felipe Moura Brasil, também conhecido pelo apelido “Pim”, entra para o time d’O Antagonista dias depois de se despedir dos internautas que passaram os últimos três anos e meio acompanhando o trabalho dele na Veja.com. O jornalista foi blogueiro do portal de dezembro de 2013 até o primeiro dia de abril de 2017. No período em que esteve à frente de blog, ele foi considerado a personalidade brasileira mais influente sobre política no Twitter.

Antes da passagem pela Veja, o novo jornalista d’O Antagonista colaborou com o site Mídia Sem Máscara e manteve uma página independente na internet, o Blog do Pim. Meses antes de sua estreia na Veja.com, o livro O mínimo que você precisa saber para não ser um idiota foi lançado pela Editora Record. A obra, que reúne artigos assinados pelo filósofo Olavo de Carvalho, foi organizado por Felipe Moura Brasil. À época, a produção foi elogiada por Reinaldo Azevedo. “Leia esse livro de Olavo de Carvalho. Ninguém, no Brasil, escreve com a sua força e a sua clareza”, escreveu, na ocasião, o até hoje blogueiro do site da Veja.
Ex-Veja. Atual O Antagonista

Em seu último texto como blogueiro da Veja.com, Felipe Moura Brasil registrou que saiu da publicação da Editora Abril por vontade própria. “Fui mais uma vez avisado pelo setor administrativo de que a empresa iria renová-lo nos mesmos termos, mas comuniquei aos atuais diretores que recebi uma proposta irrecusável de outro veículo”, publicou o jornalista em texto divulgado na última sexta-feira, 28. A “proposta irrecusável” foi feita pelo site O Antagonista.

Ao estrear como mais um antagonista, o ex-blogueiro da Veja registrou o respeito que mantém há tempos pelos dois criadores do site O Antagonista, os já mencionados Diogo Mainardi e Mario Sabino. “Fico feliz de lá ter elogiado livros do Diogo e comentários do Mario muito antes da criação de O Antagonista, assim ninguém tem razões para desconfiar da honra que é hoje trabalhar com eles – e com o timaço que formaram”, escreveu o jornalista que, no novo trabalho, ainda conta com Claudio Dantas e Madeleine Lacsko.

 

Sinduscon-RS realiza entrega oficial do relatório sobre Monumento “O Laçador”

O Sindicato das Indústrias da Construção Civil no Estado do Rio Grande do Sul (Sinduscon-RS), a Associação Sul Riograndense da Construção Civil e a Prefeitura de Porto Alegre, juntamente com a Secretaria de Estado da Cultura, Turismo, Esporte e Lazer, promovem no dia 8 de maio próximo mais uma etapa do Projeto Resgate do Patrimônio Histórico – Monumento “O Laçador”.
No evento, que será realizado no Teatro Sinduscon-RS, das 14h às 16h, ocorrerá a apresentação do relatório final com as diretrizes para as futuras ações conservativas à escultura. Na ocasião, será também lançado um vídeo documentário sobre o projeto e apresentado mais um espetáculo do grupo musical Sindusom.
Projeto Resgate do Patrimônio Histórico – Monumento “O Laçador”
O Projeto Resgate do Patrimônio Histórico – Monumento “O Laçador” foi lançado em 9 de novembro de 2016, marcando o início do processo de diagnóstico para o desenvolvimento de ações que visam a preservação do “Símbolo de Porto Alegre”, numa iniciativa que integra o Projeto Construção Cultural – Resgate do Patrimônio Histórico, instituído pelo Sinduscon-RS.
O processo de inspeção à escultura foi realizado no período de 13 a 14 de março deste ano, paralelamente a um ateliê-escola, envolvendo 20 profissionais atuantes na área de patrimônio (conservadores-restauradores, engenheiros e arquitetos), que ampliaram seus conhecimentos na conservação e restauração de esculturas metálicas. Para a ação foram contratados dois dos mais renomados especialistas em restauro de obras com metal: Virginia Costa, engenheira metalúrgica e consultora em conservação do patrimônio, responsável pela coordenação de todo o trabalho prospectivo; e o francês Antoine Amarger, restaurador de esculturas metálicas – uma autoridade mundial no assunto.
Em estudo preliminar, foram registradas fissuras, trincas e corrosões, resultantes de acúmulo de água no interior do monumento. Uma intervenção gradual se faz necessária para que o símbolo de Porto Alegre e do Estado não seja comprometido ou agravado nos próximos 10 anos.
São patrocinadores do Projeto Construção Cultural a Gerdau, Melnick Even, Nex Group e Tintas Killing. A plataforma Resgate do Patrimônio Histórico, nesta terceira edição envolvendo o Monumento ao Laçador, foi viabilizada por meio de uma parceria estabelecida entre o Sindicato das Indústrias da Construção Civil no Estado do Rio Grande do Sul (Sinduscon-RS), a Associação Sul Riograndense da Construção Civil e a Prefeitura Municipal de Porto Alegre, contando com o apoio do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul, e verba incentivada pelo Governo do Estado do RS, através do programa Pró Cultura – Lei de Incentivo à Cultura (LIC).
OBS.: ATENÇÃO IMPRENSA: FAVOR CONFIRMAR PRESENÇA COM A TODT COMUNICAÇÃO – FONES (51) 3228.7270/3228.7261.

 

GAMBRINUS NA NRA SHOW CHICAGO 2017

O tradicional Bar e Restaurante Gambrinus estará representado na Missão Empresarial organizada pelo Sebrae-RS que visitará a NRA Show Chicago 2017 – a maior feira internacional do setor de negócios de alimentação. O evento, que será realizado de 17 a 24 de maio, terá a participação de 13 micro e pequenos empresários gaúchos que farão visitas técnicas e orientadas para aprender e identificar as grandes tendências em negócios de gastronomia. O sócio-gerente do Gambrinus, João Alberto Cruz de Melo, explica que sua participação na missão objetiva a observação dos mais recentes avanços internacionais do setor que possam ser aproveitados no restaurante, mantendo a tradição do estabelecimento mas introduzindo novas tecnologias em termos de equipamentos e melhoria de serviços para os frequentadores. Em 2017, o Gambrinus completa 128 anos de atuação no Mercado Público de Porto Alegre.

 

SINDUSCON-RS DIVULGA FINALISTAS DO SINDUSCON PREMIUM 2016/2017

O Sinduscon-RS divulgou hoje (4/05) os finalistas do Sinduscon Premium 2016/2017 – Etapa Estadual. Nesta edição foram inscritos 41 trabalhos, envolvendo 21 empresas de várias localidades do Estado.
Nos dias 15 e 16 de maio os finalistas apresentarão seus trabalhos em audiências públicas que serão realizadas no Teatro Sinduscon-RS (Av. Augusto Meyer, 146, em Porto Alegre).
A divulgação dos vencedores será realizada no dia 25 de maio e a entrega da premiação está programada para 29 de maio próximo, às 20h30min, na Associação Leopoldina Juvenil.
Audiências Públicas
15 de maio - segunda-feira
14h30min
Produtos imobiliários do ano
Empresas de pequeno e de médio porte
SMART - Iguaçu - Arquitetura que flerta com a arte
Allgayer– Fly Design Studios
Censi e Censi e Torres & Bello - L'Adresse Reserve
15h45min

Produtos imobiliários do ano
Empreendimentos de grande porte
Engenhosul – Unisinos Porto Alegre
Melnick Even - Grand Park Lindoia - A Vida em equilíbrio
Viezzer - Residencial Brasil
16h30min Produtos imobiliários do ano
Empreendimentos de pequeno e de médio porte
Melnick Even - DOC Santana Inteligência em empreendimentos comerciais
Melnick Even - Supreme Central Parque Residencial de melhor performance comercial da Melnick Even
TGD - IN 1183 - A TGD Constrói a ponte entre passado, presente e futuro e atinge grandes resultados no auge da crise do setor imobiliário

17h45min Destaque Mercadológico
Melnick Even - Planejmaneto e soluções mercadológicas para empreender 12 lançamentos em época de crise
Melnick Even - Experiência Digital - Imersão inovadora na construção civil
Rotta Ely - Nocaute Rotta Ely

16 de maio - terça-feira
14h30min Destaque Tecnológico
Forma - Moinhos Chroma
Melnick Even - Vídeo IT-EX Tecnologia para o desenvolvimento de equipes no canteiro de obras
Melnick Even - Fen eletrônica: tecnologia embarcada nos canteiros da Melnick Even

15h45min Destaque em Processos Internos
Rotta Ely - Uso de Fintechs para obtenção de funding
Vêneto - Projeto Vida Melhor
Tedesco - PHEO na obra de expansão do Hospital Moinhos de Vento - viabilizando um projeto construtivo desafiador

16h45min Ações e Práticas Sustentáveis
Delpro e Torrer & Bello Arquitetos - Sustentabilidade Net Zero e Bem Estar
Melnick Even - Memorial Eucaliptos - Uma praça feita de Histórias
Rotta Ely - Lovely Place for People: a inserção social e a valorização das equipes de canteiros de obras através da Cultura RottaEly

Os cases finalistas estão à disposição para leitura no site http://sinduscon-rs.com.br/premium2017/. Ressaltamos que os vencedores na categoria Destaque Acadêmico serão divulgados com os vencedores das demais categorias até o dia 25 de maio, 20h30min, na Associação Leopoldina Juvenil.

 

do Boteco do Ilgo

Arbitragem ‘chilena’ e a bolinha de sagu

Independente da arbitragem, que realmente prejudicou muito o Grêmio, está claro que é preciso recuperar Luan.

O único jogador realmente diferenciado do time, com potencial para jogar em grandes clubes europeus, não está jogando nada.

O certo é que fosse substituído, mas sempre fica a esperança de que ele possa a qualquer momento decidir.

E chances para ele decidir não faltaram, como aquela bola rolada por Geromel que Luan recebeu na risca da grande área, frontal à goleira, e mandou por cima.

Em outros tempos, Luan teria marcado o gol, que seria o de empate contra o Iquique e a arbitragem argentina, que marcou um pênalti inexistente e distribuiu cartões amarelos ao time gaúcho.

Se a arbitragem tivesse errado assim contra o time chileno, o Grêmio teria goleado, e isso com Luan jogando essa bolinha de sagu.

A única coisa boa do jogo foi Arthur. Ele mostrou que pode substituir Luan, Maicon e Ramiro. Ele é um volante de origem, primeiro jogador do meio de campo, mas tem capacidade técnica e visão de jogo para funções mais ofensivas.

Ficou claro, ainda, que Fernandinho não pode ser primeira opção do treinador. Renato deveria investir mais em Éverton, que, com moral e continuidade, joga muito mais que Fernandinho.

O Grêmio deixou de somar ao menos um empate, que seria o resultado mais justo, mesmo com uma arbitragem mal-intencionada.

A derrota de 2 a 1 é daquelas que podem ser didáticas se houver humildade e discernimento.

Primeiro, é preciso admitir que o time não jogou bem. Repetiu aquele futebol meia-boca contra o Novo Hamburgo.

O juiz errou, e errou muito, mas nada que não pudesse ser superado com um pouco mais de qualidade ofensiva.

 

de serafina

PREZADO LEITOR. O MATERIAL VIA CORREIO CHEGOU. CONTINUE MANDANDO. AGRADEÇO. O EDITOR

O DONO DO GAZETA REGIONAL THALES TIMBOLA TRABALHOU NA RADIO VANGUARDA DE MARAU.
vai passar o nome do jornal pra INFORME REGIONAL.A ENTREGA SERÁ VIA VERANOPOLIS E CIRCULA CASCA,MONTAURI,SERAFINA, NOVA ARAÇA,NOVA PRATA,NOVA BASSANO...

casca tb fechou a rodoviária. A UNESUL ARRUMOU OUTRO PONTO DE VENDA DE PASSAGENS.

2.

CMSC APROVOU AS CONTAS DEBB

3.

PROFESSORA FERNANDA TAPARO ESTA NA ASSESSORIA DE IMPRENSA DA PMSC.FOI DO GOV DO BB.É DO PT.

4.
DIA 6 AS 20 HS NO CEGERLADO PECCIN, EM SERAFINA, APRESENTÇAÃO DE GRUPO GAUDERIO.INAUGURAÇÃO DO CENTRO DE EVENTOS. GRUPO DO PORCA VEIA. NÃOS EI SE ELE TARÁ, OU SE SO USAM O NOME DELE.60 CONTOS O INGRESSO, MEIO CARO, NÉ....


4 de maio de 2017

FIM DO SINDICATOS??

PERGUNTEI AO FLAVIO SIRANGELO,EX TRT, SE A REFORMA TRABALHISTA VAI ACABAR COM OS SINDICATOS.
- NÃO, PELO CONTRÁRIO ME AFIRMOU.AGORA OS SINDICATOS VÃO SER OS VERDADEIROS, DISSE ELE.

NÃO SEI NÃO.....

 

jango aplaudido

fim do filme sobre o ex presidente na salinha da urgs agora de tarde. aplausos. o filme já vi 300 x
?mostra bem uma época.E BRIZOLA DÁ UM XOU DE LUCIDEZ NOS SEUS DOIS DEPOIMENTOS. DIZ EM SINTESE QUE EM 64 O GOLPE FOI GOLPEADO POR OUTRO GOLPE.

 

SOLIDÁRIO

O CAPINCHO SE DEU AO LUXO DE ME LIGAR PRA ME CONSOLAR PQ ELE ACHOU QUE EU REALMENTE TAVA XORANDO HÁ DOIS DIAS PELA MORTE DO BELCHIOR. EXPLIQUEI A ELE QUE EU TAVA COMOVIDO COM A SINCERIDADE DA CRONICA MUSICIAL.KKKSO RINDO MESMO....(oc)

 

sp

PIRACAIA, CIDADE ANTIGA DE SP, BARES E REST DE GAÚCHOS EM NAZARÉ PAULISTA.....

 

Colocando as coisas no lugar

n to agorando ng. so to dizendo que todos vão ter um um dia...(OC)

Enviada: 2017/05/03 09:14:37

COLOCANDO AS COISAS NO LUGAR: 1) O "vale-câncer" que eu tinha já acabou. Era só por cinco anos, como manda a lei. Já faz outro tanto que já ñ recebo mais. E continuo indo a Paris todos os anos. Uma coisa ñ tinha nada a ver com a outra. Comecei a ir a Paris todos os anos pq, na época, q me aposentei, o euro e o dólar estavam muito baratos. E, depois, qdo o euro e o dólar subiram, já tinha descoberto como fazer a viagem e a estadia a baixo custo. 2) Câncer tem cura, sim. Tu tá purfa. A ciência evoluiu muito. Vide a Dilma e o Lula: tiveram câncer e andam aí lépidos e faceiros por aí. Têm alguns casos que ainda ñ dá, nas tão chegando perto da cura. E são raros cânceres hoje em dia que voltam. Pára de agorar os outros. kkkk...

 

do Espaço Vital

Como está a Justiça no RS?

Em mais uma iniciativa do Plano de Valorização da Advocacia, a OAB-RS estará expedindo hoje, via e-mails, a aproximadamente 75 mil advogados, os formulários de uma enquete para avaliação das varas forenses de todo o Estado, nas esferas estadual, federal e trabalhista.

Para o presidente da Ordem gaúcha, Ricardo Breier, “a advocacia e a sociedade são os principais usuários do Poder Judiciário e os colegas são aqueles que estão, diariamente, em contato, por suas presenças constantes nos balcões e salas dos fóruns”.

A realização da enquete – que é uma realização chancelada pelo Conselho Seccional – objetiva ser “a primeira radiografia construída exclusivamente com os apontamentos dos profissionais da advocacia, sendo importantes para as futuras interações da Ordem com o TJRS, o TRF-4 e o TRT-4”.

O formulário é composto de quatro páginas. Detalhe: não será possível passar para a página seguinte sem que ela esteja totalmente respondida. É necessária a identificação do profissional participante da enquete, pela aposição de seu número de inscrição. “No ponto, a OAB-RS se compromete publicamente que os dados do(a) advogado(a) não serão divulgados” – garante Breier.

Pela aposição de um dispositivo de segurança, não será possível a um mesmo advogado participar mais de uma vez. O levantamento será feito até o dia 12 de maio, às 18h, com possibilidade de divulgação das primeiras tabulações na terça-feira seguinte (16).

O Espaço Vital no período de hoje (3) até 11 de maio (às 12h) realizará uma enquete compacta, procurando saber a opinião dos advogados e estagiários sobre as melhores e as piores varas cíveis, varas federais e varas do trabalho.

 

do Comunique-se

essanota vai deixar o laurinho fulero. ele que é fã do feice.(OC)

Vencedor do último Prêmio Esso troca o Estadão pelo Facebook

O jornalista Rodrigo Burgarelli é o novo contratado do Facebook. O profissional, que foi reconhecido com o Prêmio ExxonMobil de Jornalismo de 2015, estava no Estadão desde 2010 e agora assume novos desafios na rede social.

“Passei um quarto da minha vida até agora como repórter do Estadão. É tempo suficiente para quase completar duas faculdades, mas a comparação não faz jus ao tanto que aprendi nesse período. Certamente valeu muito mais do que isso”, declarou o profissional em post no Facebook.

Em sua história no impresso, Burgarelli foi responsável, de 2013 até agora, pelo Estadão Dados. Na mensagem publicada na rede social de Mark Zuckerberg, ele agradeceu aos colegas e chefes e disse que aprendeu muito ao longo da experiência.

“Foi o Estadão que me trouxe pra São Paulo, que me mostrou como aproveitar minha curiosidade e que de fato me abriu as portas para o mundo. Vendo agora, fica claro que os momentos felizes superam de longe as épocas mais deprês – desde pequenas alegrias como contar histórias de pessoas guerreiras até a empolgação de ver um texto seu ajudando a barrar uma licitação suspeita ou a mudar um programa federal cheio de problemas”, disse.

Segundo as informações, o profissional assume novos desafios a partir de maio. Na empresa, ele vai trabalhar como pesquisador e analista de dados para a América Latina. “Assim como fazia com minhas matérias, prometo compartilhar por aqui todo o pouco que eu descobrir”, comenta o jornalista.

TV Globo reforça jornalismo investigativo e contrata repórter da Veja

Repórter Leslie Leitão se prepara para deixar a redação da revista Veja para trabalhar na equipe de jornalismo investigativo da TV Globo no Rio de Janeiro

A TV Globo acaba de reforçar seu núcleo de jornalismo investigativo. A emissora passará a contar com o trabalho de Leslie Leitão, repórter que deixa a equipe da Veja depois de anos de conteúdos exclusivos – abordando desde o tráfico de drogas às ilegalidades envolvendo personalidades da política. Na imprensa, o jornalista troca de empresa de comunicação, mas não de cidade. Ele integrará a redação do canal no Rio de Janeiro, onde já atuava na sucursal mantida pela revista da Editora Abril.

Para compor o departamento de jornalismo na TV Globo, Leslie Leitão levará toda a bagagem e experiência construída até aqui. Formado em comunicação social pela Faculdade Estácio de Sá, ele tem a sua trajetória profissional ligada a veículos sediados no Rio de Janeiro. Ele começou a carreira na editoria esportiva, em 1996, sendo repórter da [hoje extinta] agência Sports Press. Aos 19 anos, chegou diário Lance. No jornal, em que permaneceu por seis meses, pegou gosto por pautas investigativas e ficou reconhecido por se dedicar a temas de denúncias desportivas.

Depois do início profissional, Leslie Leitão deixou o Lance e foi contratado pela Infoglobo para ser repórter do popular Extra. Na publicação, seguiu ligado ao noticiário esportivo, chegando a concorrer ao Prêmio Esso de Jornalismo com a reportagem “Eurico Miranda e a caixa preta do futebol”, publicada em 2001. Antes de chegar à revista Veja, o mais novo contratado da TV Globo teve outra experiência em jornal diário: passou por O Dia, veículo em que, com o faro investigativo que lhe é característico, foi o primeiro a abordar o sumiço da modelo Eliza Samudio, que manteve relacionamento amoroso com o então goleiro Bruno Fernandes, do Flamengo.

Repórter e escritor
O sumiço de Eliza Samudio, noticiado em primeira mão por Leslie Leitão no jornal O Dia, se provou mais do que simples desaparecimento. O tempo mostrou que Bruno Fernandes e um amigo dele conhecido pelo apelido de Macarrão planejaram o assassinato da modelo, que tinha um filho com o então goleiro do Flamengo. O atleta confessou o crime, a dupla foi condenada e o caso virou tema do livro Indefensável: O goleiro Bruno e a história da morte de Eliza Samudio (Record, 2014). A obra é assinada pelo novo repórter da TV Globo e por outros dois jornalistas: Paula Sarapu e Paulo Carvalho.

Filho de jornalista
A ligação de Leslie Leitão com o jornalismo começou antes mesmo do ingresso na faculdade e na redação do diário Lance. Ele é filho de Sergio Leitão, profissional que, entre outras atividades, cobriu quatro Copas do Mundo, viajou por mais de 70 países e foi o responsável por noticiar ao mundo a prisão de Ronald Biggs, ladrão inglês que ficou famoso por conseguir fugir para o Brasil após assaltar um trem pagador. Com mais de 50 anos dedicados a relatar os fatos na imprensa, Sergio Leitão morreu aos 69 anos, em julho de 2015.

 

do TErra

Sob protestos, Dirceu deixa presídio no PR com tornozeleira

Ex-ministro da Casa Civil terá que usar tornozeleira eletrônica

Em meio a protestos contrários e favoráveis, o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu deixou a sede da Justiça Federal de Curitiba por volta das 17h15 desta quarta-feira, dia 3, com destino a Brasília. Antes de ser libertado, o petista teve que colocar uma tornozeleira eletrônica, exigência do juiz Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba.

Já no carro, que foi escoltado por policiais, o político parou por alguns instantes em um condomínio próximo do Parque Tingui, na capital paranaense. Dirceu, que teve sua prisão preventiva revogada pela Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) na última terça-feira (2), agora será levado a um endereço em Brasília, que permanece em sigilo em pedido da Defesa.

O ex-ministro estava preso no Complexo Médico-Penal, em Pinhais, na área metropolitana de Curitiba, e foi solto às 16h10 desta quarta.

 

Prefeito apresenta nova estrutura administrativa a vereadores

O prefeito Nelson Marchezan Júnior apresentou nesta quarta-feira, 3, aos vereadores integrantes da base aliada do governo na Câmara Municipal e do bloco independente, o projeto de lei que define a nova estrutura administrativa do município. O organograma prevê 15 secretarias na administração direta, além de nove estruturas da administração indireta (Previmpa, Procempa, Fasc, Demhab, Imesf, Dmae, EPTC, DMLU e Carris).

A principal preocupação da prefeitura com a medida foi a de organizar a estrutura administrativa sem perder a qualidade dos serviços públicos. “Cortamos no topo, secretários, altos escalões, para manter os investimentos na base. Ou seja, esta reforma não diminui as responsabilidades públicas da Prefeitura”, disse o vice-prefeito Gustavo Paim.

Outra mudança apresentada no projeto é a que transforma os atuais Centros Administrativos Regionais (CARs) em Centros de Relações Institucionais Participativas (Crip). A ideia é garantir às estruturas, responsáveis pelo Orçamento Participativo (OP), um conceito de administração regional, ou subprefeitura, englobando todas as funções do Executivo em diferentes regiões da cidade. “Queremos dar mais força para ponta, para que quem trabalha com a vida real possa ter mais poder de resolutividade. O responsável pelo Centro agirá de forma transversal com todas as secretarias e terá o poder de solucionar as questões pendentes. Na estrutura antiga, eles apenas podiam repassar os problemas ao secretários”, explicou Marchezan.

O controle interno e a transparência dos atos públicos estão presentes na reforma, com as ações de controle e auditoria ficando a cargo da Secretaria Municipal de Transparência e Controladoria-Geral. A competência sobre os instrumento de regulação urbana passa para a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, que fica responsável pela coordenação e concessão do licenciamento e vistoria de edificações.

“A administração está em constante construção, mas essa é a configuração básica que pretendemos para agilizar a administração”, explicou Marchezan. Para o prefeito, o poder público precisa diminuir a burocracia e garantir mais agilidade nas respostas dadas aos cidadãos. "Esse é nosso objetivo, fazer com que o serviço público sirva ao interesse público, ao cidadão", finalizou.

 

Escolas municipais terão atendimento padronizado de Segurança

O secretário municipal de Segurança, Kleber Senisse, marcou para a próxima quarta-feira, 10, uma reunião, às 9h, na Escola Emílio Meyer, a fim de padronizar o atendimento em Segurança para todas as escolas do município. “A ideia é que venham representações de 20 escolas para escutarmos seus relatos e termos uma base de informações. Queremos envolver a comunidade junto com a Guarda Municipal e os demais órgãos de Segurança. É inadmissível que nossos professores e nossas crianças se sintam inseguros no ambiente mais importante que temos, o ambiente que exalta a Educação”, concluiu.

Kleber Senisse, acompanhado do diretor administrativo da secretaria municipal de Educação, Julio dos Passos, visitou, no final da tarde desta quarta-feira, 3, a Escola Municipal Emílio Meyer, no bairro Medianeira. Na noite de terça-feira, 2, quase no encerramento do turno letivo da noite, dois assaltantes renderam alunos que estavam na escadaria dentro do colégio, próximo à secretaria. Dois alunos tiveram os pertences levados. Além do caso registrado, a escola soma outros boletins de ocorrência sobre assaltos nas proximidades do prédio e em diferentes horários.

A diretora da escola, Deliamaris Acunha, disse que muitas vezes ela ou outra professora ficam como responsável pelo fechamento da escola. “Temos muito receio na hora do fim do turno letivo da noite. São muitas as ocorrências aqui no bairro”, disse.

O secretário de Segurança destacou a presença das patrulhas da Guarda Municipal na região. “A Guarda está atenta. Ao menor sinal de perigo reitero a necessidade de chamar o 153. Liguem, a viatura da Guarda que estiver mais próxima será acionada e virá atender”, observou. Senisse destacou que as medidas devem ser permanentes a partir da padronização do atendimento que pretende implementar.


3 de maio de 2017

BANZE

DEPOIS QUE BOTEI UM BANZE NA AUX PREDIAL PQ NAO MANDAVAM CONSERTAR MEU INTERFONE, AGORA RESOLVERAM ME MANDAR O DOC VIA MAIL. ASSIM QUE FUNCIONA. NA BASE DO BANZÉ. ANTES EU TINHA PEDIDO 400 X PRA MANDAREM. NUNCA MANDARAM. AGORA COMO VIRAM QUE FAÇO BARRACO, NÃO QUEREM MAIS ME VER LÁ. ME AGUARDEM, COMO DIZ A MINHA IRMÃO QUADO TÁ BRABA.KKKK(oc)

 

Obras

puto da vida um cobrador do t7 reclamava hj. ...esse marchezan não quer pagar sal porqu e não tem dinheiro. pq não para estas obras....

 

QUI ALIVIO

SEPULTARAM O BELCHIRO. CHEGA DE HIPOCRISIA.

OLHA O ARTIG DO DAVID COIMBRA NA ZH DE SEG TAVA LEGAL. OD AVID QUANDO PODE SOLTAR A FRANGA, SEM COMPROMISSOS ESCREVE BEM.

 

Greve geral

greve fora temer. gente esperando lotação, ruas vazias e lotação cheia de pessoas empinhadas como sardinhas lanc do parque vazia

 

Futebol

a galera do bera rio sofreu no dom passado

 

de sp

beira de estrada, rodovias, rio claro, amanhecer e entardecer....isto ainda no começo de abril...faz ujm mes....

 

dos leitores

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/01 21:11:56



Pesquisa Datafolha, inimigos jurados de Lula pedem água!

 

Diretas já!

nunca vi o pt querer tznto eleição kkkk(OC)

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/02 10:17:41

 

Mudança dos ventos no jornalismo

fika frio rekern, o homi volta.....tal qual gege....(OC)

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/02 11:30:34

Apenas a Rede Globo ainda persiste no pós-verdade de que o PT é o pecado original. Veja e Folha começam a se sentir incômodas na posição de arautos da aniquilação petista e começam a mostrar o outro lado da história. Por enquanto ainda estão como birutas, um pouquinho com manchetes que descrevem os fatos, ainda bastante posições golpistas. A coluna da ombudsman da Folha, Paula Cesarino Costa parece ser um divisor de águas, apontando para o péssimo jornalismo que a imprensa brasileira está nos vendendo. Mas também estão percebendo outro fato, os brasileiros estão saindo de suas órbitas e mais focados nos blogs e redes sociais. O fim dos impressos é só uma questão de tempo e ainda não descobriram como gerar dinheiro nos onlines.

 

Colóquio Sobre a Carris - A Carris que queremos

se n tivdsse vendo o ciclo do tender na urgs iria(OC)

De: Cristiano Soares
Data: 02/05/2017 16h27min11s UTC

A Associação de Funcionários da Carris, juntamente com a Bancada do PT/Porto Alegre está realizando um colóquio com os ex-presidentes da Empresa na era Petista.
O Objetivo é fazer um levantamento das causas da crise que acometeu a empresa no último período e as alternativas para superá-la.
Amanhã, quarta-feira, às 16:00 na sala 301 da Câmara de Vereadores da Capital.
Compareça.

 

do Miron Neto

O dia em que Belchior se apresentou em Gramado

Senti muito a morte do cantor e compositor Belchior, meu ídolo de juventude. "Apenas um rapaz latino-americano", lançado em 1976, foi a porta de entrada para que a idolatria de um garoto, de 14 anos, permanecesse até hoje.
Consegui trazer o ídolo para um show um Gramado no distante ano de 1992, em uma quarta-feira. A apresentação aconteceu no Teatro Elisabeth Rosenfeldt, com lotação completa. Mesmo que no dia do show tenha caído uma chuvarada sem fim, o que chegou a provocar goteiras no teatro. Mas o melhor foi o pós-show, quando fomos jantar uma raclete e uma fondue no Hotel Serrano, acompanhadas de um bom vinho. A conversa foi até às 3h30min da manhã, fiz todas as perguntas que sempre desejei fazer ao ídolo - inclusive uma sobre a conturbada relação com o conterrâneo Fagner. Belchior tinha uma conversa agradável, usava um tom sereno. Meu ídolo correspondeu, e eu tive a certeza de que o minha escolha de 14 anos tinha sido correta.
Em 2008 largou tudo, deixou carros em estacionamentos de aeroporto, e foi ser apenas um rapaz latino-americano, zanzando entre o Uruguai e o Rio Grande do Sul, onde veio a falecer aos 70 anos.

Em tempos de descrédito, Pedro Simon é ovacionado

Em uma época em que o povo anda cada vez mais intolerante com os políticos, chamou a atenção no final de semana a passagem do ex-governador e ex-senador Pedro Simon (PMDB) por Gramado. Acompanhado da esposa Ivete, Simon esteve presente na abertura do Gramado Móvel Show, sexta-feira (28), quando foi aplaudido de pé pelo público na rua Coberta. Da mesma forma, foi bem recebido no sábado (29) na Festa da Colônia, onde visitou os estandes acompanhado do vice-prefeito Evandro Moschem (PMDB), do presidente da GramadoTur, Edson Néspolo (PDT), do presidente do PMDB, Chico Terres da Luz, e do secretário de Indústria e Comércio Paulo Volk (PMDB).
Simon é um grande admirador do espírito empreendedor e das raízes coloniais dos gramadenses. “Gramado é fantástica. Em meio à crise, vemos empresários do setor moveleiro se esforçando e fazendo a feira no centro, o povo do interior realizando a belíssima Festa da Colônia, e simultaneamente, uma feira que contribui com aquilo que Gramado se fortaleceu, o artesanato, a malha, o chocolate e a cerâmica”, elogiou Simon. Sobre a Operação Lava-Jato, o ex-governador foi sintético: “O Brasil está sendo passado a limpo. O Brasil será outro após o fim desse processo”.

 

do Espaço Vital

Condenado por morte de secretário da Saúde é preso quase um ano depois


Fernando fugiu durante uma interrupção (almoço) no júri popular.

Fernando Junior Treib Krol, 28 anos, um dos condenados pela morte do médico Eliseu Santos, secretário de Saúde de Porto Alegre, em 2010, foi capturado na madrugada de ontem (1). Ele foi encontrado em uma festa de música eletrônica na Arena do Grêmio, usando documentos falsos. O outro condenado (pena igual) foi Eliseu Pompeu Gomes, que continua preso.

O crime aconteceu em fevereiro de 2010. Eliseu saía de um culto religioso quando foi abordado por homens armados. Ele reagiu ao assalto, mas morreu após a troca de tiros com os bandidos. O caso foi julgado em 21 de maio do ano passado.

A promotora de justiça Lúcia Callegaro falou por 2h30min e defendeu a tese de que Eliseu Santos foi morto por motivo torpe, pois era testemunha de um esquema de corrupção que estava acontecendo dentro da Secretaria Municipal de Saúde de Porto Alegre.

Fernando estava em liberdade, compareceu ao júri, foi condenado a 27 anos e 11 meses de prisão (por homicídio qualificado, receptação, adulteração e bando armado), mas durante o intervalo para o almoço ele fugiu. O mandado de prisão contra ele foi expedido no mesmo dia, mas desde então não era localizado.

Foi-lhe aplicada ainda a pena acessória de além de 1 ano, em regime aberto, por fraude processual. O júri durou 22 horas – além dos períodos de interrupção para refeições - e foi presidido pelo juiz pelo juiz André Vorraber Costa.

Após um dos intervalos, como o réu Fernando não voltou para o salão onde estava ocorrendo o julgamento, o juiz informou que uma mulher - dizendo ser a mãe do réu - se apresentou e disse que o filho havia passado mal e que por isso não tinha retornado.

Apesar da ausência, o defensor de Fernando Krol foi o primeiro a falar. Criticou o ato do cliente, considerando-o como "um soco no fígado", mas ressaltou aos jurados que a ausência não poderia ser utilizada como prova de conduta no processo.

A polícia descobriu que, durante o período em que esteve foragido, Fernando transitava com frequência, mudando de residência, entre as cidades de Balneário Camboriú (SC), Esteio, Gravataí e Canoas, na Região Metropolitana de Porto Alegre.

A Delegacia de Capturas do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) levantou ainda a informação de que Fernando costumava frequentar eventos de música eletrônica, e que estaria na noite de domingo (30) em uma festa em Porto Alegre.

Fernando foi localizado em meio a outros frequentadores; portava carteira de identidade e a carteira de motorista falsas, ambas produzidas em Balneário Camboriú. Tinha cartão de conta poupança em nome de outra pessoa, e o carro conduzido por ele, um Kia Sportage, estava registrado em nome de um terceiro.

Segundo a polícia, o foragido usava disfarces: ora usava barba, ora não; deixava crescer os cabelos e mudava sua cor.

Além da condenação, Fernando Treib Krol Júnior possui uma extensa ficha criminal por crimes como homicídios, roubo de veículo, roubo a residência, clonagem de veículo, tráfico de drogas, porte ilegal de arma de uso restrito, entre outros.

Além do cumprimento do mandado de prisão, Fernando foi autuado em flagrante pelo crime de falsificação e pelo uso de documento falso, além de tráfico de drogas, já que no carro apreendido com ele havia tabletes de maconha embalados para venda, e que, segundo a polícia, possivelmente eram comercializados na festa. (Proc. nº 21000316495).

 

Protestar é democrático. Mas reformar é preciso



A greve geral ocorrida na última sexta-feira, embora contestada politicamente, é no mínimo compreensível – e deve ser respeitada. O descrédito da classe política, a má avaliação do governo, o alto índice de desemprego, as denúncias de corrupção e as reformas mal comunicadas deram caldo suficiente para as manifestações comandadas pelos sindicatos. É do jogo democrático, um direito materializado constitucionalmente. O que não é aceitável, porém, é a desordem e a violência – cenas que, infelizmente, também aconteceram. Ocorre uma inversão legal quando a greve sobrepuja outros direitos individuais e sociais ocorre, e a própria causa sai perdendo. A população comum, sem aderência partidária, ideológica ou corporativa, respeita protestos ao mesmo tempo em que rejeita vandalismos.

Mas a grande questão de fundo – e de conteúdo – é a seguinte: para além da negação das reformas apresentadas pelo governo Temer, que alternativa tais movimentos colocam na mesa da sociedade brasileira? Esse me parece o ponto mais vulnerável do discurso de boa parte dos que comandaram o levante das oposições na semana passada. Criticaram muito as iniciativas do Executivo, mas não articularam qualquer contraproposta. E, nessas alturas da história brasileira, não basta mais ser apenas do contra – até porque os grandes grupos políticos já estiveram no governo, agora ou recentemente. E todos sabem que é preciso mudar o sistema previdenciário e as leis trabalhistas. Os ex-presidentes Lula e Dilma, a propósito, quando exerciam seus mandatos, chegaram a verbalizar as mesmas teses que agora seus apoiadores rechaçam. Trata-se de um fato que vale recordar para fins de coerência, apenas.

Então, quem tem reto interesse em colocar o país nos trilhos novamente sabe que o déficit da previdência passou dos limites. E que, se nada for feito, os pobres serão os mais atingidos. É necessário caminhar para a unificação dos regimes público e privado. Não se pode mais aceitar que, para um mesmo povo que paga impostos, haja tipos de seguridade social diferentes. O Brasil não aceita mais a ideia de cidadãos de duas categorias. O povo pede igualdade e justiça social.

Também é de bom senso perceber que, diante de quase 14 milhões de desempregados, mudanças na legislação trabalhista, sem perda de direitos previstos na Constituição, podem gerar mais oportunidades aos que hoje estão procurando. Diante de famílias passando necessidades reais, não convém fazer apenas disputa de teses. É preciso ter proposta prática. Se não vale a do governo, que outra mudança é possível? Assim como está é que não pode continuar. A legislação, em muitos casos, joga contra o mundo da produção e do trabalho.

Não gostar do governo e ser contra as reformas, tudo isso faz parte do movimento de forças de uma democracia. Todavia, diante de uma crise de proporções gigantescas, o debate não pode ficar paralisado no revanchismo ou no jogo do "quanto pior, melhor". Está tudo errado, mas nada muda? Não! O Brasil precisa de reformas profundas – e, a meu juízo, deveriam ser ainda mais amplas, alcançando o sistema tributário, o sistema político e o pacto federativo. Que se faça um diálogo construtivo, portanto. Mesmo que acirrado, mas sempre propositivo. É a sustentabilidade do Brasil que está em jogo.

Germano Rigotto é ex-governador do Rio Grande Sul, presidente do Instituto Reformar de Estudos Políticos e Tributários e membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social da Presidência da República.

 

Reforma possível, necessária e urgente

Darcísio Perondi

Nossa Constituição Democrática estabelece que os Poderes republicanos são independentes e, ao mesmo tempo, harmônicos entre si; isto é: devem colaborar mutuamente para o bem do povo. O avanço da reforma da previdência no parlamento brasileiro está provando que essa colaboração é possível, além de necessária e urgente.

A comissão especial da Câmara dos Deputados encarregada da reforma divulgou recentemente substitutivo do relator, deputado Arthur Oliveira Maia (PPS/BA), que altera pontos importantes da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 287/2016, apresentada pelo governo do presidente Michel Temer ao Congresso Nacional. Essas mudanças foram possibilitadas pelo diálogo entre nós, representantes do povo, e a equipe econômica do governo, de modo a assegurar o apoio político necessário à aprovação da reforma.

Assim, por exemplo, a idade mínima proposta para a aposentadoria das mulheres baixou de 65 para 62 anos, o mesmo ocorrendo com o tempo de contribuição para aposentadoria integral (de 49 para 40 anos). Nas aposentadorias rurais, em vez da idade mínima de 65 anos para homens e mulheres, com 25 anos de contribuição, o relator propôs 60 anos para eles e 57 para elas, com 15 de contribuição. Quanto ao Benefício de Prestação Continuada, de caráter assistencial, para idosos sem renda ou pessoas com deficiência que lhes impossibilite de trabalhar, o substitutivo também alterou a proposta original, voltando a vincular o BPC ao salário mínimo. Foram igualmente suavizadas as “regras de transição” para o novo regime previdenciário.

Vale lembrar que tanto a PEC do governo quanto o substitutivo da Câmara respeitam os direitos adquiridos de quem já se aposentou ou está em condições de se aposentar sob as regras atuais. Ao mesmo tempo, ambos mantêm fidelidade aos três grandes objetivos da reforma, a saber:

1) garantir os direitos dos atuais 28 milhões de aposentados e pensionistas e também dos trabalhadores que ainda vão se aposentar. Segundo o IBGE, hoje, no Brasil, existem 8 pessoas aptas a trabalhar para 1 aposentado; em 2060, serão apenas 2,3 para 1. Sem a reforma, dados esse acelerado envelhecimento da população e as despesas públicas que superam a receita que a União arrecada com impostos, o governo acabará impossibilitado de honrar seus compromissos para com os inativos. Uma situação caótica e dolorosa como a que a Grécia enfrentou há pouco tempo, e que alguns estados brasileiros já estão amargando;

2) colocar um ponto final nas injustiças do presente sistema, no qual a grande maioria dos segurados do INSS recebe benefícios equivalentes a um salário mínimo, enquanto uma reduzida elite de corporações do serviço público se aposenta recebendo R$ 30 mil ou mais. Com a reforma, todos – inclusive os parlamentares – se aposentarão no mesmo regime, e o valor máximo que vão receber corresponderá ao valor máximo dos benefícios do INSS (cerca de R$ 5.500,00, atualmente). Quem quiser ganhar mais que isso terá que pagar previdência complementar (privada);

3) preservar os investimentos em educação, saúde e outras áreas prioritárias. No ano passado, o Congresso promulgou a Emenda Constitucional nº 95, da qual fui o relator na Câmara, estabelecendo um limite para o crescimento anual dos gastos públicos, corrigido pela inflação. Se a reforma não passar, e o teto for mantido, as despesas com benefícios previdenciários espremerão para fora do orçamento da União todos os investimentos naquelas prioridades.

Se o teto for derrubado, e o governo voltar a gastar mais do que arrecada, a dívida pública explodirá, os juros vão subir, a inflação vai acelerar. E isso vai estancar a ainda lenta retomada que a economia começa a experimentar, adiando indefinidamente a recuperação dos empregos e comprometendo o bem-estar desta e das futuras gerações. Sem reformas, como a da previdência e a trabalhista, a conta não fecha, nem o Brasil volta a crescer.

Darcísio Perondi é médico, deputado federal pelo PMDB/RS e vice-líder do Governo na Câmara

 

Prefeito Marchezan pede ao Simpa propostas para superar crise financeira

Em ofício encaminhado ao Sindicato dos Municipários de Porto Alegre, o prefeito da Capital gaúcha, Nelson Marchezan Júnior, convidou o Simpa para nova reunião no Paço municipal. O documento encaminhado ao Sindicado marca o novo encontro para o dia 05/05, sexta-feira, às 14h. Marchezan pede, no ofício, que o Simpa apresente "sugestões e propostas para superar a situação falimentar das finanças públicas".

 

Criado o Programa Municipal de Parcerias de Porto Alegre

Uma das medidas que o prefeito Nelson Marchezan Júnior tem defendido fortemente para a superação da crise financeira são as parcerias público-privadas. O prefeito tem reafirmado que não tem nenhum preconceito contra as PPPs e que elas serão feitas em todas as áreas possíveis na administração municipal. Para regrar essas ações e modernizar a gestão pública, o prefeito Nelson Marchezan Júnior assinou o Decreto 19.736, de 2 de maio de 2017, que institui o Programa Municipal de Parcerias (PROPAR/POA) e o Conselho Gestor do Programa de Parcerias (CGP).

O CGP é um órgão de governança e transparência ativa para projetos que serão estruturados nas modalidades de PPPs e Concessões, garantindo o controle social. Ao Conselho, órgão superior de caráter normativo e deliberativo, caberá o planejamento e execução, dentro de suas atribuições, de concessões e parcerias público-privadas. O CGP definirá condições para inclusão de projetos no PROPAR/POA, aprovará os editais de chamamento público, projetos de concessões e de parcerias público-privadas, avaliará os relatórios de execução dos contratos de concessão e de parceria público-privada, homologará os processos licitatórios e decidirá sobre recursos interpostos.

O CGP será presidido pelo prefeito e terá como integrantes permanentes o vice-prefeito, os Secretários de Parcerias Estratégicas, de Relações Institucionais, da Fazenda, de Planejamento e Gestão, de Desenvolvimento Econômico, da Transparência e Controladoria-Geral e do Procurador-Geral do Município.

Respeitando o momento de crise financeira, a participação no CGP não será remunerada, sendo considerada serviço público relevante. Além disso, aos membros do CGP será vedado participar de discussão e ter direito de voto em matéria na qual tenha interesse pessoal conflitante.

“Vamos buscar parcerias em todas as áreas para que Porto Alegre volte a crescer e possa oferecer aos cidadãos serviços públicos de qualidade. O poder público precisa ter o tamanho certo e cumprir com suas obrigações. Estamos caminhando nesse sentido”, disse o prefeito.

 

Marchezan envia comunicado aos servidores municipais

MARCHEZAN TÁ TIRANDO O DELE FORA....(oc)

O prefeito Nelson Marchezan Júnior enviou aos servidores municipais um comunicado explicando a difícil situação financeira da Prefeitura.
No comunicado, o prefeito dia: "A transparência tem sido nossa principal ferramenta de gestão, e o conhecimento total dos problemas da cidade é o primeiro passo para podermos, juntos, enfrentá-los.

A situação financeira de Porto Alegre é a mais grave de nossa história e não chegamos aqui por acaso. Avaliados todos os números, é fato que as receitas da prefeitura não são suficientes para cobrir todas as despesas e compromissos assumidos para 2017. Essa não é uma opinião, é a realidade.

As medidas adotadas em 2016 não resolveram os problemas e agravaram a situação das finanças para 2017.
A prefeitura iniciou o ano com dívidas de R$ 507 milhões de anos anteriores, entre débitos atrasados com fornecedores e saques de fundos. Para mudarmos essa realidade, é preciso fazer diferente, fazer certo."
O comunicado pode ser conferido no link http://www2.portoalegre.rs.gov.br/portal_pmpa_novo/default.php?reg=1&p_secao=1106&cache=0.


2 de maio de 2017

BELCHIOR

XOREI O DOM E A SEG VENDO COMO AS PESSOAS - CRITICOS EM GERAL - ESTÃO ABATADIAS PELA MORTE DO CANTOR. ANTES CAGAVAM E ANDAVVAM PRO CARA QUE TAVAMTANDO CACHORRO A GRITO. PEDINDO ESMOLA NA RUA. TAVA NA CARA QUE ELE ' FUGIA' DE PENSÃO ALIMENTICIA.

BODE EXPIATÓRIO

AGORA A EDNA É A CULPADA PELO MUTISMO DO BELCHIOR. ELA QUE CUIDOU DELE NA MERDA.....

NO MINIMO ESTE CARA TAVA PEDIDO NA JUSTA POR FALTA DE PAGTO DE PENSÃO ALIMENTICIA E ELA NÃO DEIXAVA ELE SE EXPOR.AGORA ARRUMARAM UMA ' GENI'. ETA GENTE BESTALHONA.

 

LAMAS X VESTIDO DE MUIÉ....

CONTEI PRO ESPANHA QUE O HENFIL TINHA A MANIA DE BOTAR VESTIDO DE MUIÉ. ELE DISSE QUE TEM UMAS FOTOS DO OLIVIO LAMAS VESTIDO DE MUIÉ EM FLORIPA, MAS NÃO TÁ ACHANDO. O WELLINGTON LANDERDHALL ERA OUTRO QUE FAZIA ISTO NOS CARNAVAIS. ME MOSTROU UMAS FOTOS UMA X MAS NÃO ME DEU.

 

BAH

WILLIAM BONNER 'NAMORANDO' A CAROL PORTALUPPI. BAH, ELES SE MERECEM.MESMO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

 

SENA

LEMBRO APENAS DUAS COISAS D AMORTE DO SENNA.

1.

FUI NO BARRANCO NA HORA DO ALMOÇO E OUVI UMA SENHORA NUMA MESA DIZER:

- O QUE PODE UMA MÃE ESPERAR DE UM FILHO CORREDOR? A NÃO SER A NOTICIA DE SUA MORTE.

2.

EU 'SONHEI' NA NOITE ANTERIOR A MORTE DO SENNA. QUANDO VI NA TV. ATÉ RI. JÁ VI ISTO NO MEU SONHO

3.

DIAS DEPOIS FUI NO TRENSURB. UMA FAXINERA CHORAVA COPIOSAMENTE A MORTE DO CORREDOR.COM UMA FAIXA DE LUTO NA TESTA.

4.

MUITA GENTE PAROU DE VER CORRIDAS NA TV COM A MORTE DELE.

 

FUGINDO DE CALOTEIRO

UM LIVREIRO, COM FAMA DE ' CALOTEIRO' - NÃO SEI SE JUSTA OU NÃO NUNCA TIVE NEGÓCIOS COM ELE - CHEGOU NUM DESEMBARGADOR. COMRPOU UMA PUTA COLEÇÃO E PRECISA DE LOCAL PRA DEPOSITAR. AI O DESEMBARGADOR DEU UMA DICA PRA ELE. PERTO DO BANRISUL. NO CENTRO. ELE FOI LÁ O ZELADOR DEU PRA ELE UMA DICA. BATEU NA SALA DO AYRES CERRUTTI DA REVISTRA PROGRAMA. QUANDO O AYRES O VIU FOI LOGO PULANDO FORA.

- NÃO NÃO VOU ALUGAR NADA. VOU EXPANDIR A REVISTA ...A REVISTA É AKELA DAS PUTAS.

O QUE É A FAMA???

 

LANCHERA

DEPOIS DO MAOMÉ PASSEI NA L DO PARQUE QUE TAVA LOTADASSA. N FIQUEI PRA LER MEU LIVRO. VOU PRO BERÇO CEDO HJ. DIA DO TRABALHO. ME ASSUSTEI QUE FAZ 23 ANOS DA MORTE DO SENNA. COMO PASSA O TEMPO. MEU FALECIDO PAI DIZIA QUE DEPOIS DOS 50, O TEMPO VOA. ELE TEM RAZÃO.

COFFEE

O CAFÉ DAS TARDES NA MAOMÉ TEVE O ACRÉSCIMO DO ESPANHA E DA SUA ALEMOA.

A ALEMOA TEVE UM CANCER 5 ANOS ATRÁS, MAS PARECE QUE TÁ MELHOR DE CANCER NUNCA SE DIZ QUE TÁ CURADA. O BICHO PODE SEMPRE VOLTAR.

ELA ME CONTOU QUE UM IRMÃO DELA MORREU FAZ UM ANO DE UM CANCER DE PULMÃO. CANCER UM DIA TODOS VAMOS TER UM....PRECISA APRENDER A LIDAR COM ELE. O LAURINHO JÁ TEVE. E TÁ BOM. PEGOU ATÉ VALE CANCER PRA IR PRAS OROPAS.

 

de sp

CHURRASQUEIROS EM RIO CLARO. MUITOS,OU ALGUNS GAÚCHOS FORAM PARAR LÁ. TEM VÁRIAS CHURRASCARIAS. UMAS GRANDES, POKAS, OUTRAS PEQUENAS.

 

dos leitores......

Enviada: 2017/04/30 11:39:26

Quadro na sala da ...

 

O Coxismo ou a Arte de Ser Enganado

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/05/01 16:07:15

O Coxismo tem sua principal raiz na necessidade da classe média de se afirmar como classe vencedora. Com o Lulismo e a ascensão da classe trabalhadora, a posição da classe média se vê ameaçada por uma horda invasora assim vista por ela. A mídia experta, vendo escassear recursos públicos em seu favor, percebe esta insatisfação e usa em coberturas gritantes exasperar este sentimento e virar o vento a seu favor. A classe média só olha nesta direção deixando a retaguarda aberta aos verdadeiros perigos a sua existência. Os eleitos desta mídia resolvem trocar os pés pelas mãos e começam a solapar os princípios da segurança da classe média, que são: a legalidade jurídicas e a previdência social. No primeiro caso usando a just iça para fazer política e usando a política para acabar com a justiça trabalhista. No segundo caso mexendo na aposentadoria e no sistema de saúde.
Aos poucos o coxismo começa a perceber que foi enganada, mas como classe vencedora que se acha, não pode admitir uma burrada destas. Vai ser enganada novamente, agora por ela mesma.

 

Veganismo Solidário

No domingo, 30 de abril, a Vanguarda Abolicionista promoveu mais uma ação do seu projeto Veganismo Solidário, com almoço para moradores de rua. No cardápio, feijoada, arroz, carreteiro, purê de legumes com charque, cachorro-quente, xis-burguer, batata doce frita, pão e refri, tudo vegano.

 

DE SERAFINA

IPTU

10 POR CENTO DE DESCONTO PRA QUEM PAGA ATÉ 10.5

5% PRA QUEM PAGAR ATÉ 10.6

6 X PARCELADO A PARTIR DE 10.07

A MORTE DE NINO MARIM

SUBIU NUMA JABOTICABA PARECE QUE COM ESCADA. CAIU DELA BATEU COM A CABEÇA, A ESCADA BATEU NELE SEU VIZINHO O PALOSKI DISSE QUE ELE MORREU PORQUE BATEU A CABEÇA.AGORA OS FILHOS QUEREM CORTAR A ARVORE. DEPOIS DA TRAGEDIA, VEM SEMPRE A SOLUÇÃO. MORREU COM 89 ANOS. NO MEU LIVRO DA EMANCIPAÇÃO QUE TEM NA CULTURAL ELE TÁ NUMA FOTO DO GAUCHO. COMPREM LÁ,AJUDEM O AUTOR A COMPRAR O LEITE NOSSO DE CADA DIA...

AMIGOS AMIGOS, NEGOCIOS A PARTE...

24 DE MARÇO ULTIMO JÁ CHEGOU NA CASA DOS SERAFINENSES OC ARNET DO IPTU.TEMPOS ATRÁS SÓ CHEGAVA EM MAIO.

PREZADO LEITOR FOLLETTO.

1.

SUBE QUE VC CONSEGUIU COMD ESCONTO OS LIVROS NA CULTURAL.

2.
AGUARDO NEWS DAI.
3

COMO TÁ O BB QUE NUNCA MAIS OUVI FALAR DELE????

1º de maio de 2017

SUPER

ESTARÃO FECHADOS HJ EM PORTO ALEGRE

 

PARCERIA...

MAS QUE PARCERIA O EX GOV SERGIO CABRAL TINHA ARRUMADO!!!!!!!!!!
. NA FRENTE DO ' MERETISSIMO', CADA UM LIVRA O SEU, MEU.....!!!!!!!!!!

 

ATP NO FORA TEMMER???

pelo que se viu nesta 6, em poa.até parece....

RELATO

OLHA EU NÃO SEI PQ OS ONIBUS PARARAM. MAS AO PARAR FIZERAM O MAIOR SUCESSO DA GREVE DE SEXTA.

EM 50 ANOS, NUNCA VI POA TÃO VAZIA.

SO TEVE UMA X QUE POA TEVE VAZIA ASSIM DE ONIBUS. 1982 NUMA GREVE VIOLENTA EM QUE UM ENG DO SP ACABOU COM OLHO QUEBRADO POR UM ESTILHAÇO DE VIDRO. ELES FORAM DAR UMA VOLTA POR POA E OS GREVISTAS ACHAVAM QUE ERA FURA GREVE. PAGOU CARO O PASSEIO. PERDEU A VISTA.

 

GUERRA DE ESTRELAS.

QDO AMBOS SENADORES, PJSIMON TINHA ' HORROR' DE JOSÉ ALBERTO FOGAÇA. É QUE AMBOS ERAM MUITO ' ESTRELAS.

UM ASSESSOR DO PJSIMON ME DISSE NOS ANOS 90:

- N SEI PQ VCS GAUCHOS ACHAM ESTE CARA DE ESQUERDA. EM BRASILIA ELE TIDO COMO DIREITOSO.

SI FAZENDO

O DEP JOSÉ FOGAÇA -QUE MUITOS CHAMA DE ' FUMAÇA' - NÃO SEI O MOTIVO,DEVE SER APENAS TROCADILHO OU PQ É MUSICO -ESTÁ SI FAZENDO. VOTOU CONTRA O GOV NA REFORMA TRABALHISTA. AGORA TÁ FAZENDO DENGO PRA VOTAR A FAVOR DA REF DA PREVIDENCIA. TOMEM NOTA. ELA VAI VOTAR COM O GOVERNO...DEPOIS ME COBREM...(oc)

 

BERA RIO...

A GALERA DO BERA RIO SOFREU PACAS HJ. LÁ É O SEU INFERNO. COMO JÁ VI ESTA TORCIDA SOFRER.....

 

PUNA

A VEIA ARGENTINA QUE CANTOU NO SANTANDER ME FEZ LEMBRAR A CORDILHEIRA, MINHA QUERIDA CORDILHEIRA QUE CRUZEI 2 X NOS ANOS 70,INDO PRA BOLIVIA E PRO PERU.ELA FALOU NA ' MONTANHA', NA PUNA, QUE É COMO ALGUNS PORTENHOS COMO ELA CHAMAM A CORDILHEIRA. PUNA PORQUE TEM O MAL DE PUNA, DAS MONTANHAS....UMA X LIGUEI PRA TENISTA ISABELLA....DA ARGENTINA, PRA CASA DELA NA ARGENTINA EM BA E ME DISSERAM. ELLA ESTA EM LA MONTANHA TREINANDO. ESTAVA EM MENDOZA. OS PORTENHOS CHAMAM A CORDILHEIRA DE MONTANHA.QUE LINDOS PICOS DA CORDILHEIRA E ELA FALOU OU O RAPAZ QUE TAVA COM AVEIA FALOU EM SÃO LUIS, MENDOZA, É TUDO CORDILHEIRAS DOS ANDES....EM DIREÇÃO AO CHILE.NO MEU CASO EU FUI ATÉ A BOLIVIA, PELA CORDILHEIRA.TENHO UM LIVRO SOBRE ISTO PRONTO, UM DIA PUBLICO, MAS AI TEM QUE DAR UMA ATUALIZADA. PQ MUITA COIS AMUDOU NÉ.

 

GARUXO

A DENISE NUNES GOSTOU DA MINHA MATERIA SOBRE GARRUCHOS. É SO UMA PEQ REPORTAGEM NUM PANFLETO. NADA DEMAIS.pra ver como andamos mal de reporter.

encontrei a den ise nunes num xou do santander de uma veia argentina. nem conhecia ela. fui por acaso.

a denise agora é editora. nem pude perguntar como foi o livro do moises mendes que ela lançou. nem sei se tem outros em mente.problema de livro é a DFISTRIBUIÇÃO.COM ELA TINHA UMA COLEGUINHA QUE EU TENHO A IMPRESSÃO QUE CONHEÇO MAS NEM LEMBRO QUEM É. É UMA MORENA.
AH, SIM A CASTELHANA CANTA MEIO MALOTE. MAS TEM UM XARME QUE VOU TE DIZER. DEVE TER SIDO MUITO BONITA QUANDO JOVEM. HJ TÁ MEIO CACO, MAS TAMOS TODOS, NÉ.

 

ZUM ZUM NA GUAIBA.

RADIO CORREDOR HJ NO MEIO ESPORTIVO ERA DE QUE O COLEGA CRISTIANO SILVA, DA GUAIBA, IRÁ SE INCOMODAR COM O COLEGA LEO JORGE. HOUVE LÁ UM QUIPROQUÓ E O CAVERNA PRES SINDI DOS RADIALISTAS ENTRARIA NO CIRCUITO.

 

SHANA MULLER? MALU BENITEZ QUER DISTANCIA....

É O QUE ELA DISSE NESTA MANHA DE SAB,QUANDO QUISER SABER O QUE A COLEGA DISSE SOBRE 'MACHISMO' NO NATIVISMO. MALU APENAS RESPONDEU:

- MAS ELA CANTAVA ESTAS MUSICAS. PRA MEIA DUZIA TODO MUNDO ENTENDEU. CHAMOU A COLEGA DE OPORTUNISTA. É QUE TAVA NA ONDA O NEGOCIO AQUELE DA FIGURINISTA DA GROBO E A SHANA DEU DE FALAR MAL DE MACHISMO NO NATIVISMO.

 

GUAIBA,60 ANOS

a entrevista DO GAL FIGUEIREDO.

EM 10.4.2006, AMIR rememorou-me como foi a ENTREVISTA DO FIGUEIREDO. SEU DEPOIMENTO A SEGUINTE.
" NA DECADA DE 90, 92, não lembro exatamente a data, nós vÍnhamoS tentando entrevistar o FIGUEIREDO.ELE TAVA CALADO HÁ DOIS ANOS.TINHA DEIXADO O GOVERNO,NÃO DAVA ENTREVISTA PRA NINGUÉM.A PRODUÇÃO FICOU INSISTINDO,INSISTINDO,ATE QUE UM DIA DE MANHA QUANDO CHEGO NA RADIO AS OITO HORAS POR AÍ,TINHA UM RECADO. O PRESIDENTE FIGUEIREDO CONCORDOU EM DAR A ENTREVISTA,GRAVAÇÃO AS OITO HORAS. EU CORRI PRO ESTÚDIO JÁ ESTAVA A LIGAÇÃO PRONTA AI COMECEI A GRAVAR COM ELE. A INFORMAÇÃO QUE EU HAVIA RECEBIDO ERA ESTA:CONCORDOU EM DAR A ENTREVISTA DESDE QUE NÃO SE FALE EM POLITICA.ERA SÓ O QUE INTERESSAVA !!!!!

MAS COMO ELE TAVA ALI COMECEI A GRAVAR A ENTREVISTA E COMO EU TENHO UMA MEMÓRIA BASTANTE RAZOÁVEL DA HISTÓRIA BRASILEIRA DOS ANOS 20 PRA CÁ PORQUE MEU PAI FOI MILITAR E FALAVA MUITO A RESPEITO, O PAI DELE TAMBÉM , PRIMEIRO LEMBREI OS TEMPOS DELE COMO MILITAR AQUI EM PORTO ALEGRE ELE COMEÇOU A DESCONTRAIR
DEPOIS FALEI SOBRE O PAI DELE, ELE PUXAVA E PUXAVA A CONVERSA SOBRE ESTE TEMA QUANDO ELE MESMO ABRIU SOBRE POLITICA E DEU UMA ENTREVISTA DE 50 MINUTOS.
eSTA ENTREVISTA EU ACHO QUE FOI DAS QUE EU REALIZEI COMO APRESENTADOR DO AGORA - PROGRAMA MATINAL DA GUAIBA -FORAM 30 ANOS A FRENTE DO ' AGORA' AGORA FUI SUBSTITUIDO PELO JOABEL PEREIRA FOI A ENTREVISTA DE MAIOR REPERCUSSÃO PORQUE ELA FOI REPRODUZIDA POR UMA INFINIDADE DE EMISSORAS BRASILEIRAS QUE PEDIRAM PRA GUAÍBA A GRAVAÇÃO ELA REPERCUTIU ATÉ NO EXTERIOR.ELA FOI NOTICIA EM TODOS OS JORNAIS DO PAIS,O QUE ME VALEU INCLUSIVE O PREMIO ARI DE JORNALISMO.ELA FOI REPRODUZIDA PELO CORREIO DO POVO, POR VÁRIOS JORNAIS BRASILEIROS.FOI REALMENTE UMA ENTREVISTA FORA DO COMUM, TODA ELA NA BASE DA MEMÓRIA DA BUSCA COM CALMA,DUROU 50 MINUTOS.FOI ASSIM QUE ACONTECEU..."

DADOS DA ENTREVISTA.

1.

O PRODUTOR QUE CONSEGUIU MARCAR A ENTREVISTA FOI LINEI ZAGO. ELE NÃO ERA O PRODUTOR DO AGORA.

2.
AMIR NÃO FOI AVISADO QUE FIGUEIREDO FALARIA. SO NA HORA.

3.

O PREMIO ARI DE 92 FOI GANHO PELO AMIR COM O NOME DE FIGUEIREDO ROMPE E SILENCIO E PREVE CAOS SOCIAL.

4.

AMIR FALECEU. LINEI ZAGO SAIU DA GUAIBA.

5.
OS CONTATOS DE LINEI NO RIO ERAM COM A GOVERNANTA DE FIGUEIREDO. ELE NUNCA FALOU COM DONA DULCE, ESPOSA DO MILITAR.E O FIFI COMO ERA CHAMADO, SÓ CONCORDOU QDO LHE DISSERAM QUE AMIR O ENTREVISTARIA.
- PRA ESTE EU FALO, TERIA DITO....

 

QUEIXA DO MARCO AURELIO

NO ENCONTRO DOS VEIOS DIAS ATRÁS NO COPACABANA, O CHARGISTA MARCO AURÉLIO PEDIU A PALAVRA PRA SE QUEIXAR QUE DEPOIS DE 46 ANOS FOI CHUTADO DA ZH.

 

dos leitores

olaurinho falando do tc no menino deus. mas como se não teve bus na 6???axo que o laurinho viajou ou tomou LSD DEPOIS DE VEIO.(oc)

Enviada: 2017/04/28 21:02:55

Por aqui ñ teve nada fotografável. Fui o mais longe q pude a pé e voltei de lotação quase vazio. Nunca o transp coletivo esteve tão bom como hoje. Carros limpos e um atrás do outro, sem demoras.

 

dos leitores

laurinho reporter no dia da GREVE GERAL. FORA TEMMMER

Enviada: 2017/04/29 08:51:46

Tinha lotação aos montes no Menino Deus.

 

dos leitores

a greve de 6 em sp....

De: "Valdir dos Santos"
Enviada: 2017/04/28 10:30:19

Aqui também não tem trem nem metrô, nem ônibus funcionando; tem bloqueio nas rodovias e nas estações rodoviárias. Mais de 30 pessoas já foram presas por causa dos bloqueios nas principais avenidas. Os fura-greves estão enfrentando congestionamento monstro pra puxar saco dos patrões.

 

Ombudsman da Folha sobre a Greve Geral

De: "Renato Kern"
Enviada: 2017/04/30 21:01:00



Vale a pena ler, nem todo mundo está com os olhos fechados no jornalismo brasileiro. A Paula é uma delas.

“Assim como a de milhões de brasileiros, minha rotina diária foi alterada pela greve geral da sexta-feira, 28. Lojas de que precisei estavam fechadas; no supermercado, o gerente disse que apenas um terço dos funcionários comparecera; a experiência nos aeroportos de amigos e familiares que viajaram foi sofrida, apesar de a Folha ter dito que os aeroportos funcionaram normalmente. Pode não ter sido um caos, mas normal não foi.

De modo geral, esse foi o problema da cobertura da greve geral convocada contra as reformas da Previdência e das leis trabalhistas. Focou a alteração da rotina das cidades, de modo previsível, sem inventividade nem relatos ricos.

Em suma, os jornais se concentraram no impacto sobre as árvores e deixaram de abordar a situação da floresta. A velha imagem é eficiente por condensar a mensagem de modo tão claro.

Um parágrafo do editorial da Folha trazia o resumo do que pretendo dizer quando cobro abordagem mais ampla: “Em nenhum país do mundo, propostas de redução de direitos relativos à aposentadoria contarão com apoio popular. Governantes, em geral, só as apresentam quando as finanças públicas já estão em trajetória insustentável. Este é, sem dúvida, o caso do Brasil”.

Essa é a visão da floresta que deveria ser discutida nos jornais. É preciso acrescentar que a discussão sobre a reforma trabalhista é também uma discussão sobre perda de direitos, contraposta à possibilidade de dinamização e crescimento do mercado do trabalho –promessa de comprovação difícil. Esses são os dois lados da moeda.

Pode-se até afirmar que essa discussão está presente no jornal. Não com a clareza do dilema exposto pelo editorial da Folha: está em jogo a perda de direitos em nome do ajuste fiscal. Jornais estrangeiros assim enquadraram a manifestação. A imprensa brasileira abriu mão da discussão sobre a floresta.

A greve geral convocada por centrais sindicais e movimentos de esquerda mostrou que a mídia precisa se qualificar para esse tipo de cobertura, complexa e de altíssimo interesse do público leitor.

Quase em uníssono, os três principais jornais destacaram nas manchetes de suas edições impressas o efeito no transporte e a violência com que terminaram manifestações em São Paulo e no Rio.

Será que o vandalismo em pontos isolados do Rio e de São Paulo era notícia a destacar em enunciado de manchete, se a própria Folha escreveu que a calmaria reinou durante quase todo o dia? Por que valorizar as cenas de confronto, em vez de imagens que pudessem, por exemplo, mostrar o que diziam as faixas levadas às manifestações.

A greve paralisou, segundo o noticiário da Folha, parcialmente as atividades nas principais capitais do país e em ao menos 130 municípios, em todos os Estados e no Distrito Federal. Os organizadores classificam como a maior greve da história do país: cerca de 40 milhões paralisaram suas atividades.

Não há reportagem ou quadro na edição que diga qual era exatamente o objetivo da greve ou, se fosse o caso, a análise de seu impacto nos objetivos do movimento.

Há dois pontos básicos a que o jornal, na minha avaliação deveria ter respondido:

Qual foi o tamanho da paralisação? Era preciso encontrar parâmetros que permitissem ao leitor entender o que foi o movimento de agora em comparação com convocações anteriores.

Quais as possíveis consequências da greve? Terá algum efeito em seu objetivo principal de parar a tramitação das reformas trabalhista e da Previdência, obrigando Executivo e Legislativo a negociar com a sociedade e os sindicatos?

Eram desafios difíceis, mas a imprensa não conseguiu nem chegar perto de enfrentá-los.

À exceção dos colunistas André Singer e Demétrio Magnoli, não houve tentativa de interpretação do que aconteceu. Cientistas políticos, sociólogos e analistas não estão nas páginas da Folha ajudando a entender o que aconteceu e o que pode vir a acontecer.

Deputados e senadores não se manifestaram de forma a sinalizar se o protesto pode vir a ter algum efeito objetivo nos projetos em discussão. Apenas o governo federal fala, expressando a óbvia e obrigatória avaliação de que adesão foi pequena, fracassou.

Ainda há muito a aprender e a ser desenvolvido em cobertura de casos dessa magnitude.

Na sexta-feira, o bom jornalismo aderiu à greve geral. Não compareceu para trabalhar“.

 

do Boteco do Ilgo

esse coleguina é a VEINHA DE TAUBATÉ DO GREMIO. VAI MORRER ABRAÇADO COM O ESPERTO DO RENATO QUE TUDO O QUE QUER É ENCHER SE DE GRANA DOS GAUCHOS TROUXAS E DEPOIS RUMAR PRO SEU PARAISO QUE É O CHOPI NO FIM DE TARDE COM OS AMIGOS NO RIO. COMO TEM BABACA POR ESTES PAGOS. ESTE CRONISTA INFELIZMENTE É UM EMBORA DOMINE O PORTUGUES.(oc)

Goleada para acalmar a urubulândia

Os mensageiros do apocalipse e aqueles que insistem em ver Renato Portaluppi pelas costas vão dar alguns dias de sossego.

A urubulândia vai se aquietar. Afinal, 4 a 1 numa Libertadores é 4 a 1, independente das circunstâncias e do adversário.

Já vimos equipes pelas quais ninguém dava nada e que cresciam ao longo de uma competição.

Para alguns setores, aqueles por demais conhecidos, azuis agourentos e vermelhos invejosos, o Guarani é o pior time da competição.

Uma tentativa, claro, de diminuir a goleada imposta ao time paraguaio.

Dito isso, é preciso reconhecer que o Grêmio não fez uma partida empolgante, apesar do resultado.

Lucas Barrios foi o grande nome do jogo com 3 gols e muita disposição, muita vontade.

Uma vontade que continua faltando em Luan. O craque do time está mal já faz alguns jogos. Há quem diga que ele sofre de europendicite aguda, uma doença que ataca principalmente jogadores jovens e cabeça na lua.

Se concordamos que Luan não está bem, como atribuir a Renato toda a responsabilidade pelo desempenho modesto do time?

Outro que caiu de rendimento foi Miller Bolanos, que saiu lesionado.

Entrou Arthur. Ora, vejam só, substituição igual foi feita domingo contra o NH.

Caíram de pau porque o time ficou com 3 volantes, isso que todos eles saem para o jogo com facilidade. Isso que Arthur encantou a todos no jogo anterior, lá em Assunção.

Domingo, com Arthur, o time foi eliminado. Ontem, com Arthur, o time goleou. Os 3 volantes deram certo.

Até Jaílson, tão criticado pelos apressadinhos que não admitem que um jovem possa ter quedas de rendimento, deu uma resposta satisfatória como primeiro volante.

É claro que a expulsão de um paraguaio ajudou. Enfiou o braço na cara do Ramiro se não me engano. Uma expulsão que no Gauchão não daria nem cartão amarelo, como aconteceu naquele lance que tirou Bolanos de cena por longo tempo.

A vitória foi facilitada por essa expulsão, mas estava bem encaminhada antes disso.

Por fim, vale destacar a boa partida de Marcelo Oliveira, sempre tão atacado. Foi dele a jogada do segundo gol.

Gostei da entrada de Lincoln aos 25 do segundo tempo. Deu uma metidinha para Barrios fazer um golaço, coisa de camisa 9 matador.

Barrios está começando a justificar o alto investimento feito nele.

Para concluir, Bolanos saiu com lesão muscular. Mais um. É preciso verificar o que está acontecendo.

CASO VICTOR RAMOS

Auditor do STJD está chegando a Porto Alegre por esses dias para colher alguns depoimentos. O objetivo é descobrir como o Inter teve acesso a documentos de terceiros e também quem cometeu adulteração confirmada pela perícia.

Depois, o delegado da polícia civil paulista, Mauro Marcelo de Lima e Silva, deve ir a Salvador fazer a oitiva do comerciante Rogério Maia, citado pelo jornalista Guerrinha, em dezembro, no programa Sala de Redação, como alguém que poderia contribuir para o sucesso da ação do Inter no sentido de não ser rebaixado.

Mauro Marcelo, que já foi presidente da ABIN, é o auditor que o Inter tentou afastar do caso, mas que foi mantido por 6 votos a 0.

 

Secretário Pedro Westphalen participa de Audiência Pública Regional em Canguçu

O município de Canguçu, na região Sul do estado, é considerado um grande produtor de fumo no Brasil e possui a maior área cultivada de oliveiras do país. Com o objetivo de buscar avanços nas estradas que participam diretamente do desenvolvimento da região, o secretário dos Transportes, Pedro Westphalen esteve presente na Audiência Pública Regional realizada na Câmara de Vereadores de Canguçu nesta quinta-feira (27).

Os temas abordados na audiência por lideranças municipais e a população em geral foram o recapeamento, a pintura e a sinalização da ERS-265, trecho que liga Canguçu e Piratini; da ERS-354, trecho que liga Cristal e Amaral Ferrador; da ERS-706, de Cerrito até a BR-293; e da ERS-608, de Pinheiro Machado e Pedras Altas.

Durante o encontro, a comunidade aproveitou o espaço para solicitar melhorias nas estradas da região Sul. A aposentada e agricultora Manoela Lacerda, do município de Amaral Ferrador, reivindicou o reinício das obras da ERS-354, que está há 16 anos paralisada. De acordo com Manoela, “a estrada está em condições precárias e não temos como transportar o fumo, nossas ambulâncias têm dificuldades de trafegabilidade e os nossos universitários dependem daquela rodovia para irem até Camaquã com segurança”, afirmou Manoela.

O diretor da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul), Hermes Ribeiro de Souza Filho, também esteve presente no encontro, destacando que a região sul é responsável por 38% da produção de grãos do RS e que "a Farsul está à disposição para ajudar no desenvolvimento regional”, destacou Ribeiro.

Canguçu e os demais municípios foram extremamente elogiados por Westphalen, que levou do encontro todas as reivindicações da comunidade e de lideranças que prezam pela continuação do crescimento da região. Segundo o titular da pasta de Transportes, “Canguçu se diversificou culturamente e necessita de uma maior atenção do estado para que a população responsável pelo seu desenvolvimento tenha as respostas nos seus anseios e necessidades”, concluiu Westphalen.

Sobre a obra da ERS-265, o secretário dos Transportes destacou que a rodovia não está inclusa em nenhum financiamento, e hoje o RS, devido à crise, está impossibilitado de fazer novos financiamentos. “Assim que tivermos possibilidade e recursos, vai ser feito um estudo para recuperar ainda mais nossas estradas", finalizou Westphalen.

Estavam presentes na reunião o presidente da Câmara de Vereadores de Canguçu, João Luiz Sodré; o prefeito do município Marcus Vinicius Pegoraro; o engenheiro do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer), Richard Polo; os prefeitos de Pedro Osório, Piratini, Pedras Altas, Cerrito, Amaral Ferrador, Arroio Grande e Pinheiro Machado; deputados estaduais; vereadores e representantes de entidades da Região Sul.

Após a audiência pública, o secretário dos Transportes esteve também no município de Piratini. Em reunião na Câmara de Vereadores, lideranças e a comunidade solicitaram a construção de uma nova ponte na ERS-702, denominada Ponte do Costa. O principal acesso, e único asfaltado, ao município se dá por esta rodovia. Westphalen afirmou que “a ponte já foi licitada e existe empresa vencedora. Agora, o Daer aguarda a reprogramação da Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) para fazer o cronograma e o contrato com a empresa”, concluiu.

Na manhã desta sexta-feira (28), Westphalen também cumpriu agenda no município de Cerrito, acompanhado do prefeito Douglas Rodrigues da Silveira. Na ocasião, os representantes políticos vistoriaram a ERS-706, que dá acesso à cidade, e o secretário destacou no encontro que tentará viabilizar o término das obras na rodovia.

O titular da pasta dos Transportes esteve também nas cidades de Pinheiro Machado, Pedro Osório e Pedras Altas.

 

Fabiano Pereira preside Assembleia Geral do Conselho de Administração da Corsan

O secretário estadual de Obras, Saneamento e Habitação, Fabiano Pereira, presidiu na manhã desta sexta-feira (28), a Assembleia Geral do Conselho de Administração da Companhia Riograndense de Saneamento - CORSAN.

A Corsan é uma empresa de economia mista, cujo acionista majoritário é o Governo do Estado com mais de 99% do capital. O restante está dividido entre oito municípios: Carazinho, Cerro Largo, Estrela, Lajeado, Muçum, São Marcos, Quaraí e Rosário do Sul.

O secretário de Obras, Fabiano Pereira falou sobre a importância do investimento em saneamento básico. "Ao assumir esta importante missão de representar uma das mais tradicionais secretarias do estado, renovo o meu compromisso com o desenvolvimento do estado. Ampliar os investimentos na área de Saneamento Básico é uma das principais prioridades do Governo do Estado. Vamos trabalhar incansavelmente para promover essa política, buscando beneficiar e promover às famílias gaúchas saúde e o seu bem-estar", frisou o secretário.

Fabiano Pereira também abordou a importância dos projetos de Parceria Público-Privada (PPP) para qualificar e melhorar o acesso aos serviços prestados pela companhia.

Participaram da reunião o diretor presidente da CORSAN, Flávio Ferreira Presser, acionistas e membros do conselho.

 

Embaixadores do mundo árabe visitam a prefeitura

Uma comitiva do Conselho de Embaixadores Árabes no Brasil foi recebida na tarde desta quinta-feira, dia 27, no Paço Municipal, pelo prefeito em exercício Gustavo Paim. O principal objetivo do encontro foi o de estreitar as relações econômicas e culturais da Capital com países árabes, que são o quarto parceiro comercial mais importante do Brasil.

Ao saudar os integrantes da comitiva, o prefeito ressaltou que o município passa por dificuldades para equilibrar as contas, mas que mesmo com a diminuição do número de secretarias e redução de gastos, criou a secretaria de Parcerias Estratégicas que, junto com a do Desenvolvimento Econômico, trata de uma prioridade da prefeitura: “que é buscar o desenvolvimento de Porto Alegre pela estratégia de parcerias, estamos de braços abertos”, diz.

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico, Ricardo Gomes, apresentou à comitiva, que incluía representantes de países como Palestina, Jordânia, Líbia, Arábia Saudita, Iraque, Mauritânia, Egito e Argélia, informações gerais sobre Porto Alegre e os setores que podem interessar aos investidores, como mobilidade, infraestrutura e serviços.

O embaixador da Palestina e Decano do Conselho dos Embaixadores, Ibrahim Alzeben, falou que a diversificação da economia da capital gaúcha é elemento importante para incentivar a integração entre os países. Alzeben sugeriu ainda a criação de um Centro de Cultura Árabe em Porto Alegre. A ideia foi bem recebida pelo secretário de Cultura, Luciano Alabarse, que propôs a realização de mostras, de culinária e tapeçaria, por exemplo. “A cultura é o grande embaixador dos povos”, diz Alabarse.

O secretário municipal de Parcerias Estratégicas, Bruno Vanuzzi, o adjunto do Desenvolvimento Econômico, Leandro Lemos, o adjunto de Parcerias Estratégicas, Fernando Dutra, e a Diretora de Turismo, Liciane Rossetto, também participaram do encontro.

 

J’ACCUSE!

Não nos faltam razões para protestar. Mas não esqueçamos que chegamos a situação atual, em grande parte, graças a ação dos mesmos que hoje convocam a “greve geral".

Paulo Vendelino Kons*

A paralisação neste dia 28 de abril de 2017, convocada por centrais sindicais e “movimentos sociais”, contra às reformas trabalhista e previdenciária apresenta-se equivocada. Os argumentos dos organizadores da “greve geral” passa ao largo das questões centrais envolvidas, apelando para noções genera listas de “nenhum direito a menos”. Pauta-se em um maniqueísmo exacerbado e parte do pressuposto de que as reformas propostas pelo Governo Federal são ruins para o país e, especialmente, para os mais pobres. Essa forma de pensar apenas simplifica e empobrece o debate.

A argumentação dos sindicalistas e “ativistas sociais” esconde-se atrás de uma suposta “proteção de direitos”. Na prática defende a manutenção do status quo e falha em criticar aspectos objetivos da proposta de reforma trabalhista e previdenciária.

Um ‘direito’ ser garantido por lei não garante o recurso necessário para efetivá-lo. Assim os organizadores da paralisação defendem que se mantenha o rombo crescente na Previdência. E esse rombo crescerá conforme a população envelhece. Isso impede tanto a estabilidade fiscal como maiores investimentos em outros setores. Defender a não reforma da Previdência é usar o discurso da defesa de direitos para defender privilégios. O modelo atual permite que os mais ricos se aposentem mais cedo, já que têm muito mais facilidade para contribuir para a Previdência, criando ca sos absurdos e indefensáveis, como o fato de o presidente Michel Temer ter se aposentado como promotor de justiça aos 55 anos de idade.

Ir contra a reforma da Previdência é também defender que a média de aposentadoria no Judiciário, de 25.700 reais, não seja alterada. Dinheiro esse que poderia ser revertido para outras áreas fundamentais, como saneamento básico, saúde e educação.

O Brasil já gasta um percentual maior do produto interno bruto (PIB) em Previdência do que a média dos países da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), mesmo sendo um país relativamente jovem. Com o envelhecimento do país, que ocorre a passos largos, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o número proporcional de pessoas economicamente ativas diminuirá. Ou seja, enquanto a expectativa de vida aumenta e a população em geral envelhece, os sindicalistas e “ativistas sociais” nos convocam a participar de uma “greve geral” para que as regras previdenciarias e trabalhistas se mantenham as mesmas.

A posição defendida pelas centrais sindicais e “movimentos sociais” para a decretação da “greve geral” falha em apresentar embasamento técnico e econômico. Beira a irresponsabilidade fiscal.

E uma dona de casa pode entender claramente o que isso significa, pois ela tem de lidar com o orçamento doméstico e sabe que, se gastar mais do que recebe, uma hora vai ter de entrar no cheque especial, depois vai ter de buscar um empréstimo e, finalmente, ver-se obrigada a vender o que possui para evitar uma situação ainda pior.

Foi exatamente isso que aconteceu no Brasil. O governo gastou mais do que podia e agora chegou a hora de pagar a conta. Aí temos o desemprego, a falta de recursos para manter os serviços públicos, o retrocesso. Essa irresponsabilidade fiscal pune majoritariamente os menos favorecidos.

Evidente que, apesar das mudanças propostas apresentarem também problemas, as reformas em curso estão, em geral, no caminho correto de um marco regulatório e legal mais moderno que reduzirá a burocracia, fomentará o crescimento e eliminará privilégios construídos ao longo de décadas e que são, além de injustos, completamente insustentáveis do ponto de vista das finanças públicas.

A contribuição sindical, também conhecida como imposto sindical, aumentou 57% na última década e chegou a R$ 3,5 bilhões em 2016. A cobrança é paga tanto por trabalhadores sindicalizados e não sindicalizados, assim como os empregadores. O valor da contribuição pago pelos trabalhadores corresponde a um dia de trabalho.

Após quase 14 horas de sessão, a Câmara dos Deputados concluiu, na madrugada de ontem (quinta-feira, 27 de abril de 2017), a votação da proposta de reforma trabalhista. Entre outros pontos, a reforma estabelece a extinção da contribuição sindical obrigatória. Dentre outras bandeiras, os sindicalistas e “ativistas sociais” convocam uma “greve geral” como instrumento de luta contra a extinção do “imposto sindical”.

A indignação ética do brasileiro decente diante da corrupção, da incompetência e inoperância que marca(ra)m a administração pública federal, estadual e municipal, tornam-se ainda mais intensa quando sentidas na própria pele. Não nos faltam razões para protestar. Mas não esqueçamos que chegamos a situação atual, em grande parte, graças a ação dos mesmos que hoje convocam a “greve geral".

*Paulo Vendelino Kons, 47, bacharel em Administração pela Universidade Regional de Blumenau (FURB) e integrante do quadro permanente de servidores efetivos do município de Brusque/SC desde 1989. Contato: 47 9 9997 9581 - paulo_kons@yahoo.com.br

 

do Comunique-se

a grobo continua a grobo. queriam o que??(OC)??????

Jornal Nacional é alvo de críticas ao ignorar greve geral

Telejornal de maior audiência do país, edição do Jornal Nacional teve mais de 38 minutos de duração, mas não abordou a realização da greve geral

“Nasa divulga imagens inéditas de Saturno”. “Sexta-feira será de temperaturas baixas no Sul e Sudeste”. “Prêmio de R$ 101 milhões da Mega-Sena sai para Jaciara”. “Milhares de crianças e adolescentes que vivem em abrigos têm família”. O que esses temas têm em comum? Todos foram noticiados pela edição de quinta-feira, 27, do Jornal Nacional. Por outro lado, a chamada greve geral programada para esta sexta – e que afeta a circulação do transporte público em diversas cidades – foi ignorado pelo noticiário da TV Globo que tem William Bonner como editor-chefe (além de apresentador).

O Jornal Nacional pré-greve geral do país teve mais de 38 minutos de duração. A pauta sobre a divulgação da Nasa, a agência espacial dos Estados Unidos, ocupou 22 segundos, sendo uma “nota coberta” lida pela âncora Renata Vasconcellos. O tradicional quadro da previsão do tempo comandado por Maria Júlia Coutinho teve duração de 2’04’’. O assunto sobre o bolão feito em cidade do interior de Mato Grosso, que ganhou a Mega-Sena, mereceu 1’46’’ do tempo do noticiário, com reportagem de Guto Abranches, da TV Centro América, afiliada local da Rede Globo. Com caráter especial e “frio” [jargão jornalístico para assuntos que não são os principais acontecimentos do dia], o conteúdo sobre crianças que moram em abrigos teve 6’43’’ de duração.

O fato de o Jornal Nacional ignorar a greve geral desta sexta provocou criticas de internautas, que usaram as redes sociais para falar sobre a decisão editorial do noticiário. No Twitter, a decisão do telejornal – em não abordar as realizações dos atos contra projetos defendidos pelo governo federal – está em discussão até o fim desta manhã. Parte do público do microblog ironizou a falta de informações sobre o tema no programa produzido pela TV Globo. “Aguardando o Jornal Nacional explicar a greve, que ontem à noite nem sequer existiria hoje!”, pontuou um dos usuários da plataforma. “A pauta do Jornal Nacional de hoje deverá ser o ‘crescimento econômico’”, ironizou outro.
Greve geral: jornalistas criticam o Jornal Nacional

A postura do noticiário também foi analisada por profissionais da própria imprensa. A jornalista mineira Débora Anício criticou a forma de trabalho não só da TV Globo, mas de toda a chamada “grande mídia”. “Sobre silêncio da grande mídia que rolou ontem, está rolando agora e deve rolar às 20h30 no Jornal Nacional… A revolução não será televisionada”, publicou, fazendo referência ao documentário produzido na Venezuela em 2002, mostrando a relação da imprensa do país com o então presidente Hugo Chávez (que chegou a ser deposto do cargo por dois dias). Comentarista dos canais Esporte Interativo, Felipe Rolim avaliou que “quando o jornal mais assistido do país não fala, nem a título de serviço público, de uma greve geral é porque virou programa de variedades”.

Pelo Facebook, mais internautas criticaram o Jornal Nacional, com gente se posicionando nos comentários das postagens da fan page do noticiário da TV Globo. Pela mesma rede social, o repórter do site The Intercept Brasil e considerado um dos personagens mais influentes de política no país, George Marques também analisou o que aconteceu com a edição de quinta-feira do telejornal. “Sintomático. Nenhuma vírgula sequer no Jornal Nacional sobre o tema da semana: greve geral contra o governo e suas propostas regressivas. Mesmo com aprovação a Michel Temer em 4%, e rejeição em 96% quebrando todos os recordes históricos, o #JN não viu interesse em noticiar sobre a greve que vem mobilizando milhares de brasileiros”, divulgou o jornalista.

 

PROGRAMAÇÃO DE 27 DE ABRIL A 3 DE MAIO DE 2017

SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES

SALA 1 / PAULO AMORIM

15h – OS BELOS DIAS DE ARANJUEZ
(Les Beaux Jours d'Aranjuez - França/Alemanha, 100min, 2017). Direção de Wim Wenders, com Reda Kateb, Sophie Semin, Jens Harzer. Imovision, 14 anos. Drama.

Sinopse: Baseado na peça teatral do mesmo nome, de autoria de Peter Hanke, o longa acompanha o encontro entre um casal que conversa sobre temas diversos, das lembranças de infância às viagens, do sexo à filosofia. Tudo vai se transformando em livro na casa ao lado, conforme a imaginação do seu autor.

17h – INSUBSTITUÍVEL
(Médecin de Campagne - França, 2017, 100min). Direção de Thomas Lilti, com François Cluzet e Marianne Denicourt. CineArt Filmes, 12 anos. Drama.

Sinopse: Jean-Pierre é um médico dedicado que trabalha há anos numa região do interior da França. A comunidade acredita que ele é insubstituível e o médico se sente bem com o respeito das pessoas. Mas esta relação começa a mudar com chegada de Natalie, uma jovem recém-formada que vem de Paris para tentar ajudar o médico veterano.

19h – IMPREVISTOS DE UMA NOITE EM PARIS
(Ouvert la Nuit - França, 100min, 2016). Direção de Édouard Baer, com Édouard Baer, Audrey Tautou, Sabrina Ouazani. Imovision Filmes, 16 anos. Comédia dramática.

Sinopse: Às vésperas da estreia de uma montagem da peça “A Mulher e o Macaco”, no Teatro da Estrela, em Paris, o produtor Luigi se vê no pior dos mundos. Ele tem apenas um dia para resolver vários problemas, como conseguir dinheiro para pagar o elenco, reconquistar patrocinadores e encontrar um macaco de verdade para colocar em cena.

PROGRAMAÇÃO DE 27 DE ABRIL A 3 DE MAIO DE 2017

SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES

SALA 2/ EDUARDO HIRTZ

15h30 – GAGA: O AMOR PELA DANÇA
(Mr. Gaga – Israel/Alemanha/Holanda, 2017, 100min). Documentário de Tomer Heymann. Vitrine Filmes, Livre.

Sinopse: Ohad Naharin, mais conhecido como Mr. Gaga, é diretor artístico da Batsheva Dance Company, em Israel. O filme mergulha no processo criativo do artista de 60 anos, considerado um dos coreógrafos mais importantes do mundo e responsável pela redefinição da linguagem da dança contemporânea. O projeto durou oito anos e mistura ensaios e sequências de dança impressionantes.

17h30 – ERA O HOTEL CAMBRIDGE
(Brasil, 2017, 100min). Direção de Eliane Caffé, com José Dumont, Suely Franco. Vitrine filmes, 12 anos. Drama.

Sinopse: O filme mistura ficção e documentário para mostrar o cotidiano dos moradores do Hotel Cambridge, um hotel tradicional em São Paulo e que foi fechado em 2011. Desde então, vem sendo ocupado por pessoas sem-teto, incluindo muitos refugiados.

19h30 – NOJOOM – 10 ANOS, DIVORCIADA
(Nojoom - Iemen, 95min, 2017). Direção de Khadija al-Salami, com Reham Mohammed. Esfera Filmes, 16 anos. Drama.

Sinopse: O filme é baseado na história real de Nujood Ali, que pediu o divórcio aos dez anos. O casamento de meninas ainda crianças é algo comum e aceito no Iêmen - mas este caso chocou o mundo por causa das brutalidades do marido. Com o auxílio da jornalista francesa Delphine Minoui, a jovem transformou sua experiência em livro, que depois foi transposto para o cinema por uma das primeiras mulheres cineastas do Iêmen.

PROGRAMAÇÃO DE 27 DE ABRIL A 3 DE MAIO DE 2017

SEGUNDA-FEIRA NÃO HÁ SESSÕES
SALA 3 / NORBERTO LUBISCO

15h15 – A HISTÓRIA DE UM HOMEM DE VERDADE
(URSS, 1948, 90min). Direção de Aleksandr Stolper, com Pavel Kadoshnikov e Nikolay Okhlopkov. MosFilm, 14 anos. Drama.

Sinopse: Alexey Maresyev foi piloto de guerra durante a Segunda Guerra Mundial, reconhecido pelos ataques precisos às aeronaves alemãs. Durante um combate, em 1942, seu avião caiu e ele teve as duas pernas amputadas - mesmo assim, voltou a voar um ano depois, graças a um par de pernas mecânicas. O soldado russo protagonizou 86 missões de combate, feito contado em livro por Boris Polevoi. O longa integra a Série Cinema Soviético, com títulos do famoso estúdio MosFilm.

17h15 – A CRIADA
(Agassi - Coréia do Sul, 2016, 160min). Direção de Park Chan-Wook, com Kim Min-Hee, Kim Tae-Ri e Ha Jung-Woo. Mares Filmes, 18 anos. Drama e suspense.

Sinopse: Durante a ocupação japonesa na Coréia do Sul, na década de 1930, a jovem orfã Hideko vive sob a proteção de um tio autoritário. Ela está prestes a herdar uma grande fortuna, o que atrai a cobiça de dois vigaristas: Sookee, que vai trabalhar na casa como empregada, e Fujiwara, um conde fajuto que tenta seduzir a orfã rica. Este jogo de intrigas tem vários pontos de vista e é temperado por hi stórias eróticas, um dos passatempos preferidos do tio da protagonista.


 
 
 
 

ARQUIVO
 
2007
           
 Set
 Out
2008
2009
2010
2011
2012
2013
2014

Abr01
Abr02

2015
Mar01
Mar02
Dez01
Dez
2016 Jan01
Jan02
Fev01
Fev02
Mar01
Mar02
Abr01
Abr02
Mai01
Mai02
Jun01
Jun02
Jul01
Jul02
Ago01
Ago02
Set Out01 Nov Dez
2017
Mai
Jun
Jul
Ago
Set
Out
Nov
Dez

 

 

 

 

 

 

 



OLIDES CANTON - JORNALISTA

Nascido em 16 de Janeiro de 1952 na cidade de Serafina Corrêa-RS, Olides Canton passou nesta cidade toda a sua infância. Mudando-se para Porto Alegre, cursou a Escola Julio de Castilhos, tornando-se Bacharel em Comunicação Social pela FABICO/UFRGS em 1982. Trabalha como Jornalista desde 1970. Trabalhou na Companhia Jornalística Caldas Júnior, Jornal Zero Hora. No Jornal do Brasil e Revista Carga e Transporte atuou como free-lancer. Editor do Jornal de Bordo e Revista Fitness. Possui 9 livros publicados. Ganhou quatro prêmios de Jornalismo, um do Badesul, dois do Setcergs e um da ARI. Registro no Sindicato dos Jornalistas RS: 2776 - Registro Jornalista - Mtb 4959.

Telefone: (51) 3330-6803
e-mail: contato@deolhoseouvidos.com.br

Autor de inúmeros livros, Olides Canton firmou-se como um
exímio contador de histórias contemporâneas.
Conheça agora as obras do autor © "de Olhos e Ouvidos"  -  Todos os direitos reservados
Os textos e imagens publicados neste site são de inteira responsabilidade de Olides Canton.


EDIÇÕES DO FITNESS

Edição 205 - maio 2017
Edição 203 - março 2017
Edição 204 - fevereiro 2017
Edição 203 - janeiro 2017
Edição 202 - dezembro 2016
Edição 201 - novembro 2016
Edição 200 - outubro 2016
Edição 20 - agosto 2016
Edição 19 - julho 2016
Edição 187 - maio 2016
Edição 186 - abril 2016
Edição 185 - fevereiro 2016
Edição 184 - janeiro 2016
Edição 183 - outubro 2015
Edição 182 - setembro 2015
Edição 181 - agosto 2015
Edição 180 - julho 2015

Edição 179 - maio 2015
Edição 178 - março 2015
Edição 177 - feverero 2015

Edição 176 - janeiro 2015
Edição 175 - dezembro 2014
Edição 174 - novembro 2014
Edição 173 - outubro 2014
Edição 172 - agosto 2014
Edição 171 - junho 2014
Edição 170 - maio 2014
Edição 169 - março 2014
Edição 168 - janerio 2014
Edição 167
Edição 166
Edição 165
Edição 164
Edição 163
Edição 162
Edição 161
Edição 160
Edição 159
Edição 158
Edição 157
Edição 156
Edição 155
Edição 154
Edição 153
Edição 152
Edição 151
Edição 150
Edição 149

Edição148
Edição 147
Edição146
Edição145
Edição144
Edição143
Edição 142
Edição 141
Edição 140
Edição 139
Edição 138
Edição 137
Edição136
Edição135
Edição134
Edição 133
Edição132
Edição 131
Edição 130
Edição129
Edição128
Edição127
Edição 126
Edição125
Edição 124
Edição 123
Edição 122
Edição 121
Edição 120
Edição 119
Edição 118
Edição 117
Edição 116
Edição 115
Edição 114
Edição 113
Edição 112
Edição 111
Edição 110
Edição 109
Edição 108
Edição 107
Edição 106
Edição 105
Edição 104
Edição 103
Edição 102
Edição 101
Edição 100
Edição 99

ANUNCIE NO SITE

Entre em contato conosco

Edições Anteriores do Blog